17263
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 5º ano > Povos e culturas: meu lugar no mundo e meu grupo social

Plano de aula - Os direitos trabalhistas e as mobilizações sociais

Plano de aula de História com atividades para 5º ano do EF sobre Os direitos trabalhistas e as mobilizações sociais

Plano 05 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Gabriela Ferreira Bustamante Fonseca

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos. Ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos . Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF05HI05 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Este plano trata dos direitos trabalhistas e do papel dos trabalhadores na conquista de melhores condições de trabalho. Através de música e imagem pretende-se trabalhar o contexto de greve em dois momentos históricos distintos, comparando os movimentos, o conceito e o engajamento dos alunos em ações sociais que promovam a melhoria dos direitos sociais.

Materiais necessários: cartolinas, papel sulfite e canetas podem ser disponibilizadas para o momento da sistematização, para serem utilizados na elaboração de cartazes e campanhas de conscientização.

Para você saber mais:

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Apresente o objetivo da aula. Diga para os alunos que eles irão observar qual a função de alguns movimentos sociais para os direitos dos trabalhadores.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 13 minutos

Orientações: Inicie a aula ouvindo a música “Fermento pra massa”, do cantor Criolo. Você pode acessar a música nesse link: https://www.youtube.com/watch?v=yD631f4zh9g acesso em 17/03/2019 Faça a análise do trecho no slide, perguntando para os alunos o que acontece em uma greve, e de quem é a greve no trecho. Pergunte quais as consequências desta greve na cidade descrita pela música. Aponte que a interrupção do serviço de ônibus em uma greve afeta grande parte da população, principalmente em grandes cidades onde as pessoas necessitam desse transporte para ir realizar as atividades cotidianas. No trecho o cantor nos conta como essa greve afetou o trabalho do padeiro, e por consequência o pão murcho que ele teve de comer.

Como adequar à sua realidade: Para introduzir o tema da greve você também pode utilizar o livro “Greve!” de Catarina Sobral. Nele a autora faz uma brincadeira com a ideia da greve dos pontos, demonstrando como a sua função é importante em diferentes espaços da sociedade. No link você pode conferir uma resenha do livro: https://www.youtube.com/watch?v=D8_wsIKKsYo acesso em 17/03/2019 SOBRAL, Catarina Greve! WMF Martins Fontes, 2014

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: Pergunte para os alunos porque uma greve acontece. Explique que a paralisação de um serviço influencia na realização de muitos outros. Por isso os trabalhadores que entram em greve utilizam esse momento para chamar a atenção de todos para um problema relacionado ao seu trabalho. Diga para os alunos que a greve é um direito presente em nossa legislação, e faça a análise do trecho no slide apontando o caráter coletivo da greve. Pergunte a eles como eles acreditam que são decididos os motivos para uma greve. Deixe que eles formulem hipóteses antes de passar para a imagem do slide. Quando projetar a imagem, discuta coletivamente a partir das questões:

1- O que está acontecendo nessa imagem?

2 - Quem são as pessoas que estão nessa imagem?

3- De que época você acha que é essa imagem?

Explique que essa é uma imagem de um protesto durante a greve operária de 1917. Essa greve teve duração de um mês aproximadamente, e muitas fábricas da cidade de São Paulo foram paradas. A imagem retrata um dos protestos organizados pelos trabalhadores dessas fábricas. Entre o que os trabalhadores pediam estava o aumento de seus salários, a liberdade de protesto, a proibição de trabalhadores com menos de 16 anos e a liberação do trabalho noturno de menores de 18 anos e mulheres. Ao final da greve, os trabalhadores conseguiram que seus salário e o reconhecimento de suas reivindicações. Explique que a Greve de 1917 foi um dos primeiros momentos na história do Brasil onde os trabalhadores tiveram seus problemas reconhecidos pela sociedade. A partir dele os direitos dos trabalhadores começaram a ser reconhecidos.

Diga para os alunos que as greves são uma das formas de mobilização dos trabalhadores, mas que existem ainda outras formas de agir para melhorar os direitos. Retome a lei nº7783, sobre o direito de greve, e aponte outras leis que protegem os trabalhadores e garantem alguns direitos, como férias, licença maternidade e paternidade, o salário mínimo e a indenização no caso de algumas demissões.

Retome o trecho da música “É greve de busão tô de papo pro ar”. Pergunte se é possível ficar de papo pro ar quando estamos envolvidos em uma greve. Explique que durante as greves os trabalhadores têm muito trabalho organizando o movimento, participando de passeatas, assembléias e reuniões para conseguir que sua paralisação atinja os objetivos.

Como adequar à sua realidade:

Para você saber mais:

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: Pergunte para os alunos porque uma greve acontece. Explique que a paralisação de um serviço influencia na realização de muitos outros. Por isso os trabalhadores que entram em greve utilizam esse momento para chamar a atenção de todos para um problema relacionado ao seu trabalho. Diga para os alunos que a greve é um direito presente em nossa legislação, e faça a análise do trecho no slide apontando o caráter coletivo da greve. Pergunte a eles como eles acreditam que são decididos os motivos para uma greve. Deixe que eles formulem hipóteses antes de passar para a imagem do slide. Quando projetar a imagem, discuta coletivamente a partir das questões:

1- O que está acontecendo nessa imagem?

2 - Quem são as pessoas que estão nessa imagem?

3- De que época você acha que é essa imagem?

Explique que essa é uma imagem de um protesto durante a greve operária de 1917. Essa greve teve duração de um mês aproximadamente, e muitas fábricas da cidade de São Paulo foram paradas. A imagem retrata um dos protestos organizados pelos trabalhadores dessas fábricas. Entre o que os trabalhadores pediam estava o aumento de seus salários, a liberdade de protesto, a proibição de trabalhadores com menos de 16 anos e a liberação do trabalho noturno de menores de 18 anos e mulheres. Ao final da greve, os trabalhadores conseguiram que seus salário e o reconhecimento de suas reivindicações. Explique que a Greve de 1917 foi um dos primeiros momentos na história do Brasil onde os trabalhadores tiveram seus problemas reconhecidos pela sociedade. A partir dele os direitos dos trabalhadores começaram a ser reconhecidos.

Diga para os alunos que as greves são uma das formas de mobilização dos trabalhadores, mas que existem ainda outras formas de agir para melhorar os direitos. Retome a lei nº7783, sobre o direito de greve, e aponte outras leis que protegem os trabalhadores e garantem alguns direitos, como férias, licença maternidade e paternidade, o salário mínimo e a indenização no caso de algumas demissões.

Retome o trecho da música “É greve de busão tô de papo pro ar”. Pergunte se é possível ficar de papo pro ar quando estamos envolvidos em uma greve. Explique que durante as greves os trabalhadores têm muito trabalho organizando o movimento, participando de passeatas, assembléias e reuniões para conseguir que sua paralisação atinja os objetivos.

Como adequar à sua realidade:

Para você saber mais:

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: Pergunte para os alunos porque uma greve acontece. Explique que a paralisação de um serviço influencia na realização de muitos outros. Por isso os trabalhadores que entram em greve utilizam esse momento para chamar a atenção de todos para um problema relacionado ao seu trabalho. Diga para os alunos que a greve é um direito presente em nossa legislação, e faça a análise do trecho no slide apontando o caráter coletivo da greve. Pergunte a eles como eles acreditam que são decididos os motivos para uma greve. Deixe que eles formulem hipóteses antes de passar para a imagem do slide. Quando projetar a imagem, discuta coletivamente a partir das questões:

1- O que está acontecendo nessa imagem?

2 - Quem são as pessoas que estão nessa imagem?

3- De que época você acha que é essa imagem?

Explique que essa é uma imagem de um protesto durante a greve operária de 1917. Essa greve teve duração de um mês aproximadamente, e muitas fábricas da cidade de São Paulo foram paradas. A imagem retrata um dos protestos organizados pelos trabalhadores dessas fábricas. Entre o que os trabalhadores pediam estava o aumento de seus salários, a liberdade de protesto, a proibição de trabalhadores com menos de 16 anos e a liberação do trabalho noturno de menores de 18 anos e mulheres. Ao final da greve, os trabalhadores conseguiram que seus salário e o reconhecimento de suas reivindicações. Explique que a Greve de 1917 foi um dos primeiros momentos na história do Brasil onde os trabalhadores tiveram seus problemas reconhecidos pela sociedade. A partir dele os direitos dos trabalhadores começaram a ser reconhecidos.

Diga para os alunos que as greves são uma das formas de mobilização dos trabalhadores, mas que existem ainda outras formas de agir para melhorar os direitos. Retome a lei nº7783, sobre o direito de greve, e aponte outras leis que protegem os trabalhadores e garantem alguns direitos, como férias, licença maternidade e paternidade, o salário mínimo e a indenização no caso de algumas demissões.

Retome o trecho da música “É greve de busão tô de papo pro ar”. Pergunte se é possível ficar de papo pro ar quando estamos envolvidos em uma greve. Explique que durante as greves os trabalhadores têm muito trabalho organizando o movimento, participando de passeatas, assembléias e reuniões para conseguir que sua paralisação atinja os objetivos.

Como adequar à sua realidade:

Para você saber mais:

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: Converse com os alunos sobre as importâncias das mobilizações sociais para os direitos trabalhistas. Explique que elas são uma força muito importante em muitos movimentos sociais. Pergunte a eles se em sua realidade existem motivos para se mobilizar, assim como os trabalhadores de 1917 se mobilizaram. Faça uma lista dos problemas e pense com eles quais ações poderiam ser tomadas pelos estudantes para chamar atenção da sociedade para tais problemas. Algumas sugestões são a organização de cartazes, cartilhas, palestras e debates sobre esses temas.

Para dar uma dimensão mais clara dos alunos de quais ações podem ser tomadas leia alguns trechos das matérias a seguir sobre as ações da adolescente Greta Thunberg nas greves pelo meio ambiente: https://g1.globo.com/educacao/noticia/2019/03/15/poucos-adultos-estao-escutando-diz-adolescente-indicada-ao-nobel-que-criou-uma-greve-global-pelo-clima.ghtml (Acesso em 8 de maio de 2015)

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos. Ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos . Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF05HI05 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Este plano trata dos direitos trabalhistas e do papel dos trabalhadores na conquista de melhores condições de trabalho. Através de música e imagem pretende-se trabalhar o contexto de greve em dois momentos históricos distintos, comparando os movimentos, o conceito e o engajamento dos alunos em ações sociais que promovam a melhoria dos direitos sociais.

Materiais necessários: cartolinas, papel sulfite e canetas podem ser disponibilizadas para o momento da sistematização, para serem utilizados na elaboração de cartazes e campanhas de conscientização.

Para você saber mais:

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Apresente o objetivo da aula. Diga para os alunos que eles irão observar qual a função de alguns movimentos sociais para os direitos dos trabalhadores.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 13 minutos

Orientações: Inicie a aula ouvindo a música “Fermento pra massa”, do cantor Criolo. Você pode acessar a música nesse link: https://www.youtube.com/watch?v=yD631f4zh9g acesso em 17/03/2019 Faça a análise do trecho no slide, perguntando para os alunos o que acontece em uma greve, e de quem é a greve no trecho. Pergunte quais as consequências desta greve na cidade descrita pela música. Aponte que a interrupção do serviço de ônibus em uma greve afeta grande parte da população, principalmente em grandes cidades onde as pessoas necessitam desse transporte para ir realizar as atividades cotidianas. No trecho o cantor nos conta como essa greve afetou o trabalho do padeiro, e por consequência o pão murcho que ele teve de comer.

Como adequar à sua realidade: Para introduzir o tema da greve você também pode utilizar o livro “Greve!” de Catarina Sobral. Nele a autora faz uma brincadeira com a ideia da greve dos pontos, demonstrando como a sua função é importante em diferentes espaços da sociedade. No link você pode conferir uma resenha do livro: https://www.youtube.com/watch?v=D8_wsIKKsYo acesso em 17/03/2019 SOBRAL, Catarina Greve! WMF Martins Fontes, 2014

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: Pergunte para os alunos porque uma greve acontece. Explique que a paralisação de um serviço influencia na realização de muitos outros. Por isso os trabalhadores que entram em greve utilizam esse momento para chamar a atenção de todos para um problema relacionado ao seu trabalho. Diga para os alunos que a greve é um direito presente em nossa legislação, e faça a análise do trecho no slide apontando o caráter coletivo da greve. Pergunte a eles como eles acreditam que são decididos os motivos para uma greve. Deixe que eles formulem hipóteses antes de passar para a imagem do slide. Quando projetar a imagem, discuta coletivamente a partir das questões:

1- O que está acontecendo nessa imagem?

2 - Quem são as pessoas que estão nessa imagem?

3- De que época você acha que é essa imagem?

Explique que essa é uma imagem de um protesto durante a greve operária de 1917. Essa greve teve duração de um mês aproximadamente, e muitas fábricas da cidade de São Paulo foram paradas. A imagem retrata um dos protestos organizados pelos trabalhadores dessas fábricas. Entre o que os trabalhadores pediam estava o aumento de seus salários, a liberdade de protesto, a proibição de trabalhadores com menos de 16 anos e a liberação do trabalho noturno de menores de 18 anos e mulheres. Ao final da greve, os trabalhadores conseguiram que seus salário e o reconhecimento de suas reivindicações. Explique que a Greve de 1917 foi um dos primeiros momentos na história do Brasil onde os trabalhadores tiveram seus problemas reconhecidos pela sociedade. A partir dele os direitos dos trabalhadores começaram a ser reconhecidos.

Diga para os alunos que as greves são uma das formas de mobilização dos trabalhadores, mas que existem ainda outras formas de agir para melhorar os direitos. Retome a lei nº7783, sobre o direito de greve, e aponte outras leis que protegem os trabalhadores e garantem alguns direitos, como férias, licença maternidade e paternidade, o salário mínimo e a indenização no caso de algumas demissões.

Retome o trecho da música “É greve de busão tô de papo pro ar”. Pergunte se é possível ficar de papo pro ar quando estamos envolvidos em uma greve. Explique que durante as greves os trabalhadores têm muito trabalho organizando o movimento, participando de passeatas, assembléias e reuniões para conseguir que sua paralisação atinja os objetivos.

Como adequar à sua realidade:

Para você saber mais:

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: Pergunte para os alunos porque uma greve acontece. Explique que a paralisação de um serviço influencia na realização de muitos outros. Por isso os trabalhadores que entram em greve utilizam esse momento para chamar a atenção de todos para um problema relacionado ao seu trabalho. Diga para os alunos que a greve é um direito presente em nossa legislação, e faça a análise do trecho no slide apontando o caráter coletivo da greve. Pergunte a eles como eles acreditam que são decididos os motivos para uma greve. Deixe que eles formulem hipóteses antes de passar para a imagem do slide. Quando projetar a imagem, discuta coletivamente a partir das questões:

1- O que está acontecendo nessa imagem?

2 - Quem são as pessoas que estão nessa imagem?

3- De que época você acha que é essa imagem?

Explique que essa é uma imagem de um protesto durante a greve operária de 1917. Essa greve teve duração de um mês aproximadamente, e muitas fábricas da cidade de São Paulo foram paradas. A imagem retrata um dos protestos organizados pelos trabalhadores dessas fábricas. Entre o que os trabalhadores pediam estava o aumento de seus salários, a liberdade de protesto, a proibição de trabalhadores com menos de 16 anos e a liberação do trabalho noturno de menores de 18 anos e mulheres. Ao final da greve, os trabalhadores conseguiram que seus salário e o reconhecimento de suas reivindicações. Explique que a Greve de 1917 foi um dos primeiros momentos na história do Brasil onde os trabalhadores tiveram seus problemas reconhecidos pela sociedade. A partir dele os direitos dos trabalhadores começaram a ser reconhecidos.

Diga para os alunos que as greves são uma das formas de mobilização dos trabalhadores, mas que existem ainda outras formas de agir para melhorar os direitos. Retome a lei nº7783, sobre o direito de greve, e aponte outras leis que protegem os trabalhadores e garantem alguns direitos, como férias, licença maternidade e paternidade, o salário mínimo e a indenização no caso de algumas demissões.

Retome o trecho da música “É greve de busão tô de papo pro ar”. Pergunte se é possível ficar de papo pro ar quando estamos envolvidos em uma greve. Explique que durante as greves os trabalhadores têm muito trabalho organizando o movimento, participando de passeatas, assembléias e reuniões para conseguir que sua paralisação atinja os objetivos.

Como adequar à sua realidade:

Para você saber mais:

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: Pergunte para os alunos porque uma greve acontece. Explique que a paralisação de um serviço influencia na realização de muitos outros. Por isso os trabalhadores que entram em greve utilizam esse momento para chamar a atenção de todos para um problema relacionado ao seu trabalho. Diga para os alunos que a greve é um direito presente em nossa legislação, e faça a análise do trecho no slide apontando o caráter coletivo da greve. Pergunte a eles como eles acreditam que são decididos os motivos para uma greve. Deixe que eles formulem hipóteses antes de passar para a imagem do slide. Quando projetar a imagem, discuta coletivamente a partir das questões:

1- O que está acontecendo nessa imagem?

2 - Quem são as pessoas que estão nessa imagem?

3- De que época você acha que é essa imagem?

Explique que essa é uma imagem de um protesto durante a greve operária de 1917. Essa greve teve duração de um mês aproximadamente, e muitas fábricas da cidade de São Paulo foram paradas. A imagem retrata um dos protestos organizados pelos trabalhadores dessas fábricas. Entre o que os trabalhadores pediam estava o aumento de seus salários, a liberdade de protesto, a proibição de trabalhadores com menos de 16 anos e a liberação do trabalho noturno de menores de 18 anos e mulheres. Ao final da greve, os trabalhadores conseguiram que seus salário e o reconhecimento de suas reivindicações. Explique que a Greve de 1917 foi um dos primeiros momentos na história do Brasil onde os trabalhadores tiveram seus problemas reconhecidos pela sociedade. A partir dele os direitos dos trabalhadores começaram a ser reconhecidos.

Diga para os alunos que as greves são uma das formas de mobilização dos trabalhadores, mas que existem ainda outras formas de agir para melhorar os direitos. Retome a lei nº7783, sobre o direito de greve, e aponte outras leis que protegem os trabalhadores e garantem alguns direitos, como férias, licença maternidade e paternidade, o salário mínimo e a indenização no caso de algumas demissões.

Retome o trecho da música “É greve de busão tô de papo pro ar”. Pergunte se é possível ficar de papo pro ar quando estamos envolvidos em uma greve. Explique que durante as greves os trabalhadores têm muito trabalho organizando o movimento, participando de passeatas, assembléias e reuniões para conseguir que sua paralisação atinja os objetivos.

Como adequar à sua realidade:

Para você saber mais:

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: Converse com os alunos sobre as importâncias das mobilizações sociais para os direitos trabalhistas. Explique que elas são uma força muito importante em muitos movimentos sociais. Pergunte a eles se em sua realidade existem motivos para se mobilizar, assim como os trabalhadores de 1917 se mobilizaram. Faça uma lista dos problemas e pense com eles quais ações poderiam ser tomadas pelos estudantes para chamar atenção da sociedade para tais problemas. Algumas sugestões são a organização de cartazes, cartilhas, palestras e debates sobre esses temas.

Para dar uma dimensão mais clara dos alunos de quais ações podem ser tomadas leia alguns trechos das matérias a seguir sobre as ações da adolescente Greta Thunberg nas greves pelo meio ambiente: https://g1.globo.com/educacao/noticia/2019/03/15/poucos-adultos-estao-escutando-diz-adolescente-indicada-ao-nobel-que-criou-uma-greve-global-pelo-clima.ghtml (Acesso em 8 de maio de 2015)

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Povos e culturas: meu lugar no mundo e meu grupo social do 5º ano :

5º ano / História / Povos e culturas: meu lugar no mundo e meu grupo social

5º ano / História / Povos e culturas: meu lugar no mundo e meu grupo social

MAIS AULAS DE História do 5º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF05HI05 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano