17144
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Geografia > 6º ano > Unidade

Plano de aula - A complexa relação entre a cidade e seus rios

Plano de aula de Geografia com atividades para 6º ano do Fundamental sobre conhecer e discutir a situação dos rios urbanos brasileiros.

Plano 10 de 10 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Rosana Rasera Garagorry

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF06GE12 de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Esta habilidade diz respeito a estudos de biodiversidade relacionando esferas das necessidades de usos de recursos naturais - água - em diferentes escalas e usos alternativos, visando a sustentabilidade, a conservação e/ou preservação ambiental, exploração, circulação (fluxos), transformação e consumo de recursos naturais.

A aplicação desse plano possibilita, também, resgatar e ampliar outros conhecimentos desenvolvidos na habilidade EF06GE04.

São inúmeras as cidades no Brasil e no mundo que se originaram às margens de um rio. São Paulo, Porto Alegre, Recife, Paris, Londres, Nova Iorque, Buenos Aires são algumas delas. No entanto, nem todas conseguiram manter uma relação harmoniosa com os seus mananciais. De aliado, que fornecia água, alimento, meio de transporte e lazer; em muitas cidades os rios foram transformados em depósitos de esgoto e lixo, suas margens foram desmatadas, seus cursos foram retificados e suas várzeas ocupadas. Como consequência deste total descaso, esses mesmos rios, que no passado facilitaram o nascimento e o desenvolvimentos das cidades, encontram-se hoje totalmente descaracterizados ou mesmo escondidos sob grandes avenidas.

Neste plano, os alunos, em trios, irão conhecer e discutir as condições atuais de grande parte dos rios urbanos brasileiros. Com base na discussão e também em seis frases que receberão do professor, os trios deverão elaborar um texto denúncia.

As frases devem ser impressas e selecionadas pelo professor com antecedência.

Materiais necessários: Datashow, caneta, caderno, lápis, borracha, uma folha pautada e 6 frases impressas, por trio.

Preparação das frases a serem entregues para os alunos: imprima o arquivo (disponível no material complementar) e recorte as frases conforme orientação. O número de frases impressas deverá levar em conta o número de trios que se formarão e também o fato de que cada trio receberá 6 diferentes frases. Faça diferentes composições de frases por trios, o que implicará em uma maior diversidade de textos.

Caso queira, substitua ou inclua frases relacionadas à realidade dos rios urbanos do estado onde esse plano está sendo aplicado.

Material complementar:

GEO6_12UND10 - Frases elaboração do texto: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/zYAy6vKysezCQvCt8K8hqxvkvACsEvn4QyCkbrajmuPmDNXDPtEFu3NcyPe7/geo6-12und10-frases-para-elaboracao-do-texto.pdf

GEO6_12UND10 - Contextualização:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/eXBdpN95SwtBa8UyGEQQsRSq5RfSCEGUgrPr5t7rm8GasPH4WC4ZYhvVEzQY/geo6-12und10-contextualizacao.pdf

GEO6_12UND10 - Problematização:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qsHBQZXkw7ubQd5d3jUdCUQ7xxX7VT6WHDjZt8cdaghwnzvnbNpRCmKgUksh/geo6-12und10-problematizacao.pdf

GEO6_12UND10 - Ação Propositiva:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/F2NAvJfFr5Ev6h8WDSsCJQdDXEM5EsY6QMAW99EYkwAB3YS6xbt9mpH4kDVj/geo6-12und10-acao-propositiva.pdf

Link para o vídeo:

Córrego do Ipiranga é retrato da contradição da cidade de SP. G1. Disponível em: <http://g1.globo.com/videos/v/g1/6131673/>. Acesso em: 17 mar 2019.

ENTRE RIOS - a urbanização de São Paulo. 2011 (25min10seg). Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=Fwh-cZfWNIc>. Acesso em: 07 mar 2019.

Para você saber mais:

ASSAD, Leonor. Cidades nascem abraçadas a seus rios, mas lhes viram as costas no crescimento. Cienc. Cult. [online]. 2013, vol.65, n.2 [cited 2019-04-30], pp.06-09. Disponível em:

<http://cienciaecultura.bvs.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0009-67252013000200003>. Acesso em: 04 mar 2019.

GOUVEIA, Isabel Cristina Moroz-Caccia. A cidade de São Paulo e seus rios: uma história repleta de paradoxos. Confins [Online], 27, 2016. Disponível em: <https://journals.openedition.org/confins/10884?lang=pt>. Acesso em: 04 mar 2019.

· MACHADO, Nélio Soares. Rio urbanos, a complexa relação entre as cidades e os rios. Portal Educação. Disponível em:

<https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/administracao/a-complexa-relacao-entre-as-cidades-e-os-rios/73372>. Acesso em: 04 mar 2019.

MARQUES, Itaiara et al. A percepção dos moradores da região em torno do Rio dos Seixos e do Rio das Pedras e a relação da população com os rios de Salvador. Disponível em: <http://www.acquacon.com.br/cobesa/apresentacoes/pap/pap001791.pdf>. Acesso em: 05 mar 2019.

· SANTOS, Sílvio dos. As cidades e seus rios. Disponível em: <https://portogente.com.br/noticias/opiniao/97348-as-cidades-e-seus-rios>. Acesso em: 05 mar 2019.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Apresente o tema para a turma, projetando o slide, escrevendo no quadro ou falando. Em seguida, explique que na aula de hoje eles vão discutir que devido ao crescimento das cidades, e em nome do progresso, os rios foram sendo poluídos, descaracterizados e mesmo ocultados da paisagem urbana.

Os alunos elaborarão um texto em grupo abordando esta temática.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 11 minutos

Orientações: Projete ou imprima de forma ampliada as imagens dos slides 3, 4 e 5 e apresente-os um a um para a turma.

A cada imagem apresentada auxilie na interpretação fazendo alguns questionamentos.

Para o slide 3, pergunte:

  • Qual a situação desse córrego?
  • Quem é responsável por essa situação?
  • Como deve ser viver nesse local? Essas casas deveriam estar aí? Por quê?
  • Existe no município que vocês vivem um córrego nessa situação? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

Atualmente, 43% da população brasileira vive em cidades sem rede de tratamento de esgoto. Nas periferias dessas cidades, devido ao acesso restrito à coleta de lixo e ao saneamento básico, tanto o lixo como o esgoto, sem nenhum tratamento, são lançados diretamente nos córregos e rios. Esses ambientes aquáticos poluídos são responsáveis pela proliferação de diversas doenças.

Para o slide 4, pergunte:

  • Que tipo de intervenção ocorreu nesse rio?
  • É comum esse tipo de solução para os rios urbanos? Por quê?
  • No município que vocês vivem existe um rio canalizado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem mostra um rio canalizado, em Belém, no estado do Pará.

Obras de retificação do curso, concretagem das margens e aprofundamento do leito são extremamente comuns nos rios urbanos brasileiros. Essas transformações têm vários objetivos, por exemplo: evitar enchentes e desmoronamento das margens, construir avenidas etc.

Para o slide 5 pergunte:

  • Onde está o rio nessa imagem?
  • Por que o rio foi enterrado?
  • Existe no seu município algum rio que foi enterrado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem de satélite, de parte de uma avenida na capital paulista, mostra um tipo de “solução”, adotada nas grandes cidades, que é enterrar seus rios e aproveitar a topografia plana de seus cursos para construírem sobre eles grandes avenidas.

Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/eXBdpN95SwtBa8UyGEQQsRSq5RfSCEGUgrPr5t7rm8GasPH4WC4ZYhvVEzQY/geo6-12und10-contextualizacao.pdf

Como adequar à sua realidade:

Inclua no plano informações dos rios urbanos de municípios do estado onde a escola está inserida.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou imprima de forma ampliada as imagens dos slides 3, 4 e 5 e apresente-os um a um para a turma.

A cada imagem apresentada auxilie na interpretação fazendo alguns questionamentos.

Para o slide 3, pergunte:

  • Qual a situação desse córrego?
  • Quem é responsável por essa situação?
  • Como deve ser viver nesse local? Essas casas deveriam estar aí? Por quê?
  • Existe no município que vocês vivem um córrego nessa situação? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

Atualmente, 43% da população brasileira vive em cidades sem rede de tratamento de esgoto. Nas periferias dessas cidades, devido ao acesso restrito à coleta de lixo e ao saneamento básico, tanto o lixo como o esgoto, sem nenhum tratamento, são lançados diretamente nos córregos e rios. Esses ambientes aquáticos poluídos são responsáveis pela proliferação de diversas doenças.

Para o slide 4, pergunte:

  • Que tipo de intervenção ocorreu nesse rio?
  • É comum esse tipo de solução para os rios urbanos? Por quê?
  • No município que vocês vivem existe um rio canalizado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem mostra um rio canalizado, em Belém, no estado do Pará.

Obras de retificação do curso, concretagem das margens e aprofundamento do leito são extremamente comuns nos rios urbanos brasileiros. Essas transformações têm vários objetivos, por exemplo: evitar enchentes e desmoronamento das margens, construir avenidas etc.

Para o slide 5 pergunte:

  • Onde está o rio nessa imagem?
  • Por que o rio foi enterrado?
  • Existe no seu município algum rio que foi enterrado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem de satélite, de parte de uma avenida na capital paulista, mostra um tipo de “solução”, adotada nas grandes cidades, que é enterrar seus rios e aproveitar a topografia plana de seus cursos para construírem sobre eles grandes avenidas.

Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/eXBdpN95SwtBa8UyGEQQsRSq5RfSCEGUgrPr5t7rm8GasPH4WC4ZYhvVEzQY/geo6-12und10-contextualizacao.pdf

Como adequar à sua realidade:

Inclua no plano informações dos rios urbanos de municípios do estado onde a escola está inserida.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou imprima de forma ampliada as imagens dos slides 3, 4 e 5 e apresente-os um a um para a turma.

A cada imagem apresentada auxilie na interpretação fazendo alguns questionamentos.

Para o slide 3, pergunte:

  • Qual a situação desse córrego?
  • Quem é responsável por essa situação?
  • Como deve ser viver nesse local? Essas casas deveriam estar aí? Por quê?
  • Existe no município que vocês vivem um córrego nessa situação? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

Atualmente, 43% da população brasileira vive em cidades sem rede de tratamento de esgoto. Nas periferias dessas cidades, devido ao acesso restrito à coleta de lixo e ao saneamento básico, tanto o lixo como o esgoto, sem nenhum tratamento, são lançados diretamente nos córregos e rios. Esses ambientes aquáticos poluídos são responsáveis pela proliferação de diversas doenças.

Para o slide 4, pergunte:

  • Que tipo de intervenção ocorreu nesse rio?
  • É comum esse tipo de solução para os rios urbanos? Por quê?
  • No município que vocês vivem existe um rio canalizado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem mostra um rio canalizado, em Belém, no estado do Pará.

Obras de retificação do curso, concretagem das margens e aprofundamento do leito são extremamente comuns nos rios urbanos brasileiros. Essas transformações têm vários objetivos, por exemplo: evitar enchentes e desmoronamento das margens, construir avenidas etc.

Para o slide 5 pergunte:

  • Onde está o rio nessa imagem?
  • Por que o rio foi enterrado?
  • Existe no seu município algum rio que foi enterrado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem de satélite, de parte de uma avenida na capital paulista, mostra um tipo de “solução”, adotada nas grandes cidades, que é enterrar seus rios e aproveitar a topografia plana de seus cursos para construírem sobre eles grandes avenidas.

Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/eXBdpN95SwtBa8UyGEQQsRSq5RfSCEGUgrPr5t7rm8GasPH4WC4ZYhvVEzQY/geo6-12und10-contextualizacao.pdf

Como adequar à sua realidade:

Inclua no plano informações dos rios urbanos de municípios do estado onde a escola está inserida.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos

Orientações: Fale, imprima para os alunos ou escreva no quadro o texto da problematização. Após a leitura apresente o vídeo (disponível abaixo) que mostra a situação do histórico Córrego do Ipiranga na capital paulista. Faça o download do vídeo previamente caso não tenha internet disponível na sua escola.

Discuta com a turma se o que viram no vídeo pode ser considerado um exemplo de como a cidade se relaciona com seus rios.

Pergunte:

  • Qual é a situação do córrego apresentado no vídeo?
  • Qual a percepção das pessoas em relação a ele?
  • A reportagem apresenta alguma solução para que o rio seja devolvido para a cidade?

A reportagem aborda a condição do córrego do Ipiranga na capital paulista. Cenário do “Grito da Independência do Brasil” esse é um dos muitos riachos canalizados e poluídos da cidade. Suas nascentes encontram-se protegidas no Parque Estadual Fontes do Ipiranga mas no seu curto trajeto, até o Rio Tamanduateí, vai ganhando lixo e dejetos industriais e domésticos. O córrego, que no passado chegou a abastecer parte da população da capital, hoje é motivo de preocupação devido ao mau cheiro e frequentes episódios de alagamentos e inundações.

Após comentarem sobre a reportagem, explique que eles vão se organizar em trios para elaborarem um texto denúncia da situação dos rios urbanos brasileiros, a partir da afirmação da professora Gercinair: “muitas cidades que nascem voltadas para os rios acabam virando-lhes as costas”.

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qsHBQZXkw7ubQd5d3jUdCUQ7xxX7VT6WHDjZt8cdaghwnzvnbNpRCmKgUksh/geo6-12und10-problematizacao.pdf

Link para o vídeo:

Córrego do Ipiranga é retrato da contradição da cidade de SP. G1. Disponível em: . Acesso em: 17 mar 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Fale, imprima para os alunos ou escreva no quadro o texto da problematização. Após a leitura apresente o vídeo (disponível abaixo) que mostra a situação do histórico Córrego do Ipiranga na capital paulista. Faça o download do vídeo previamente caso não tenha internet disponível na sua escola.

Discuta com a turma se o que viram no vídeo pode ser considerado um exemplo de como a cidade se relaciona com seus rios.

Pergunte:

  • Qual é a situação do córrego apresentado no vídeo?
  • Qual a percepção das pessoas em relação a ele?
  • A reportagem apresenta alguma solução para que o rio seja devolvido para a cidade?

A reportagem aborda a condição do córrego do Ipiranga na capital paulista. Cenário do “Grito da Independência do Brasil” esse é um dos muitos riachos canalizados e poluídos da cidade. Suas nascentes encontram-se protegidas no Parque Estadual Fontes do Ipiranga mas no seu curto trajeto, até o Rio Tamanduateí, vai ganhando lixo e dejetos industriais e domésticos. O córrego, que no passado chegou a abastecer parte da população da capital, hoje é motivo de preocupação devido ao mau cheiro e frequentes episódios de alagamentos e inundações.

Após comentarem sobre a reportagem, explique que eles vão se organizar em trios para elaborarem um texto denúncia da situação dos rios urbanos brasileiros, a partir da afirmação da professora Gercinair: “muitas cidades que nascem voltadas para os rios acabam virando-lhes as costas”.

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qsHBQZXkw7ubQd5d3jUdCUQ7xxX7VT6WHDjZt8cdaghwnzvnbNpRCmKgUksh/geo6-12und10-problematizacao.pdf

Link para o vídeo:

Córrego do Ipiranga é retrato da contradição da cidade de SP. G1. Disponível em: . Acesso em: 17 mar 2019.

Ação Propositiva select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 17 minutos

Orientações: Organize a sala em trios, entregue para cada trio 6 frases impressas e previamente selecionadas e recortadas, o texto da problematização, também impresso, e projete as orientações da ação propositiva. Caso não seja possível projetar, imprima o documento com as ações ou explique oralmente.

Explique que eles devem ler as frases, lembrar o que viram no vídeo e em seguida voltar à questão levantada na problematização. Em seguida, discutir, planejar e depois elaborar um texto denúncia a partir da afirmação: “muitas cidades que nascem voltadas para os rios acabam virando-lhes as costas.”

Diga que eles podem transcrever (copiar) e/ou fazerem paráfrases das frases que acharem importantes e também criarem novas informações. Explique que parafrasear é dar uma nova interpretação do sentido de um texto usando outras palavras. Lembre à turma que informações do vídeo também devem estar presentes no texto.

Lembre-os que devem fazer um rascunho, ler o rascunho e só depois copiar o texto na folha pautada. E também devem criar um título para o texto e colocar os nomes dos autores.

Preparação das frases a serem entregues para os alunos.

Imprima o arquivo Frases para elaboração do texto e recorte as frases conforme orientação. O número de frases impressas deverá levar em conta o número de trios que se formarão e também o fato de que cada trio receberá 6 diferentes frases. Faça diferentes composições de frases trios, o que implicará em uma maior diversidade de textos.

Caso queira, substitua ou inclua frases relacionadas à realidade dos rios urbanos do estado onde esse plano está sendo aplicado.

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qsHBQZXkw7ubQd5d3jUdCUQ7xxX7VT6WHDjZt8cdaghwnzvnbNpRCmKgUksh/geo6-12und10-problematizacao.pdf

Frases para elaboração do texto: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/zYAy6vKysezCQvCt8K8hqxvkvACsEvn4QyCkbrajmuPmDNXDPtEFu3NcyPe7/geo6-12und10-frases-para-elaboracao-do-texto.pdf

Ação Propositiva: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/F2NAvJfFr5Ev6h8WDSsCJQdDXEM5EsY6QMAW99EYkwAB3YS6xbt9mpH4kDVj/geo6-12und10-acao-propositiva.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso queira, substitua ou inclua frases relacionadas à realidade dos rios urbanos do estado onde esse plano está sendo aplicado.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos

Orientações: Ao término do trabalho peça que cada grupo escolha uma frase do texto ou crie uma nova frase que sintetize a mensagem transmitida no texto elaborado. Cada grupo deverá ler oralmente a frase para a sala.

Exponha os textos em uma das paredes da classe.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF06GE12 de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Esta habilidade diz respeito a estudos de biodiversidade relacionando esferas das necessidades de usos de recursos naturais - água - em diferentes escalas e usos alternativos, visando a sustentabilidade, a conservação e/ou preservação ambiental, exploração, circulação (fluxos), transformação e consumo de recursos naturais.

A aplicação desse plano possibilita, também, resgatar e ampliar outros conhecimentos desenvolvidos na habilidade EF06GE04.

São inúmeras as cidades no Brasil e no mundo que se originaram às margens de um rio. São Paulo, Porto Alegre, Recife, Paris, Londres, Nova Iorque, Buenos Aires são algumas delas. No entanto, nem todas conseguiram manter uma relação harmoniosa com os seus mananciais. De aliado, que fornecia água, alimento, meio de transporte e lazer; em muitas cidades os rios foram transformados em depósitos de esgoto e lixo, suas margens foram desmatadas, seus cursos foram retificados e suas várzeas ocupadas. Como consequência deste total descaso, esses mesmos rios, que no passado facilitaram o nascimento e o desenvolvimentos das cidades, encontram-se hoje totalmente descaracterizados ou mesmo escondidos sob grandes avenidas.

Neste plano, os alunos, em trios, irão conhecer e discutir as condições atuais de grande parte dos rios urbanos brasileiros. Com base na discussão e também em seis frases que receberão do professor, os trios deverão elaborar um texto denúncia.

As frases devem ser impressas e selecionadas pelo professor com antecedência.

Materiais necessários: Datashow, caneta, caderno, lápis, borracha, uma folha pautada e 6 frases impressas, por trio.

Preparação das frases a serem entregues para os alunos: imprima o arquivo (disponível no material complementar) e recorte as frases conforme orientação. O número de frases impressas deverá levar em conta o número de trios que se formarão e também o fato de que cada trio receberá 6 diferentes frases. Faça diferentes composições de frases por trios, o que implicará em uma maior diversidade de textos.

Caso queira, substitua ou inclua frases relacionadas à realidade dos rios urbanos do estado onde esse plano está sendo aplicado.

Material complementar:

GEO6_12UND10 - Frases elaboração do texto: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/zYAy6vKysezCQvCt8K8hqxvkvACsEvn4QyCkbrajmuPmDNXDPtEFu3NcyPe7/geo6-12und10-frases-para-elaboracao-do-texto.pdf

GEO6_12UND10 - Contextualização:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/eXBdpN95SwtBa8UyGEQQsRSq5RfSCEGUgrPr5t7rm8GasPH4WC4ZYhvVEzQY/geo6-12und10-contextualizacao.pdf

GEO6_12UND10 - Problematização:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qsHBQZXkw7ubQd5d3jUdCUQ7xxX7VT6WHDjZt8cdaghwnzvnbNpRCmKgUksh/geo6-12und10-problematizacao.pdf

GEO6_12UND10 - Ação Propositiva:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/F2NAvJfFr5Ev6h8WDSsCJQdDXEM5EsY6QMAW99EYkwAB3YS6xbt9mpH4kDVj/geo6-12und10-acao-propositiva.pdf

Link para o vídeo:

Córrego do Ipiranga é retrato da contradição da cidade de SP. G1. Disponível em: <http://g1.globo.com/videos/v/g1/6131673/>. Acesso em: 17 mar 2019.

ENTRE RIOS - a urbanização de São Paulo. 2011 (25min10seg). Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=Fwh-cZfWNIc>. Acesso em: 07 mar 2019.

Para você saber mais:

ASSAD, Leonor. Cidades nascem abraçadas a seus rios, mas lhes viram as costas no crescimento. Cienc. Cult. [online]. 2013, vol.65, n.2 [cited 2019-04-30], pp.06-09. Disponível em:

<http://cienciaecultura.bvs.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0009-67252013000200003>. Acesso em: 04 mar 2019.

GOUVEIA, Isabel Cristina Moroz-Caccia. A cidade de São Paulo e seus rios: uma história repleta de paradoxos. Confins [Online], 27, 2016. Disponível em: <https://journals.openedition.org/confins/10884?lang=pt>. Acesso em: 04 mar 2019.

· MACHADO, Nélio Soares. Rio urbanos, a complexa relação entre as cidades e os rios. Portal Educação. Disponível em:

<https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/administracao/a-complexa-relacao-entre-as-cidades-e-os-rios/73372>. Acesso em: 04 mar 2019.

MARQUES, Itaiara et al. A percepção dos moradores da região em torno do Rio dos Seixos e do Rio das Pedras e a relação da população com os rios de Salvador. Disponível em: <http://www.acquacon.com.br/cobesa/apresentacoes/pap/pap001791.pdf>. Acesso em: 05 mar 2019.

· SANTOS, Sílvio dos. As cidades e seus rios. Disponível em: <https://portogente.com.br/noticias/opiniao/97348-as-cidades-e-seus-rios>. Acesso em: 05 mar 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Apresente o tema para a turma, projetando o slide, escrevendo no quadro ou falando. Em seguida, explique que na aula de hoje eles vão discutir que devido ao crescimento das cidades, e em nome do progresso, os rios foram sendo poluídos, descaracterizados e mesmo ocultados da paisagem urbana.

Os alunos elaborarão um texto em grupo abordando esta temática.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 11 minutos

Orientações: Projete ou imprima de forma ampliada as imagens dos slides 3, 4 e 5 e apresente-os um a um para a turma.

A cada imagem apresentada auxilie na interpretação fazendo alguns questionamentos.

Para o slide 3, pergunte:

  • Qual a situação desse córrego?
  • Quem é responsável por essa situação?
  • Como deve ser viver nesse local? Essas casas deveriam estar aí? Por quê?
  • Existe no município que vocês vivem um córrego nessa situação? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

Atualmente, 43% da população brasileira vive em cidades sem rede de tratamento de esgoto. Nas periferias dessas cidades, devido ao acesso restrito à coleta de lixo e ao saneamento básico, tanto o lixo como o esgoto, sem nenhum tratamento, são lançados diretamente nos córregos e rios. Esses ambientes aquáticos poluídos são responsáveis pela proliferação de diversas doenças.

Para o slide 4, pergunte:

  • Que tipo de intervenção ocorreu nesse rio?
  • É comum esse tipo de solução para os rios urbanos? Por quê?
  • No município que vocês vivem existe um rio canalizado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem mostra um rio canalizado, em Belém, no estado do Pará.

Obras de retificação do curso, concretagem das margens e aprofundamento do leito são extremamente comuns nos rios urbanos brasileiros. Essas transformações têm vários objetivos, por exemplo: evitar enchentes e desmoronamento das margens, construir avenidas etc.

Para o slide 5 pergunte:

  • Onde está o rio nessa imagem?
  • Por que o rio foi enterrado?
  • Existe no seu município algum rio que foi enterrado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem de satélite, de parte de uma avenida na capital paulista, mostra um tipo de “solução”, adotada nas grandes cidades, que é enterrar seus rios e aproveitar a topografia plana de seus cursos para construírem sobre eles grandes avenidas.

Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/eXBdpN95SwtBa8UyGEQQsRSq5RfSCEGUgrPr5t7rm8GasPH4WC4ZYhvVEzQY/geo6-12und10-contextualizacao.pdf

Como adequar à sua realidade:

Inclua no plano informações dos rios urbanos de municípios do estado onde a escola está inserida.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou imprima de forma ampliada as imagens dos slides 3, 4 e 5 e apresente-os um a um para a turma.

A cada imagem apresentada auxilie na interpretação fazendo alguns questionamentos.

Para o slide 3, pergunte:

  • Qual a situação desse córrego?
  • Quem é responsável por essa situação?
  • Como deve ser viver nesse local? Essas casas deveriam estar aí? Por quê?
  • Existe no município que vocês vivem um córrego nessa situação? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

Atualmente, 43% da população brasileira vive em cidades sem rede de tratamento de esgoto. Nas periferias dessas cidades, devido ao acesso restrito à coleta de lixo e ao saneamento básico, tanto o lixo como o esgoto, sem nenhum tratamento, são lançados diretamente nos córregos e rios. Esses ambientes aquáticos poluídos são responsáveis pela proliferação de diversas doenças.

Para o slide 4, pergunte:

  • Que tipo de intervenção ocorreu nesse rio?
  • É comum esse tipo de solução para os rios urbanos? Por quê?
  • No município que vocês vivem existe um rio canalizado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem mostra um rio canalizado, em Belém, no estado do Pará.

Obras de retificação do curso, concretagem das margens e aprofundamento do leito são extremamente comuns nos rios urbanos brasileiros. Essas transformações têm vários objetivos, por exemplo: evitar enchentes e desmoronamento das margens, construir avenidas etc.

Para o slide 5 pergunte:

  • Onde está o rio nessa imagem?
  • Por que o rio foi enterrado?
  • Existe no seu município algum rio que foi enterrado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem de satélite, de parte de uma avenida na capital paulista, mostra um tipo de “solução”, adotada nas grandes cidades, que é enterrar seus rios e aproveitar a topografia plana de seus cursos para construírem sobre eles grandes avenidas.

Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/eXBdpN95SwtBa8UyGEQQsRSq5RfSCEGUgrPr5t7rm8GasPH4WC4ZYhvVEzQY/geo6-12und10-contextualizacao.pdf

Como adequar à sua realidade:

Inclua no plano informações dos rios urbanos de municípios do estado onde a escola está inserida.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou imprima de forma ampliada as imagens dos slides 3, 4 e 5 e apresente-os um a um para a turma.

A cada imagem apresentada auxilie na interpretação fazendo alguns questionamentos.

Para o slide 3, pergunte:

  • Qual a situação desse córrego?
  • Quem é responsável por essa situação?
  • Como deve ser viver nesse local? Essas casas deveriam estar aí? Por quê?
  • Existe no município que vocês vivem um córrego nessa situação? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

Atualmente, 43% da população brasileira vive em cidades sem rede de tratamento de esgoto. Nas periferias dessas cidades, devido ao acesso restrito à coleta de lixo e ao saneamento básico, tanto o lixo como o esgoto, sem nenhum tratamento, são lançados diretamente nos córregos e rios. Esses ambientes aquáticos poluídos são responsáveis pela proliferação de diversas doenças.

Para o slide 4, pergunte:

  • Que tipo de intervenção ocorreu nesse rio?
  • É comum esse tipo de solução para os rios urbanos? Por quê?
  • No município que vocês vivem existe um rio canalizado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem mostra um rio canalizado, em Belém, no estado do Pará.

Obras de retificação do curso, concretagem das margens e aprofundamento do leito são extremamente comuns nos rios urbanos brasileiros. Essas transformações têm vários objetivos, por exemplo: evitar enchentes e desmoronamento das margens, construir avenidas etc.

Para o slide 5 pergunte:

  • Onde está o rio nessa imagem?
  • Por que o rio foi enterrado?
  • Existe no seu município algum rio que foi enterrado? Se existe ou não existe, pergunte a causa.

A imagem de satélite, de parte de uma avenida na capital paulista, mostra um tipo de “solução”, adotada nas grandes cidades, que é enterrar seus rios e aproveitar a topografia plana de seus cursos para construírem sobre eles grandes avenidas.

Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/eXBdpN95SwtBa8UyGEQQsRSq5RfSCEGUgrPr5t7rm8GasPH4WC4ZYhvVEzQY/geo6-12und10-contextualizacao.pdf

Como adequar à sua realidade:

Inclua no plano informações dos rios urbanos de municípios do estado onde a escola está inserida.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos

Orientações: Fale, imprima para os alunos ou escreva no quadro o texto da problematização. Após a leitura apresente o vídeo (disponível abaixo) que mostra a situação do histórico Córrego do Ipiranga na capital paulista. Faça o download do vídeo previamente caso não tenha internet disponível na sua escola.

Discuta com a turma se o que viram no vídeo pode ser considerado um exemplo de como a cidade se relaciona com seus rios.

Pergunte:

  • Qual é a situação do córrego apresentado no vídeo?
  • Qual a percepção das pessoas em relação a ele?
  • A reportagem apresenta alguma solução para que o rio seja devolvido para a cidade?

A reportagem aborda a condição do córrego do Ipiranga na capital paulista. Cenário do “Grito da Independência do Brasil” esse é um dos muitos riachos canalizados e poluídos da cidade. Suas nascentes encontram-se protegidas no Parque Estadual Fontes do Ipiranga mas no seu curto trajeto, até o Rio Tamanduateí, vai ganhando lixo e dejetos industriais e domésticos. O córrego, que no passado chegou a abastecer parte da população da capital, hoje é motivo de preocupação devido ao mau cheiro e frequentes episódios de alagamentos e inundações.

Após comentarem sobre a reportagem, explique que eles vão se organizar em trios para elaborarem um texto denúncia da situação dos rios urbanos brasileiros, a partir da afirmação da professora Gercinair: “muitas cidades que nascem voltadas para os rios acabam virando-lhes as costas”.

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qsHBQZXkw7ubQd5d3jUdCUQ7xxX7VT6WHDjZt8cdaghwnzvnbNpRCmKgUksh/geo6-12und10-problematizacao.pdf

Link para o vídeo:

Córrego do Ipiranga é retrato da contradição da cidade de SP. G1. Disponível em: . Acesso em: 17 mar 2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Fale, imprima para os alunos ou escreva no quadro o texto da problematização. Após a leitura apresente o vídeo (disponível abaixo) que mostra a situação do histórico Córrego do Ipiranga na capital paulista. Faça o download do vídeo previamente caso não tenha internet disponível na sua escola.

Discuta com a turma se o que viram no vídeo pode ser considerado um exemplo de como a cidade se relaciona com seus rios.

Pergunte:

  • Qual é a situação do córrego apresentado no vídeo?
  • Qual a percepção das pessoas em relação a ele?
  • A reportagem apresenta alguma solução para que o rio seja devolvido para a cidade?

A reportagem aborda a condição do córrego do Ipiranga na capital paulista. Cenário do “Grito da Independência do Brasil” esse é um dos muitos riachos canalizados e poluídos da cidade. Suas nascentes encontram-se protegidas no Parque Estadual Fontes do Ipiranga mas no seu curto trajeto, até o Rio Tamanduateí, vai ganhando lixo e dejetos industriais e domésticos. O córrego, que no passado chegou a abastecer parte da população da capital, hoje é motivo de preocupação devido ao mau cheiro e frequentes episódios de alagamentos e inundações.

Após comentarem sobre a reportagem, explique que eles vão se organizar em trios para elaborarem um texto denúncia da situação dos rios urbanos brasileiros, a partir da afirmação da professora Gercinair: “muitas cidades que nascem voltadas para os rios acabam virando-lhes as costas”.

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qsHBQZXkw7ubQd5d3jUdCUQ7xxX7VT6WHDjZt8cdaghwnzvnbNpRCmKgUksh/geo6-12und10-problematizacao.pdf

Link para o vídeo:

Córrego do Ipiranga é retrato da contradição da cidade de SP. G1. Disponível em: . Acesso em: 17 mar 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 17 minutos

Orientações: Organize a sala em trios, entregue para cada trio 6 frases impressas e previamente selecionadas e recortadas, o texto da problematização, também impresso, e projete as orientações da ação propositiva. Caso não seja possível projetar, imprima o documento com as ações ou explique oralmente.

Explique que eles devem ler as frases, lembrar o que viram no vídeo e em seguida voltar à questão levantada na problematização. Em seguida, discutir, planejar e depois elaborar um texto denúncia a partir da afirmação: “muitas cidades que nascem voltadas para os rios acabam virando-lhes as costas.”

Diga que eles podem transcrever (copiar) e/ou fazerem paráfrases das frases que acharem importantes e também criarem novas informações. Explique que parafrasear é dar uma nova interpretação do sentido de um texto usando outras palavras. Lembre à turma que informações do vídeo também devem estar presentes no texto.

Lembre-os que devem fazer um rascunho, ler o rascunho e só depois copiar o texto na folha pautada. E também devem criar um título para o texto e colocar os nomes dos autores.

Preparação das frases a serem entregues para os alunos.

Imprima o arquivo Frases para elaboração do texto e recorte as frases conforme orientação. O número de frases impressas deverá levar em conta o número de trios que se formarão e também o fato de que cada trio receberá 6 diferentes frases. Faça diferentes composições de frases trios, o que implicará em uma maior diversidade de textos.

Caso queira, substitua ou inclua frases relacionadas à realidade dos rios urbanos do estado onde esse plano está sendo aplicado.

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qsHBQZXkw7ubQd5d3jUdCUQ7xxX7VT6WHDjZt8cdaghwnzvnbNpRCmKgUksh/geo6-12und10-problematizacao.pdf

Frases para elaboração do texto: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/zYAy6vKysezCQvCt8K8hqxvkvACsEvn4QyCkbrajmuPmDNXDPtEFu3NcyPe7/geo6-12und10-frases-para-elaboracao-do-texto.pdf

Ação Propositiva: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/F2NAvJfFr5Ev6h8WDSsCJQdDXEM5EsY6QMAW99EYkwAB3YS6xbt9mpH4kDVj/geo6-12und10-acao-propositiva.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso queira, substitua ou inclua frases relacionadas à realidade dos rios urbanos do estado onde esse plano está sendo aplicado.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos

Orientações: Ao término do trabalho peça que cada grupo escolha uma frase do texto ou crie uma nova frase que sintetize a mensagem transmitida no texto elaborado. Cada grupo deverá ler oralmente a frase para a sala.

Exponha os textos em uma das paredes da classe.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Unidade do 6º ano :

MAIS AULAS DE Geografia do 6º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF06GE12 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Geografia

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano