14489
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Língua Portuguesa > 7º ano > Análise linguística/Semiótica

Plano de aula - O uso de recursos de coesão textual em Contos de humor

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 7º ano do EF sobre O uso de recursos de coesão textual em Contos de humor

Plano 09 de 15 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Mariana do Nascimento Ramos

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é a nona aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero Contos de humor e no campo de atuação Artístico-literário. A aula faz parte do módulo de Análise linguística e semiótica.

Materiais necessários:

  • Material em sala de aula: computador, projetor, caixas de som, internet, xerox dos contos selecionados.

Informações sobre o gênero: O conto é uma narrativa breve escrita em prosa e, embora tenha os mesmos elementos de um romance ou uma novela - enredo, personagem, tempo e espaço -, é mais curto e apresenta ideias concisas e precisão narrativa. Os contos de humor, especificamente, utilizam as características do que é considerado divertido e cômico para a estruturação de sua narrativa e constroem o humor por meio de mecanismos linguísticos, figuras de linguagem, quebra de expectativa e conhecimentos de mundo que são mobilizados na interação entre autor, texto e leitor.

Dificuldades antecipadas: Os alunos podem ter dificuldade de reconhecer os sinônimos e formas nominais como mecanismo de referenciação, além de não perceber a força argumentativa/de sentido que a referenciação lexical pode produzir para o efeito de humor.

Referências sobre o assunto:

  • BERGSON, Henri. O riso. Zahar Editores: Rio de Janeiro, 1983.
  • COSTA, Flavio Moreira da. Os 100 melhores contos de humor da literatura universal. Ediouro: Rio de Janeiro, 2001.
  • DUARTE, Vânia Maria do Nascimento. Textos Humorísticos. Brasil Escola. Disponível em <https://brasilescola.uol.com.br/redacao/textos-humoristicos.htm>. Acesso em: 3 ago. 2018.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações:

  • Para preparar esta aula, leia e analise previamente os trechos do contos de humor selecionado.
  • Apresente brevemente o slide com o tema da aula.
  • Pergunte à turma se eles conhecem esta expressão. A ideia é incitar o tema partindo da ideia de fio condutor do tecido do texto. A analogia entre coesão e a expressão fio da meada é uma boa maneira de incitar (ou relembrar, caso tenha desenvolvido as aulas anteriores desta modalidade) no aluno a ideia da coesão como teia, como fio que conecta as partes de um tecido - o tecido textual.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientações:

  • Projete a imagem no slide e veja a reação dos alunos.
  • Procure fazer uma analogia com os alunos entre tecido e texto. O que é tecer? Como se dá este processo? Qual a possível analogia com o tecido textual? Como se conectam as partes de um texto?
  • Use a etimologia para dar o pontapé inicial da aula: a semelhança entre as palavras texto e tecido não é casual: ambas vêm do latim textum, que significa entrelaçamento.

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 33 minutos.

Orientações:

  • Peça para os alunos se dividirem em grupos de, no máximo, três alunos, para que todos possam participar.
  • Distribua a folha de atividade e peça para que os grupos leiam o trecho do conto.
  • Tempo sugerido para a atividade: 7 minutos

Material complementar: Você pode encontrar o texto A estranha passageira, na íntegra, aqui. A atividade para impressão está aqui.

Fonte: PRETA, Stanislaw Ponte. Garoto linha dura. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1975.

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Depois de lido o trecho do conto, peça para que façam o exercício 2 da folha de atividades.
  • A proposta da atividade é fazer com que os alunos utilizem as noções de coesão textual, referencial e sequencial. No trecho final lido pelos alunos, vemos um claro exemplo de passagem final, reforçada pela expressão clímax “Foi quando”. A ideia é que os alunos se sintam livres para criar, no texto produzido, outros exemplos que se utilizem da coesão referencial e sequencial necessárias para a progressão do texto.
  • Tempo sugerido para esta atividade: 27 minutos.

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Após a conclusão da atividade anterior, leia os contos produzidos pelos alunos. Aproveite para rever, com exemplos produzidos nos textos dos alunos, as noções de coesão textual (referencial e sequencial). Caso não haja tempo para ler todos os textos dos grupos, selecione alguns para correção, ou deixe o restante para o início da próxima aula.
  • Sugestão de correção para o professor: Caso sua turma seja menor e seja possível gerenciar o tempo, o professor pode pedir que o grupos troquem os textos entre eles e identifiquem, nos textos dos colegas, os recursos coesivos utilizados.
  • Conclua a aula reforçando como a relação entre as palavras e as partes do texto foi importante para a construção do humor no conto.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é a nona aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero Contos de humor e no campo de atuação Artístico-literário. A aula faz parte do módulo de Análise linguística e semiótica.

Materiais necessários:

  • Material em sala de aula: computador, projetor, caixas de som, internet, xerox dos contos selecionados.

Informações sobre o gênero: O conto é uma narrativa breve escrita em prosa e, embora tenha os mesmos elementos de um romance ou uma novela - enredo, personagem, tempo e espaço -, é mais curto e apresenta ideias concisas e precisão narrativa. Os contos de humor, especificamente, utilizam as características do que é considerado divertido e cômico para a estruturação de sua narrativa e constroem o humor por meio de mecanismos linguísticos, figuras de linguagem, quebra de expectativa e conhecimentos de mundo que são mobilizados na interação entre autor, texto e leitor.

Dificuldades antecipadas: Os alunos podem ter dificuldade de reconhecer os sinônimos e formas nominais como mecanismo de referenciação, além de não perceber a força argumentativa/de sentido que a referenciação lexical pode produzir para o efeito de humor.

Referências sobre o assunto:

  • BERGSON, Henri. O riso. Zahar Editores: Rio de Janeiro, 1983.
  • COSTA, Flavio Moreira da. Os 100 melhores contos de humor da literatura universal. Ediouro: Rio de Janeiro, 2001.
  • DUARTE, Vânia Maria do Nascimento. Textos Humorísticos. Brasil Escola. Disponível em <https://brasilescola.uol.com.br/redacao/textos-humoristicos.htm>. Acesso em: 3 ago. 2018.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações:

  • Para preparar esta aula, leia e analise previamente os trechos do contos de humor selecionado.
  • Apresente brevemente o slide com o tema da aula.
  • Pergunte à turma se eles conhecem esta expressão. A ideia é incitar o tema partindo da ideia de fio condutor do tecido do texto. A analogia entre coesão e a expressão fio da meada é uma boa maneira de incitar (ou relembrar, caso tenha desenvolvido as aulas anteriores desta modalidade) no aluno a ideia da coesão como teia, como fio que conecta as partes de um tecido - o tecido textual.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientações:

  • Projete a imagem no slide e veja a reação dos alunos.
  • Procure fazer uma analogia com os alunos entre tecido e texto. O que é tecer? Como se dá este processo? Qual a possível analogia com o tecido textual? Como se conectam as partes de um texto?
  • Use a etimologia para dar o pontapé inicial da aula: a semelhança entre as palavras texto e tecido não é casual: ambas vêm do latim textum, que significa entrelaçamento.
Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 33 minutos.

Orientações:

  • Peça para os alunos se dividirem em grupos de, no máximo, três alunos, para que todos possam participar.
  • Distribua a folha de atividade e peça para que os grupos leiam o trecho do conto.
  • Tempo sugerido para a atividade: 7 minutos

Material complementar: Você pode encontrar o texto A estranha passageira, na íntegra, aqui. A atividade para impressão está aqui.

Fonte: PRETA, Stanislaw Ponte. Garoto linha dura. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1975.

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Depois de lido o trecho do conto, peça para que façam o exercício 2 da folha de atividades.
  • A proposta da atividade é fazer com que os alunos utilizem as noções de coesão textual, referencial e sequencial. No trecho final lido pelos alunos, vemos um claro exemplo de passagem final, reforçada pela expressão clímax “Foi quando”. A ideia é que os alunos se sintam livres para criar, no texto produzido, outros exemplos que se utilizem da coesão referencial e sequencial necessárias para a progressão do texto.
  • Tempo sugerido para esta atividade: 27 minutos.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Após a conclusão da atividade anterior, leia os contos produzidos pelos alunos. Aproveite para rever, com exemplos produzidos nos textos dos alunos, as noções de coesão textual (referencial e sequencial). Caso não haja tempo para ler todos os textos dos grupos, selecione alguns para correção, ou deixe o restante para o início da próxima aula.
  • Sugestão de correção para o professor: Caso sua turma seja menor e seja possível gerenciar o tempo, o professor pode pedir que o grupos troquem os textos entre eles e identifiquem, nos textos dos colegas, os recursos coesivos utilizados.
  • Conclua a aula reforçando como a relação entre as palavras e as partes do texto foi importante para a construção do humor no conto.
Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Análise linguística/Semiótica do 7º ano :

MAIS AULAS DE Língua Portuguesa do 7º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF67LP36 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF07LP13 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF69LP54 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Língua Portuguesa

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano