15303
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Língua Portuguesa > 6º ano > Análise linguística/Semiótica

Plano de aula - Análise de onomatopeias em capas de HQs

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 6º ano do EF sobre Análise de onomatopeias em capas de HQs

Plano 08 de 15 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Suzana De Carvalho Lima Kawai

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é a oitava aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero História em quadrinhos e no campo de atuação Artístico-literário. A aula faz parte do módulo Análise linguística.

Materiais necessários: Download de capas das HQs do Popeye, computador com internet. A proposta é que a aula se desenvolva no laboratório de informática da escola. Caso a escola não tenha laboratório, o professor pode se cadastrar no site disponível em: <http://digitalcomicmuseum.com/index.php?dlid=202>, acesso em: 8 jan. 2019 e imprimir algumas capas para trabalhar o plano.

Informações sobre o gênero:

A produção de uma história em quadrinhos envolve operações complexas como a combinação coerente entre roteiro e arte, texto verbal e não verbal. Esta aula visa proporcionar uma primeira experiência de uso dos elementos textuais próprios das HQs valendo-se da estrutura já bastante conhecida de um meme como apoio para o desafio que os alunos deverão enfrentar. Há diferentes definições para a narrativa em quadrinhos, segundo Moacy Cirne, trata-se de uma narrativa gráfico-visual, com suas particularidades próprias,com base no agenciamento de, no mínimo, duas imagens desenhadas que se relacionam (2002, p.14). Os textos apresentados aqui possuem estas características dos quadrinhos, mas também o hibridismo e a circulação própria dos memes. Leia mais sobre este tema nos links sugeridos a seguir.

Dificuldades antecipadas:

A definição da onomatopeia como figura de linguagem que busca representar os sons pode esbarrar na percepção subjetiva que cada criança tem de determinados sons.

Referências sobre o assunto:

CIRNE, Moacy. Quadrinhos, paixão e sedução. Petrópolis: Vozes, 2000.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientações:

  • Inicie a aula mostrando a provocação do slide. Veja o que os alunos têm a dizer sobre o ditado “Nunca julgue um livro pela capa”. Espera-se que eles já tenham ouvido este ditado e que entendam o significado, ou seja, jamais julgue alguém ou alguma coisa pelas aparências. Entretanto, há a ressalva logo após: “Só se for um gibi”. Questione por que podemos julgar um gibi pela sua capa. Espera-se que eles digam que, no caso dos gibis, as capas costumam ilustrar uma cena da história que será contada, ou os personagens que irão participar das histórias do gibi, por vezes já mostrando alguma ação que irá acontecer, deixando o leitor na curiosidade e já antecipando algo da história. Diga que a capa de uma HQ também é uma narrativa e que vários elementos que compõem uma HQ podem aparecer também nas capas.
  • Em seguida, apresente a proposta da aula aos alunos: nesta aula, analisaremos capas de HQs do Popeye, olhando para as onomatopeias. É fundamental, para esta aula, que os alunos já tenham descoberto o conceito de onomatopeia, pois se trata de uma aula de exercitação do conceito.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Entregue aos alunos capas impressas do Popeye. Estas capas foram retiradas do site Guia dos quadrinhos.

  • Solicite que observem com atenção todos os elementos verbais e não verbais das capas, pois isso ajudará a compreender os efeitos de sentido das onomatopeias. Peça que descrevam, oralmente e com riqueza de detalhes, cores, formas, expressões e representação das ações dos personagens nas capas. Espera-se, por exemplo, para a primeira capa, que percebam que o personagem Popeye está com o bebê Gugu em um barquinho, só que o rio secou e eles estão equilibrados em um resto de terra firme. Popeye está dormindo bem tranquilo (como nos revela a onomatopeia ZZZZZ), e o bebê está com cara de preocupado com a situação, um tanto apavorado, o que é revelado pelo ponto de exclamação em destaque. O barquinho está remendado, até com uma rolha tapando um buraco, o que nos mostra a intenção cômica. O marujo estava pescando, pois há uma vara de pescar no barco, com uma minhoca na ponta. Há um carangueijo rindo da situação toda. No cenário, um farol ao fundo. As cores são na maior parte primárias, bem vivas e chapadas, sem nuances de cor. O traço preto que contorna o desenho é bem marcante e destacado.

Sugestão ao professor:

Informe aos alunos que existe também um site em que podemos fazer o download de vários exemplares de quadrinhos: trata-se de um museu online de HQs. Caso eles tenham interesse e haja possibilidade, repasse o endereço para que eles possam pesquisar em casa ou mesmo na escola, em outro momento. Disponível em: <http://digitalcomicmuseum.com/>. Acesso em: 8 jan. 2019. Explique que o site está em inglês. A título de sugestão, pode ser feito um trabalho interdisciplinar, envolvendo língua portuguesa e língua inglesa, já que as onomatopeias são representadas de formas diferentes nas duas línguas.

Materiais complementares

Guia dos quadrinhos. Disponível em: <http://www.guiadosquadrinhos.com>. Acesso em: 20 dez 2018.

Digital Comic Museum. Disponível em: <http://digitalcomicmuseum.com>. Acesso em: 20 dez 2018.

Para ter acesso às capas, para impressão, clique aqui

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações

  • Solicite que os alunos registrem as onomatopeias encontradas nas capas entregues e os sentidos delas na narrativa visual.
  • Para isso, entregue aos alunos uma tabela em que eles reproduzirão as onomatopeias identificadas e os sentidos delas.
  • Solicite aos alunos que troquem as tabelas entre si para que leiam o exercício um do outro a fim de discutir se os sentidos construídos estão coerentes e se eles pensaram de maneira semelhante.
  • Peça que os alunos registrem no quadro as onomatopeias que encontraram e seus significados.

Clique aqui para ter acesso à tabela

Clique aqui para possíveis respostas dos alunos

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Escreva no quadro ou projete o slide: “Como percebemos o sentido das onomatopeias nas HQs?”.
  • Solicite que os alunos digam, oralmente, as respostas para a pergunta e vá anotando a fala dos alunos no quadro.
  • Peça aos alunos que anotem no caderno o texto produzido no quadro.
  • Solicite que colem a tabela produzida no caderno, pois poderão precisar revisar para alguma outra atividade com o gênero ou para a produção de uma HQ.

Possível resposta:

A intenção é que os alunos reflitam como conseguiram realizar o exercício, ou seja, como conseguiram abstrair o sentido da onomatopeia olhando para a imagem da HQ. Assim, é importante que digam que, no caso do gênero HQ, o sentido da onomatopeia se constrói por meio do movimento retratado do personagem, das linhas cinéticas, do contexto da narrativa (o que está sendo representado ali), cores, traços e linhas das onomatopeias (exemplo: o “PLAFT” escrito em vermelho, com letras mais grossas, contorno preto, dá a ideia da força do soco que foi dado), tudo isso somado à ideia que temos do barulho que aquela determinada ação faz.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é a oitava aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero História em quadrinhos e no campo de atuação Artístico-literário. A aula faz parte do módulo Análise linguística.

Materiais necessários: Download de capas das HQs do Popeye, computador com internet. A proposta é que a aula se desenvolva no laboratório de informática da escola. Caso a escola não tenha laboratório, o professor pode se cadastrar no site disponível em: <http://digitalcomicmuseum.com/index.php?dlid=202>, acesso em: 8 jan. 2019 e imprimir algumas capas para trabalhar o plano.

Informações sobre o gênero:

A produção de uma história em quadrinhos envolve operações complexas como a combinação coerente entre roteiro e arte, texto verbal e não verbal. Esta aula visa proporcionar uma primeira experiência de uso dos elementos textuais próprios das HQs valendo-se da estrutura já bastante conhecida de um meme como apoio para o desafio que os alunos deverão enfrentar. Há diferentes definições para a narrativa em quadrinhos, segundo Moacy Cirne, trata-se de uma narrativa gráfico-visual, com suas particularidades próprias,com base no agenciamento de, no mínimo, duas imagens desenhadas que se relacionam (2002, p.14). Os textos apresentados aqui possuem estas características dos quadrinhos, mas também o hibridismo e a circulação própria dos memes. Leia mais sobre este tema nos links sugeridos a seguir.

Dificuldades antecipadas:

A definição da onomatopeia como figura de linguagem que busca representar os sons pode esbarrar na percepção subjetiva que cada criança tem de determinados sons.

Referências sobre o assunto:

CIRNE, Moacy. Quadrinhos, paixão e sedução. Petrópolis: Vozes, 2000.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientações:

  • Inicie a aula mostrando a provocação do slide. Veja o que os alunos têm a dizer sobre o ditado “Nunca julgue um livro pela capa”. Espera-se que eles já tenham ouvido este ditado e que entendam o significado, ou seja, jamais julgue alguém ou alguma coisa pelas aparências. Entretanto, há a ressalva logo após: “Só se for um gibi”. Questione por que podemos julgar um gibi pela sua capa. Espera-se que eles digam que, no caso dos gibis, as capas costumam ilustrar uma cena da história que será contada, ou os personagens que irão participar das histórias do gibi, por vezes já mostrando alguma ação que irá acontecer, deixando o leitor na curiosidade e já antecipando algo da história. Diga que a capa de uma HQ também é uma narrativa e que vários elementos que compõem uma HQ podem aparecer também nas capas.
  • Em seguida, apresente a proposta da aula aos alunos: nesta aula, analisaremos capas de HQs do Popeye, olhando para as onomatopeias. É fundamental, para esta aula, que os alunos já tenham descoberto o conceito de onomatopeia, pois se trata de uma aula de exercitação do conceito.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Entregue aos alunos capas impressas do Popeye. Estas capas foram retiradas do site Guia dos quadrinhos.

  • Solicite que observem com atenção todos os elementos verbais e não verbais das capas, pois isso ajudará a compreender os efeitos de sentido das onomatopeias. Peça que descrevam, oralmente e com riqueza de detalhes, cores, formas, expressões e representação das ações dos personagens nas capas. Espera-se, por exemplo, para a primeira capa, que percebam que o personagem Popeye está com o bebê Gugu em um barquinho, só que o rio secou e eles estão equilibrados em um resto de terra firme. Popeye está dormindo bem tranquilo (como nos revela a onomatopeia ZZZZZ), e o bebê está com cara de preocupado com a situação, um tanto apavorado, o que é revelado pelo ponto de exclamação em destaque. O barquinho está remendado, até com uma rolha tapando um buraco, o que nos mostra a intenção cômica. O marujo estava pescando, pois há uma vara de pescar no barco, com uma minhoca na ponta. Há um carangueijo rindo da situação toda. No cenário, um farol ao fundo. As cores são na maior parte primárias, bem vivas e chapadas, sem nuances de cor. O traço preto que contorna o desenho é bem marcante e destacado.

Sugestão ao professor:

Informe aos alunos que existe também um site em que podemos fazer o download de vários exemplares de quadrinhos: trata-se de um museu online de HQs. Caso eles tenham interesse e haja possibilidade, repasse o endereço para que eles possam pesquisar em casa ou mesmo na escola, em outro momento. Disponível em: <http://digitalcomicmuseum.com/>. Acesso em: 8 jan. 2019. Explique que o site está em inglês. A título de sugestão, pode ser feito um trabalho interdisciplinar, envolvendo língua portuguesa e língua inglesa, já que as onomatopeias são representadas de formas diferentes nas duas línguas.

Materiais complementares

Guia dos quadrinhos. Disponível em: <http://www.guiadosquadrinhos.com>. Acesso em: 20 dez 2018.

Digital Comic Museum. Disponível em: <http://digitalcomicmuseum.com>. Acesso em: 20 dez 2018.

Para ter acesso às capas, para impressão, clique aqui

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações

  • Solicite que os alunos registrem as onomatopeias encontradas nas capas entregues e os sentidos delas na narrativa visual.
  • Para isso, entregue aos alunos uma tabela em que eles reproduzirão as onomatopeias identificadas e os sentidos delas.
  • Solicite aos alunos que troquem as tabelas entre si para que leiam o exercício um do outro a fim de discutir se os sentidos construídos estão coerentes e se eles pensaram de maneira semelhante.
  • Peça que os alunos registrem no quadro as onomatopeias que encontraram e seus significados.

Clique aqui para ter acesso à tabela

Clique aqui para possíveis respostas dos alunos

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Escreva no quadro ou projete o slide: “Como percebemos o sentido das onomatopeias nas HQs?”.
  • Solicite que os alunos digam, oralmente, as respostas para a pergunta e vá anotando a fala dos alunos no quadro.
  • Peça aos alunos que anotem no caderno o texto produzido no quadro.
  • Solicite que colem a tabela produzida no caderno, pois poderão precisar revisar para alguma outra atividade com o gênero ou para a produção de uma HQ.

Possível resposta:

A intenção é que os alunos reflitam como conseguiram realizar o exercício, ou seja, como conseguiram abstrair o sentido da onomatopeia olhando para a imagem da HQ. Assim, é importante que digam que, no caso do gênero HQ, o sentido da onomatopeia se constrói por meio do movimento retratado do personagem, das linhas cinéticas, do contexto da narrativa (o que está sendo representado ali), cores, traços e linhas das onomatopeias (exemplo: o “PLAFT” escrito em vermelho, com letras mais grossas, contorno preto, dá a ideia da força do soco que foi dado), tudo isso somado à ideia que temos do barulho que aquela determinada ação faz.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Análise linguística/Semiótica do 6º ano :

MAIS AULAS DE Língua Portuguesa do 6º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF67LP38 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Língua Portuguesa

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano