14089
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Plano de aula - Introdução ao gênero conto de suspense e terror

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 8º ano do EF sobre Introdução ao gênero conto de suspense e terror

Plano 01 de 15 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Joice Eloi Guimarães

 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é a primeira aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero conto de suspense e terror e no campo de atuação artístico literário. A aula faz parte do módulo de .

Procure ampliar o seu repertório de lendas urbanas populares na região em que você realizará esta aula, pois é provável que algumas delas sejam citadas pelos alunos. Leia antecipadamente essas lendas a fim de identificar nelas algumas características comuns deste gênero, como seu contexto de produção e circulação (em quais regiões são mais conhecidas, que aspectos culturais e identitários estão relacionados ao contexto em que circulam e/ou foram, provavelmente, produzidas); os interlocutores presumidos e a finalidade comunicativa. Atente também para os elementos comuns na construção das sequências narrativas e como são mobilizados no intuito de provocar o medo no leitor, por exemplo: o tempo (geralmente à noite) e os espaços (como lugares desertos ou pouco frequentados) em que ocorrem; a caracterização dos personagens etc. Isso o ajudará a adiantar os possíveis apontamentos que os alunos farão ao citar as lendas que conhecem. Sobre o autor do conto que será apresentado nesta aula, é importante também que você pesquise informações biográficas e bibliográficas, principalmente aquelas relacionadas à produção do gênero objeto de estudo.

Materiais necessários:

Projetor e caixas de som.

Sugestão de trilha sonora: “Músicas de terror” Disponível em: .
Sugestão de vídeo: “A noiva na estrada” Disponível em: .
Fotocópias do texto Conto carioca, de Vinicius de Moraes.

Dificuldades antecipadas: Acredito que os alunos serão capazes de inferir, nos gêneros apresentados, a finalidade comunicativa de provocar o medo. Talvez seja mais difícil para eles identificar os elementos empregados para tanto e de que forma são mobilizados a fim de alcançar este efeito de sentido.

Referências sobre o assunto:

CARMO, Aguinaldo A. do. Considerações sobre o fantástico na literatura. MEMENTO – Revista do Mestrado em Letras – Linguagem, Cultura e Discurso v. 06, n. 1, jan/julho de 2015.
FRANÇA, Júlio. O horror na ficção literária: Reflexão sobre o "horrível" como uma categoria estética. Anais do XI Congresso Internacional da ABRALIC - Tessituras, interações e convergências (2008). Disponível em: Acesso em: 3 de julho de 2018.
______. Fundamentos estéticos da literatura de horror: a influência de Edmund Burke em H. P. Lovecraft. Caderno Seminal Digital, ano 16, n.14, v. 14, Jun.- Dez/2010. Disponível em: Acesso em: 3 de julho de 2018.
HEINECK, Francieli; ANGST, Carine M.; PINTON, Francieli M. O conto de terror na escola: uma proposta de intervenção didática. e-scrita - Revista do Curso de Letras da UNIABEU Nilópolis, v.4, n. 2 , Especial, 2013.
SOUZA, Everton G.i Gomes de; STUTZ, Lídia. Modelo Didático sobre o gênero contos de terror. Anais do IV CONALI Congresso Nacional de Linguagens e Interação - Múltiplos olhares. (2013). Disponível em: Acesso em: 3 de julho de 2018.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientações:

  • Fale para os alunos que eles ouvirão uma trilha sonora. Aconselhe-os a ficar em posição confortável, fechar os olhos e deixar-se levar pelo som, atentando para as sensações que ele provoca. Prepare o ambiente para esta atividade: procure deixar a sala escura, feche as cortinas e apague as luzes.
  • Coloque a trilha sonora para os alunos ouvirem.
  • Estimule os alunos a socializar o que sentiram enquanto ouviam a trilha sonora. Provoque-os a refletir sobre o porquê de terem sentido isso, que relações estabelecem com outros textos e referências (conhecimentos prévios mobilizados, possíveis referências e intertextualidades).
    Fale para eles que, assim como a música, existem outros recursos na esfera artística utilizados para provocar medo. Peça para que eles deem exemplos (filmes, histórias etc.).

Sugestão: Músicas de terror Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=TAK5DAhoVtg> Acesso em: 21 de julho de 2018.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Apresente o vídeo “A noiva da estrada”.
  • Pergunte aos alunos se já conheciam a história e peça para que eles deem exemplos de outras histórias parecidas que são conhecidas na região.
  • Provoque-os a refletir sobre as sensações despertadas com o vídeo e que elementos utilizados contribuíram para este efeito de sentido. Estimule-os, primeiramente, a pensar sobre o porquê disso (lembre-se que algumas lendas urbanas são criadas a fim de evitar que certos comportamentos ou atitudes sejam tomados) e quais são, na opinião deles, as partes que os deixaram com mais medo.
  • Concentre sua explicação na temática do medo e suspense, não é preciso aprofundar a explicação acerca do gênero lenda urbana, como aspectos composicionais etc. Lembre-se, este gênero está sendo utilizado apenas com a finalidade de aproximar os alunos da temática e provocar reflexões acerca de histórias populares que eles já conhecem.

Materiais complementares: Sugestão: Vídeo “A noiva da estrada” Disponível em:<https://www.youtube.com/watch?v=G0G0PF-MfwU&t=76s> Acesso em: 22 de julho de 2018.

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

  • Organize os alunos em grupos formados por quatro ou cinco integrantes e avise-os que agora, após ouvir uma música e assistir a um vídeo, o desafio é identificar as mesmas sensações por meio da palavra escrita e, para isso, eles lerão um texto.
  • Explique que, assim como nas músicas ou nos filmes, todo texto escrito também tem uma função comunicativa, por exemplo fazer rir, deixar triste etc. e que, no caso dos textos lidos, a intenção é deixar o leitor com medo.
  • Apresente brevemente o autor do conto, inicie perguntando se alguém o conhece ou conhece alguma obra de sua autoria.

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Distribua os textos e, antes que eles iniciem a leitura, provoque-os, com base no título do conto, a pensar sobre como eles acham que será este conto e no contexto em que se passa (caso os alunos não cheguem sozinhos à conclusão de que o conto se passa na cidade do Rio de Janeiro, auxilie-os neste sentido e estimule-os a falar sobre o que poderia acontecer neste contexto em um conto de terror).
  • Peça que leiam primeiramente em silêncio e individualmente e depois conversem com os colegas do seu grupo sobre a leitura e discutam com base nas perguntas orientadoras.
  • Organize os grupos para que cada um socialize as respostas. A cada resposta, elenque os elementos em comum e coloque no quadro.
  • Mostre para os alunos os elementos por eles apontados, faça comentários sobre cada um deles.

Materiais complementares:

Fonte: Conto carioca, Vinicius de Moraes. Disponível em:<http://www.viniciusdemoraes.com.br/pt-br/prosa/conto-carioca> Acesso em: 14 de ago. de 2018.

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Instrua os alunos a conversar nos grupos e escolher uma sugestão de algo que poderia ser inserido e/ou modificado no conto lido para contribuir com a finalidade de provocar o medo ou o clima de suspense (a ideia é que os alunos insiram elementos provenientes do seu conhecimento prévio sobre este gênero).
  • Peça que os grupos socializem suas sugestões.

Materiais complementares:

Materiais necessários aos alunos para escrever suas anotações.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é a primeira aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero conto de suspense e terror e no campo de atuação artístico literário. A aula faz parte do módulo de .

Procure ampliar o seu repertório de lendas urbanas populares na região em que você realizará esta aula, pois é provável que algumas delas sejam citadas pelos alunos. Leia antecipadamente essas lendas a fim de identificar nelas algumas características comuns deste gênero, como seu contexto de produção e circulação (em quais regiões são mais conhecidas, que aspectos culturais e identitários estão relacionados ao contexto em que circulam e/ou foram, provavelmente, produzidas); os interlocutores presumidos e a finalidade comunicativa. Atente também para os elementos comuns na construção das sequências narrativas e como são mobilizados no intuito de provocar o medo no leitor, por exemplo: o tempo (geralmente à noite) e os espaços (como lugares desertos ou pouco frequentados) em que ocorrem; a caracterização dos personagens etc. Isso o ajudará a adiantar os possíveis apontamentos que os alunos farão ao citar as lendas que conhecem. Sobre o autor do conto que será apresentado nesta aula, é importante também que você pesquise informações biográficas e bibliográficas, principalmente aquelas relacionadas à produção do gênero objeto de estudo.

Materiais necessários:

Projetor e caixas de som.

Sugestão de trilha sonora: “Músicas de terror” Disponível em: .
Sugestão de vídeo: “A noiva na estrada” Disponível em: .
Fotocópias do texto Conto carioca, de Vinicius de Moraes.

Dificuldades antecipadas: Acredito que os alunos serão capazes de inferir, nos gêneros apresentados, a finalidade comunicativa de provocar o medo. Talvez seja mais difícil para eles identificar os elementos empregados para tanto e de que forma são mobilizados a fim de alcançar este efeito de sentido.

Referências sobre o assunto:

CARMO, Aguinaldo A. do. Considerações sobre o fantástico na literatura. MEMENTO – Revista do Mestrado em Letras – Linguagem, Cultura e Discurso v. 06, n. 1, jan/julho de 2015.
FRANÇA, Júlio. O horror na ficção literária: Reflexão sobre o "horrível" como uma categoria estética. Anais do XI Congresso Internacional da ABRALIC - Tessituras, interações e convergências (2008). Disponível em: Acesso em: 3 de julho de 2018.
______. Fundamentos estéticos da literatura de horror: a influência de Edmund Burke em H. P. Lovecraft. Caderno Seminal Digital, ano 16, n.14, v. 14, Jun.- Dez/2010. Disponível em: Acesso em: 3 de julho de 2018.
HEINECK, Francieli; ANGST, Carine M.; PINTON, Francieli M. O conto de terror na escola: uma proposta de intervenção didática. e-scrita - Revista do Curso de Letras da UNIABEU Nilópolis, v.4, n. 2 , Especial, 2013.
SOUZA, Everton G.i Gomes de; STUTZ, Lídia. Modelo Didático sobre o gênero contos de terror. Anais do IV CONALI Congresso Nacional de Linguagens e Interação - Múltiplos olhares. (2013). Disponível em: Acesso em: 3 de julho de 2018.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientações:

  • Fale para os alunos que eles ouvirão uma trilha sonora. Aconselhe-os a ficar em posição confortável, fechar os olhos e deixar-se levar pelo som, atentando para as sensações que ele provoca. Prepare o ambiente para esta atividade: procure deixar a sala escura, feche as cortinas e apague as luzes.
  • Coloque a trilha sonora para os alunos ouvirem.
  • Estimule os alunos a socializar o que sentiram enquanto ouviam a trilha sonora. Provoque-os a refletir sobre o porquê de terem sentido isso, que relações estabelecem com outros textos e referências (conhecimentos prévios mobilizados, possíveis referências e intertextualidades).
    Fale para eles que, assim como a música, existem outros recursos na esfera artística utilizados para provocar medo. Peça para que eles deem exemplos (filmes, histórias etc.).

Sugestão: Músicas de terror Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=TAK5DAhoVtg> Acesso em: 21 de julho de 2018.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Apresente o vídeo “A noiva da estrada”.
  • Pergunte aos alunos se já conheciam a história e peça para que eles deem exemplos de outras histórias parecidas que são conhecidas na região.
  • Provoque-os a refletir sobre as sensações despertadas com o vídeo e que elementos utilizados contribuíram para este efeito de sentido. Estimule-os, primeiramente, a pensar sobre o porquê disso (lembre-se que algumas lendas urbanas são criadas a fim de evitar que certos comportamentos ou atitudes sejam tomados) e quais são, na opinião deles, as partes que os deixaram com mais medo.
  • Concentre sua explicação na temática do medo e suspense, não é preciso aprofundar a explicação acerca do gênero lenda urbana, como aspectos composicionais etc. Lembre-se, este gênero está sendo utilizado apenas com a finalidade de aproximar os alunos da temática e provocar reflexões acerca de histórias populares que eles já conhecem.

Materiais complementares: Sugestão: Vídeo “A noiva da estrada” Disponível em:<https://www.youtube.com/watch?v=G0G0PF-MfwU&t=76s> Acesso em: 22 de julho de 2018.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

  • Organize os alunos em grupos formados por quatro ou cinco integrantes e avise-os que agora, após ouvir uma música e assistir a um vídeo, o desafio é identificar as mesmas sensações por meio da palavra escrita e, para isso, eles lerão um texto.
  • Explique que, assim como nas músicas ou nos filmes, todo texto escrito também tem uma função comunicativa, por exemplo fazer rir, deixar triste etc. e que, no caso dos textos lidos, a intenção é deixar o leitor com medo.
  • Apresente brevemente o autor do conto, inicie perguntando se alguém o conhece ou conhece alguma obra de sua autoria.

Slide Plano Aula

Orientações:

  • Distribua os textos e, antes que eles iniciem a leitura, provoque-os, com base no título do conto, a pensar sobre como eles acham que será este conto e no contexto em que se passa (caso os alunos não cheguem sozinhos à conclusão de que o conto se passa na cidade do Rio de Janeiro, auxilie-os neste sentido e estimule-os a falar sobre o que poderia acontecer neste contexto em um conto de terror).
  • Peça que leiam primeiramente em silêncio e individualmente e depois conversem com os colegas do seu grupo sobre a leitura e discutam com base nas perguntas orientadoras.
  • Organize os grupos para que cada um socialize as respostas. A cada resposta, elenque os elementos em comum e coloque no quadro.
  • Mostre para os alunos os elementos por eles apontados, faça comentários sobre cada um deles.

Materiais complementares:

Fonte: Conto carioca, Vinicius de Moraes. Disponível em:<http://www.viniciusdemoraes.com.br/pt-br/prosa/conto-carioca> Acesso em: 14 de ago. de 2018.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

  • Instrua os alunos a conversar nos grupos e escolher uma sugestão de algo que poderia ser inserido e/ou modificado no conto lido para contribuir com a finalidade de provocar o medo ou o clima de suspense (a ideia é que os alunos insiram elementos provenientes do seu conhecimento prévio sobre este gênero).
  • Peça que os grupos socializem suas sugestões.

Materiais complementares:

Materiais necessários aos alunos para escrever suas anotações.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Leitura/Escuta do 8º ano :

MAIS AULAS DE Língua Portuguesa do 8º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF69LP44 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Língua Portuguesa

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano