16463
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Geografia > 9º ano > Mundo do trabalho

Plano de aula - Conservação ambiental e uso sustentável praticados por povos da Ásia e Oceania

Plano de aula de Geografia com atividades para 9º ano do Fundamental sobre abordar o modo de vida de povos que têm como filosofia de vida a conservação ambiental

Plano 01 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Cibele Oliveira

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano:

Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF09GE10 de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Esta habilidade visa analisar os impactos do processo de industrialização na produção e circulação de produtos e culturas na Europa, na Ásia e na Oceania. Em relação a esta aula especificamente o objetivo é abordar o modo de vida de grupos que fazem uso sustentável de recursos naturais mesmo diante das Revoluções Industriais ocorridas em nossa história.

Esta habilidade pode ser associada a outras, como a EF09GE04 que aborda as manifestações culturais na formação populacional, incluindo a valorização de identidades e interculturalidades regionais. E também a EF09GE11 que trata das principais características das Revoluções Industriais.

Materiais necessários: Esta aula foi preparada para ser projetada, caso sua unidade escolar não possua equipamento você deve providenciar cópia do material. Será necessário também folha tamanho A4 (branca, colorida ou reciclada); régua; lápis; lápis de cor (e/ou giz de cera, e/ou canetinhas); tesoura e cola. E, se for fácil obter, papel canson ou cartolina para confecção da capa do material produzido pelos alunos.

Material complementar:

Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/QeMZwx5EJkbvxsYA875ZMeD3v8EPjdf9F95jx887MKtdyWfsGmbqkChT7HMV/geo9-10und01-contextualizacao.pdf

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/bwqSAMKRbqUXGSnCwEeBUe8t9X5xqGGSYPeagpvUmqj359FFhYfXJwU4m2sW/geo9-10und01-problematizacao.pdf

Ação propositiva: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JCaNWBr4eHWDsb63wu5wPcTMkD8SHU6ytXs5PAFqQtYp2s8aaW5tP8jew6a8/geo9-10und01-acao-propositiva.pdf

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Wmu2zbzx2DC6dVePKYPeg4CbpRUvRbUKyBcEaQuP6Hkb9Cmg3Ns4Dc5fszTh/geo9-10und01-sistematizacao.pdf

Para você saber mais:

Em meio às transformações e impactos do processo de industrialização, que demandaram pelo uso intenso de recursos naturais, existem ainda no mundo inúmeras comunidades que buscam manter suas tradições e conservam uma relação de uso dos recursos naturais de maneira sustentável, e acabam por representar uma espécie de resistência.

Para saber um pouco mais sobre essas comunidades e até mesmo se interar da relação espiritual que elas mantêm com a natureza, leia o material a seguir. Inserimos também um texto sobre a metodologia ativa denominada de “sala de aula invertida” (flipped learning) e sobre fanzines.

FRANCISCO, Wagner de Cerqueira e. Aborígenes Australianos. Mundo Educação. Disponível em:

<https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/aborigenes-australianos.htm>. Acesso em: 22 jan. 2019.

LACERDA, Carlos de Brito. Ambiente escolar: o protagonismo do estudante com fanzines. Imaginário!, n. 6, junho/2014. Disponível em: <http://www.memorialhqpb.org/ebooks/imaginario-06-pdf/5-%20carloslacerda.pdf>. Acesso em: 24 jan. 2019.

Maoris da Nova Zelândia. Portal Oceania. Disponível em:

<https://portaloceania.com/nz-life-maoris-port.htm>. Acesso em 22 jan. 2019.

Os Dongria Kondh. Survival Brasil. Disponível em: <https://www.survivalbrasil.org/povos/dongria>. Acesso em: 22 jan. 2019.

SASSAKI, Cláudio. O que muda nas aulas quando se aplica a sala de aula invertida? Nova Escola. Disponível em:

<https://novaescola.org.br/conteudo/3376/blog-tecnologia-educacao-como-funciona-sala-de-aula-invertida>. Acesso em: 01 dez. 2018.

Contextos prévios:

É necessário que o aluno tenha compreensão da definição de uso sustentável.

Será fundamental também que eles tenham pesquisado previamente sobre um dos três grupos (maori, aborígene ou kondhs) - aula invertida/ flipped learning - e separar material (ou confeccionar) para elaborar a atividade da ação propositiva.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Fale para a turma que nesta aula eles trabalharão em trios. A temática é sobre comunidades tradicionais da Oceania e Ásia que, como uma resistência às transformações do espaço e das sociedades, que passaram por diferentes Revoluções Industriais, praticando o uso sustentável dos recursos naturais.

Como atividade os alunos farão um fanzine sobre uma das três comunidades: aborígene, kondh ou maori.

Para o desenvolvimento do fanzine é necessário que eles pesquisem, estudem e separem material para a confecção. Essa preparação prévia é baseada na metodologia ativa denominada flipped learning, ou sala de aula invertida, o aluno deve pesquisar e estudar o tema em casa para em sala de aula desenvolver uma atividade. A pesquisa e estudo prévio pode ser feito com o uso de linguagens digitais, livros, revistas, atlas e dicionários.

A fim de facilitar o acesso ao material digital, listamos abaixo sites com informações sobre as três comunidades.

Convencionou-se chamar de fanzines as revistas alternativas, que trazem textos, ilustrações e outras expressões artísticas. Geralmente um fanzine é feito com desenhos, (pode ser recorte e colagens), ilustrações, história em quadrinhos, charges, textos, podendo ainda ser feito de maneira individual ou coletiva. Geralmente o autor monta seu material/revista em folha tamanho A4 dobrada ao meio. Ele é responsável por todas as etapas do processo, da criação à distribuição (ANDRAUS, 2006).

Passe as orientações elencadas a seguir previamente para a classe:

  • É importante que eles façam a divisão dos trios antecipadamente determinando qual das três comunidade, maori, aborígene e Kondh, irão pesquisar;
  • Deixe claro que eles deverão buscar informações nos estudos e escrever no caderno (fichamento) as principais características das comunidades e aspectos do convívio harmônico e respeitoso com a natureza;
  • Devem buscar também incluir aspectos sobre os impactos do processo de industrialização no decorrer da história dessas comunidades;
  • Para o texto a ser inserido no fanzine, além das características, eles deverão anotar no caderno aspectos que consideram importantes de serem associados a essas comunidades. Eles ainda podem buscar músicas, contos e poemas;
  • É pertinente que consigam um mapa de localização da comunidade e o reproduzam para colar no fanzine;
  • Caso eles não tenham como imprimir imagens da comunidade, peçam que busquem fazer um ou dois desenhos; é fundamental que levem este material para confecção do fanzine;
  • Esclareça que eles farão a confecção de um material conjuntamente, e que, a filosofia para o desenvolvimento desse material em específico é o uso da criatividade, da troca de ideias e da fraternidade.

Sugestões de sites para pesquisa dos alunos:

Aborígenes - Austrália

FRANCISCO, Wagner de Cerqueira e. Aborígenes Australianos. Mundo Educação. Disponível em:

<https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/aborigenes-australianos.htm>. Acesso em: 22 jan. 2019.

Os aborígenes. Survival Brasil. Disponível em: <https://www.survivalbrasil.org/povos/aborigenes>. Acesso em: 24 jan. 2019.

Kondh - Índia

Os Dongria Kondh. Survival Brasil. Disponível em: <https://www.survivalbrasil.org/povos/dongria>. Acesso em: 22 jan. 2019.

Maoris - Nova Zelândia

Maoris da Nova Zelândia. Portal Oceania. Disponível em:

<https://portaloceania.com/nz-life-maoris-port.htm>. Acesso em 22 jan. 2019.

Maori. Britannica Escola. Disponível em: <https://escola.britannica.com.br/levels/fundamental/article/maori/481829>. Acesso em: 24 jan. 2019.

Para você saber mais:

ANDRAUS, Gazy. As Histórias em Quadrinhos como informação imagética integrada ao ensino universitário. 289 f. Tese ( Doutorado em Interfaces Sociais da Comunicação) - Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: <http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-13112008-182154/pt-br.php>.

Acesso em: 21 jan. 2019.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciadas por você). Caso não seja possível nem projetar, nem mostrar cópia, leia o texto para os alunos.

Pergunte se eles já ouviram falar dos maoris e de seu modo de vida.

Os maoris são comunidades nativas da Nova Zelândia e significa “povo original” em oposição aos colonizadores, vindos de fora, denominados por eles de “pakeha”.

Atualmente a população é estimada em 600 mil habitantes, espalhados por toda a ilha neozelandesa.

Para eles a natureza é sagrada, viva e representa vários deuses, sendo assim, o modo de vida tem um respeito profundo pelos elementos existentes em sua comunidade, já que tudo que existe tem um espírito denominado de “mana”.

Material para impressão: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/QeMZwx5EJkbvxsYA875ZMeD3v8EPjdf9F95jx887MKtdyWfsGmbqkChT7HMV/geo9-10und01-contextualizacao.pdf

Fonte da Imagem: New Zealand - Maori rowing. Wikimedia Commons. Disponível em: . Acesso em: 21 jan. 2019.

Para saber mais:

A fim de refinar o conceito sobre conservação e preservação, da qual nos utilizamos neste slide, sugerimos a leitura do material a seguir:

BALDASSIN, Paula. Diferenças entre conservação e preservação ambiental. Disponível em: <https://www.iguiecologia.com/diferenca-entre-conservacao-e-preservacao-ambiental/>. Acesso em: 28 jan. 2019.

Como adequar à sua realidade:

Questione os alunos se eles têm conhecimento de comunidades tradicionais existentes e seus estados. Caso tenha, peçam para que relatem um pouco sobre elas.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciadas por você). Caso não seja possível nem projetar, nem mostrar cópia, leia o texto para os alunos.

Pergunte se eles já ouviram falar dos aborígenes e dos kondhs e de seus modos de vidas.

Os Kondh são comunidades que vivem em área de colinas e selva. Atualmente é estimado que exista 1,8 milhões deles espalhados por áreas montanhosas e de planície (pequena parte), na região de Orissa, na Índia. Essa população ainda conserva um modo de vida tradicional, praticamente intocado por pessoas de fora. Esse isolamento em parte é devido a geografia do lugar, mas também tem como objetivo conservar e adorar seus deuses e os elementos da natureza, principalmente as colinas e os riachos.

Os aborígenes são nativos da Austrália. A estimativa é que a população atual seja de aproximadamente 750 mil indivíduos. Eles estão espalhados por inúmeras regiões do país, e assim como os maoris e kondls, estabelecem uma relação de respeito e sustentabilidade no uso dos recursos naturais.

Fonte da imagem:

Kutia Kondh House. WiKimedia Commons. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Kutia_Kondh_House.jpg>. Acesso em: 21 jan. 2018.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciadas por você).

Esta etapa tem como objetivo levar o aluno a refletir sobre os impactos negativos decorrentes da industrialização (imagem 01 - poluição) e a demanda por recursos naturais (imagem 02 - destruição de floresta).

Deixe claro que não é para os alunos responderem os questionamentos, mas sim refletir sobre eles tendo como parâmetro o que estudaram sobre as comunidades tradicionais e sua relação respeitosa com a natureza. Esta etapa tem o objetivo de instigá-los a ponderar sobre as diferentes realidades das sociedades envolvidas.

Material para impressão: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/bwqSAMKRbqUXGSnCwEeBUe8t9X5xqGGSYPeagpvUmqj359FFhYfXJwU4m2sW/geo9-10und01-problematizacao.pdf

Fonte da imagem:

Imagem 01: Usina-Indústria-Chaminé. Pixabay. Disponível em: <https://pixabay.com/pt/usina-ind%C3%BAstria-chamin%C3%A9-2411932/>. Acesso em: 25 jan. 2019.

Imagem 02: Riau deforestation 2006. Wikimedia Commons. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Riau_deforestation_2006.jpg>. Acesso em: 23 jan. 2019.

Como adequar à sua realidade:

Questione os alunos como está a conservação dos rios e se eles sabem qual a principal demanda por matéria prima de seu município.

Ação Propositiva select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 36 minutos

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciada por você), caso não seja possível, leia o texto para os alunos.

Pergunte se alguém sabe o que é um fanzine.

É importante eles saberem as principais características desse material, que acabou sendo criado com o intuito de informalmente passar informações. O autor é responsável por todo o processo de produção, que vai desde a ideia inicial, à coleta de dados/informações, diagramação, a escolha das ilustrações, número de páginas e montagem (ANDRAUS, 2006).

Diga que eles trabalharão em trios, e embora algumas características do processo de confecção não serem deles, como o tema e o número de páginas, por exemplo, eles devem ter em mente o lema: fraternidade, troca de ideias e criatividade.

Material para impressão: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JCaNWBr4eHWDsb63wu5wPcTMkD8SHU6ytXs5PAFqQtYp2s8aaW5tP8jew6a8/geo9-10und01-acao-propositiva.pdf

Fonte da imagem:

Fanzines. Wikimedia Commons. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Fanzines.jpg>. Acesso em: 21 jan. 2019.

Para você saber mais:

ANDRAUS, Gazy. As Histórias em Quadrinhos como informação imagética integrada ao ensino universitário. 289 f. Tese ( Doutorado em Interfaces Sociais da Comunicação) - Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-13112008-182154/pt-br.php.

Acesso em: 21 jan. 2019.

Ação Propositiva select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciada por você), caso não seja possível, leia o texto para os alunos e reproduza no quadro o esquema de montagem.

Peça para que sigam as instruções e dividam a folha de tamanho A4 ao meio. O fanzine do trio terá 4 páginas.

Explique que não será possível fazer com mais páginas em função do tempo da aula.

Ação Propositiva select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciada por você), caso não seja possível, copie o texto no quadro.

Peça para que os alunos sigam as instruções e iniciem a confecção de seu fanzine. Circule pela sala e acompanhe o desenvolvimento da atividade retirando dúvidas se for preciso.

Caso tenha disponível a cartolina ou papel canson, peça inicialmente que eles colem a folha A4 nesse material, o que dará maior firmeza ao fanzine elaborado por eles.

É esperado que eles tenham conseguido separar o material pesquisado a fim de inserir e colar na confecção do fanzine.

Em relação ao uso sustentável dos recursos naturais é previsto que eles escrevam sobre a relação mais sustentável e de respeito que as sociedades possuem com o lugar que habitam.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos

Orientações: Esta etapa é dedicada a troca de informações sobre as comunidades e seu modo de vida.

Se você considerar adequado sugira realizar futuramente uma exposição do material confeccionado.

É esperado que eles falem da relação de uso sustentável que as comunidades estabelecem, mantendo um modo de vida que impacta muito pouco o meio ambiente.

Por serem comunidades com aspectos bastante ricos culturalmente, é esperado que essas características sejam relatadas, como danças, culinária, pinturas e tatuagens pelo corpo, dentre outras (significados diversos).

Essa condição de conservação só foi possível porque além de serem comunidades, que mantiveram suas tradições, contam com algum apoio (governamentais e não governamentais), demonstrando uma resistência mediante as transformações do espaço e da sociedade.

As três comunidades sofreram direta e indiretamente com as Revoluções industriais e houve nos três casos intensos conflitos com os colonizadores, parte da população foi dizimada e suas terras foram tomadas e exploradas por mineradoras, principalmente, que necessitavam de matéria prima para as indústrias. No caso dos aborígenes e maoris, parte da população acabou indo trabalhar nas cidades.

Material para impressão: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Wmu2zbzx2DC6dVePKYPeg4CbpRUvRbUKyBcEaQuP6Hkb9Cmg3Ns4Dc5fszTh/geo9-10und01-sistematizacao.pdf

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano:

Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF09GE10 de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Esta habilidade visa analisar os impactos do processo de industrialização na produção e circulação de produtos e culturas na Europa, na Ásia e na Oceania. Em relação a esta aula especificamente o objetivo é abordar o modo de vida de grupos que fazem uso sustentável de recursos naturais mesmo diante das Revoluções Industriais ocorridas em nossa história.

Esta habilidade pode ser associada a outras, como a EF09GE04 que aborda as manifestações culturais na formação populacional, incluindo a valorização de identidades e interculturalidades regionais. E também a EF09GE11 que trata das principais características das Revoluções Industriais.

Materiais necessários: Esta aula foi preparada para ser projetada, caso sua unidade escolar não possua equipamento você deve providenciar cópia do material. Será necessário também folha tamanho A4 (branca, colorida ou reciclada); régua; lápis; lápis de cor (e/ou giz de cera, e/ou canetinhas); tesoura e cola. E, se for fácil obter, papel canson ou cartolina para confecção da capa do material produzido pelos alunos.

Material complementar:

Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/QeMZwx5EJkbvxsYA875ZMeD3v8EPjdf9F95jx887MKtdyWfsGmbqkChT7HMV/geo9-10und01-contextualizacao.pdf

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/bwqSAMKRbqUXGSnCwEeBUe8t9X5xqGGSYPeagpvUmqj359FFhYfXJwU4m2sW/geo9-10und01-problematizacao.pdf

Ação propositiva: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JCaNWBr4eHWDsb63wu5wPcTMkD8SHU6ytXs5PAFqQtYp2s8aaW5tP8jew6a8/geo9-10und01-acao-propositiva.pdf

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Wmu2zbzx2DC6dVePKYPeg4CbpRUvRbUKyBcEaQuP6Hkb9Cmg3Ns4Dc5fszTh/geo9-10und01-sistematizacao.pdf

Para você saber mais:

Em meio às transformações e impactos do processo de industrialização, que demandaram pelo uso intenso de recursos naturais, existem ainda no mundo inúmeras comunidades que buscam manter suas tradições e conservam uma relação de uso dos recursos naturais de maneira sustentável, e acabam por representar uma espécie de resistência.

Para saber um pouco mais sobre essas comunidades e até mesmo se interar da relação espiritual que elas mantêm com a natureza, leia o material a seguir. Inserimos também um texto sobre a metodologia ativa denominada de “sala de aula invertida” (flipped learning) e sobre fanzines.

FRANCISCO, Wagner de Cerqueira e. Aborígenes Australianos. Mundo Educação. Disponível em:

<https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/aborigenes-australianos.htm>. Acesso em: 22 jan. 2019.

LACERDA, Carlos de Brito. Ambiente escolar: o protagonismo do estudante com fanzines. Imaginário!, n. 6, junho/2014. Disponível em: <http://www.memorialhqpb.org/ebooks/imaginario-06-pdf/5-%20carloslacerda.pdf>. Acesso em: 24 jan. 2019.

Maoris da Nova Zelândia. Portal Oceania. Disponível em:

<https://portaloceania.com/nz-life-maoris-port.htm>. Acesso em 22 jan. 2019.

Os Dongria Kondh. Survival Brasil. Disponível em: <https://www.survivalbrasil.org/povos/dongria>. Acesso em: 22 jan. 2019.

SASSAKI, Cláudio. O que muda nas aulas quando se aplica a sala de aula invertida? Nova Escola. Disponível em:

<https://novaescola.org.br/conteudo/3376/blog-tecnologia-educacao-como-funciona-sala-de-aula-invertida>. Acesso em: 01 dez. 2018.

Contextos prévios:

É necessário que o aluno tenha compreensão da definição de uso sustentável.

Será fundamental também que eles tenham pesquisado previamente sobre um dos três grupos (maori, aborígene ou kondhs) - aula invertida/ flipped learning - e separar material (ou confeccionar) para elaborar a atividade da ação propositiva.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Fale para a turma que nesta aula eles trabalharão em trios. A temática é sobre comunidades tradicionais da Oceania e Ásia que, como uma resistência às transformações do espaço e das sociedades, que passaram por diferentes Revoluções Industriais, praticando o uso sustentável dos recursos naturais.

Como atividade os alunos farão um fanzine sobre uma das três comunidades: aborígene, kondh ou maori.

Para o desenvolvimento do fanzine é necessário que eles pesquisem, estudem e separem material para a confecção. Essa preparação prévia é baseada na metodologia ativa denominada flipped learning, ou sala de aula invertida, o aluno deve pesquisar e estudar o tema em casa para em sala de aula desenvolver uma atividade. A pesquisa e estudo prévio pode ser feito com o uso de linguagens digitais, livros, revistas, atlas e dicionários.

A fim de facilitar o acesso ao material digital, listamos abaixo sites com informações sobre as três comunidades.

Convencionou-se chamar de fanzines as revistas alternativas, que trazem textos, ilustrações e outras expressões artísticas. Geralmente um fanzine é feito com desenhos, (pode ser recorte e colagens), ilustrações, história em quadrinhos, charges, textos, podendo ainda ser feito de maneira individual ou coletiva. Geralmente o autor monta seu material/revista em folha tamanho A4 dobrada ao meio. Ele é responsável por todas as etapas do processo, da criação à distribuição (ANDRAUS, 2006).

Passe as orientações elencadas a seguir previamente para a classe:

  • É importante que eles façam a divisão dos trios antecipadamente determinando qual das três comunidade, maori, aborígene e Kondh, irão pesquisar;
  • Deixe claro que eles deverão buscar informações nos estudos e escrever no caderno (fichamento) as principais características das comunidades e aspectos do convívio harmônico e respeitoso com a natureza;
  • Devem buscar também incluir aspectos sobre os impactos do processo de industrialização no decorrer da história dessas comunidades;
  • Para o texto a ser inserido no fanzine, além das características, eles deverão anotar no caderno aspectos que consideram importantes de serem associados a essas comunidades. Eles ainda podem buscar músicas, contos e poemas;
  • É pertinente que consigam um mapa de localização da comunidade e o reproduzam para colar no fanzine;
  • Caso eles não tenham como imprimir imagens da comunidade, peçam que busquem fazer um ou dois desenhos; é fundamental que levem este material para confecção do fanzine;
  • Esclareça que eles farão a confecção de um material conjuntamente, e que, a filosofia para o desenvolvimento desse material em específico é o uso da criatividade, da troca de ideias e da fraternidade.

Sugestões de sites para pesquisa dos alunos:

Aborígenes - Austrália

FRANCISCO, Wagner de Cerqueira e. Aborígenes Australianos. Mundo Educação. Disponível em:

<https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/aborigenes-australianos.htm>. Acesso em: 22 jan. 2019.

Os aborígenes. Survival Brasil. Disponível em: <https://www.survivalbrasil.org/povos/aborigenes>. Acesso em: 24 jan. 2019.

Kondh - Índia

Os Dongria Kondh. Survival Brasil. Disponível em: <https://www.survivalbrasil.org/povos/dongria>. Acesso em: 22 jan. 2019.

Maoris - Nova Zelândia

Maoris da Nova Zelândia. Portal Oceania. Disponível em:

<https://portaloceania.com/nz-life-maoris-port.htm>. Acesso em 22 jan. 2019.

Maori. Britannica Escola. Disponível em: <https://escola.britannica.com.br/levels/fundamental/article/maori/481829>. Acesso em: 24 jan. 2019.

Para você saber mais:

ANDRAUS, Gazy. As Histórias em Quadrinhos como informação imagética integrada ao ensino universitário. 289 f. Tese ( Doutorado em Interfaces Sociais da Comunicação) - Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: <http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-13112008-182154/pt-br.php>.

Acesso em: 21 jan. 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciadas por você). Caso não seja possível nem projetar, nem mostrar cópia, leia o texto para os alunos.

Pergunte se eles já ouviram falar dos maoris e de seu modo de vida.

Os maoris são comunidades nativas da Nova Zelândia e significa “povo original” em oposição aos colonizadores, vindos de fora, denominados por eles de “pakeha”.

Atualmente a população é estimada em 600 mil habitantes, espalhados por toda a ilha neozelandesa.

Para eles a natureza é sagrada, viva e representa vários deuses, sendo assim, o modo de vida tem um respeito profundo pelos elementos existentes em sua comunidade, já que tudo que existe tem um espírito denominado de “mana”.

Material para impressão: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/QeMZwx5EJkbvxsYA875ZMeD3v8EPjdf9F95jx887MKtdyWfsGmbqkChT7HMV/geo9-10und01-contextualizacao.pdf

Fonte da Imagem: New Zealand - Maori rowing. Wikimedia Commons. Disponível em: . Acesso em: 21 jan. 2019.

Para saber mais:

A fim de refinar o conceito sobre conservação e preservação, da qual nos utilizamos neste slide, sugerimos a leitura do material a seguir:

BALDASSIN, Paula. Diferenças entre conservação e preservação ambiental. Disponível em: <https://www.iguiecologia.com/diferenca-entre-conservacao-e-preservacao-ambiental/>. Acesso em: 28 jan. 2019.

Como adequar à sua realidade:

Questione os alunos se eles têm conhecimento de comunidades tradicionais existentes e seus estados. Caso tenha, peçam para que relatem um pouco sobre elas.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciadas por você). Caso não seja possível nem projetar, nem mostrar cópia, leia o texto para os alunos.

Pergunte se eles já ouviram falar dos aborígenes e dos kondhs e de seus modos de vidas.

Os Kondh são comunidades que vivem em área de colinas e selva. Atualmente é estimado que exista 1,8 milhões deles espalhados por áreas montanhosas e de planície (pequena parte), na região de Orissa, na Índia. Essa população ainda conserva um modo de vida tradicional, praticamente intocado por pessoas de fora. Esse isolamento em parte é devido a geografia do lugar, mas também tem como objetivo conservar e adorar seus deuses e os elementos da natureza, principalmente as colinas e os riachos.

Os aborígenes são nativos da Austrália. A estimativa é que a população atual seja de aproximadamente 750 mil indivíduos. Eles estão espalhados por inúmeras regiões do país, e assim como os maoris e kondls, estabelecem uma relação de respeito e sustentabilidade no uso dos recursos naturais.

Fonte da imagem:

Kutia Kondh House. WiKimedia Commons. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Kutia_Kondh_House.jpg>. Acesso em: 21 jan. 2018.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciadas por você).

Esta etapa tem como objetivo levar o aluno a refletir sobre os impactos negativos decorrentes da industrialização (imagem 01 - poluição) e a demanda por recursos naturais (imagem 02 - destruição de floresta).

Deixe claro que não é para os alunos responderem os questionamentos, mas sim refletir sobre eles tendo como parâmetro o que estudaram sobre as comunidades tradicionais e sua relação respeitosa com a natureza. Esta etapa tem o objetivo de instigá-los a ponderar sobre as diferentes realidades das sociedades envolvidas.

Material para impressão: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/bwqSAMKRbqUXGSnCwEeBUe8t9X5xqGGSYPeagpvUmqj359FFhYfXJwU4m2sW/geo9-10und01-problematizacao.pdf

Fonte da imagem:

Imagem 01: Usina-Indústria-Chaminé. Pixabay. Disponível em: <https://pixabay.com/pt/usina-ind%C3%BAstria-chamin%C3%A9-2411932/>. Acesso em: 25 jan. 2019.

Imagem 02: Riau deforestation 2006. Wikimedia Commons. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Riau_deforestation_2006.jpg>. Acesso em: 23 jan. 2019.

Como adequar à sua realidade:

Questione os alunos como está a conservação dos rios e se eles sabem qual a principal demanda por matéria prima de seu município.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 36 minutos

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciada por você), caso não seja possível, leia o texto para os alunos.

Pergunte se alguém sabe o que é um fanzine.

É importante eles saberem as principais características desse material, que acabou sendo criado com o intuito de informalmente passar informações. O autor é responsável por todo o processo de produção, que vai desde a ideia inicial, à coleta de dados/informações, diagramação, a escolha das ilustrações, número de páginas e montagem (ANDRAUS, 2006).

Diga que eles trabalharão em trios, e embora algumas características do processo de confecção não serem deles, como o tema e o número de páginas, por exemplo, eles devem ter em mente o lema: fraternidade, troca de ideias e criatividade.

Material para impressão: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JCaNWBr4eHWDsb63wu5wPcTMkD8SHU6ytXs5PAFqQtYp2s8aaW5tP8jew6a8/geo9-10und01-acao-propositiva.pdf

Fonte da imagem:

Fanzines. Wikimedia Commons. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Fanzines.jpg>. Acesso em: 21 jan. 2019.

Para você saber mais:

ANDRAUS, Gazy. As Histórias em Quadrinhos como informação imagética integrada ao ensino universitário. 289 f. Tese ( Doutorado em Interfaces Sociais da Comunicação) - Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-13112008-182154/pt-br.php.

Acesso em: 21 jan. 2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciada por você), caso não seja possível, leia o texto para os alunos e reproduza no quadro o esquema de montagem.

Peça para que sigam as instruções e dividam a folha de tamanho A4 ao meio. O fanzine do trio terá 4 páginas.

Explique que não será possível fazer com mais páginas em função do tempo da aula.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou mostre uma cópia deste slide (providenciada por você), caso não seja possível, copie o texto no quadro.

Peça para que os alunos sigam as instruções e iniciem a confecção de seu fanzine. Circule pela sala e acompanhe o desenvolvimento da atividade retirando dúvidas se for preciso.

Caso tenha disponível a cartolina ou papel canson, peça inicialmente que eles colem a folha A4 nesse material, o que dará maior firmeza ao fanzine elaborado por eles.

É esperado que eles tenham conseguido separar o material pesquisado a fim de inserir e colar na confecção do fanzine.

Em relação ao uso sustentável dos recursos naturais é previsto que eles escrevam sobre a relação mais sustentável e de respeito que as sociedades possuem com o lugar que habitam.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos

Orientações: Esta etapa é dedicada a troca de informações sobre as comunidades e seu modo de vida.

Se você considerar adequado sugira realizar futuramente uma exposição do material confeccionado.

É esperado que eles falem da relação de uso sustentável que as comunidades estabelecem, mantendo um modo de vida que impacta muito pouco o meio ambiente.

Por serem comunidades com aspectos bastante ricos culturalmente, é esperado que essas características sejam relatadas, como danças, culinária, pinturas e tatuagens pelo corpo, dentre outras (significados diversos).

Essa condição de conservação só foi possível porque além de serem comunidades, que mantiveram suas tradições, contam com algum apoio (governamentais e não governamentais), demonstrando uma resistência mediante as transformações do espaço e da sociedade.

As três comunidades sofreram direta e indiretamente com as Revoluções industriais e houve nos três casos intensos conflitos com os colonizadores, parte da população foi dizimada e suas terras foram tomadas e exploradas por mineradoras, principalmente, que necessitavam de matéria prima para as indústrias. No caso dos aborígenes e maoris, parte da população acabou indo trabalhar nas cidades.

Material para impressão: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Wmu2zbzx2DC6dVePKYPeg4CbpRUvRbUKyBcEaQuP6Hkb9Cmg3Ns4Dc5fszTh/geo9-10und01-sistematizacao.pdf

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Mundo do trabalho do 9º ano :

MAIS AULAS DE Geografia do 9º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF09GE10 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Geografia

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano