14607
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Língua Portuguesa > 4º ano > Análise linguística/Semiótica

Plano de aula - A construção de um rádio jornal

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 4º ano do EF sobre A construção de um rádio jornal

Plano 09 de 15 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Maria Caroline Silveira

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: esta é nona aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero Notícia e no campo de atuação Vida pública. A aula faz parte do módulo de Análise Linguística e Semiótica.

Materiais necessários: Computador on-line; projetor multimídia, caixas de som; cópias dos materiais listados nas orientações (quantidades de acordo com o número de alunos).

Informações sobre o gênero: O gênero notícia pode ser entendido como um texto no qual se divulga um fato ou acontecimento, veiculado principalmente por jornais, revistas e rádios, impressos, eletrônicos ou televisivos. Por ser um gênero massivo de comunicação atinge a todas as camadas da população, trazendo informações e contribuindo para a formação de opinião. Esses textos são dinâmicos, atuais e periódicos, e, como não é qualquer fato que vira notícia, ele deve ser marcado pelo ineditismo, gerar interesse e identificação no leitor. Tendo em vista que há diversos públicos que ouvem os jornais, cada linha editorial se adequa ao que entende que chamará mais a atenção de seu público alvo, determinando assim seu vocabulário, extensão do texto, temáticas e o nível de parcialidade no tratamento das informações. A partir da leitura de notícias veiculadas pelos diversos meios de comunicação, é possível promover reflexão e discussão sobre temas da atualidade que afetam direta ou indiretamente a realidade do aluno, além de explorar o estudo da fala (oralidade), paralelamente ao estudo da escrita. De acordo com Marcuschi (2001), Fávero (2000), Fávero et al. (2014), Baltar (2012), entre outros, percebe-se que a escola ainda centra suas atividades na modalidade escrita da língua, tornando necessária propostas didáticas voltadas para a modalidade oral. Sobre a exploração da notícia radiofônica em sala de aula e sua importância, Golim (2005) destaca que o rádio jornal apresenta particularidades interessantes, pois apresenta-se por meio de um tipo de linguagem que oferece pistas para o exercício de uma escuta atenta aos elementos sensoriais, potenciais, que fazem aflorar a fantasia, a imaginação, tornando o ouvinte um sujeito daquela transmissão.

Dificuldades antecipadas: Embora o gênero Notícia, seja um gênero massivo de comunicação que atinge a todas as camadas da população, deve-se considerar que as notícias radiofônicas podem não fazer parte da vida diária de alguns alunos. Por isso, é possível que apresentem dificuldades na atividade de reprodução de roteiros para rádio jornal. Essa atividade, exigirá a compreensão da notícia radiofônica como um gênero misto: baseado no discurso oral, mas construído a partir de textos escritos.

Referências sobre o assunto: BARBOSA. Jaqueline Peixoto. Outras mídias e linguagens na escola. In: Práticas de leitura e escrita / Maria Angélica Freire de Carvalho, Rosa Helena Mendonça (orgs.). – Brasília : Ministério da Educação, 2006. P. 174 - 180. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seed/arquivos/pdf/tvescola/grades/salto_ple.pdf

BALTAR, M. Rádio escolar: uma experiência de letramento midiático. São Paulo: Cortez, 2012.

FÁVERO, L. L. A entrevista na fala e na escrita. In: PRETTI, D. (Org.). Fala e escrita em questão. São Paulo: Humanitas, 2000.

FÁVERO, L. L.; ANDRADE, M. L. C. V. O; AQUINO, Z. In: reflexões sobre oralidade e escrita no ensino de Língua Portuguesa. ELIAS, V. (Org.). São Paulo: Contexto, 2014.

GOLIM, Cida. Teorias do rádio: Paul Zumthor e a poética da voz. In: Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação XXVIII - Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação – UERJ – 5 a 9 de setembro de 2005.

MARCUSCHI, Luis Antônio. A oralidade e o ensino de língua: uma questão pouco falada. In: DIONÍSIO, Ângela, Paiva e BEZERRA, Maria Auxiliadora. (Org). O livro didático de português: múltiplos olhares. Rio de Janeiro: Lucerna, 2001.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 1

Orientações:

  • Inicie a aula lendo o tema para os alunos.
  • Questione os alunos
    a) O que é um rádio jornal? É possível que os alunos respondam que se trata de um jornal falado ou então que este tipo de jornal é veiculado pelo meio de comunicação Rádio.

b) O que é transmitido em um rádio jornal? É possível que os alunos respondam que um rádio jornal transmite os acontecimentos e notícias do dia.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações:

1. Providencie antecipadamente cópias das atividades de sondagem: caça-palavras.

2. Entregue uma cópia para cada aluno.

3. Explique a atividade

  • No caça-palavras há 9 palavras relacionadas ao gênero Notícia.
  • Há palavras escondidas na vertical e horizontal, sem palavras ao contrário.
  • Após encontrar as 9 palavras, é necessário preencher a tabela com todas as palavras encontradas, classificando-as entre palavras relacionadas as notícias radiofônicas e outras palavras.

4. Este momento é de investigação das hipóteses e conhecimentos dos alunos sobre o gênero. Caso esteja seguindo a sequência, pode ser também um momento de resgate dos conhecimentos adquiridos nas aulas anteriores.

Materiais complementares:

Para imprimir a atividade de sondagem, acesse: aqui

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Orientações:

  • É possível que os alunos encontrem as palavras que estão neste slide. Mesmo que não descubram todas, passados 5 minutos, encerre a atividade e inicie a discussão.
  • Projete este slide no quadro e questione o que os alunos sabem sobre o significado de cada uma das palavras. Complemente as respostas, explicando que o rádio é um meio de comunicação que veicula músicas e programas como jornais radiofônico. A vinheta, composta por músicas ou efeitos sonoros, faz parte da abertura de programas e também pode marcar a mudança entre quadros. A vinheta pode ser também uma marca de identidade de determinado programa. Nos programas de rádio há um apresentador que anuncia as manchetes e um repórter que vai ao encontro da notícia (em geral está no local dos acontecimentos). O jornal transmite notícias, informações, entrevistas e reportagens. As palavras foto, vídeo e televisão, nos lembram o gênero notícias, mas são recursos utilizados em outros casos: a televisão é o meio de comunicação para o jornal televisivo. As fotos são recursos que aparecem em jornais impressos e digitais, e, os vídeos, geralmente aparecem em jornais televisivos e digitais.
  • Questione os alunos sobre o quadro no qual se deve incluir a palavra texto:
  • Tem texto nos jornais radiofônicos?
  • Como os apresentadores sabem o que vão falar? Eles decoram as falas, improvisam, ou seguem um texto?
  • Que tipo de texto pode haver no programa de rádio?
  • Permita que os alunos exponham suas opiniões e hipóteses. Complemente as respostas, explicando que o texto escrito é importante para os apresentadores dos jornais não só em programas de rádio. Os textos usados são chamados de roteiros e neles contém anotações, tópicos com os principais momentos do programa, perguntas a serem feitas para os entrevistados, entre outros. Destaque a função do roteiro para o rádio jornal, que apesar de se basear no discurso oral, ele se constitui a partir do texto escrito. O locutor lê as notícias, sendo imprescindível elaborar um roteiro para nortear o trabalho de todos os envolvidos em um rádio jornal. Vale lembrar que notícias radiofônicas, são consideradas um gênero misto, pois baseiam-se em textos escritos e orais. Além disso, os roteiros também fazem parte dos jornais televisivos.

Materiais complementares:

  • Para acessar a resolução da atividade, acesse: aqui

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

  • Explique para os alunos que eles ouvirão um trecho de um jornal radiofônico.
  • Passe o trecho com o áudio do rádio jornal, pausando em 6m:30s. Este momento é importante para resgatar os conhecimentos prévios dos alunos sobre a estrutura dos jornais radiofônicos, inclusive o que já foi estudado nas aulas desta sequência.
  • Chame a atenção dos alunos para que percebam momentos importantes do programa e suas características: O programa inicia com uma vinheta que informa o nome da rádio e do jornal, com uma chamada para o início do “ Jornal da manhã” (“tudo o que é notícia no Pará, no Brasil e no mundo, você ouve agora no Jornal da Manhã”); O programa segue com a apresentadora lendo as principais manchetes do dia, narradas em meio a efeitos sonoros que causam “suspense”, há informações sobre dia e hora, novamente aparece o nome do jornal e frequência da rádio; Há também um movimento que visa gerar proximidade entre a apresentadora e o público (a apresentadora diz seu nome e dá bom dia, enfatizando “muito bom dia para VOCÊ que nos acompanha na Cultura FM ...na SUA 93,7”); Logo depois, a apresentada introduz a primeira notícia “governo do estado e prefeitura inauguram obras de transporte”. Há mais detalhes da notícia com a repórter. Então outra voz aparece, é a repórter que apresenta mais fatos e entrevista algumas pessoas; Notem que é uma gravação, não é mais “ao vivo”, há uma edição que alterna as falas da repórter e dos entrevistados. Podemos afirmar isso pela sonoridade dos ambientes em que os entrevistados se encontram (algumas pessoas na própria rodovia inaugurada e nesse momento ouve-se sons dos carros e motos, já o governador, secretário dos transportes e superintendente parecem estar em outro local com muitas outras pessoas falando, debatendo, pode ser a assembleia legislativa ou outro lugar de trabalho). A reportagem se encerra com a despedida da repórter, que diz seu nome como quem assina seu “texto”.

Materiais complementares:

Acesse o Rádio Jornal: https://www.youtube.com/watch?v=lx_1nq81Dl8&list=PLDOk21T0IrvDdGW-46weQ4ZjGFvNlh_Ff&index=5

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Explique para os alunos que agora, eles tem um desafio para resolver em grupo.
  • Forme os grupos (3 ou 4 participantes), de acordo com a quantidade de alunos.
  • Entregue a cópia da atividade para os grupos.
  • Leia o enunciado, que está no slide.

Materiais complementares:

Para imprimir a atividade, acesse: aqui

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Escolha alguns grupos para apresentarem seus roteiros.
  • Espera-se que eles percebam que o único trecho que está no lugar errado é a “1ª notícia”, que não pode vir antes da saudação de bom dia do apresentador do programa, nem antes do anúncio das manchetes do dia. Outro indício de que esse trecho não está bem posicionado é a falta de continuidade, pois o trecho finaliza com a anúncio da reportagem e portanto deve vir antes da reportagem em si.

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 9 minutos

Orientações:

  • Peça para que os alunos, ainda em grupos, descrevam 2 características que eles perceberam nas notícias radiofônicas. É possível que eles relacionem as características com as palavras do caça-palavras. O importante é que eles relacionem suas percepções sobre o gênero notícia radiofônica e sua função social de proporcionar, aos cidadão e à sociedade, o acesso às informações de interesse coletivo sobre política, esporte, educação, cultura.
  • É importante que os alunos reconheçam que o rádio, com seu perfil dinâmico, de grande alcance e de fácil acesso, se constitui como um meio de comunicação que leva notícias e informações com facilidade a todos os locais e tipos de público.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: esta é nona aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero Notícia e no campo de atuação Vida pública. A aula faz parte do módulo de Análise Linguística e Semiótica.

Materiais necessários: Computador on-line; projetor multimídia, caixas de som; cópias dos materiais listados nas orientações (quantidades de acordo com o número de alunos).

Informações sobre o gênero: O gênero notícia pode ser entendido como um texto no qual se divulga um fato ou acontecimento, veiculado principalmente por jornais, revistas e rádios, impressos, eletrônicos ou televisivos. Por ser um gênero massivo de comunicação atinge a todas as camadas da população, trazendo informações e contribuindo para a formação de opinião. Esses textos são dinâmicos, atuais e periódicos, e, como não é qualquer fato que vira notícia, ele deve ser marcado pelo ineditismo, gerar interesse e identificação no leitor. Tendo em vista que há diversos públicos que ouvem os jornais, cada linha editorial se adequa ao que entende que chamará mais a atenção de seu público alvo, determinando assim seu vocabulário, extensão do texto, temáticas e o nível de parcialidade no tratamento das informações. A partir da leitura de notícias veiculadas pelos diversos meios de comunicação, é possível promover reflexão e discussão sobre temas da atualidade que afetam direta ou indiretamente a realidade do aluno, além de explorar o estudo da fala (oralidade), paralelamente ao estudo da escrita. De acordo com Marcuschi (2001), Fávero (2000), Fávero et al. (2014), Baltar (2012), entre outros, percebe-se que a escola ainda centra suas atividades na modalidade escrita da língua, tornando necessária propostas didáticas voltadas para a modalidade oral. Sobre a exploração da notícia radiofônica em sala de aula e sua importância, Golim (2005) destaca que o rádio jornal apresenta particularidades interessantes, pois apresenta-se por meio de um tipo de linguagem que oferece pistas para o exercício de uma escuta atenta aos elementos sensoriais, potenciais, que fazem aflorar a fantasia, a imaginação, tornando o ouvinte um sujeito daquela transmissão.

Dificuldades antecipadas: Embora o gênero Notícia, seja um gênero massivo de comunicação que atinge a todas as camadas da população, deve-se considerar que as notícias radiofônicas podem não fazer parte da vida diária de alguns alunos. Por isso, é possível que apresentem dificuldades na atividade de reprodução de roteiros para rádio jornal. Essa atividade, exigirá a compreensão da notícia radiofônica como um gênero misto: baseado no discurso oral, mas construído a partir de textos escritos.

Referências sobre o assunto: BARBOSA. Jaqueline Peixoto. Outras mídias e linguagens na escola. In: Práticas de leitura e escrita / Maria Angélica Freire de Carvalho, Rosa Helena Mendonça (orgs.). – Brasília : Ministério da Educação, 2006. P. 174 - 180. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seed/arquivos/pdf/tvescola/grades/salto_ple.pdf

BALTAR, M. Rádio escolar: uma experiência de letramento midiático. São Paulo: Cortez, 2012.

FÁVERO, L. L. A entrevista na fala e na escrita. In: PRETTI, D. (Org.). Fala e escrita em questão. São Paulo: Humanitas, 2000.

FÁVERO, L. L.; ANDRADE, M. L. C. V. O; AQUINO, Z. In: reflexões sobre oralidade e escrita no ensino de Língua Portuguesa. ELIAS, V. (Org.). São Paulo: Contexto, 2014.

GOLIM, Cida. Teorias do rádio: Paul Zumthor e a poética da voz. In: Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação XXVIII - Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação – UERJ – 5 a 9 de setembro de 2005.

MARCUSCHI, Luis Antônio. A oralidade e o ensino de língua: uma questão pouco falada. In: DIONÍSIO, Ângela, Paiva e BEZERRA, Maria Auxiliadora. (Org). O livro didático de português: múltiplos olhares. Rio de Janeiro: Lucerna, 2001.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 1

Orientações:

  • Inicie a aula lendo o tema para os alunos.
  • Questione os alunos
    a) O que é um rádio jornal? É possível que os alunos respondam que se trata de um jornal falado ou então que este tipo de jornal é veiculado pelo meio de comunicação Rádio.

b) O que é transmitido em um rádio jornal? É possível que os alunos respondam que um rádio jornal transmite os acontecimentos e notícias do dia.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações:

1. Providencie antecipadamente cópias das atividades de sondagem: caça-palavras.

2. Entregue uma cópia para cada aluno.

3. Explique a atividade

  • No caça-palavras há 9 palavras relacionadas ao gênero Notícia.
  • Há palavras escondidas na vertical e horizontal, sem palavras ao contrário.
  • Após encontrar as 9 palavras, é necessário preencher a tabela com todas as palavras encontradas, classificando-as entre palavras relacionadas as notícias radiofônicas e outras palavras.

4. Este momento é de investigação das hipóteses e conhecimentos dos alunos sobre o gênero. Caso esteja seguindo a sequência, pode ser também um momento de resgate dos conhecimentos adquiridos nas aulas anteriores.

Materiais complementares:

Para imprimir a atividade de sondagem, acesse: aqui

Slide Plano Aula

Orientações:

  • É possível que os alunos encontrem as palavras que estão neste slide. Mesmo que não descubram todas, passados 5 minutos, encerre a atividade e inicie a discussão.
  • Projete este slide no quadro e questione o que os alunos sabem sobre o significado de cada uma das palavras. Complemente as respostas, explicando que o rádio é um meio de comunicação que veicula músicas e programas como jornais radiofônico. A vinheta, composta por músicas ou efeitos sonoros, faz parte da abertura de programas e também pode marcar a mudança entre quadros. A vinheta pode ser também uma marca de identidade de determinado programa. Nos programas de rádio há um apresentador que anuncia as manchetes e um repórter que vai ao encontro da notícia (em geral está no local dos acontecimentos). O jornal transmite notícias, informações, entrevistas e reportagens. As palavras foto, vídeo e televisão, nos lembram o gênero notícias, mas são recursos utilizados em outros casos: a televisão é o meio de comunicação para o jornal televisivo. As fotos são recursos que aparecem em jornais impressos e digitais, e, os vídeos, geralmente aparecem em jornais televisivos e digitais.
  • Questione os alunos sobre o quadro no qual se deve incluir a palavra texto:
  • Tem texto nos jornais radiofônicos?
  • Como os apresentadores sabem o que vão falar? Eles decoram as falas, improvisam, ou seguem um texto?
  • Que tipo de texto pode haver no programa de rádio?
  • Permita que os alunos exponham suas opiniões e hipóteses. Complemente as respostas, explicando que o texto escrito é importante para os apresentadores dos jornais não só em programas de rádio. Os textos usados são chamados de roteiros e neles contém anotações, tópicos com os principais momentos do programa, perguntas a serem feitas para os entrevistados, entre outros. Destaque a função do roteiro para o rádio jornal, que apesar de se basear no discurso oral, ele se constitui a partir do texto escrito. O locutor lê as notícias, sendo imprescindível elaborar um roteiro para nortear o trabalho de todos os envolvidos em um rádio jornal. Vale lembrar que notícias radiofônicas, são consideradas um gênero misto, pois baseiam-se em textos escritos e orais. Além disso, os roteiros também fazem parte dos jornais televisivos.

Materiais complementares:

  • Para acessar a resolução da atividade, acesse: aqui

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

  • Explique para os alunos que eles ouvirão um trecho de um jornal radiofônico.
  • Passe o trecho com o áudio do rádio jornal, pausando em 6m:30s. Este momento é importante para resgatar os conhecimentos prévios dos alunos sobre a estrutura dos jornais radiofônicos, inclusive o que já foi estudado nas aulas desta sequência.
  • Chame a atenção dos alunos para que percebam momentos importantes do programa e suas características: O programa inicia com uma vinheta que informa o nome da rádio e do jornal, com uma chamada para o início do “ Jornal da manhã” (“tudo o que é notícia no Pará, no Brasil e no mundo, você ouve agora no Jornal da Manhã”); O programa segue com a apresentadora lendo as principais manchetes do dia, narradas em meio a efeitos sonoros que causam “suspense”, há informações sobre dia e hora, novamente aparece o nome do jornal e frequência da rádio; Há também um movimento que visa gerar proximidade entre a apresentadora e o público (a apresentadora diz seu nome e dá bom dia, enfatizando “muito bom dia para VOCÊ que nos acompanha na Cultura FM ...na SUA 93,7”); Logo depois, a apresentada introduz a primeira notícia “governo do estado e prefeitura inauguram obras de transporte”. Há mais detalhes da notícia com a repórter. Então outra voz aparece, é a repórter que apresenta mais fatos e entrevista algumas pessoas; Notem que é uma gravação, não é mais “ao vivo”, há uma edição que alterna as falas da repórter e dos entrevistados. Podemos afirmar isso pela sonoridade dos ambientes em que os entrevistados se encontram (algumas pessoas na própria rodovia inaugurada e nesse momento ouve-se sons dos carros e motos, já o governador, secretário dos transportes e superintendente parecem estar em outro local com muitas outras pessoas falando, debatendo, pode ser a assembleia legislativa ou outro lugar de trabalho). A reportagem se encerra com a despedida da repórter, que diz seu nome como quem assina seu “texto”.

Materiais complementares:

Acesse o Rádio Jornal: https://www.youtube.com/watch?v=lx_1nq81Dl8&list=PLDOk21T0IrvDdGW-46weQ4ZjGFvNlh_Ff&index=5

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Explique para os alunos que agora, eles tem um desafio para resolver em grupo.
  • Forme os grupos (3 ou 4 participantes), de acordo com a quantidade de alunos.
  • Entregue a cópia da atividade para os grupos.
  • Leia o enunciado, que está no slide.

Materiais complementares:

Para imprimir a atividade, acesse: aqui

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Escolha alguns grupos para apresentarem seus roteiros.
  • Espera-se que eles percebam que o único trecho que está no lugar errado é a “1ª notícia”, que não pode vir antes da saudação de bom dia do apresentador do programa, nem antes do anúncio das manchetes do dia. Outro indício de que esse trecho não está bem posicionado é a falta de continuidade, pois o trecho finaliza com a anúncio da reportagem e portanto deve vir antes da reportagem em si.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 9 minutos

Orientações:

  • Peça para que os alunos, ainda em grupos, descrevam 2 características que eles perceberam nas notícias radiofônicas. É possível que eles relacionem as características com as palavras do caça-palavras. O importante é que eles relacionem suas percepções sobre o gênero notícia radiofônica e sua função social de proporcionar, aos cidadão e à sociedade, o acesso às informações de interesse coletivo sobre política, esporte, educação, cultura.
  • É importante que os alunos reconheçam que o rádio, com seu perfil dinâmico, de grande alcance e de fácil acesso, se constitui como um meio de comunicação que leva notícias e informações com facilidade a todos os locais e tipos de público.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Análise linguística/Semiótica do 4º ano :

4º ano / Língua Portuguesa / Análise linguística/Semiótica

MAIS AULAS DE Língua Portuguesa do 4º ano:

4º ano / Língua Portuguesa / Análise linguística/Semiótica

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF35LP16 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Língua Portuguesa

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano