16362
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 8º ano > Os processos de independência nas Américas

Plano de aula - A vinda da corte de D. João VI ao Brasil

Plano de aula de História com atividades para 8º ano do EF sobre A vinda da corte de D. João VI ao Brasil

Plano 01 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Daniele Shorne De Souza

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos . Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF 08H12 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Projetor para as imagens e manchete (ou impressões); Impressão do documento para os estudantes.

Material complementar:

Manchete para contexto:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/pPy2ptXaUQcwZyVsjU32p6Fev7wq7ydrsmaSbxkxntWspvTa8JUGRgPPmt2S/his8-12und01-manchete-o-globo.pdf

Imagem Chafariz das Marrecas: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Tkm8xyJtvbPccPfQ4VyCqtaGT6xvevUGkWStYnFEQZU4bg7PFrmPsTT6Kwzx/his8-12und01-chafariz-das-marrecas.pdf

Texto “Lei sobre águas sujas” de 1808: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/aQtV78zqY7Ds93Ev6eJXsW3NCThDGKykySvXaWuyp9PvYBB7KDKuJEJhXgPf/his8-12und01-lei-sobre-aguas-sujas-1808.pdf

Material para sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/8z2tcaNQcukTgm38ES8Du6QemTFYWhATuThNEdyCG7m3ejGCyuZwaDtXC3Dz/his8-12und01-material-para-sistematizacao-chafariz-das-marrecas.pdf

Para você saber mais:

Registro de navios e passageiros que desembarcaram com a família real portuguesa em 1808.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gfc4wKBqzZYCpDpdsnHj3UdbJdSR2n3gQScHEGwh4RHXPphd9fXjptqAvKyG/copia-de-br-rjanrio-59-cod-0-0730-v-01-d0001de0001.pdf

Justificativa : contato com fonte primária, possibilidade de atividade de paleografia com os alunos.

Questão norteadora para análise da fonte: Refletir com os alunos que o Rio de Janeiro tinha uma população de cerca de 60 mil pessoas quando a família real portuguesa chegou em 14 navios com 15 mil pessoas, trazendo a corte e os mais altos funcionários de Portugal. Isso causou o aumento de aproximadamente 25% da população.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Apresente o tema aos alunos escrevendo-o no quadro ou lendo-o para a turma. Se estiver fazendo uso de projetor, apresente esse slide e faça uma leitura coletiva.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos

Orientações: Leia com os alunos a manchete sobre o consumo diário de água no Rio de Janeiro. A proposta é a de que possam refletir acerca da problemática do abastecimento de água nas cidades brasileiras. Para isso, questione:

  • Por que as pessoas utilizam tanta água diariamente? Este consumo é feito de forma adequada?
  • O problema do abastecimento de água nas cidades pode ser relacionado ao grande número de pessoas que habitam esse lugar?
  • E sobre a distribuição dela, será que todos os lugares tem acesso a água tratada e encanada?
  • Quais regiões geralmente costumam ter mais problemas de abastecimento de água?
  • Você já vivenciou algum momento de desabastecimento de água em sua casa ou escola?

Reportagem completa: “Rio é o estado do país onde há o maior consumo diário de água por habitante”. Fonte: G1. Disponível em: https://oglobo.globo.com/rio/rio-o-estado-do-pais-onde-ha-maior-consumo-diario-de-agua-por-habitante-14889970 Acesso em 15 de outubro de 2018.

Como adequar à sua realidade: Caso haja o problema de desabastecimento de água na localidade onde a aula estará sendo desenvolvida, use uma fonte de jornal local (notícia ou relato - fonte oral). Também é um momento interessante para que os estudantes compartilhem suas vivências, caso já tenham visto ou enfrentado problemas com saneamento básico ou enchentes.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

O slide 4 poderá ser analisado em 7 minutos e a leitura do texto proposta no slide 5 poderá ser feita em 13 minutos.

Orientações: Divida a turma em grupos para que os estudantes possam interpretar as imagens conversando entre os grupos.

Apresente a imagem para a turma e faça a proposta de “ler a imagem” com os estudantes , buscando compreendê-la, interpretá-la, descrevê-la, decompô-la e recompô-la para apreensão juntamente com o conteúdo. Uma imagem pode propiciar uma infinidade de leituras devido às relações que seus objetos sugerem. No caso da imagem “o chafariz das marrecas” é possível observar a cor de pele daqueles que estavam buscando e carregando água. É também possível observar a falta de calçados, as diferentes ocupações deles pelas vestes (escravizados domésticos eram mais bem vestidos do que outros), diferentes gêneros e idades.

Imagem Chafariz das Marrecas: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Tkm8xyJtvbPccPfQ4VyCqtaGT6xvevUGkWStYnFEQZU4bg7PFrmPsTT6Kwzx/his8-12und01-chafariz-das-marrecas.pdf

Questão norteadora para análise da fonte: Refletir como, sem água encanada, as pessoas precisavam buscar água nas fontes para suas casas e para as atividades do dia a dia, por isso, a reforma e instalação de novas fontes na cidade significavam uma melhora na vida da população.

As questões a seguir podem ser feitas aos estudantes para que interpretem a imagem:

  • Como é viver sem água encanada em casa?
  • Quem buscava água na fonte representada na pintura?
  • Quem usava a água que era trazida da fonte?
  • Para que essa água poderia ser usada?
  • Na imagem podem ser observados animais bebendo água no mesmo lugar que as pessoas escravizadas pegavam água. Será que isso é adequado para a saúde?

Converse com os estudantes acerca das questões aproveitando para inserir as seguintes informações: O Rio de Janeiro tinha uma população estimada de 60 mil pessoas quando a família real portuguesa chegou com em 14 navios com a corte e os mais altos funcionários de Portugal com cerca de 15 mil pessoas. Isso acarretou no aumento de quase 25% da população, tornando necessária a recuperação e construção de várias fontes d'água, a fim de melhorar o abastecimento da cidade.

Como adequar à sua realidade: Reflita com os alunos sobre os transtornos gerados pelo desabastecimento de água, a partir de notícias ou relatos deste tipo de ocorrência em sua região.

Para você saber mais: Registro de navios e passageiros que desembarcaram com a família real portuguesa em 1808. https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gfc4wKBqzZYCpDpdsnHj3UdbJdSR2n3gQScHEGwh4RHXPphd9fXjptqAvKyG/copia-de-br-rjanrio-59-cod-0-0730-v-01-d0001de0001.pdf

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 13 minutos

Orientações: Distribua o documento impresso para os alunos, com o texto do Edital legislativo sobre novos costumes implantados no Rio de Janeiro com a chegada da corte.

Link:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/aQtV78zqY7Ds93Ev6eJXsW3NCThDGKykySvXaWuyp9PvYBB7KDKuJEJhXgPf/his8-12und01-lei-sobre-aguas-sujas-1808.pdf

Os estudantes deverão ler o edital em duplas ou em grupos, solucionando dúvidas de vocabulário que possam surgir. Depois da leitura do texto, converse com os alunos sobre qual era o costume da época quanto as “águas sujas” das residências.

  • Se não havia água encanada, qual seria a possível solução para o escoamento de esgoto da cidade?
  • Como era passear por uma cidade que não tinha rede esgoto?
  • Existe uma preocupação em cuidar da cidade expressa nesse edital?
  • Podemos relacionar a data do edital com a chegada da corte no Rio de Janeiro? (Observe que existe uma preocupação em cuidar da cidade onde a corte estava mudando um costume através da legislação que é de 1808, mesmo ano que chega a corte portuguesa no Brasil).

Como adequar à sua realidade: Converse com os alunos que a falta de água encanada e de rede de esgotos ainda é uma realidade em muitas cidades no Brasil. Converse sobre a existência desse problema caso ele esteja presente nas proximidades da escola ou da casa dos estudantes.

Para você saber mais: O texto está disponível no link: http://historiacolonial.arquivonacional.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=3591&catid=144&Itemid=268 acesso em 19 de novembro de 2018.

No link, logo após o texto, há uma explicação dos verbetes em negrito que podem ser discutidos como conceitos históricos, como por exemplo salubridade e saúde pública.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: Para que os estudantes possam se expressar acerca dos conhecimentos desenvolvidos ao longo da aula, proponha que eles produzam uma releitura da imagem estudada do Chafariz das Marrecas. Esta atividade poderá ser desenvolvida de duas maneiras, a sua escolha.

Primeiramente, exponha novamente a imagem do “Chafariz das marrecas “ impressa ou projetada.

Sugestão 1 - Em grupos, os estudantes poderão recortar balões de fala e pensamento para escrever possíveis diálogos e pensamentos das pessoas que estavam buscando água nesse chafariz. Cada grupo, com uma cópia da imagem, poderá colar as falas e pensamentos e expor para que toda a turma tenha acesso. A linguagem utilizada deverá respeitar a diversidade e ser adequada.

Material para atividade disponível em: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/8z2tcaNQcukTgm38ES8Du6QemTFYWhATuThNEdyCG7m3ejGCyuZwaDtXC3Dz/his8-12und01-material-para-sistematizacao-chafariz-das-marrecas.pdf

Sugestão 2 - Em grupos os estudantes poderão fazer uma encenação do que está acontecendo no quadro, os aluno poderão encenar diálogos referentes a falta de saneamento e a dificuldade de acesso a água, lembrando que as pessoas escravizadas eram encarregadas do trabalho pesado. Poderá ser questionado se toda a água que carregavam era usada para aqueles que estavam carregando.

Leve baldes de água para a sala de aula, para que os alunos possam sentir o peso e usá-los nas encenações. O registro da encenação de cada um dos grupos poderá ser feito usando um celular com dispositivo de fotografia ou vídeo.

Observação: Orientar os alunos quanto ao uso da linguagem respeitosa e não fazer a caracterização preconceituosa ou estigmatizada das pessoas escravizadas a serem representadas. Para saber mais sobre isso, ver a reportagem sobre a prática do blackface:

Maquiar ator branco com tinta preta é uma forma de racismo? Sim. Época. Disponível em: https://epoca.globo.com/ideias/noticia/2015/05/maquiar-ator-branco-com-tinta-preta-e-uma-forma-de-racismo-sim.html Acesso em: 15 de novembro de 2018.

Para você saber mais:

Chafariz das Marrecas - Memória de um monumento de Mestre Valentim. Rio e Cultura. Disponível em: http://www.rioecultura.com.br/coluna_patrimonio/coluna_patrimonio.asp?patrim_cod=32 Acesso em: 19 de novembro de 2018.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos . Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF 08H12 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Projetor para as imagens e manchete (ou impressões); Impressão do documento para os estudantes.

Material complementar:

Manchete para contexto:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/pPy2ptXaUQcwZyVsjU32p6Fev7wq7ydrsmaSbxkxntWspvTa8JUGRgPPmt2S/his8-12und01-manchete-o-globo.pdf

Imagem Chafariz das Marrecas: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Tkm8xyJtvbPccPfQ4VyCqtaGT6xvevUGkWStYnFEQZU4bg7PFrmPsTT6Kwzx/his8-12und01-chafariz-das-marrecas.pdf

Texto “Lei sobre águas sujas” de 1808: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/aQtV78zqY7Ds93Ev6eJXsW3NCThDGKykySvXaWuyp9PvYBB7KDKuJEJhXgPf/his8-12und01-lei-sobre-aguas-sujas-1808.pdf

Material para sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/8z2tcaNQcukTgm38ES8Du6QemTFYWhATuThNEdyCG7m3ejGCyuZwaDtXC3Dz/his8-12und01-material-para-sistematizacao-chafariz-das-marrecas.pdf

Para você saber mais:

Registro de navios e passageiros que desembarcaram com a família real portuguesa em 1808.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gfc4wKBqzZYCpDpdsnHj3UdbJdSR2n3gQScHEGwh4RHXPphd9fXjptqAvKyG/copia-de-br-rjanrio-59-cod-0-0730-v-01-d0001de0001.pdf

Justificativa : contato com fonte primária, possibilidade de atividade de paleografia com os alunos.

Questão norteadora para análise da fonte: Refletir com os alunos que o Rio de Janeiro tinha uma população de cerca de 60 mil pessoas quando a família real portuguesa chegou em 14 navios com 15 mil pessoas, trazendo a corte e os mais altos funcionários de Portugal. Isso causou o aumento de aproximadamente 25% da população.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Apresente o tema aos alunos escrevendo-o no quadro ou lendo-o para a turma. Se estiver fazendo uso de projetor, apresente esse slide e faça uma leitura coletiva.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos

Orientações: Leia com os alunos a manchete sobre o consumo diário de água no Rio de Janeiro. A proposta é a de que possam refletir acerca da problemática do abastecimento de água nas cidades brasileiras. Para isso, questione:

  • Por que as pessoas utilizam tanta água diariamente? Este consumo é feito de forma adequada?
  • O problema do abastecimento de água nas cidades pode ser relacionado ao grande número de pessoas que habitam esse lugar?
  • E sobre a distribuição dela, será que todos os lugares tem acesso a água tratada e encanada?
  • Quais regiões geralmente costumam ter mais problemas de abastecimento de água?
  • Você já vivenciou algum momento de desabastecimento de água em sua casa ou escola?

Reportagem completa: “Rio é o estado do país onde há o maior consumo diário de água por habitante”. Fonte: G1. Disponível em: https://oglobo.globo.com/rio/rio-o-estado-do-pais-onde-ha-maior-consumo-diario-de-agua-por-habitante-14889970 Acesso em 15 de outubro de 2018.

Como adequar à sua realidade: Caso haja o problema de desabastecimento de água na localidade onde a aula estará sendo desenvolvida, use uma fonte de jornal local (notícia ou relato - fonte oral). Também é um momento interessante para que os estudantes compartilhem suas vivências, caso já tenham visto ou enfrentado problemas com saneamento básico ou enchentes.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

O slide 4 poderá ser analisado em 7 minutos e a leitura do texto proposta no slide 5 poderá ser feita em 13 minutos.

Orientações: Divida a turma em grupos para que os estudantes possam interpretar as imagens conversando entre os grupos.

Apresente a imagem para a turma e faça a proposta de “ler a imagem” com os estudantes , buscando compreendê-la, interpretá-la, descrevê-la, decompô-la e recompô-la para apreensão juntamente com o conteúdo. Uma imagem pode propiciar uma infinidade de leituras devido às relações que seus objetos sugerem. No caso da imagem “o chafariz das marrecas” é possível observar a cor de pele daqueles que estavam buscando e carregando água. É também possível observar a falta de calçados, as diferentes ocupações deles pelas vestes (escravizados domésticos eram mais bem vestidos do que outros), diferentes gêneros e idades.

Imagem Chafariz das Marrecas: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Tkm8xyJtvbPccPfQ4VyCqtaGT6xvevUGkWStYnFEQZU4bg7PFrmPsTT6Kwzx/his8-12und01-chafariz-das-marrecas.pdf

Questão norteadora para análise da fonte: Refletir como, sem água encanada, as pessoas precisavam buscar água nas fontes para suas casas e para as atividades do dia a dia, por isso, a reforma e instalação de novas fontes na cidade significavam uma melhora na vida da população.

As questões a seguir podem ser feitas aos estudantes para que interpretem a imagem:

  • Como é viver sem água encanada em casa?
  • Quem buscava água na fonte representada na pintura?
  • Quem usava a água que era trazida da fonte?
  • Para que essa água poderia ser usada?
  • Na imagem podem ser observados animais bebendo água no mesmo lugar que as pessoas escravizadas pegavam água. Será que isso é adequado para a saúde?

Converse com os estudantes acerca das questões aproveitando para inserir as seguintes informações: O Rio de Janeiro tinha uma população estimada de 60 mil pessoas quando a família real portuguesa chegou com em 14 navios com a corte e os mais altos funcionários de Portugal com cerca de 15 mil pessoas. Isso acarretou no aumento de quase 25% da população, tornando necessária a recuperação e construção de várias fontes d'água, a fim de melhorar o abastecimento da cidade.

Como adequar à sua realidade: Reflita com os alunos sobre os transtornos gerados pelo desabastecimento de água, a partir de notícias ou relatos deste tipo de ocorrência em sua região.

Para você saber mais: Registro de navios e passageiros que desembarcaram com a família real portuguesa em 1808. https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gfc4wKBqzZYCpDpdsnHj3UdbJdSR2n3gQScHEGwh4RHXPphd9fXjptqAvKyG/copia-de-br-rjanrio-59-cod-0-0730-v-01-d0001de0001.pdf

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 13 minutos

Orientações: Distribua o documento impresso para os alunos, com o texto do Edital legislativo sobre novos costumes implantados no Rio de Janeiro com a chegada da corte.

Link:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/aQtV78zqY7Ds93Ev6eJXsW3NCThDGKykySvXaWuyp9PvYBB7KDKuJEJhXgPf/his8-12und01-lei-sobre-aguas-sujas-1808.pdf

Os estudantes deverão ler o edital em duplas ou em grupos, solucionando dúvidas de vocabulário que possam surgir. Depois da leitura do texto, converse com os alunos sobre qual era o costume da época quanto as “águas sujas” das residências.

  • Se não havia água encanada, qual seria a possível solução para o escoamento de esgoto da cidade?
  • Como era passear por uma cidade que não tinha rede esgoto?
  • Existe uma preocupação em cuidar da cidade expressa nesse edital?
  • Podemos relacionar a data do edital com a chegada da corte no Rio de Janeiro? (Observe que existe uma preocupação em cuidar da cidade onde a corte estava mudando um costume através da legislação que é de 1808, mesmo ano que chega a corte portuguesa no Brasil).

Como adequar à sua realidade: Converse com os alunos que a falta de água encanada e de rede de esgotos ainda é uma realidade em muitas cidades no Brasil. Converse sobre a existência desse problema caso ele esteja presente nas proximidades da escola ou da casa dos estudantes.

Para você saber mais: O texto está disponível no link: http://historiacolonial.arquivonacional.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=3591&catid=144&Itemid=268 acesso em 19 de novembro de 2018.

No link, logo após o texto, há uma explicação dos verbetes em negrito que podem ser discutidos como conceitos históricos, como por exemplo salubridade e saúde pública.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: Para que os estudantes possam se expressar acerca dos conhecimentos desenvolvidos ao longo da aula, proponha que eles produzam uma releitura da imagem estudada do Chafariz das Marrecas. Esta atividade poderá ser desenvolvida de duas maneiras, a sua escolha.

Primeiramente, exponha novamente a imagem do “Chafariz das marrecas “ impressa ou projetada.

Sugestão 1 - Em grupos, os estudantes poderão recortar balões de fala e pensamento para escrever possíveis diálogos e pensamentos das pessoas que estavam buscando água nesse chafariz. Cada grupo, com uma cópia da imagem, poderá colar as falas e pensamentos e expor para que toda a turma tenha acesso. A linguagem utilizada deverá respeitar a diversidade e ser adequada.

Material para atividade disponível em: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/8z2tcaNQcukTgm38ES8Du6QemTFYWhATuThNEdyCG7m3ejGCyuZwaDtXC3Dz/his8-12und01-material-para-sistematizacao-chafariz-das-marrecas.pdf

Sugestão 2 - Em grupos os estudantes poderão fazer uma encenação do que está acontecendo no quadro, os aluno poderão encenar diálogos referentes a falta de saneamento e a dificuldade de acesso a água, lembrando que as pessoas escravizadas eram encarregadas do trabalho pesado. Poderá ser questionado se toda a água que carregavam era usada para aqueles que estavam carregando.

Leve baldes de água para a sala de aula, para que os alunos possam sentir o peso e usá-los nas encenações. O registro da encenação de cada um dos grupos poderá ser feito usando um celular com dispositivo de fotografia ou vídeo.

Observação: Orientar os alunos quanto ao uso da linguagem respeitosa e não fazer a caracterização preconceituosa ou estigmatizada das pessoas escravizadas a serem representadas. Para saber mais sobre isso, ver a reportagem sobre a prática do blackface:

Maquiar ator branco com tinta preta é uma forma de racismo? Sim. Época. Disponível em: https://epoca.globo.com/ideias/noticia/2015/05/maquiar-ator-branco-com-tinta-preta-e-uma-forma-de-racismo-sim.html Acesso em: 15 de novembro de 2018.

Para você saber mais:

Chafariz das Marrecas - Memória de um monumento de Mestre Valentim. Rio e Cultura. Disponível em: http://www.rioecultura.com.br/coluna_patrimonio/coluna_patrimonio.asp?patrim_cod=32 Acesso em: 19 de novembro de 2018.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Os processos de independência nas Américas do 8º ano :

MAIS AULAS DE História do 8º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF08HI12 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano