16754
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Geografia > 6º ano > O sujeito e seu lugar no mundo

Plano de aula - Povos quilombolas - quem são e onde estão aqui no Brasil?

Plano de aula de Geografia com atividades para 6º ano do Fundamental sobre compreender onde se localizam os quilombolas, sua cultura e como se relacionam com a paisagem.

Plano 04 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Mariana De Paula Costa Moraes Carrasco

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade (EF06GE02) de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes. O objetivo da aula é mostrar aos alunos o conceito de quilombo e as diferentes comunidades que existem no Brasil atualmente, analisando as paisagens em que as comunidades estão inseridas e a relação entre quilombolas e paisagem. além disso, também será compreendido a necessidade e a importância de preservar a cultura quilombola. Caso não seja possível projetar as etapas contidas nos slides da aula, escreva-os ou fale sobre eles.

Materiais necessários: folhas de sulfite, régua, lápis de cor

Material complementar:

As imagens que serão utilizadas na etapa Contextualização, estão disponíveis no link: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/7jhyeh3PZp6sgSwjmQQpBvgc9AZWjxQAYpp8UrcBER8Tq66RHZZJbXwJ4TNk/geo6-02und04-contextualizacao-imagens.pdf

Para você saber mais:

  • Site da Fundação Palmares que mostra o panorama geral da situação e das características das comunidades quilombolas brasileiras. Disponível no link: http://www.palmares.gov.br/ Acesso: 31/01/2019
  • Quilombo Sacopã resiste há 105 anos em meio a prédios e mansões na Lagoa. Disponível em: https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/quilombo-sacopa-resiste-ha-105-anos-em-meio-a-predios-e-mansoes-na-lagoa-video.ghtml - Acesso 31/01/2019
  • CONCEITO DE QUILOMBO: áreas onde se localizavam os escravizados que conseguiam fugir das fazendas. Nestas terras, os escravizados construíram fazendas comunitárias onde se ajudam e acolhiam outros escravos que conseguiam fugir.
  • CONCEITO DE QUILOMBOLA: povos que vivem em Quilombos e/ou que se auto definem/atribuem como tal, não sendo necessariamente todo descendente de escravizados quilombolas.
  • QUILOMBO RURAL: eram as terras bem afastadas das cidades, onde os escravos construíam suas vidas. São áreas mais afastadas, geralmente escondidas nas matas. Hoje estão em áreas rurais dos municípios.
  • QUILOMBO URBANO: eram as terras mais próximas das cidades, ou mesmo dentro delas, como alguns casos como no Rio de Janeiro do final do século XIX, onde os escravizados se escondiam para ter chances de trabalhar nos grandes centros.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Para expor o tema da aula, projete o tema de aula para os alunos ou, caso não seja possível, escreva na lousa ou fale para a turma. Em seguida, faça algumas perguntas rápidas que estejam relacionadas a formação de quilombos no Brasil:

  • você já ouviu falar da escravidão?
  • quem veio para o Brasil como escravizado?
  • como era a vida dos escravizados?

Espera-se que os alunos já tenham uma ideia da escravidão e de quão danosa ela foi para os africanos escravizados no Brasil.

Como adequar à sua realidade: caso haja uma comunidade quilombola em sua cidade, ou for possível uma visita a um município próximo, busque levar os alunos.

Para você saber mais:

Território e tradição. de Licia Rubinstein. Disponível em

https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/media/com_mediaibge/arquivos/99824c28d40d5c38987a16ba9dacc487.pdf. Acesso em: 15 de janeiro de 2019

Territórios remanescentes de quilombos. Disponível em: https://uc.socioambiental.org/territ%C3%B3rios-de-ocupa%C3%A7%C3%A3o-tradicional/territ%C3%B3rios-remanescentes-de-quilombos. Acesso em: 19 de janeiro de 2019.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Projete as frases dos slides 3 e 4 e a imagem do slide 5 para os alunos. No primeiro slide desta etapa há a definição de quilombo. Leia com os alunos em voz alta e faça as seguintes perguntas, que ajudarão os alunos a compreender a importância dos quilombos e a razão deles terem sido criados

  • por que se organizar em quilombos eram importante para os escravizados? (Resposta esperada: para se proteger, garantir sua cultura e se livrar do trabalho escravo)
  • por que os escravizados queriam fugir das fazendas? (Resposta esperada: queriam ter a sua liberdade, trabalhar e receber por isso. Não queriam continuar sendo torturados.)
  • por que era importante ajudar outros escravizados a fugir? (Resposta esperada: quanto mais escravizados nos quilombos, mais proteção e mais pessoas livres para poderem fazer o que bem desejarem, inclusive ganharem dinheiro com seu trabalho)

No segundo slide, há a definição de quilombolas. Trabalhe com os alunos a ideia de que muitos quilombos prosperaram. Alguns desses quilombos existem até hoje e se apresentam como comunidades quilombolas, onde os descendentes de escravizados buscam preservar a sua cultura e garantir suas terras. Neste momento, ressalte com os alunos que a nossa Constituição garante que as terras quilombolas devem existir e devem ser protegidas e garantidas pelo governo. Neste momento, pergunte aos alunos:

  • por que é importante preservar as comunidades quilombolas? (Resposta esperada: a principal importância é preservar a cultura desse povo.)

No terceiro slide, há uma imagem de um quilombo. Mostre a imagem para os alunos e peça para os alunos identificarem as principais características da paisagem que encontram: muitas áreas verdes, casas de madeira, presença de energia elétrica.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete as frases dos slides 3 e 4 e a imagem do slide 5 para os alunos. No primeiro slide desta etapa há a definição de quilombo. Leia com os alunos em voz alta e faça as seguintes perguntas, que ajudarão os alunos a compreender a importância dos quilombos e a razão deles terem sido criados

  • por que se organizar em quilombos eram importante para os escravizados? (Resposta esperada: para se proteger, garantir sua cultura e se livrar do trabalho escravo)
  • por que os escravizados queriam fugir das fazendas? (Resposta esperada: queriam ter a sua liberdade, trabalhar e receber por isso. Não queriam continuar sendo torturados.)
  • por que era importante ajudar outros escravizados a fugir? (Resposta esperada: quanto mais escravizados nos quilombos, mais proteção e mais pessoas livres para poderem fazer o que bem desejarem, inclusive ganharem dinheiro com seu trabalho)

No segundo slide, há a definição de quilombolas. Trabalhe com os alunos a ideia de que muitos quilombos prosperaram. Alguns desses quilombos existem até hoje e se apresentam como comunidades quilombolas, onde os descendentes de escravizados buscam preservar a sua cultura e garantir suas terras. Neste momento, ressalte com os alunos que a nossa Constituição garante que as terras quilombolas devem existir e devem ser protegidas e garantidas pelo governo. Neste momento, pergunte aos alunos:

  • por que é importante preservar as comunidades quilombolas? (Resposta esperada: a principal importância é preservar a cultura desse povo.)

No terceiro slide, há uma imagem de um quilombo. Mostre a imagem para os alunos e peça para os alunos identificarem as principais características da paisagem que encontram: muitas áreas verdes, casas de madeira, presença de energia elétrica.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete as frases dos slides 3 e 4 e a imagem do slide 5 para os alunos. No primeiro slide desta etapa há a definição de quilombo. Leia com os alunos em voz alta e faça as seguintes perguntas, que ajudarão os alunos a compreender a importância dos quilombos e a razão deles terem sido criados

  • por que se organizar em quilombos eram importante para os escravizados? (Resposta esperada: para se proteger, garantir sua cultura e se livrar do trabalho escravo)
  • por que os escravizados queriam fugir das fazendas? (Resposta esperada: queriam ter a sua liberdade, trabalhar e receber por isso. Não queriam continuar sendo torturados.)
  • por que era importante ajudar outros escravizados a fugir? (Resposta esperada: quanto mais escravizados nos quilombos, mais proteção e mais pessoas livres para poderem fazer o que bem desejarem, inclusive ganharem dinheiro com seu trabalho)

No segundo slide, há a definição de quilombolas. Trabalhe com os alunos a ideia de que muitos quilombos prosperaram. Alguns desses quilombos existem até hoje e se apresentam como comunidades quilombolas, onde os descendentes de escravizados buscam preservar a sua cultura e garantir suas terras. Neste momento, ressalte com os alunos que a nossa Constituição garante que as terras quilombolas devem existir e devem ser protegidas e garantidas pelo governo. Neste momento, pergunte aos alunos:

  • por que é importante preservar as comunidades quilombolas? (Resposta esperada: a principal importância é preservar a cultura desse povo.)

No terceiro slide, há uma imagem de um quilombo. Mostre a imagem para os alunos e peça para os alunos identificarem as principais características da paisagem que encontram: muitas áreas verdes, casas de madeira, presença de energia elétrica.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Nesta etapa da aula é esperado que os alunos consigam compreender as diferenças entre quilombos rurais e urbanos e a dinâmica de surgimento deles. Para tanto, é necessário que haja uma breve explicação da diferença entre esses quilombos (a explicação encontra-se no “Para você saber mais”).

Após explicar para os alunos as diferenças entre os dois tipos de quilombo, projete a primeira imagem e pergunte a eles qual o tipo de quilombo a ela representa. A primeira imagem é de um quilombo rural. Peça para os alunos identificarem alguma característica da paisagem que identifique o quilombo como rural: a principal característica seria que o quilombo parece estar bem afastado da área urbana.

Em seguida, projete o mapa e a imagem do quilombo Sacopã, um dos principais quilombos urbanos do Brasil, localizado no Rio de Janeiro (há uma reportagem que explica mais sobre o quilombo no “Para você saber mais” desta etapa). Pergunte aos alunos qual o tipo de quilombo e peça para identificarem qual característica da paisagem identifica esse tipo de quilombo: o quilombo está localizado no meio da área urbana da cidade do Rio de Janeiro.

A partir então do questionamento apresentado, discuta com os alunos que alguns quilombos urbanos já foram quilombos rurais na época de seu surgimento. Entretanto, há alguns casos que os quilombos eram dentro das cidades mesmo, onde os escravizados já trabalhavam em determinadas atividades urbanas da época (empregado doméstico, construção civil, etc) e nas fugas se escondiam nos quilombos que eram formados dentro do urbano, principalmente no Rio de Janeiro e Salvador.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Nesta etapa da aula é esperado que os alunos consigam compreender as diferenças entre quilombos rurais e urbanos e a dinâmica de surgimento deles. Para tanto, é necessário que haja uma breve explicação da diferença entre esses quilombos (a explicação encontra-se no “Para você saber mais”).

Após explicar para os alunos as diferenças entre os dois tipos de quilombo, projete a primeira imagem e pergunte a eles qual o tipo de quilombo a ela representa. A primeira imagem é de um quilombo rural. Peça para os alunos identificarem alguma característica da paisagem que identifique o quilombo como rural: a principal característica seria que o quilombo parece estar bem afastado da área urbana.

Em seguida, projete o mapa e a imagem do quilombo Sacopã, um dos principais quilombos urbanos do Brasil, localizado no Rio de Janeiro (há uma reportagem que explica mais sobre o quilombo no “Para você saber mais” desta etapa). Pergunte aos alunos qual o tipo de quilombo e peça para identificarem qual característica da paisagem identifica esse tipo de quilombo: o quilombo está localizado no meio da área urbana da cidade do Rio de Janeiro.

A partir então do questionamento apresentado, discuta com os alunos que alguns quilombos urbanos já foram quilombos rurais na época de seu surgimento. Entretanto, há alguns casos que os quilombos eram dentro das cidades mesmo, onde os escravizados já trabalhavam em determinadas atividades urbanas da época (empregado doméstico, construção civil, etc) e nas fugas se escondiam nos quilombos que eram formados dentro do urbano, principalmente no Rio de Janeiro e Salvador.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Nesta etapa da aula é esperado que os alunos consigam compreender as diferenças entre quilombos rurais e urbanos e a dinâmica de surgimento deles. Para tanto, é necessário que haja uma breve explicação da diferença entre esses quilombos (a explicação encontra-se no “Para você saber mais”).

Após explicar para os alunos as diferenças entre os dois tipos de quilombo, projete a primeira imagem e pergunte a eles qual o tipo de quilombo a ela representa. A primeira imagem é de um quilombo rural. Peça para os alunos identificarem alguma característica da paisagem que identifique o quilombo como rural: a principal característica seria que o quilombo parece estar bem afastado da área urbana.

Em seguida, projete o mapa e a imagem do quilombo Sacopã, um dos principais quilombos urbanos do Brasil, localizado no Rio de Janeiro (há uma reportagem que explica mais sobre o quilombo no “Para você saber mais” desta etapa). Pergunte aos alunos qual o tipo de quilombo e peça para identificarem qual característica da paisagem identifica esse tipo de quilombo: o quilombo está localizado no meio da área urbana da cidade do Rio de Janeiro.

A partir então do questionamento apresentado, discuta com os alunos que alguns quilombos urbanos já foram quilombos rurais na época de seu surgimento. Entretanto, há alguns casos que os quilombos eram dentro das cidades mesmo, onde os escravizados já trabalhavam em determinadas atividades urbanas da época (empregado doméstico, construção civil, etc) e nas fugas se escondiam nos quilombos que eram formados dentro do urbano, principalmente no Rio de Janeiro e Salvador.

Ação Propositiva select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos

Orientações: Divida a sala em grupos de até 6 integrantes. Projete ou escreva no quadro a frase acima.

Com base nas respostas que os alunos apresentaram na etapa anterior da aula, peça que agora o grupo pense em duas maneiras de preservar um quilombo urbano. Suas reflexões deverão ser anotadas no caderno. Defina com os grupos um redator das opiniões para apresentar oralmente para a turma. Anote as reflexões na lousa.

Ressalte com os alunos que a preservação da cultura e do território em um quilombo urbano se torna mais difícil , pois quanto mais afastado das áreas urbanas, mais fácil a preservação da cultura, o que não significa que os quilombos urbanos não preservem sua cultura. A questão é que quando estão inseridos nas cidades se torna mais difícil, pois há maior contato com a sociedade atual, que por muitas vezes, pode não respeitar o território do quilombo e sua história.

Podem aparecer diversas maneiras de preservação como:

  • garantir que a Constituição seja seguida e o território preservado
  • festas e feiras que promovam a cultura dos quilombolas
  • venda de artesanatos dos quilombolas
  • preservação da área verde próximo aos quilombos
  • ações dentro do quilombo que promovam a sua importância

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 16 minutos

Orientações: Mantenha a sala nos grupos. Entregue uma folha de sulfite para cada grupo. Projete o slide para a sala.

Peça para que os grupos montem uma propaganda que divulgue a importância da preservação dos quilombos. Neste caso, não há a necessidade de ser apenas do quilombo urbano, o grupo fica livre para escolher qual o tipo de quilombo gostaria falar.

A propaganda deve conter:

  • uma frase de efeito: que chame atenção para o caso
  • um desenho que mostre a importância da preservação ou alguma característica do quilombo
  • uma frase que mostre a razão para preservar

Escreva no quadro os tópicos acima para que todas as propagandas sigam o mesmo modelo.

Após a realização da atividade, peça para os grupos explicarem brevemente a sua propaganda.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade (EF06GE02) de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes. O objetivo da aula é mostrar aos alunos o conceito de quilombo e as diferentes comunidades que existem no Brasil atualmente, analisando as paisagens em que as comunidades estão inseridas e a relação entre quilombolas e paisagem. além disso, também será compreendido a necessidade e a importância de preservar a cultura quilombola. Caso não seja possível projetar as etapas contidas nos slides da aula, escreva-os ou fale sobre eles.

Materiais necessários: folhas de sulfite, régua, lápis de cor

Material complementar:

As imagens que serão utilizadas na etapa Contextualização, estão disponíveis no link: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/7jhyeh3PZp6sgSwjmQQpBvgc9AZWjxQAYpp8UrcBER8Tq66RHZZJbXwJ4TNk/geo6-02und04-contextualizacao-imagens.pdf

Para você saber mais:

  • Site da Fundação Palmares que mostra o panorama geral da situação e das características das comunidades quilombolas brasileiras. Disponível no link: http://www.palmares.gov.br/ Acesso: 31/01/2019
  • Quilombo Sacopã resiste há 105 anos em meio a prédios e mansões na Lagoa. Disponível em: https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/quilombo-sacopa-resiste-ha-105-anos-em-meio-a-predios-e-mansoes-na-lagoa-video.ghtml - Acesso 31/01/2019
  • CONCEITO DE QUILOMBO: áreas onde se localizavam os escravizados que conseguiam fugir das fazendas. Nestas terras, os escravizados construíram fazendas comunitárias onde se ajudam e acolhiam outros escravos que conseguiam fugir.
  • CONCEITO DE QUILOMBOLA: povos que vivem em Quilombos e/ou que se auto definem/atribuem como tal, não sendo necessariamente todo descendente de escravizados quilombolas.
  • QUILOMBO RURAL: eram as terras bem afastadas das cidades, onde os escravos construíam suas vidas. São áreas mais afastadas, geralmente escondidas nas matas. Hoje estão em áreas rurais dos municípios.
  • QUILOMBO URBANO: eram as terras mais próximas das cidades, ou mesmo dentro delas, como alguns casos como no Rio de Janeiro do final do século XIX, onde os escravizados se escondiam para ter chances de trabalhar nos grandes centros.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Para expor o tema da aula, projete o tema de aula para os alunos ou, caso não seja possível, escreva na lousa ou fale para a turma. Em seguida, faça algumas perguntas rápidas que estejam relacionadas a formação de quilombos no Brasil:

  • você já ouviu falar da escravidão?
  • quem veio para o Brasil como escravizado?
  • como era a vida dos escravizados?

Espera-se que os alunos já tenham uma ideia da escravidão e de quão danosa ela foi para os africanos escravizados no Brasil.

Como adequar à sua realidade: caso haja uma comunidade quilombola em sua cidade, ou for possível uma visita a um município próximo, busque levar os alunos.

Para você saber mais:

Território e tradição. de Licia Rubinstein. Disponível em

https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/media/com_mediaibge/arquivos/99824c28d40d5c38987a16ba9dacc487.pdf. Acesso em: 15 de janeiro de 2019

Territórios remanescentes de quilombos. Disponível em: https://uc.socioambiental.org/territ%C3%B3rios-de-ocupa%C3%A7%C3%A3o-tradicional/territ%C3%B3rios-remanescentes-de-quilombos. Acesso em: 19 de janeiro de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Projete as frases dos slides 3 e 4 e a imagem do slide 5 para os alunos. No primeiro slide desta etapa há a definição de quilombo. Leia com os alunos em voz alta e faça as seguintes perguntas, que ajudarão os alunos a compreender a importância dos quilombos e a razão deles terem sido criados

  • por que se organizar em quilombos eram importante para os escravizados? (Resposta esperada: para se proteger, garantir sua cultura e se livrar do trabalho escravo)
  • por que os escravizados queriam fugir das fazendas? (Resposta esperada: queriam ter a sua liberdade, trabalhar e receber por isso. Não queriam continuar sendo torturados.)
  • por que era importante ajudar outros escravizados a fugir? (Resposta esperada: quanto mais escravizados nos quilombos, mais proteção e mais pessoas livres para poderem fazer o que bem desejarem, inclusive ganharem dinheiro com seu trabalho)

No segundo slide, há a definição de quilombolas. Trabalhe com os alunos a ideia de que muitos quilombos prosperaram. Alguns desses quilombos existem até hoje e se apresentam como comunidades quilombolas, onde os descendentes de escravizados buscam preservar a sua cultura e garantir suas terras. Neste momento, ressalte com os alunos que a nossa Constituição garante que as terras quilombolas devem existir e devem ser protegidas e garantidas pelo governo. Neste momento, pergunte aos alunos:

  • por que é importante preservar as comunidades quilombolas? (Resposta esperada: a principal importância é preservar a cultura desse povo.)

No terceiro slide, há uma imagem de um quilombo. Mostre a imagem para os alunos e peça para os alunos identificarem as principais características da paisagem que encontram: muitas áreas verdes, casas de madeira, presença de energia elétrica.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete as frases dos slides 3 e 4 e a imagem do slide 5 para os alunos. No primeiro slide desta etapa há a definição de quilombo. Leia com os alunos em voz alta e faça as seguintes perguntas, que ajudarão os alunos a compreender a importância dos quilombos e a razão deles terem sido criados

  • por que se organizar em quilombos eram importante para os escravizados? (Resposta esperada: para se proteger, garantir sua cultura e se livrar do trabalho escravo)
  • por que os escravizados queriam fugir das fazendas? (Resposta esperada: queriam ter a sua liberdade, trabalhar e receber por isso. Não queriam continuar sendo torturados.)
  • por que era importante ajudar outros escravizados a fugir? (Resposta esperada: quanto mais escravizados nos quilombos, mais proteção e mais pessoas livres para poderem fazer o que bem desejarem, inclusive ganharem dinheiro com seu trabalho)

No segundo slide, há a definição de quilombolas. Trabalhe com os alunos a ideia de que muitos quilombos prosperaram. Alguns desses quilombos existem até hoje e se apresentam como comunidades quilombolas, onde os descendentes de escravizados buscam preservar a sua cultura e garantir suas terras. Neste momento, ressalte com os alunos que a nossa Constituição garante que as terras quilombolas devem existir e devem ser protegidas e garantidas pelo governo. Neste momento, pergunte aos alunos:

  • por que é importante preservar as comunidades quilombolas? (Resposta esperada: a principal importância é preservar a cultura desse povo.)

No terceiro slide, há uma imagem de um quilombo. Mostre a imagem para os alunos e peça para os alunos identificarem as principais características da paisagem que encontram: muitas áreas verdes, casas de madeira, presença de energia elétrica.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete as frases dos slides 3 e 4 e a imagem do slide 5 para os alunos. No primeiro slide desta etapa há a definição de quilombo. Leia com os alunos em voz alta e faça as seguintes perguntas, que ajudarão os alunos a compreender a importância dos quilombos e a razão deles terem sido criados

  • por que se organizar em quilombos eram importante para os escravizados? (Resposta esperada: para se proteger, garantir sua cultura e se livrar do trabalho escravo)
  • por que os escravizados queriam fugir das fazendas? (Resposta esperada: queriam ter a sua liberdade, trabalhar e receber por isso. Não queriam continuar sendo torturados.)
  • por que era importante ajudar outros escravizados a fugir? (Resposta esperada: quanto mais escravizados nos quilombos, mais proteção e mais pessoas livres para poderem fazer o que bem desejarem, inclusive ganharem dinheiro com seu trabalho)

No segundo slide, há a definição de quilombolas. Trabalhe com os alunos a ideia de que muitos quilombos prosperaram. Alguns desses quilombos existem até hoje e se apresentam como comunidades quilombolas, onde os descendentes de escravizados buscam preservar a sua cultura e garantir suas terras. Neste momento, ressalte com os alunos que a nossa Constituição garante que as terras quilombolas devem existir e devem ser protegidas e garantidas pelo governo. Neste momento, pergunte aos alunos:

  • por que é importante preservar as comunidades quilombolas? (Resposta esperada: a principal importância é preservar a cultura desse povo.)

No terceiro slide, há uma imagem de um quilombo. Mostre a imagem para os alunos e peça para os alunos identificarem as principais características da paisagem que encontram: muitas áreas verdes, casas de madeira, presença de energia elétrica.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Nesta etapa da aula é esperado que os alunos consigam compreender as diferenças entre quilombos rurais e urbanos e a dinâmica de surgimento deles. Para tanto, é necessário que haja uma breve explicação da diferença entre esses quilombos (a explicação encontra-se no “Para você saber mais”).

Após explicar para os alunos as diferenças entre os dois tipos de quilombo, projete a primeira imagem e pergunte a eles qual o tipo de quilombo a ela representa. A primeira imagem é de um quilombo rural. Peça para os alunos identificarem alguma característica da paisagem que identifique o quilombo como rural: a principal característica seria que o quilombo parece estar bem afastado da área urbana.

Em seguida, projete o mapa e a imagem do quilombo Sacopã, um dos principais quilombos urbanos do Brasil, localizado no Rio de Janeiro (há uma reportagem que explica mais sobre o quilombo no “Para você saber mais” desta etapa). Pergunte aos alunos qual o tipo de quilombo e peça para identificarem qual característica da paisagem identifica esse tipo de quilombo: o quilombo está localizado no meio da área urbana da cidade do Rio de Janeiro.

A partir então do questionamento apresentado, discuta com os alunos que alguns quilombos urbanos já foram quilombos rurais na época de seu surgimento. Entretanto, há alguns casos que os quilombos eram dentro das cidades mesmo, onde os escravizados já trabalhavam em determinadas atividades urbanas da época (empregado doméstico, construção civil, etc) e nas fugas se escondiam nos quilombos que eram formados dentro do urbano, principalmente no Rio de Janeiro e Salvador.

Slide Plano Aula

Orientações: Nesta etapa da aula é esperado que os alunos consigam compreender as diferenças entre quilombos rurais e urbanos e a dinâmica de surgimento deles. Para tanto, é necessário que haja uma breve explicação da diferença entre esses quilombos (a explicação encontra-se no “Para você saber mais”).

Após explicar para os alunos as diferenças entre os dois tipos de quilombo, projete a primeira imagem e pergunte a eles qual o tipo de quilombo a ela representa. A primeira imagem é de um quilombo rural. Peça para os alunos identificarem alguma característica da paisagem que identifique o quilombo como rural: a principal característica seria que o quilombo parece estar bem afastado da área urbana.

Em seguida, projete o mapa e a imagem do quilombo Sacopã, um dos principais quilombos urbanos do Brasil, localizado no Rio de Janeiro (há uma reportagem que explica mais sobre o quilombo no “Para você saber mais” desta etapa). Pergunte aos alunos qual o tipo de quilombo e peça para identificarem qual característica da paisagem identifica esse tipo de quilombo: o quilombo está localizado no meio da área urbana da cidade do Rio de Janeiro.

A partir então do questionamento apresentado, discuta com os alunos que alguns quilombos urbanos já foram quilombos rurais na época de seu surgimento. Entretanto, há alguns casos que os quilombos eram dentro das cidades mesmo, onde os escravizados já trabalhavam em determinadas atividades urbanas da época (empregado doméstico, construção civil, etc) e nas fugas se escondiam nos quilombos que eram formados dentro do urbano, principalmente no Rio de Janeiro e Salvador.

Slide Plano Aula

Orientações: Nesta etapa da aula é esperado que os alunos consigam compreender as diferenças entre quilombos rurais e urbanos e a dinâmica de surgimento deles. Para tanto, é necessário que haja uma breve explicação da diferença entre esses quilombos (a explicação encontra-se no “Para você saber mais”).

Após explicar para os alunos as diferenças entre os dois tipos de quilombo, projete a primeira imagem e pergunte a eles qual o tipo de quilombo a ela representa. A primeira imagem é de um quilombo rural. Peça para os alunos identificarem alguma característica da paisagem que identifique o quilombo como rural: a principal característica seria que o quilombo parece estar bem afastado da área urbana.

Em seguida, projete o mapa e a imagem do quilombo Sacopã, um dos principais quilombos urbanos do Brasil, localizado no Rio de Janeiro (há uma reportagem que explica mais sobre o quilombo no “Para você saber mais” desta etapa). Pergunte aos alunos qual o tipo de quilombo e peça para identificarem qual característica da paisagem identifica esse tipo de quilombo: o quilombo está localizado no meio da área urbana da cidade do Rio de Janeiro.

A partir então do questionamento apresentado, discuta com os alunos que alguns quilombos urbanos já foram quilombos rurais na época de seu surgimento. Entretanto, há alguns casos que os quilombos eram dentro das cidades mesmo, onde os escravizados já trabalhavam em determinadas atividades urbanas da época (empregado doméstico, construção civil, etc) e nas fugas se escondiam nos quilombos que eram formados dentro do urbano, principalmente no Rio de Janeiro e Salvador.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos

Orientações: Divida a sala em grupos de até 6 integrantes. Projete ou escreva no quadro a frase acima.

Com base nas respostas que os alunos apresentaram na etapa anterior da aula, peça que agora o grupo pense em duas maneiras de preservar um quilombo urbano. Suas reflexões deverão ser anotadas no caderno. Defina com os grupos um redator das opiniões para apresentar oralmente para a turma. Anote as reflexões na lousa.

Ressalte com os alunos que a preservação da cultura e do território em um quilombo urbano se torna mais difícil , pois quanto mais afastado das áreas urbanas, mais fácil a preservação da cultura, o que não significa que os quilombos urbanos não preservem sua cultura. A questão é que quando estão inseridos nas cidades se torna mais difícil, pois há maior contato com a sociedade atual, que por muitas vezes, pode não respeitar o território do quilombo e sua história.

Podem aparecer diversas maneiras de preservação como:

  • garantir que a Constituição seja seguida e o território preservado
  • festas e feiras que promovam a cultura dos quilombolas
  • venda de artesanatos dos quilombolas
  • preservação da área verde próximo aos quilombos
  • ações dentro do quilombo que promovam a sua importância

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 16 minutos

Orientações: Mantenha a sala nos grupos. Entregue uma folha de sulfite para cada grupo. Projete o slide para a sala.

Peça para que os grupos montem uma propaganda que divulgue a importância da preservação dos quilombos. Neste caso, não há a necessidade de ser apenas do quilombo urbano, o grupo fica livre para escolher qual o tipo de quilombo gostaria falar.

A propaganda deve conter:

  • uma frase de efeito: que chame atenção para o caso
  • um desenho que mostre a importância da preservação ou alguma característica do quilombo
  • uma frase que mostre a razão para preservar

Escreva no quadro os tópicos acima para que todas as propagandas sigam o mesmo modelo.

Após a realização da atividade, peça para os grupos explicarem brevemente a sua propaganda.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE O sujeito e seu lugar no mundo do 6º ano :

MAIS AULAS DE Geografia do 6º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF06GE02 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Geografia

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano