15624
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Língua Portuguesa > 8º ano > Análise linguística/Semiótica

Plano de aula - Estrutura da narrativa no gênero conto de terror e suspense

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 8º ano do Ensino Fundamental sobre reconhecer no conto a estrutura básica da sequência narrativa: situação inicial, conflito, desenvolvimento, clímax e desfecho.

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Joice Eloi Guimarães

Sugestão de adaptação para ensino remoto

Código do plano
LP08_01SQA06

Recursos indicados
Serão necessários: Conto “Os olhos que comiam carne” - disponível no plano original. Auxílio de plataformas de áudio, mensagens e vídeos como o whatsapp ou outras.

Opcionais: Plataformas de vídeos como o Movavi, Movie Maker, etc.

Tema
Faça um vídeo, utilizando o aparelho de celular ou por meio de plataformas de vídeo, para chamar a atenção dos alunos quanto aos elementos da narrativa: narrador; personagens, tempo e espaço. Explique que eles aprenderão a identificar a sequência narrativa por meio de um conto modelo, o qual será enviado via watts. (Como a temática é terror, você pode levar alguns elementos característicos para o vídeo: ir com chapéu de bruxas, falar em meio a uma penumbra, produzir sons ou montar um cenário horripilante… ) Deixe-os curiosos!

Introdução
Encaminhe aos alunos, via whatsapp, o conto intitulado “Os olhos que comiam carne” do autor Humberto de Campos. Apresente o autor do conto. Conte que foi um contista maranhense e também foi jornalista, crítico literário, cronista e poeta. Foi membro da Academia Brasileira de Letras e, além disso, teve participação no cenário político: foi Deputado Federal pelo Maranhão em 1920. Curiosidade: após o falecimento do autor, o médium Chico Xavier teria recebido sua visita espiritual, o que resultou em 12 livros publicados. A família do autor processou judicialmente Chico Xavier, mas sem sucesso, pois, na opinião do juiz do caso, “não se poderia conferir ao falecido direitos civis (considerando-o um autor de fato) e não se poderia conceder à família direitos herdáveis de obras supostamente não produzidas em vida.” Informações disponíveis em: <http://conhecimentoliteratura.com.br/humbertocampos-/>. Acesso em: 18 set. 2018.

Desenvolvimento
Peça aos alunos, via watts, que leiam individualmente o conto “Os olhos que comiam carne” e anotem as palavras que não conhecem. Pergunte o que acharam do conto e se têm palavras que eles desconhecem. Explique para eles, por meio de vídeo ou áudio que, como trata-se de um texto escrito há muito tempo, é de se esperar que a linguagem utilizada tenha algumas palavras que hoje nos soam estranhas, pelo fato de caírem em desuso. Organize-os em grupos de 3 ou 4 estudantes para realização da atividade a seguir que contará com reflexão e discussão entre os alunos. Peça para que eles discutam com os colegas algumas perguntas orientadoras com base na leitura do conto. Encaminhe, também no anexo, a tabela que apresenta os elementos da narrativa ao lado de cada trecho do texto, para que os alunos possam utilizar como orientação. (Veja as perguntas e a tabela no plano original) Instrua os alunos a elegerem um redator para apontar as respostas do grupo. Sugira que cada grupo poste suas respostas no grupo da sala no wats assim que finalizarem a atividade.

Fechamento
Encaminhe outro vídeo motivador os alunos, explicando que no gênero conto de suspense e terror a finalidade é provocar sensações relacionadas ao medo no leitor. Desafie-os , ainda em grupos, a discutir possibilidades de deixar cada momento do conto lido mais arrepiante. Cada grupo ficará responsável por um momento da narrativa, não há problema em mais de um grupo pensar sugestões para o mesmo momento. Simule a seguinte situação comunicacional para esta atividade: “Imaginem que o autor Humberto de Campos resolveu reescrever este conto, tentando deixá-lo mais assustador. Para tanto, ele precisa da ajuda de vocês” . Peça que os alunos apresentem suas sugestões no grupo do watts. Incentive os demais grupos a emitirem sua opinião em relação às sugestões propostas pelos colegas.
Utilize perguntas como: O que vocês acharam da sugestão elaborada pelo
grupo? O que vocês acrescentariam? Por quê?

Convite às famílias
Você pode convidar os familiares a contar histórias horripilantes aos alunos, para que , desse modo, possam inspirá-los.

Sugestão Enviada Por: Michele Batista


Código: LPO8_01SQA06

(EF69LP47) Analisar, em textos narrativos ficcionais, as diferentes formas de composição próprias de cada gênero, os recursos coesivos que constroem a passagem do tempo e articulam suas partes, a escolha lexical típica de cada gênero para a caracterização dos cenários e dos personagens e os efeitos de sentido decorrentes dos tempos verbais, dos tipos de discurso, dos verbos de enunciação e das variedades linguísticas (no discurso direto, se houver) empregados, identificando o enredo e o foco narrativo e percebendo como se estrutura a narrativa nos diferentes gêneros e os efeitos de sentido decorrentes do foco narrativo típico de cada gênero, da caracterização dos espaços físico e psicológico e dos tempos cronológico e psicológico, das diferentes vozes no texto (do narrador, de personagens em discurso direto e indireto), do uso de pontuação expressiva, palavras e expressões conotativas e processos figurativos e do uso de recursos linguístico-gramaticais próprios a cada gênero narrativo.


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Análise linguística/Semiótica do 8º ano:

MAIS AULAS DE Língua Portuguesa do 8º ano:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Língua Portuguesa

Encontre planos de aula para outras disciplinas