14688
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Língua Portuguesa > 2º ano > Análise linguística/Semiótica

Plano de aula - Verbete de enciclopédia infantil: explorando o sinônimo das palavras técnicas do verbete

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 2º ano do EF sobre Verbete de enciclopédia infantil: explorando o sinônimo das palavras técnicas do verbete

Plano 07 de 15 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Bárbara da Silva Bittencourt Gomes

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é sétima aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero verbete de enciclopédia infantil e no campo de atuação Práticas de estudo e pesquisa. A aula faz parte do módulo de Análise Linguística e Semiótica.

Materiais necessários: Lápis, borracha, cópias de imagens do rinocerontes para impressão em papel A4 (clique aqui para acessar), cópias do verbete do rinoceronte (clique aqui para acessar), cópias para atividade de substituição de palavras por sinônimos (clique aqui para acessar), computador com acesso à internet e projetor para os slides.

Informações sobre o gênero:

DIONÍSIO, A. Conversas entre textos. In: Diversidade textual: os gêneros na sala de aula. (org) SANTOS, C. F.; MENDONÇA, M.; CAVALCANTI, M. C. B. Belo Horizonte: Autêntica, 2007.

Dificuldades antecipadas: Não identificar que os sinônimos apresentam diferenças entre si. Não conseguir sugerir sinônimos para as palavras destacadas, por falta de repertório.

Referências sobre o assunto:

DIONÍSIO, A.; MACHADO, A. R.; BEZERRA, M. A. (Orgs.). Gêneros textuais & e ensino. São Paulo: Parábola, 2010.

COSTA, S. R. Dicionário de gêneros textuais. 3ª ed. rev. e ampl. Belo Horizonte: Autêntica, 2012.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 1 minuto.

Orientações:

  • O plano proposto terá enfoque na questão do uso dos sinônimos a favor da compreensão do texto, não explorando a habilidade em sua totalidade.
  • Leia o tema da aula para a turma, se possível projete o slide ou escreva no quadro.
  • Informe para eles que a aula será sobre os tipos de palavras usadas no verbete e como podemos descobrir seus sentidos, para compreender melhor o texto.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos.

Orientações:

  • Apresente o vídeo sobre o rinoceronte, disponível no site da Britannica Escola: https://escola.britannica.com.br/levels/fundamental/assembly/view/178514. Caso não seja possível exibir o vídeo, imprima as imagens do rinocerontes (disponíveis nos materiais complementares) em papel A4, apresente as imagens e peça que a turma as observem.

2. Discuta com a turma:

  • O que vocês sabem sobre o rinoceronte? (Resposta pessoal)
  • Alguém já viu um rinoceronte? (Resposta pessoal)
  • E quem gostaria de ver esse animal? (Resposta pessoal)
  • Quem pode falar algo sobre ele? (Resposta pessoal)
  • Vamos saber um pouco mais sobre esse animal fazendo a leitura do verbete do rinoceronte?

Materiais complementares: Imagens do rinoceronte.

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

1. Essa primeira parte deve durar 5 a 15 minutos.

  • Apresente o verbete do rinoceronte, projetando o site ou escrevendo o texto no quadro.
  • Entregue a atividade do verbete para a leitura em dupla ou grupos de 4 alunos. Faça a mediação para que em cada dupla tenha pelo menos um leitor.
  • Antes de fazer a leitura do verbete explore a imagem e faça algumas antecipações e inferências, questione:
  • Com a observação da imagem e do vídeo do rinoceronte, podemos deduzir onde vivem esses animais? (Resposta pessoal)
  • Para vocês quais sãos as características do rinoceronte? (Resposta pessoal)
  • Vocês acham que no verbete encontraremos alguma curiosidade sobre os rinocerontes? (Resposta pessoal)

2. Inicie servindo de modelo de leitor para a turma. Caso tenha um aluno leitor fluente, ele também pode realizar a leitura. Como a aula no foco para a leitura já foi proposta, sugere-se adotar uma leitura mais dinâmica. Ao acabar de ler, questione:

  • O que vocês pensaram sobre o local onde vivem os rinocerontes? Se confirmou após a leitura do verbete? Quem pode dizer onde tem essa informação no texto?

Essa intervenção leva a turma a verificar as antecipações que foram feitas. Os alunos devem informar que os rinocerontes vivem em áreas com pequenos arbustos e pântanos.

  • E sobre as suas características físicas? As que vocês citaram tinham a ver com as que foram informadas no texto?

Devem citar que têm pele grossas, cascos e chifres. Tendo a pele de cor marrom ou acinzentada ou cinza mais claro. Aqui cabe outra verificação do que foi dito antes da leitura do verbete.

  • Alguém pode indicar no texto o tipo de alimentação do animal?

Eles devem indicar no último trecho que os rinocerontes comem capim, bambu e brotos.

  • Foi possível encontrar alguma informação curiosa sobre esses animais? Quem pode citar uma?

Os alunos podem citar o fato dos rinocerontes não enxergarem muito bem, mas terem boa audição e olfato.

3. Após a atividade de exploração de leitura, a tarefa será analisar a linguagem técnica, própria do gênero. Para isto, deve-se acionar o acervo de palavras pessoais deles e explorar o vocabulário que eles jás se apropriaram. Assim como também ampliá-lo e sobretudo construir e reconstruir o conceito de sinônimos, destacando que as palavras apresentam sentidos semelhantes dentro de uma gradação semântica (isto é, o sentido não é igual), e que elas podem ser substituídas analisando o contexto em que foram empregadas. Relembre quem é o autor do gênero (especialistas) e, assim, o tipo de linguagem que utilizam. Para isso, convide a turma a pensar sobre as palavras que estão no verbete, analisando-as, de modo a identificar as palavras técnicas:

  • Vamos analisar as palavras do verbete e identificar aquelas que achamos que são palavras mais usadas por especialistas?

Materiais complementares: Atividade - Verbete do rinoceronte.

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Orientações:

Essa segunda parte deve durar 15 minutos.

  • Peça aos alunos que leiam novamente o texto e grifem as palavras que eles identificarem como termos ou palavras técnicas. Nesse momento, a ideia é fazer eles perceberem o tipo de linguagem que o gênero utiliza, portanto, espera-se que eles indiquem, por exemplo, as seguintes palavras: porte, mamífero, espécie, ilegal, extinção, habitar, locomovem-se, densos e alimentam-se. Estabeleça um tempo de 5 minutos para essa tarefa.
  • Ao finalizar essa parte da tarefa, peça para que eles socializem as palavras. Retorne ao slide do texto ou ao verbete impresso e grifem as palavras que eles citarem. Em seguida, as escreva no quadro em formato de lista. Considere todas as palavras que eles indicarem, entretanto, se eles deixarem de citar alguma das que foram selecionadas, questione se elas são palavras encontradas mais facilmente nos textos que eles leem no dia a dia e registre-as na lista. As intervenções a seguir serão direcionadas para as palavras que foram selecionadas previamente, entendidas como as mais técnica (no entanto, caso citem outras palavras, será necessário trabalhar também os sinônimos delas).
  • Depois de garantir que todas as palavras identificadas como técnicas (porte, mamífero, espécie, ilegal,extinção, habitar, locomovem-se, densos e alimentam-se) foram grifadas no texto, informe que essas palavras são consideradas mais técnicas/formais, usadas pelos especialista que produzem o verbete. Pergunte:
  • Por que vocês acham que encontramos esses palavras mais formais no verbete e não palavras que usamos mais no dia-a-dia?

Espera-se que eles expressem o que já sabem sobre os verbetes e afirmem que, como são textos que trazem informações mais científicas e específicas, além de serem textos produzidos por cientistas e especialistas, há o uso de uma linguagem mais formal/técnica/científica. Caso eles não cheguem a essa conclusão, retome com eles essa informação. Associe o termo linguagem técnica às palavras usadas no verbete.

4. Oriente-os para que escrevam essas palavras na tabela, na primeira coluna, com o título : “Palavras que os especialistas usam quando produzem um verbete” . Proponha, depois, a eles:

  • Para ajudar a compreender melhor essas palavras, será que seria possível pensarmos em substituí-las por outras?

Eles devem concluir que sim.

5. Peça-os para citarem palavras que apresentam sentidos semelhantes às que eles grifaram e as escreva ao lado. Nesse primeiro momento, vamos coletar palavras substitutas partindo do repertório que as crianças já possuem, valendo-se, inclusive, do contexto do texto para essa substituição. No entanto, caso tenham dificuldade para mencionar palavras que poderiam ser utilizadas, você pode sugerir o uso do dicionário.

É provável que eles citem para cada palavra as seguintes substituições:

I- porte - tamanho.

II- mamífero - animais que mamam.

III- espécie - animal. Oor ser uma palavra mais difícil, faça sugestão, como tipo ou raça.

IV- ilegal - proibido.

V - extinção - acabar, sugira também eliminação, caso eles não citem.

VI- habitar - morar / viver.

VII- locomovem-se - andam.

VIII- densos - pesado, sugira fechado.

IX- alimentam-se - comem.

6. Continue com as intervenções:

  • Agora que encontramos as palavras que podem ser substituídas, vamos reler os trechos do texto usando as palavras sugeridas e verificar se elas podem ser substituídas sem alterar o sentido da frase?

Espera-se que eles percebam que só pode ser substituída a palavra que não altere o sentido da frase e a ideia do texto. Continue:

  • Buscar palavras que possuem sentido parecidos ajuda a compreender melhor o texto? (Resposta pessoal, mas espera-se que digam que sim).
  • Por que foi possível substituir a palavra denso por fechado?

A ideia é que eles afirmem que essas palavras apresentam significados parecidos. Eles podem até dizer que tem significado iguais, pois em algumas situações eles são apresentados aos sinônimos dessa forma.Torna-se, então, um momento oportuno de desconstruir esse conceito, explicando que as palavras denso e pesado apresentam sentido semelhantes no texto, mas não iguais, pois em outras frases podem assumir outros sentidos.

  • Alguém sabe me dizer como chamamos na Língua Portuguesa as palavras que têm sentidos semelhantes ou significados parecidos? Como, por exemplo, grande e enorme, bonito e lindo, feio e horroroso?

A ideia é que eles digam que se chamam sinônimos, pois espera-se que esse assunto já tenha sido abordado em outras séries. Caso eles não cheguem a essa conclusão, apresente a palavra sinônimo, visto que o conceito já foi construído por eles a partir das perguntas anteriores.

7. Conclua essa parte, orientando que eles registrem as palavras sugeridas para a substituição na segunda coluna da tabela, com o título: “Palavras que apresentam sentidos semelhantes”.

8. Convide-os para a etapa final:

  • Então, hoje fizemos algumas descobertas sobre o verbete e o tipo de linguagem usada para escrevê-lo. Vamos organizar essas descobertas?

Materiais complementares: Atividade - Verbete do rinoceronte.

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Nessa etapa, as crianças irão organizar as ideias concluídas em relação ao tipo de linguagem utilizada no gênero e o uso dos sinônimos a favor da compreensão do texto. Pergunte:
  • O que descobrimos sobre a linguagem utilizada nos verbetes?

Espera-se que as crianças comentem que o verbete possui uma linguagem mais técnica/científica/formal, por ser redigido por especialistas.

  • Como conseguir compreender melhor a linguagem/palavras utilizadas nesse gênero?

Espera-se que as crianças comentem a substituição dessas palavras por sinônimos. Enfatize aqui a questão do uso dos sinônimos a favor da compreensão do gênero e da necessidade de analisar essa substituição tendo em vista o contexto do texto (uma vez que nem todos os sinônimos serão apropriados para aquele texto).

  • Por que é importante explorarmos as palavras e seus sentidos?
  • Espera-se que as crianças digam que somente se soubermos os sentidos das palavras conseguiremos compreender corretamente o texto. Caso não cheguem a essa conclusão, retome essa relação.

2. Peça aos alunos que registrem suas conclusões na atividade no espaço reservado.

Materiais complementares: Atividade - Verbete do rinoceronte e Gabarito - atividade principal.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é sétima aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero verbete de enciclopédia infantil e no campo de atuação Práticas de estudo e pesquisa. A aula faz parte do módulo de Análise Linguística e Semiótica.

Materiais necessários: Lápis, borracha, cópias de imagens do rinocerontes para impressão em papel A4 (clique aqui para acessar), cópias do verbete do rinoceronte (clique aqui para acessar), cópias para atividade de substituição de palavras por sinônimos (clique aqui para acessar), computador com acesso à internet e projetor para os slides.

Informações sobre o gênero:

DIONÍSIO, A. Conversas entre textos. In: Diversidade textual: os gêneros na sala de aula. (org) SANTOS, C. F.; MENDONÇA, M.; CAVALCANTI, M. C. B. Belo Horizonte: Autêntica, 2007.

Dificuldades antecipadas: Não identificar que os sinônimos apresentam diferenças entre si. Não conseguir sugerir sinônimos para as palavras destacadas, por falta de repertório.

Referências sobre o assunto:

DIONÍSIO, A.; MACHADO, A. R.; BEZERRA, M. A. (Orgs.). Gêneros textuais & e ensino. São Paulo: Parábola, 2010.

COSTA, S. R. Dicionário de gêneros textuais. 3ª ed. rev. e ampl. Belo Horizonte: Autêntica, 2012.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 1 minuto.

Orientações:

  • O plano proposto terá enfoque na questão do uso dos sinônimos a favor da compreensão do texto, não explorando a habilidade em sua totalidade.
  • Leia o tema da aula para a turma, se possível projete o slide ou escreva no quadro.
  • Informe para eles que a aula será sobre os tipos de palavras usadas no verbete e como podemos descobrir seus sentidos, para compreender melhor o texto.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos.

Orientações:

  • Apresente o vídeo sobre o rinoceronte, disponível no site da Britannica Escola: https://escola.britannica.com.br/levels/fundamental/assembly/view/178514. Caso não seja possível exibir o vídeo, imprima as imagens do rinocerontes (disponíveis nos materiais complementares) em papel A4, apresente as imagens e peça que a turma as observem.

2. Discuta com a turma:

  • O que vocês sabem sobre o rinoceronte? (Resposta pessoal)
  • Alguém já viu um rinoceronte? (Resposta pessoal)
  • E quem gostaria de ver esse animal? (Resposta pessoal)
  • Quem pode falar algo sobre ele? (Resposta pessoal)
  • Vamos saber um pouco mais sobre esse animal fazendo a leitura do verbete do rinoceronte?

Materiais complementares: Imagens do rinoceronte.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

1. Essa primeira parte deve durar 5 a 15 minutos.

  • Apresente o verbete do rinoceronte, projetando o site ou escrevendo o texto no quadro.
  • Entregue a atividade do verbete para a leitura em dupla ou grupos de 4 alunos. Faça a mediação para que em cada dupla tenha pelo menos um leitor.
  • Antes de fazer a leitura do verbete explore a imagem e faça algumas antecipações e inferências, questione:
  • Com a observação da imagem e do vídeo do rinoceronte, podemos deduzir onde vivem esses animais? (Resposta pessoal)
  • Para vocês quais sãos as características do rinoceronte? (Resposta pessoal)
  • Vocês acham que no verbete encontraremos alguma curiosidade sobre os rinocerontes? (Resposta pessoal)

2. Inicie servindo de modelo de leitor para a turma. Caso tenha um aluno leitor fluente, ele também pode realizar a leitura. Como a aula no foco para a leitura já foi proposta, sugere-se adotar uma leitura mais dinâmica. Ao acabar de ler, questione:

  • O que vocês pensaram sobre o local onde vivem os rinocerontes? Se confirmou após a leitura do verbete? Quem pode dizer onde tem essa informação no texto?

Essa intervenção leva a turma a verificar as antecipações que foram feitas. Os alunos devem informar que os rinocerontes vivem em áreas com pequenos arbustos e pântanos.

  • E sobre as suas características físicas? As que vocês citaram tinham a ver com as que foram informadas no texto?

Devem citar que têm pele grossas, cascos e chifres. Tendo a pele de cor marrom ou acinzentada ou cinza mais claro. Aqui cabe outra verificação do que foi dito antes da leitura do verbete.

  • Alguém pode indicar no texto o tipo de alimentação do animal?

Eles devem indicar no último trecho que os rinocerontes comem capim, bambu e brotos.

  • Foi possível encontrar alguma informação curiosa sobre esses animais? Quem pode citar uma?

Os alunos podem citar o fato dos rinocerontes não enxergarem muito bem, mas terem boa audição e olfato.

3. Após a atividade de exploração de leitura, a tarefa será analisar a linguagem técnica, própria do gênero. Para isto, deve-se acionar o acervo de palavras pessoais deles e explorar o vocabulário que eles jás se apropriaram. Assim como também ampliá-lo e sobretudo construir e reconstruir o conceito de sinônimos, destacando que as palavras apresentam sentidos semelhantes dentro de uma gradação semântica (isto é, o sentido não é igual), e que elas podem ser substituídas analisando o contexto em que foram empregadas. Relembre quem é o autor do gênero (especialistas) e, assim, o tipo de linguagem que utilizam. Para isso, convide a turma a pensar sobre as palavras que estão no verbete, analisando-as, de modo a identificar as palavras técnicas:

  • Vamos analisar as palavras do verbete e identificar aquelas que achamos que são palavras mais usadas por especialistas?

Materiais complementares: Atividade - Verbete do rinoceronte.

Slide Plano Aula

Orientações:

Essa segunda parte deve durar 15 minutos.

  • Peça aos alunos que leiam novamente o texto e grifem as palavras que eles identificarem como termos ou palavras técnicas. Nesse momento, a ideia é fazer eles perceberem o tipo de linguagem que o gênero utiliza, portanto, espera-se que eles indiquem, por exemplo, as seguintes palavras: porte, mamífero, espécie, ilegal, extinção, habitar, locomovem-se, densos e alimentam-se. Estabeleça um tempo de 5 minutos para essa tarefa.
  • Ao finalizar essa parte da tarefa, peça para que eles socializem as palavras. Retorne ao slide do texto ou ao verbete impresso e grifem as palavras que eles citarem. Em seguida, as escreva no quadro em formato de lista. Considere todas as palavras que eles indicarem, entretanto, se eles deixarem de citar alguma das que foram selecionadas, questione se elas são palavras encontradas mais facilmente nos textos que eles leem no dia a dia e registre-as na lista. As intervenções a seguir serão direcionadas para as palavras que foram selecionadas previamente, entendidas como as mais técnica (no entanto, caso citem outras palavras, será necessário trabalhar também os sinônimos delas).
  • Depois de garantir que todas as palavras identificadas como técnicas (porte, mamífero, espécie, ilegal,extinção, habitar, locomovem-se, densos e alimentam-se) foram grifadas no texto, informe que essas palavras são consideradas mais técnicas/formais, usadas pelos especialista que produzem o verbete. Pergunte:
  • Por que vocês acham que encontramos esses palavras mais formais no verbete e não palavras que usamos mais no dia-a-dia?

Espera-se que eles expressem o que já sabem sobre os verbetes e afirmem que, como são textos que trazem informações mais científicas e específicas, além de serem textos produzidos por cientistas e especialistas, há o uso de uma linguagem mais formal/técnica/científica. Caso eles não cheguem a essa conclusão, retome com eles essa informação. Associe o termo linguagem técnica às palavras usadas no verbete.

4. Oriente-os para que escrevam essas palavras na tabela, na primeira coluna, com o título : “Palavras que os especialistas usam quando produzem um verbete” . Proponha, depois, a eles:

  • Para ajudar a compreender melhor essas palavras, será que seria possível pensarmos em substituí-las por outras?

Eles devem concluir que sim.

5. Peça-os para citarem palavras que apresentam sentidos semelhantes às que eles grifaram e as escreva ao lado. Nesse primeiro momento, vamos coletar palavras substitutas partindo do repertório que as crianças já possuem, valendo-se, inclusive, do contexto do texto para essa substituição. No entanto, caso tenham dificuldade para mencionar palavras que poderiam ser utilizadas, você pode sugerir o uso do dicionário.

É provável que eles citem para cada palavra as seguintes substituições:

I- porte - tamanho.

II- mamífero - animais que mamam.

III- espécie - animal. Oor ser uma palavra mais difícil, faça sugestão, como tipo ou raça.

IV- ilegal - proibido.

V - extinção - acabar, sugira também eliminação, caso eles não citem.

VI- habitar - morar / viver.

VII- locomovem-se - andam.

VIII- densos - pesado, sugira fechado.

IX- alimentam-se - comem.

6. Continue com as intervenções:

  • Agora que encontramos as palavras que podem ser substituídas, vamos reler os trechos do texto usando as palavras sugeridas e verificar se elas podem ser substituídas sem alterar o sentido da frase?

Espera-se que eles percebam que só pode ser substituída a palavra que não altere o sentido da frase e a ideia do texto. Continue:

  • Buscar palavras que possuem sentido parecidos ajuda a compreender melhor o texto? (Resposta pessoal, mas espera-se que digam que sim).
  • Por que foi possível substituir a palavra denso por fechado?

A ideia é que eles afirmem que essas palavras apresentam significados parecidos. Eles podem até dizer que tem significado iguais, pois em algumas situações eles são apresentados aos sinônimos dessa forma.Torna-se, então, um momento oportuno de desconstruir esse conceito, explicando que as palavras denso e pesado apresentam sentido semelhantes no texto, mas não iguais, pois em outras frases podem assumir outros sentidos.

  • Alguém sabe me dizer como chamamos na Língua Portuguesa as palavras que têm sentidos semelhantes ou significados parecidos? Como, por exemplo, grande e enorme, bonito e lindo, feio e horroroso?

A ideia é que eles digam que se chamam sinônimos, pois espera-se que esse assunto já tenha sido abordado em outras séries. Caso eles não cheguem a essa conclusão, apresente a palavra sinônimo, visto que o conceito já foi construído por eles a partir das perguntas anteriores.

7. Conclua essa parte, orientando que eles registrem as palavras sugeridas para a substituição na segunda coluna da tabela, com o título: “Palavras que apresentam sentidos semelhantes”.

8. Convide-os para a etapa final:

  • Então, hoje fizemos algumas descobertas sobre o verbete e o tipo de linguagem usada para escrevê-lo. Vamos organizar essas descobertas?

Materiais complementares: Atividade - Verbete do rinoceronte.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Nessa etapa, as crianças irão organizar as ideias concluídas em relação ao tipo de linguagem utilizada no gênero e o uso dos sinônimos a favor da compreensão do texto. Pergunte:
  • O que descobrimos sobre a linguagem utilizada nos verbetes?

Espera-se que as crianças comentem que o verbete possui uma linguagem mais técnica/científica/formal, por ser redigido por especialistas.

  • Como conseguir compreender melhor a linguagem/palavras utilizadas nesse gênero?

Espera-se que as crianças comentem a substituição dessas palavras por sinônimos. Enfatize aqui a questão do uso dos sinônimos a favor da compreensão do gênero e da necessidade de analisar essa substituição tendo em vista o contexto do texto (uma vez que nem todos os sinônimos serão apropriados para aquele texto).

  • Por que é importante explorarmos as palavras e seus sentidos?
  • Espera-se que as crianças digam que somente se soubermos os sentidos das palavras conseguiremos compreender corretamente o texto. Caso não cheguem a essa conclusão, retome essa relação.

2. Peça aos alunos que registrem suas conclusões na atividade no espaço reservado.

Materiais complementares: Atividade - Verbete do rinoceronte e Gabarito - atividade principal.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Análise linguística/Semiótica do 2º ano :

2º ano / Língua Portuguesa / Análise linguística/Semiótica

MAIS AULAS DE Língua Portuguesa do 2º ano:

2º ano / Língua Portuguesa / Análise linguística/Semiótica

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF02LP10 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Língua Portuguesa

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano