17494
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 7º ano > Humanismos, Renascimentos e o Novo Mundo

Plano de aula - A arte renascentista - Pintura

Plano de aula de História com atividades para 7º ano do EF sobre A arte renascentista - Pintura

Plano 02 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Vanessa Spiess Cardoso

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF07HI04, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Cópias impressas das atividades. Projetor ou, na ausência dele, a opção de imprimir as imagens. É também possível reproduzir os impressos no quadro, ou ainda em papel pardo ou cartolina.

Material complementar:

Link Fonte Visual 1 e 2 - Ilusão de ótica e Mona Lisa

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/pagxMm97MKRjpNVPcPxX3JQTFhp9ZM3dn6rgEsGBuYNRyvpkr3wFmu3Gve4Q/his07-04und02-fonte-visual-1-e-2-ilusao-de-otica-e-mona-lisa.pdf

Link Fonte Visual 3 e 4 - Perspectiva Capela degli Scrovegni e A tempestade (Giotto e Giordione)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/yqzpv8QxDFrqskRGhdj7evwCnBCHhgmEt2BVFcNdad8DdcBaynABPnfVvzpA/his07-04und02-fonte-visual-3-e-4-perspectiva-perspectiva-capela-scrovegni-e-tempestade.pdf

Link Fonte Visual 5 e 6 Lamentação de Cristo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/vfpwz2RvQaCsUwCVzXX9qJHpF3pVazQ765B5SFyEvxkwy4SVypvjzzzuWpgH/his07-04und02-fonte-visual-5-e-6-lamentacao-de-cristo.pdf

Link Fonte Visual 7 e fragmento Da Vinci

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/CT6afxbxgj3yP3hZdhwZm6QHfRDcck7M6TjVuFrtyz6MseXqsSRDKwQn8qWH/his07-04und02-fonte-visual-7-e-fragmento-da-vinci.pdf

Referências das imagens:

PEDRO (Redação R7) 25 ilusões de ótica que vão dar um nó em seu cérebro, 2017. Disponível em:

<https://segredosdomundo.r7.com/wp-content/uploads/2017/09/ilusoes-de-otica.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

MASACCIO. Santíssima Trindade, 1427-1428. Afresco, 640 cm x 318 cm. Santa Maria Novella. Florença. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Masaccio,_trinit%C3%A0.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

BONDONE, Giotto di. Padova Cappella degli Scrovegni Innen Langhaus oeste, 1304-1306. In Capela degli Scrovegni, Pádua-Itália. Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Padova_Cappella_degli_Scrovegni_Innen_Langhaus_West_1.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

GIORDIONE. A tempestade, 1508. In GALLERIE DELL’ACCADEMIA. Óleo in lona, 82 x 73 cm. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Giorgione,_The_tempest.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

BIBLIOTECA NACIONAL DA FRANÇA (in Biblioteca Mundial). Livro das horas: Imagens da vida de Cristo e dos santos, século XIII. In Biblioteca Mundial. Disponível em: <https://content.wdl.org/14432/service/thumbnail/1430183634/1024x1024/1/93.jpg.>

Acesso em: 28/1/2019.

BONDONE, Giotto di. Lamentação, 304-1305. In Capela degli Scrovegni, Pádua-Itália

1304-1306. In DIRECTMEDIA (O projeto York). Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Giotto_di_Bondone_009.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

VINCI, Leonardo da. A última ceia (Leonardo da Vinci), 1498. Têmpera em gesso, Altura: 460 cm; Largura: 880 cm in Santa Maria delle Grazie (Milão). Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Leonardo_da_Vinci_(1452-1519)_-_The_Last_Supper_(1495-1498).jpg?uselang=pt-br.> Acesso em: 28/1/2019.

Para você saber mais:

25 ilusões de ótica que vão dar um nó em seu cérebro. Disponível em:

<https://segredosdomundo.r7.com/25-ilusoes-de-otica-que-vao-dar-um-no-em-seu-cerebro/.> Acesso em: 28/1/2019.

Imaginários da paisagem (p. 12-29) . Disponível em:

<http://repositorio.ul.pt/bitstream/10451/26275/1/ulsd730203_td_Tese.pdf.> Acesso em: 28/1/2019.

Livro das horas: Imagens da vida de Cristo e dos santos. Disponível em: <https://www.wdl.org/pt/item/14432/.> Acesso em: 28/1/2019.

A lamentação de Giotto. Disponível em: <https://www.historiadasartes.com/sala-dos-professores/a-lamentacao-giotto/.>Acesso em: 28/1/2019.

Tutorial de desenho - Perspectiva #1 - Arquitetura

https://www.youtube.com/watch?v=o2Ncr11I30M

O que é e como fazer um desenho de perspectiva linear/ponto de fuga

https://www.youtube.com/watch?v=gTJ0uAl9dOk

Como desenhar em perspectiva

https://pt.wikihow.com/Desenhar-em-Perspectiva

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Apresente o objetivo aos alunos projetando o slide ou escrevendo no quadro para que a turma faça uma leitura coletiva.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos.

Orientações: Forme grupos com 3 (três) alunos para que todos consigam ter acesso ao material da aula e facilite as discussões, valorizando assim a colaboração para a troca de percepções.

Insira a Fonte Visual 1:

Questione seus alunos sobre os seguintes pontos a fim de promover o debate inicial da Contextualização:

1 - O que estas imagens representam?

2 - Por qual motivo a imagem aparenta se mexer?

3 - Elas são planas ou têm profundidade?

4 - O que existe em comum entre a Santíssima Trindade de Masaccio e a Ilusão de ótica?

Espera-se que os alunos afirmem que a imagem não tem nenhum tipo de representação, são formas geométricas que aparentam se mexer e têm profundidade. Ao abordar este questionamento, insira para eles o conceito de ilusão de ótica que são imagens que enganam momentaneamente o cérebro criando o artifício de o cérebro ficar confusão e captar ideias falsas.

Em relação à questão 4 é possível que os alunos não encontrem nenhuma relação com a ilusão de ótica. Apresente para eles que, embora seja uma reprodução quase fotográfica, plana, a Santíssima Trindade de Masaccio obtém um recurso que ilude a todos e traz a obra um grande realismo: a perspectiva, recurso onde todos os objetos que compõem o quadro convergem para um ponto central, trazendo uma sensação de distância, profundidade e que foi amplamente utilizado pelos pintores de um dos períodos artísticos mais importantes da humanidade, chamado de Renascença. onde representavam em um plano ou em papel algo de duas dimensões (bidimensional), um objeto de três dimensões (tridimensional).

Link Fonte Visual 1 e 2 - Ilusão de ótica e Santíssima Trindade:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/pagxMm97MKRjpNVPcPxX3JQTFhp9ZM3dn6rgEsGBuYNRyvpkr3wFmu3Gve4Q/his07-04und02-fonte-visual-1-e-2-ilusao-de-otica-e-mona-lisa.pdf

Quando em uma imagem as linhas paralelas parecem unir-se a distância se cria a ilusão de profundidade, isto é conhecido como perspectiva. A perspectiva é a parte da geometria descritiva que elabora as regras gráficas pela qual se representa um objeto com várias dimensões em uma superfície plana, de maneira que se note o volume e a profundidade da realidade.

Masaccio é o predecessor da figuração moderna. Ele inova na representação pictórica colocando a cor como protagonista, numa pintura sem contornos. Foi o primeiro, desde Giotto, a não pintar a figura humana como uma coluna linear, mas como um ser humano real. Ele, que é do Quatrocento, é considerado o principal seguidor de Giotto (Trecento), tendo compreendido a proposta de pintura afresco. Ele inovou com o domínio da perspectiva e o uso de uma única fonte de luz constante lançando sombras mais precisas. Faz uma profunda análise da natureza, ele não é tão rígido quanto às composições simétricas tais quais valorizadas por seus contemporâneos, ele distribuiu as figuras mais casualmente e suas cenas têm caráter mais do cotidiano, não sendo tão ostentosas quanto as obras de seus pares. Mas sua contribuição não se circunscreve apenas aos seus contemporâneos, ela agrega aspectos que ultrapassam todo o período do Renascentismo até a chegada do maneirismo. (Alguns trechos presentes neste comentário in STRICKLAND, Carol. Renascimento da arte. Mapa. In Arte Comentada (Da Pré-História ao Pós-Moderno). Ediouro. Rio de Janeiro: 1999, p.33.)

Referências das imagens:

PEDRO (Redação R7) 25 ilusões de ótica que vão dar um nó em seu cérebro, 2017. Disponível em:

<https://segredosdomundo.r7.com/wp-content/uploads/2017/09/ilusoes-de-otica.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

MASACCIO. Santíssima Trindade, 1427-1428. Afresco, 640 cm x 318 cm. Santa Maria Novella. Florença. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Masaccio,_trinit%C3%A0.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

Para saber mais:

O escorço.

Disponível em:<https://www.youtube.com/watch?v=5yQQkLNqNoI.> Acesso em: 28/1/2019.

25 ilusões de ótica que vão dar um nó em seu cérebro. Disponível em:

<https://segredosdomundo.r7.com/25-ilusoes-de-otica-que-vao-dar-um-no-em-seu-cerebro/.> Acesso em: 28/1/2019.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Apresente a imagem impressa ou projetada.

As duas imagens apresentadas representam exemplos de pintura em perspectiva. A imagem à esquerda é da Capela deglie Scrovegni. em Pádua, na Itália, e a direita é A tempestade, uma pintura do início do século XVI de Giordione, considerada a primeira paisagem, onde os outros elementos é que a rodeiam .

Após informar estes dados básicos aos alunos, questione:

  • O que é paisagem?
  • Dentro de um espaço maior, é possível reproduzir esta mesma ilusão de estar em outro cenário, completamente real, usando a pintura em perspectiva?

Espera-se que digam que paisagem que vemos na janela de um carro em uma viagem, um lugar bonito numa fotografia. Diga-lhes que na pintura só ganha um lugar central, e não apenas como decoração para preencher um espaço vazio, depois que o homem descobre a pintura em perspectiva. Ele percebe a grandiosidade de possibilidades em representar o espaço, e não apenas em usar a pintura para contar algum fato, lenda ou história. Antes da perspectiva a paisagem na pintura se resumia a preencher espaços vazios em meio a uma história que se contava. Entre os vários elementos que são resgatados da arte antiga, especialmente a grega sobre a perfeição das formas, da tridimensionalidade, os únicos elementos que não foram desenvolvidos por eles foi a da paisagem em perspectiva. Encerre este momento da Contextualização dialogando com os alunos que a perspectiva aliada ao surgimento da temática da paisagem representa um processo de reposicionamento da pintura e do pensamento do homem renascentista que enxerga a arte como uma forma de representar uma nova forma de pensar o mundo.

Link Fonte Visual 3 e 4 - Perspectiva Capela degli Scrovegni e A tempestade (Giotto e Giordione)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/yqzpv8QxDFrqskRGhdj7evwCnBCHhgmEt2BVFcNdad8DdcBaynABPnfVvzpA/his07-04und02-fonte-visual-3-e-4-perspectiva-perspectiva-capela-scrovegni-e-tempestade.pdf

Referências das imagens:

BONDONE, Giotto di. Padova Cappella degli Scrovegni Innen Langhaus oeste, 1304-1306. In Capela degli Scrovegni, Pádua-Itália. Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Padova_Cappella_degli_Scrovegni_Innen_Langhaus_West_1.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

GIORDIONE. A tempestade, 1508. In GALLERIE DELL’ACCADEMIA. Óleo inl Lona, 82 x 73 cm. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Giorgione,_The_tempest.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

Para saber mais:

Top 3 - Giotto

https://www.youtube.com/watch?v=-TLqiRjjlII - Interessantes obras de Giotto, suas influências bizantinas, suas inovações e especialmente a Capela Scrovegni, sua história e do afresco da Anunciação.

Imaginários da paisagem (p. 12-29). Disponível em:

<http://repositorio.ul.pt/bitstream/10451/26275/1/ulsd730203_td_Tese.pdf.> Acesso em: 28/1/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: A partir desta etapa procuraremos identificar junto aos alunos os elementos determinantes que expressam a mudança no pensamento do período que se reflete na pintura.

Para introduzi-los neste ambiente, pergunte:

  • O que estas imagens retratam?
  • Como são estas imagens em cada tela?
  • E o que elas têm de diferente na forma de retratar sua mensagem?
  • Quais delas aparentam ser para você mais real? Por quê?

Espera-se que afirmem que as imagens são religiosas e que elas são meio estranhas ou engraçadas, que há em comum a presença de Jesus nelas, e que remetem à crucificação e ao lamento de outras pessoas, devem apresentar alguma dificuldade em compreendê-las, já que cada uma utiliza uma linguagem apropriada a seu tempo e espaço. Talvez digam que são estáticas.

Ressalte que este distanciamento que eles têm com as imagens está relacionado com o fato de elas serem a revelação de tudo que havia de mais sagrado, a fé, Deus, que havia de ser tratada com muito cuidado, no que poderia ser ou não representado e de que forma. Como se pode ver todos os personagens são rígidos, muito vestidos à exceção de Jesus em seu martírio.

Diga-lhes que enquanto na iluminura não há profundidade, perspectiva e tridimensionalidade, na obra de Giotto percebe-se o princípio da revolução na arte. “Foi um dos pintores a dar a ilusão de vida real, em termos de emoção e espaço, numa superfície plana. Este quadro, uma das muitas cenas representando a vida da Virgem, é considerado uma das mais importantes em desenvolvimento da arte ocidental” , e nela é possível ver o avanço nas expressões dos personagens e também dos anjos. A perspectiva ali é percebida em meio ao vôo dos anjos consternados. “Ao lado de Cimabue, Giotto é geralmente considerado o fundador da pintura moderna, por ter rompido com o convencionalismo estático e estereotipado de sua época”(Compilações em destaque de “A Lamentação de Giotto” presente em Para Saber Mais). A Iluminura que advém de um livro de horas é de um período tardio da Idade Média, próximo a da produção de Giotto. Ela ajuda aos estudantes a perceberem até onde a arte em iluminura chegou no campo da figuração e que seus limites seriam ultrapassados nas pinturas renascentistas.

Link Fonte Visual 5 e 6 Lamentação de Cristo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/vfpwz2RvQaCsUwCVzXX9qJHpF3pVazQ765B5SFyEvxkwy4SVypvjzzzuWpgH/his07-04und02-fonte-visual-5-e-6-lamentacao-de-cristo.pdf

Referências das imagens:

BIBLLIOTECA NACIONAL DA FRANÇA (in Biblioteca Mundial). Livro das horas: Imagens da vida de Cristo e dos santos, século XIII. In Biblioteca Mundial. Disponível em: https://content.wdl.org/14432/service/thumbnail/1430183634/1024x1024/1/93.jpg

Acesso em: 28/1/2019.

BONDONE, Giotto di. Lamentação, 304-1305. In Capela degli Scrovegni, Pádua-Itália

1304-1306. In DIRECTMEDIA (O projeto York). Disponível em:
https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Giotto_di_Bondone_009.jpg. Acesso em: 28/1/2019.

Para você saber mais:

Livro das horas: Imagens da vida de Cristo e dos santos. Disponível em: https://www.wdl.org/pt/item/14432/ Acesso em: 28/1/2019.

A lamentação de Giotto. Disponível em: https://www.historiadasartes.com/sala-dos-professores/a-lamentacao-giotto/ Acesso em: 28/1/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Projete a obra e insira a Ficha Link Fonte Visual 7 e fragmento Da Vinci solicitando aos alunos que realizem a leitura do texto e tentem associar o mesmo com a obra Santa ceia. Após a leitura, peça que os alunos respondam no caderno o roteiro de associação Leonardo Da Vinci onde constam as seguintes questões.

Roteiro de análise do fragmento do Tratado de la Pintura de Da Vinci:

1 - Quais são as reflexões escritas por Leonardo da Vinci no Tratado de la Pintura?

2 - Quais são os itens que representam neste tratado as características presentes nas obras de arte anteriores?

3 - Qual é o melhor trecho do tratado para associar a imagem renascentista apresentada na ficha?

4 - O que Da Vinci quer dizer com o trecho: “O pintor é amo e senhor de todas as coisas que podem passar pela imaginação do homem(...) é dono de sua criação”?

Espera-se que os alunos apresentem um pouco de dificuldade com o nível das perguntas durante o roteiro proposto. Circule na sala de aula, auxiliando na Contextualização e acrescente elementos que julgue necessário para pontuar a interpretação deles.

Link Fonte Visual 7 e fragmento Da Vinci

https://docs.google.com/document/d/1ZKUePwM95lJ3fy-FlL_uX4PRErIb2UK2BaACvWGXbQY/edit

Referências das imagens:

VINCI, Leonardo da. A última ceia (Leonardo da Vinci), 1498. Têmpera em gesso, Altura: 460 cm; Largura: 880 cm in Santa Maria delle Grazie (Milão). Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Leonardo_da_Vinci_(1452-1519)_-_The_Last_Supper_(1495-1498).jpg?uselang=pt-br.> Acesso em: 28/1/2019.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos.

Orientações: Valorize as competências de aprendizagem cooperativa nos alunos, esta é uma opção didática muito relevante para o desenvolvimento da leitura e da interpretação visual artística. Então ainda que sua produção seja por grupos poderão socializar seus métodos para a produção, ajudar uns aos outros na compreensão da atividade, de modo que possam ampliar e compartilhar suas percepções sobre esta expressão - a linguagem figurativa de representação da realidade, elemento marcante de mudança de consciência, de percepção do espaço e do mundo a partir do sujeito que ocorre no Renascimento. Então, distribua um contorno da Monalisa de Da Vinci para cada aluno e solicite que produzam uma releitura com as seguintes características:

  • Que escolham um cenário contemporâneo para o desenvolvimento da releitura da obra.
  • Que transformem a Monalisa em uma pessoa de nossos tempos com suas características, vestimentas e detalhes de modo geral.
  • Que desenvolvam o fundo de sua releitura em perspectiva, utilizando das ideias propostas e analisadas durante a Problematização.

Conforme a disponibilidade, ceda outro momento para os acabamentos, em sala ou em casa. E para aprimorarem sua produção indique a que interessar quem veja também os links abaixo em Para saber mais.

Link Sistematização: Mona Lisa do século XXI em perspectiva.

https://docs.google.com/document/d/1fKyZ_Jd1N_E_Q1l9GQFcE6zMYcq_24I278HcncY_GHE/edit

Referência da imagem:

Disponível em:
<> Acesso em: 28/1/2019.

Para saber mais:

Tutorial de desenho - Perspectiva #1 - Arquitetura

https://www.youtube.com/watch?v=o2Ncr11I30M

O que é e como fazer um desenho de perspectiva linear/ponto de fuga

https://www.youtube.com/watch?v=gTJ0uAl9dOk

Como desenhar em perspectiva

https://pt.wikihow.com/Desenhar-em-Perspectiva

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF07HI04, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Cópias impressas das atividades. Projetor ou, na ausência dele, a opção de imprimir as imagens. É também possível reproduzir os impressos no quadro, ou ainda em papel pardo ou cartolina.

Material complementar:

Link Fonte Visual 1 e 2 - Ilusão de ótica e Mona Lisa

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/pagxMm97MKRjpNVPcPxX3JQTFhp9ZM3dn6rgEsGBuYNRyvpkr3wFmu3Gve4Q/his07-04und02-fonte-visual-1-e-2-ilusao-de-otica-e-mona-lisa.pdf

Link Fonte Visual 3 e 4 - Perspectiva Capela degli Scrovegni e A tempestade (Giotto e Giordione)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/yqzpv8QxDFrqskRGhdj7evwCnBCHhgmEt2BVFcNdad8DdcBaynABPnfVvzpA/his07-04und02-fonte-visual-3-e-4-perspectiva-perspectiva-capela-scrovegni-e-tempestade.pdf

Link Fonte Visual 5 e 6 Lamentação de Cristo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/vfpwz2RvQaCsUwCVzXX9qJHpF3pVazQ765B5SFyEvxkwy4SVypvjzzzuWpgH/his07-04und02-fonte-visual-5-e-6-lamentacao-de-cristo.pdf

Link Fonte Visual 7 e fragmento Da Vinci

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/CT6afxbxgj3yP3hZdhwZm6QHfRDcck7M6TjVuFrtyz6MseXqsSRDKwQn8qWH/his07-04und02-fonte-visual-7-e-fragmento-da-vinci.pdf

Referências das imagens:

PEDRO (Redação R7) 25 ilusões de ótica que vão dar um nó em seu cérebro, 2017. Disponível em:

<https://segredosdomundo.r7.com/wp-content/uploads/2017/09/ilusoes-de-otica.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

MASACCIO. Santíssima Trindade, 1427-1428. Afresco, 640 cm x 318 cm. Santa Maria Novella. Florença. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Masaccio,_trinit%C3%A0.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

BONDONE, Giotto di. Padova Cappella degli Scrovegni Innen Langhaus oeste, 1304-1306. In Capela degli Scrovegni, Pádua-Itália. Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Padova_Cappella_degli_Scrovegni_Innen_Langhaus_West_1.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

GIORDIONE. A tempestade, 1508. In GALLERIE DELL’ACCADEMIA. Óleo in lona, 82 x 73 cm. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Giorgione,_The_tempest.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

BIBLIOTECA NACIONAL DA FRANÇA (in Biblioteca Mundial). Livro das horas: Imagens da vida de Cristo e dos santos, século XIII. In Biblioteca Mundial. Disponível em: <https://content.wdl.org/14432/service/thumbnail/1430183634/1024x1024/1/93.jpg.>

Acesso em: 28/1/2019.

BONDONE, Giotto di. Lamentação, 304-1305. In Capela degli Scrovegni, Pádua-Itália

1304-1306. In DIRECTMEDIA (O projeto York). Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Giotto_di_Bondone_009.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

VINCI, Leonardo da. A última ceia (Leonardo da Vinci), 1498. Têmpera em gesso, Altura: 460 cm; Largura: 880 cm in Santa Maria delle Grazie (Milão). Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Leonardo_da_Vinci_(1452-1519)_-_The_Last_Supper_(1495-1498).jpg?uselang=pt-br.> Acesso em: 28/1/2019.

Para você saber mais:

25 ilusões de ótica que vão dar um nó em seu cérebro. Disponível em:

<https://segredosdomundo.r7.com/25-ilusoes-de-otica-que-vao-dar-um-no-em-seu-cerebro/.> Acesso em: 28/1/2019.

Imaginários da paisagem (p. 12-29) . Disponível em:

<http://repositorio.ul.pt/bitstream/10451/26275/1/ulsd730203_td_Tese.pdf.> Acesso em: 28/1/2019.

Livro das horas: Imagens da vida de Cristo e dos santos. Disponível em: <https://www.wdl.org/pt/item/14432/.> Acesso em: 28/1/2019.

A lamentação de Giotto. Disponível em: <https://www.historiadasartes.com/sala-dos-professores/a-lamentacao-giotto/.>Acesso em: 28/1/2019.

Tutorial de desenho - Perspectiva #1 - Arquitetura

https://www.youtube.com/watch?v=o2Ncr11I30M

O que é e como fazer um desenho de perspectiva linear/ponto de fuga

https://www.youtube.com/watch?v=gTJ0uAl9dOk

Como desenhar em perspectiva

https://pt.wikihow.com/Desenhar-em-Perspectiva

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Apresente o objetivo aos alunos projetando o slide ou escrevendo no quadro para que a turma faça uma leitura coletiva.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos.

Orientações: Forme grupos com 3 (três) alunos para que todos consigam ter acesso ao material da aula e facilite as discussões, valorizando assim a colaboração para a troca de percepções.

Insira a Fonte Visual 1:

Questione seus alunos sobre os seguintes pontos a fim de promover o debate inicial da Contextualização:

1 - O que estas imagens representam?

2 - Por qual motivo a imagem aparenta se mexer?

3 - Elas são planas ou têm profundidade?

4 - O que existe em comum entre a Santíssima Trindade de Masaccio e a Ilusão de ótica?

Espera-se que os alunos afirmem que a imagem não tem nenhum tipo de representação, são formas geométricas que aparentam se mexer e têm profundidade. Ao abordar este questionamento, insira para eles o conceito de ilusão de ótica que são imagens que enganam momentaneamente o cérebro criando o artifício de o cérebro ficar confusão e captar ideias falsas.

Em relação à questão 4 é possível que os alunos não encontrem nenhuma relação com a ilusão de ótica. Apresente para eles que, embora seja uma reprodução quase fotográfica, plana, a Santíssima Trindade de Masaccio obtém um recurso que ilude a todos e traz a obra um grande realismo: a perspectiva, recurso onde todos os objetos que compõem o quadro convergem para um ponto central, trazendo uma sensação de distância, profundidade e que foi amplamente utilizado pelos pintores de um dos períodos artísticos mais importantes da humanidade, chamado de Renascença. onde representavam em um plano ou em papel algo de duas dimensões (bidimensional), um objeto de três dimensões (tridimensional).

Link Fonte Visual 1 e 2 - Ilusão de ótica e Santíssima Trindade:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/pagxMm97MKRjpNVPcPxX3JQTFhp9ZM3dn6rgEsGBuYNRyvpkr3wFmu3Gve4Q/his07-04und02-fonte-visual-1-e-2-ilusao-de-otica-e-mona-lisa.pdf

Quando em uma imagem as linhas paralelas parecem unir-se a distância se cria a ilusão de profundidade, isto é conhecido como perspectiva. A perspectiva é a parte da geometria descritiva que elabora as regras gráficas pela qual se representa um objeto com várias dimensões em uma superfície plana, de maneira que se note o volume e a profundidade da realidade.

Masaccio é o predecessor da figuração moderna. Ele inova na representação pictórica colocando a cor como protagonista, numa pintura sem contornos. Foi o primeiro, desde Giotto, a não pintar a figura humana como uma coluna linear, mas como um ser humano real. Ele, que é do Quatrocento, é considerado o principal seguidor de Giotto (Trecento), tendo compreendido a proposta de pintura afresco. Ele inovou com o domínio da perspectiva e o uso de uma única fonte de luz constante lançando sombras mais precisas. Faz uma profunda análise da natureza, ele não é tão rígido quanto às composições simétricas tais quais valorizadas por seus contemporâneos, ele distribuiu as figuras mais casualmente e suas cenas têm caráter mais do cotidiano, não sendo tão ostentosas quanto as obras de seus pares. Mas sua contribuição não se circunscreve apenas aos seus contemporâneos, ela agrega aspectos que ultrapassam todo o período do Renascentismo até a chegada do maneirismo. (Alguns trechos presentes neste comentário in STRICKLAND, Carol. Renascimento da arte. Mapa. In Arte Comentada (Da Pré-História ao Pós-Moderno). Ediouro. Rio de Janeiro: 1999, p.33.)

Referências das imagens:

PEDRO (Redação R7) 25 ilusões de ótica que vão dar um nó em seu cérebro, 2017. Disponível em:

<https://segredosdomundo.r7.com/wp-content/uploads/2017/09/ilusoes-de-otica.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

MASACCIO. Santíssima Trindade, 1427-1428. Afresco, 640 cm x 318 cm. Santa Maria Novella. Florença. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Masaccio,_trinit%C3%A0.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

Para saber mais:

O escorço.

Disponível em:<https://www.youtube.com/watch?v=5yQQkLNqNoI.> Acesso em: 28/1/2019.

25 ilusões de ótica que vão dar um nó em seu cérebro. Disponível em:

<https://segredosdomundo.r7.com/25-ilusoes-de-otica-que-vao-dar-um-no-em-seu-cerebro/.> Acesso em: 28/1/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Apresente a imagem impressa ou projetada.

As duas imagens apresentadas representam exemplos de pintura em perspectiva. A imagem à esquerda é da Capela deglie Scrovegni. em Pádua, na Itália, e a direita é A tempestade, uma pintura do início do século XVI de Giordione, considerada a primeira paisagem, onde os outros elementos é que a rodeiam .

Após informar estes dados básicos aos alunos, questione:

  • O que é paisagem?
  • Dentro de um espaço maior, é possível reproduzir esta mesma ilusão de estar em outro cenário, completamente real, usando a pintura em perspectiva?

Espera-se que digam que paisagem que vemos na janela de um carro em uma viagem, um lugar bonito numa fotografia. Diga-lhes que na pintura só ganha um lugar central, e não apenas como decoração para preencher um espaço vazio, depois que o homem descobre a pintura em perspectiva. Ele percebe a grandiosidade de possibilidades em representar o espaço, e não apenas em usar a pintura para contar algum fato, lenda ou história. Antes da perspectiva a paisagem na pintura se resumia a preencher espaços vazios em meio a uma história que se contava. Entre os vários elementos que são resgatados da arte antiga, especialmente a grega sobre a perfeição das formas, da tridimensionalidade, os únicos elementos que não foram desenvolvidos por eles foi a da paisagem em perspectiva. Encerre este momento da Contextualização dialogando com os alunos que a perspectiva aliada ao surgimento da temática da paisagem representa um processo de reposicionamento da pintura e do pensamento do homem renascentista que enxerga a arte como uma forma de representar uma nova forma de pensar o mundo.

Link Fonte Visual 3 e 4 - Perspectiva Capela degli Scrovegni e A tempestade (Giotto e Giordione)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/yqzpv8QxDFrqskRGhdj7evwCnBCHhgmEt2BVFcNdad8DdcBaynABPnfVvzpA/his07-04und02-fonte-visual-3-e-4-perspectiva-perspectiva-capela-scrovegni-e-tempestade.pdf

Referências das imagens:

BONDONE, Giotto di. Padova Cappella degli Scrovegni Innen Langhaus oeste, 1304-1306. In Capela degli Scrovegni, Pádua-Itália. Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Padova_Cappella_degli_Scrovegni_Innen_Langhaus_West_1.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

GIORDIONE. A tempestade, 1508. In GALLERIE DELL’ACCADEMIA. Óleo inl Lona, 82 x 73 cm. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Giorgione,_The_tempest.jpg.> Acesso em: 28/1/2019.

Para saber mais:

Top 3 - Giotto

https://www.youtube.com/watch?v=-TLqiRjjlII - Interessantes obras de Giotto, suas influências bizantinas, suas inovações e especialmente a Capela Scrovegni, sua história e do afresco da Anunciação.

Imaginários da paisagem (p. 12-29). Disponível em:

<http://repositorio.ul.pt/bitstream/10451/26275/1/ulsd730203_td_Tese.pdf.> Acesso em: 28/1/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: A partir desta etapa procuraremos identificar junto aos alunos os elementos determinantes que expressam a mudança no pensamento do período que se reflete na pintura.

Para introduzi-los neste ambiente, pergunte:

  • O que estas imagens retratam?
  • Como são estas imagens em cada tela?
  • E o que elas têm de diferente na forma de retratar sua mensagem?
  • Quais delas aparentam ser para você mais real? Por quê?

Espera-se que afirmem que as imagens são religiosas e que elas são meio estranhas ou engraçadas, que há em comum a presença de Jesus nelas, e que remetem à crucificação e ao lamento de outras pessoas, devem apresentar alguma dificuldade em compreendê-las, já que cada uma utiliza uma linguagem apropriada a seu tempo e espaço. Talvez digam que são estáticas.

Ressalte que este distanciamento que eles têm com as imagens está relacionado com o fato de elas serem a revelação de tudo que havia de mais sagrado, a fé, Deus, que havia de ser tratada com muito cuidado, no que poderia ser ou não representado e de que forma. Como se pode ver todos os personagens são rígidos, muito vestidos à exceção de Jesus em seu martírio.

Diga-lhes que enquanto na iluminura não há profundidade, perspectiva e tridimensionalidade, na obra de Giotto percebe-se o princípio da revolução na arte. “Foi um dos pintores a dar a ilusão de vida real, em termos de emoção e espaço, numa superfície plana. Este quadro, uma das muitas cenas representando a vida da Virgem, é considerado uma das mais importantes em desenvolvimento da arte ocidental” , e nela é possível ver o avanço nas expressões dos personagens e também dos anjos. A perspectiva ali é percebida em meio ao vôo dos anjos consternados. “Ao lado de Cimabue, Giotto é geralmente considerado o fundador da pintura moderna, por ter rompido com o convencionalismo estático e estereotipado de sua época”(Compilações em destaque de “A Lamentação de Giotto” presente em Para Saber Mais). A Iluminura que advém de um livro de horas é de um período tardio da Idade Média, próximo a da produção de Giotto. Ela ajuda aos estudantes a perceberem até onde a arte em iluminura chegou no campo da figuração e que seus limites seriam ultrapassados nas pinturas renascentistas.

Link Fonte Visual 5 e 6 Lamentação de Cristo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/vfpwz2RvQaCsUwCVzXX9qJHpF3pVazQ765B5SFyEvxkwy4SVypvjzzzuWpgH/his07-04und02-fonte-visual-5-e-6-lamentacao-de-cristo.pdf

Referências das imagens:

BIBLLIOTECA NACIONAL DA FRANÇA (in Biblioteca Mundial). Livro das horas: Imagens da vida de Cristo e dos santos, século XIII. In Biblioteca Mundial. Disponível em: https://content.wdl.org/14432/service/thumbnail/1430183634/1024x1024/1/93.jpg

Acesso em: 28/1/2019.

BONDONE, Giotto di. Lamentação, 304-1305. In Capela degli Scrovegni, Pádua-Itália

1304-1306. In DIRECTMEDIA (O projeto York). Disponível em:
https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Giotto_di_Bondone_009.jpg. Acesso em: 28/1/2019.

Para você saber mais:

Livro das horas: Imagens da vida de Cristo e dos santos. Disponível em: https://www.wdl.org/pt/item/14432/ Acesso em: 28/1/2019.

A lamentação de Giotto. Disponível em: https://www.historiadasartes.com/sala-dos-professores/a-lamentacao-giotto/ Acesso em: 28/1/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Projete a obra e insira a Ficha Link Fonte Visual 7 e fragmento Da Vinci solicitando aos alunos que realizem a leitura do texto e tentem associar o mesmo com a obra Santa ceia. Após a leitura, peça que os alunos respondam no caderno o roteiro de associação Leonardo Da Vinci onde constam as seguintes questões.

Roteiro de análise do fragmento do Tratado de la Pintura de Da Vinci:

1 - Quais são as reflexões escritas por Leonardo da Vinci no Tratado de la Pintura?

2 - Quais são os itens que representam neste tratado as características presentes nas obras de arte anteriores?

3 - Qual é o melhor trecho do tratado para associar a imagem renascentista apresentada na ficha?

4 - O que Da Vinci quer dizer com o trecho: “O pintor é amo e senhor de todas as coisas que podem passar pela imaginação do homem(...) é dono de sua criação”?

Espera-se que os alunos apresentem um pouco de dificuldade com o nível das perguntas durante o roteiro proposto. Circule na sala de aula, auxiliando na Contextualização e acrescente elementos que julgue necessário para pontuar a interpretação deles.

Link Fonte Visual 7 e fragmento Da Vinci

https://docs.google.com/document/d/1ZKUePwM95lJ3fy-FlL_uX4PRErIb2UK2BaACvWGXbQY/edit

Referências das imagens:

VINCI, Leonardo da. A última ceia (Leonardo da Vinci), 1498. Têmpera em gesso, Altura: 460 cm; Largura: 880 cm in Santa Maria delle Grazie (Milão). Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Leonardo_da_Vinci_(1452-1519)_-_The_Last_Supper_(1495-1498).jpg?uselang=pt-br.> Acesso em: 28/1/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos.

Orientações: Valorize as competências de aprendizagem cooperativa nos alunos, esta é uma opção didática muito relevante para o desenvolvimento da leitura e da interpretação visual artística. Então ainda que sua produção seja por grupos poderão socializar seus métodos para a produção, ajudar uns aos outros na compreensão da atividade, de modo que possam ampliar e compartilhar suas percepções sobre esta expressão - a linguagem figurativa de representação da realidade, elemento marcante de mudança de consciência, de percepção do espaço e do mundo a partir do sujeito que ocorre no Renascimento. Então, distribua um contorno da Monalisa de Da Vinci para cada aluno e solicite que produzam uma releitura com as seguintes características:

  • Que escolham um cenário contemporâneo para o desenvolvimento da releitura da obra.
  • Que transformem a Monalisa em uma pessoa de nossos tempos com suas características, vestimentas e detalhes de modo geral.
  • Que desenvolvam o fundo de sua releitura em perspectiva, utilizando das ideias propostas e analisadas durante a Problematização.

Conforme a disponibilidade, ceda outro momento para os acabamentos, em sala ou em casa. E para aprimorarem sua produção indique a que interessar quem veja também os links abaixo em Para saber mais.

Link Sistematização: Mona Lisa do século XXI em perspectiva.

https://docs.google.com/document/d/1fKyZ_Jd1N_E_Q1l9GQFcE6zMYcq_24I278HcncY_GHE/edit

Referência da imagem:

Disponível em:
<> Acesso em: 28/1/2019.

Para saber mais:

Tutorial de desenho - Perspectiva #1 - Arquitetura

https://www.youtube.com/watch?v=o2Ncr11I30M

O que é e como fazer um desenho de perspectiva linear/ponto de fuga

https://www.youtube.com/watch?v=gTJ0uAl9dOk

Como desenhar em perspectiva

https://pt.wikihow.com/Desenhar-em-Perspectiva

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Humanismos, Renascimentos e o Novo Mundo do 7º ano :

MAIS AULAS DE História do 7º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF07HI04 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano