15585
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Língua Portuguesa > 3º ano > Produção de textos

Plano de aula - Diário: revisão e edição do texto produzido

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 3º ano do EF sobre Diário: revisão e edição do texto produzido

Plano 15 de 15 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Valéria Ap Rodrigues Da Silveira

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é a décima quinta aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero Diário e no campo de atuação Vida cotidiana; Artístico-literário A aula faz parte do módulo de Escrita (compartilhada e autônoma).

Materiais necessários: Computador online, projetor multimídia e tela, caderno e folhas avulsas.

Informações sobre o gênero: Os gêneros que expressam, por escrito, a vida de uma pessoa por ela mesma são autobiográficos e interessa-nos o diário pessoal, informal e íntimo de comunicação cotidiana; bem como o de comunicação produzida. Apresentam elementos constitutivos mais maleáveis, entretanto, sua estrutura constitucional apresenta elementos essenciais:

TEMA: a escrita sobre si (confissões, segredos, inquietações, emoções, opiniões…)

FORMA: datação, vocativo e despedida.

LINGUAGEM: uso da 1ª pessoa, vocabulário informal, caligrafia como marca pessoal nos suportes tradicionais e emoção.

TEMPO: resgate da memória diária ao final do dia, geralmente;

INTERLOCUÇÃO: o próprio diálogo com o diário. Leitor imaginário ou, eventualmente, autorizados pelo autor.

INTERATIVIDADE: inexistente - leitor não interfere. Qualquer pessoa pode ter um diário, bastando compromisso e iniciativa. Sua função é “ guardar segredo”, se o autor assim quiser.

Dificuldades antecipadas: Os alunos poderão apresentar dificuldades em compreender o roteiro para a revisão, correção e avaliação das produções escritas. É esperado, também, apresentar dificuldades na leitura crítica do texto do colega para que o aperfeiçoamento do texto aconteça, necessitando, para tanto, apoio do professor.

Referências sobre o assunto:

PEREIRA, M. H. M.; SILVA, J. B. O gênero diário pessoal: como se confecciona o íntimo. Revista Línguas & Letras, Unioeste, Vol. 16, Nº 34, 2015. Disponível em: <http://erevista.unioeste.br/index.php/linguaseletras/article/view/11973/9212>. Acesso em: 08 dez 2018.

SÃO PAULO (SP). Secretaria Municipal de Educação. Aprender os padrões da linguagem escrita de modo reflexivo : unidade IV – Você sabia?. São Paulo : SME/ DOT, 2011. - 56p.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações:

  • Apresentar-lhes a finalidade da aula: reler, revisar e editar a primeira versão do texto produzido em aulas anteriores e fazer a reescrita do texto de modo que a versão final apresente as principais características do gênero diário, levando em conta a temática,a estrutura composicional e estilo e também para que ocorra um aperfeiçoamento na escrita do texto.
  • Indague-lhes se acham importante revisar o texto. É esperado que saibam que o texto nunca está pronto em suas primeiras versões, necessitando de revisão, ou seja, verificar se não há necessidade de ajustes às normas gráficas padrão: ortografia, acentuação, emprego da letra maiúsculas, pontuação; ajustes na estrutura composicional, coesão textual e formatação, garantindo um texto atraente aos leitores.
  • Faz-se necessário relembrar que depois que todas as páginas do diário de Rapunzel estiverem revisadas, elas poderão ser reunidas em um único diário, sob o título “ O Diário de Rapunzel, da turma do 3º ano ___”. Ele ficará disponível na biblioteca da escola para que todos os alunos da comunidade escolar possam ter acesso e serem incentivados a trabalhar o gênero Diário. Após concluído o trabalho, combinar um dia para apresentar o Diário de Rapunzel para as outras turmas da escola.

Material Complementar:

LPO3_02SQA13: link

LPO3_02SQA14: link

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 13 minutos

Orientações:

  • Projete o slide ou reproduza-o no quadro.
  • Organize grupo de quatro estudantes (duas duplas escritoras).
  • Apresente-lhes elementos relacionados à diagramação e a formatação específicos do gênero, como uma possibilidade de pauta de revisão. Discuta cada um dos itens com a turma, para que os estudantes relembrem o que foi estudado sobre o gênero Diário. Leia cada item em voz alta, comente e dê exemplos do que seria adequado ou não. Converse com os alunos que um texto nunca está pronto em sua primeira versão e que sempre há a possibilidade de aperfeiçoá-lo.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Projete este slide apresentando-o como a tabela que irá organizar a revisão do texto produzido. Ela tem sua continuação no próximo slide.
  • Entregue uma cópia para cada dupla como norteador da revisão (disponível para a impressão nos materiais complementares). Discuta cada um dos itens com a turma e converse sobre as colunas o “sim” e o “não” que indicarão os aprimoramentos a serem realizados.
  • Diga-lhes que um outro leitor pode ajudar muito no aperfeiçoamento textual, fazendo uma leitura avaliativa com a intenção de auxiliar a deixar o texto melhor.
  • Indague-lhes o que acham sobre essa possibilidade. É fundamental que os critérios para a revisão sejam trabalhados para viabilizar as leituras avaliativas.

Material Complementar:

Tabela de Revisão: aqui

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Projete este slide apresentando-o como a tabela que irá organizar a revisão do texto produzido.
  • Entregue uma cópia para cada dupla como norteador da revisão (disponível para a impressão nos materiais complementares). Discuta cada um dos itens com a turma e converse sobre as colunas o “sim” e o “não” que indicarão os aprimoramentos a serem realizados.
  • Diga-lhes que um outro leitor pode ajudar muito no aperfeiçoamento textual, fazendo uma leitura avaliativa com a intenção de auxiliar a deixar o texto melhor.
  • Indague-lhes o que acham sobre essa possibilidade. É fundamental que os critérios para a revisão sejam trabalhados para viabilizar as leituras avaliativas.

Material Complementar:

Tabela de Revisão: aqui

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

  • Organize grupo de quatro estudantes (duas duplas escritoras) para que os alunos troquem os textos tendo a tabela e o decalque para fazerem as marcações e comentários do que deve ser revisto pelos colegas e vice-versa. Diga-lhes que poderão usar lápis de cores diferentes para marcar as mudanças
  • Dê-lhes dicas de como proceder: ler uma vez o texto somente para conhecê-lo, utilizar a tabela da revisão (revisão segundo as normas gráficas e edição, texto correto, reformulando frases, fazendo cortes…) o decalque para verificar a formatação e diagramação do texto.
  • Circule entre as duas duplas e observe se estão com dúvidas em relação a algum item proposto na tabela.
  • Converse com a turma, para garantir uma atitude de compromisso e respeito mútuo. A conversa livre é a primeira ação entre os pares. O respeito mútuo é a segunda para que, juntos, possam examinar o texto um dos outros. O professor será a terceira e última pessoa a agregar os apontamentos revisionais.
  • Diga-lhes que para a próxima aula, cada dupla com seu texto, já corrigido e avaliado e com todos os apontamentos e indicações dos colegas e do professor para correção, elaborará a reescrita, aprimorando-a com elementos visuais, ilustrações.
  • Garanta que seja feita em sala de aula a reescrita do texto, pois é um momento de avaliação.
  • Ressalte aos estudantes que reescrever não é passar o texto a limpo, não é apenas cuidar da letra e/ou da organização do texto no papel ou cuidar da parte de normas gráficas. É muito mais que isso, ou seja, e rever as escolhas feitas, é escrever novamente com outras palavras, é acrescentar informações, é substituir, inverter termos...é reescrever, novamente, para que surja um texto que expresse bem aquilo que o autor-narrador-personagem pretendia dizer.
  • Releia as produções finais dos alunos.
  • Defina equipes de trabalho para as próximas etapas, para a digitação das páginas de diário, conforme as facilidades apresentadas pela turma. Digitar em fonte Pacífico, 18 garantindo a semelhança com a escrita de caligrafia pessoal para reunir todas as páginas de maneira uniforme. Exemplo: “Meu querido diário,”. Outra equipe para ilustrar a capa e a contracapa onde irão reunir todas as páginas, procurando decidir como vão ilustrá-las, desenhando ou utilizando desenhos ou fotografias, escolhendo o estilo preferido pela equipe e de acordo com as sugestões de aprimoramento da tabela de revisão.
  • É bom lembrar que:
  • a tarefa do revisor é garantir que o texto esteja adequado às normas gráficas (ortografia, acentuação, emprego de maiúsculas e minúsculas, concordâncias…), garantindo um texto correto.
  • a tarefa do editor é ajustar o texto ao seu público, aprimorar a estrutura do texto, aprimorando as frases, eliminando, acrescentando, substituindo termos, garantindo um texto bem escrito.
  • a tarefa do diagramador é adaptar textos e imagens a uma determinada programação visual: suporte, tipos de letra, alinhamento, arte, garantindo um texto atraente aos leitores.

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações:

  • Garanta, nos minutos finais, que os alunos possam opinar, entre si, sobre as sugestões de aprimoramento.
  • Resgate a aula 1 dessa Modalidade Organizativa LP03_02SQA 01, conforme link abaixo e incentive-os cada vez mais a construir seu próprio Diário pessoal.

“A elaboração de um diário pessoal pode configurar uma interessante proposta de produção textual permanente no cotidiano de jovens escritores. É um gênero privilegiado para que o aluno perceba a produção textual como uma forma interessante de organizar e reconfigurar, por meio da produção escrita ou do registro em áudio/áudio vídeo, suas próprias experiências.” (LERNER, 2002).

Material Complementar:

Aula LPO3_02SQA01: link

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é a décima quinta aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero Diário e no campo de atuação Vida cotidiana; Artístico-literário A aula faz parte do módulo de Escrita (compartilhada e autônoma).

Materiais necessários: Computador online, projetor multimídia e tela, caderno e folhas avulsas.

Informações sobre o gênero: Os gêneros que expressam, por escrito, a vida de uma pessoa por ela mesma são autobiográficos e interessa-nos o diário pessoal, informal e íntimo de comunicação cotidiana; bem como o de comunicação produzida. Apresentam elementos constitutivos mais maleáveis, entretanto, sua estrutura constitucional apresenta elementos essenciais:

TEMA: a escrita sobre si (confissões, segredos, inquietações, emoções, opiniões…)

FORMA: datação, vocativo e despedida.

LINGUAGEM: uso da 1ª pessoa, vocabulário informal, caligrafia como marca pessoal nos suportes tradicionais e emoção.

TEMPO: resgate da memória diária ao final do dia, geralmente;

INTERLOCUÇÃO: o próprio diálogo com o diário. Leitor imaginário ou, eventualmente, autorizados pelo autor.

INTERATIVIDADE: inexistente - leitor não interfere. Qualquer pessoa pode ter um diário, bastando compromisso e iniciativa. Sua função é “ guardar segredo”, se o autor assim quiser.

Dificuldades antecipadas: Os alunos poderão apresentar dificuldades em compreender o roteiro para a revisão, correção e avaliação das produções escritas. É esperado, também, apresentar dificuldades na leitura crítica do texto do colega para que o aperfeiçoamento do texto aconteça, necessitando, para tanto, apoio do professor.

Referências sobre o assunto:

PEREIRA, M. H. M.; SILVA, J. B. O gênero diário pessoal: como se confecciona o íntimo. Revista Línguas & Letras, Unioeste, Vol. 16, Nº 34, 2015. Disponível em: <http://erevista.unioeste.br/index.php/linguaseletras/article/view/11973/9212>. Acesso em: 08 dez 2018.

SÃO PAULO (SP). Secretaria Municipal de Educação. Aprender os padrões da linguagem escrita de modo reflexivo : unidade IV – Você sabia?. São Paulo : SME/ DOT, 2011. - 56p.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações:

  • Apresentar-lhes a finalidade da aula: reler, revisar e editar a primeira versão do texto produzido em aulas anteriores e fazer a reescrita do texto de modo que a versão final apresente as principais características do gênero diário, levando em conta a temática,a estrutura composicional e estilo e também para que ocorra um aperfeiçoamento na escrita do texto.
  • Indague-lhes se acham importante revisar o texto. É esperado que saibam que o texto nunca está pronto em suas primeiras versões, necessitando de revisão, ou seja, verificar se não há necessidade de ajustes às normas gráficas padrão: ortografia, acentuação, emprego da letra maiúsculas, pontuação; ajustes na estrutura composicional, coesão textual e formatação, garantindo um texto atraente aos leitores.
  • Faz-se necessário relembrar que depois que todas as páginas do diário de Rapunzel estiverem revisadas, elas poderão ser reunidas em um único diário, sob o título “ O Diário de Rapunzel, da turma do 3º ano ___”. Ele ficará disponível na biblioteca da escola para que todos os alunos da comunidade escolar possam ter acesso e serem incentivados a trabalhar o gênero Diário. Após concluído o trabalho, combinar um dia para apresentar o Diário de Rapunzel para as outras turmas da escola.

Material Complementar:

LPO3_02SQA13: link

LPO3_02SQA14: link

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 13 minutos

Orientações:

  • Projete o slide ou reproduza-o no quadro.
  • Organize grupo de quatro estudantes (duas duplas escritoras).
  • Apresente-lhes elementos relacionados à diagramação e a formatação específicos do gênero, como uma possibilidade de pauta de revisão. Discuta cada um dos itens com a turma, para que os estudantes relembrem o que foi estudado sobre o gênero Diário. Leia cada item em voz alta, comente e dê exemplos do que seria adequado ou não. Converse com os alunos que um texto nunca está pronto em sua primeira versão e que sempre há a possibilidade de aperfeiçoá-lo.
Slide Plano Aula

Orientações:

  • Projete este slide apresentando-o como a tabela que irá organizar a revisão do texto produzido. Ela tem sua continuação no próximo slide.
  • Entregue uma cópia para cada dupla como norteador da revisão (disponível para a impressão nos materiais complementares). Discuta cada um dos itens com a turma e converse sobre as colunas o “sim” e o “não” que indicarão os aprimoramentos a serem realizados.
  • Diga-lhes que um outro leitor pode ajudar muito no aperfeiçoamento textual, fazendo uma leitura avaliativa com a intenção de auxiliar a deixar o texto melhor.
  • Indague-lhes o que acham sobre essa possibilidade. É fundamental que os critérios para a revisão sejam trabalhados para viabilizar as leituras avaliativas.

Material Complementar:

Tabela de Revisão: aqui

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Projete este slide apresentando-o como a tabela que irá organizar a revisão do texto produzido.
  • Entregue uma cópia para cada dupla como norteador da revisão (disponível para a impressão nos materiais complementares). Discuta cada um dos itens com a turma e converse sobre as colunas o “sim” e o “não” que indicarão os aprimoramentos a serem realizados.
  • Diga-lhes que um outro leitor pode ajudar muito no aperfeiçoamento textual, fazendo uma leitura avaliativa com a intenção de auxiliar a deixar o texto melhor.
  • Indague-lhes o que acham sobre essa possibilidade. É fundamental que os critérios para a revisão sejam trabalhados para viabilizar as leituras avaliativas.

Material Complementar:

Tabela de Revisão: aqui

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

  • Organize grupo de quatro estudantes (duas duplas escritoras) para que os alunos troquem os textos tendo a tabela e o decalque para fazerem as marcações e comentários do que deve ser revisto pelos colegas e vice-versa. Diga-lhes que poderão usar lápis de cores diferentes para marcar as mudanças
  • Dê-lhes dicas de como proceder: ler uma vez o texto somente para conhecê-lo, utilizar a tabela da revisão (revisão segundo as normas gráficas e edição, texto correto, reformulando frases, fazendo cortes…) o decalque para verificar a formatação e diagramação do texto.
  • Circule entre as duas duplas e observe se estão com dúvidas em relação a algum item proposto na tabela.
  • Converse com a turma, para garantir uma atitude de compromisso e respeito mútuo. A conversa livre é a primeira ação entre os pares. O respeito mútuo é a segunda para que, juntos, possam examinar o texto um dos outros. O professor será a terceira e última pessoa a agregar os apontamentos revisionais.
  • Diga-lhes que para a próxima aula, cada dupla com seu texto, já corrigido e avaliado e com todos os apontamentos e indicações dos colegas e do professor para correção, elaborará a reescrita, aprimorando-a com elementos visuais, ilustrações.
  • Garanta que seja feita em sala de aula a reescrita do texto, pois é um momento de avaliação.
  • Ressalte aos estudantes que reescrever não é passar o texto a limpo, não é apenas cuidar da letra e/ou da organização do texto no papel ou cuidar da parte de normas gráficas. É muito mais que isso, ou seja, e rever as escolhas feitas, é escrever novamente com outras palavras, é acrescentar informações, é substituir, inverter termos...é reescrever, novamente, para que surja um texto que expresse bem aquilo que o autor-narrador-personagem pretendia dizer.
  • Releia as produções finais dos alunos.
  • Defina equipes de trabalho para as próximas etapas, para a digitação das páginas de diário, conforme as facilidades apresentadas pela turma. Digitar em fonte Pacífico, 18 garantindo a semelhança com a escrita de caligrafia pessoal para reunir todas as páginas de maneira uniforme. Exemplo: “Meu querido diário,”. Outra equipe para ilustrar a capa e a contracapa onde irão reunir todas as páginas, procurando decidir como vão ilustrá-las, desenhando ou utilizando desenhos ou fotografias, escolhendo o estilo preferido pela equipe e de acordo com as sugestões de aprimoramento da tabela de revisão.
  • É bom lembrar que:
  • a tarefa do revisor é garantir que o texto esteja adequado às normas gráficas (ortografia, acentuação, emprego de maiúsculas e minúsculas, concordâncias…), garantindo um texto correto.
  • a tarefa do editor é ajustar o texto ao seu público, aprimorar a estrutura do texto, aprimorando as frases, eliminando, acrescentando, substituindo termos, garantindo um texto bem escrito.
  • a tarefa do diagramador é adaptar textos e imagens a uma determinada programação visual: suporte, tipos de letra, alinhamento, arte, garantindo um texto atraente aos leitores.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações:

  • Garanta, nos minutos finais, que os alunos possam opinar, entre si, sobre as sugestões de aprimoramento.
  • Resgate a aula 1 dessa Modalidade Organizativa LP03_02SQA 01, conforme link abaixo e incentive-os cada vez mais a construir seu próprio Diário pessoal.

“A elaboração de um diário pessoal pode configurar uma interessante proposta de produção textual permanente no cotidiano de jovens escritores. É um gênero privilegiado para que o aluno perceba a produção textual como uma forma interessante de organizar e reconfigurar, por meio da produção escrita ou do registro em áudio/áudio vídeo, suas próprias experiências.” (LERNER, 2002).

Material Complementar:

Aula LPO3_02SQA01: link

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Produção de textos do 3º ano :

MAIS AULAS DE Língua Portuguesa do 3º ano:

3º ano / Língua Portuguesa / Análise linguística/Semiótica

3º ano / Língua Portuguesa / Análise linguística/Semiótica

3º ano / Língua Portuguesa / Análise linguística/Semiótica

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF15LP06 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF15LP07 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Língua Portuguesa

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano