13907
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Plano de aula - Os conflitos gerados nas histórias de contos de fadas.

POR: Cibele Diogo Kimura 18/02/2019
Código: LPO2_02SQA04

2º ano / Língua Portuguesa / Sequência de Atividades

Plano de aula alinhado à BNCC:

(EF02LP28) Reconhecer o conflito gerador de uma narrativa ficcional e sua resolução, além de palavras, expressões e frases que caracterizam personagens e ambientes.

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 2º ano do EF sobre Os conflitos gerados nas histórias de contos de fadas.

 

Sobre este plano select-down

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é a 4ª aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero Contos de Fadas e no campo de atuação Artístico-literário. A aula faz parte do módulo de Análise Linguística e Semiótica.

Materiais necessários: Folha da atividade para impressão e texto com a história da Chapeuzinho Vermelho.

Informações sobre o gênero: Contos de fadas, segundo Nelly Novaes Coelho, é um gênero textual formado por narrativas que, há milênios, surgiram anonimamente e passaram a circular entre os povos da Antiguidade, transformando-se consideravelmente com o passar do tempo. Atualmente, versões adaptados dos contos de fadas são vinculadas a literatura infantil, tendo como uma das funções apresentar um esboço compreensível da sociedade e das várias relações intersociais com uma linguagem leve e simplificada. Uma das suas principais característica é seu inicio com o famoso “Era uma vez” ou outra frase curta que demonstra um tempo indeterminado, possui também um enredo ficcional, que normalmente apresenta seus personagens e os aspectos mágicos do conto, em seguida traz um conflito que recorrerá com momentos de tensão, deixando explicito a relação do bem e do mal e por fim o desfecho que revela a solução para o conflito.

Dificuldades antecipadas:

  • Identificar as características dos personagens, pensando nas suas funções para o sentido da narrativa.
  • Não identificar as características dos contos de fadas, percebendo os conflitos gerados e suas resoluções.

Referências sobre o assunto:

REGO,L.L.B.Literatura Infantil: uma nova perspectiva da alfabetização. São Paulo:FTD,1988.

SOLÉ.; I.;Estratégias de leitura. Porto Alegre: Artmed, 1998.

KAUFMAN.;A.M.; RODRIGUEZ.;M.E. Escola, leitura e produção de textos.Porto Alegre: Artes Médicas, 1995.

CUNHA,R. Deu a louca na narrativa infantil? Revista Ciência, Cultura.; jan/mar,vol.59,nº1,p.59-60. 2007.

LEAL.;T.F.; BRANDÃO.;A.C.P.; É Possível ensinar a produzir textos! Os objetivos didáticos e a questão da progressão escolar no ensino da escrita.In:Produção de textos na escola:reflexões e práticas no ensino fundamental.(org) LEAL.;T.F.BRANDÃO.;C.P. Belo Horizonte: Autêntica,2007.

BETTELHEIM, B. A psicanálise dos contos de fada. São Paulo: Paz e terra, 2010.

COELHO, Nelly Novaes. O conto de fadas: Símbolo, mitos e arquétipos. São Paulo: Difusão Cultural do Livro, 2003. ______. Literatura infantil. São Paulo: Moderna, 2000

Título da aula select-down

Tempo sugerido: 1 minuto

Orientações: Apresente a proposta da aula para os alunos. Diga que na aula de hoje vamos identificar personagens e os conflitos presentes em contos de fadas.

Introdução select-down

Tempo sugerido: 4 minutos

Orientações:

  • Faça a pergunta para os alunos sobre o significado da palavra “CONFLITO”, deixe-os se expressarem livremente.
  • Apoiando-se nas contribuições das crianças, explique que, em narrativas, o conflito é um problema que o personagem precisa resolver ou um desafio que ele precisa enfrentar. É o conflito que dá emoção à história. O leitor fica curioso para saber como o personagem vai se sair daquela enrascada. Torce por ele. Quase experimenta suas emoções.
  • Para você saber mais a respeito desse conceito, leia o verbete Conflito no E-Dicionário de Termos Literários. Disponível em: http://edtl.fcsh.unl.pt/encyclopedia/conflito/ Acesso em 30/09/2018.

Conhecer um pouco mais a respeito dos objetos de ensino ajuda a ampliar as possibilidades de promover boas intervenções.

  • Após sistematização do conceito, explore com os alunos o conflito encontrado nos contos de fadas:
  • Agora que sabemos o que é conflito, será que se pensarmos nos contos de fadas que conhecemos, nestes existem conflitos?
  • Alguém consegue nos dar um exemplo?

5. Espera-se que os alunos indiquem os contos de fadas que conhecem como: Cinderela, Branca de Neve e os Sete Anões, Os três porquinhos, etc. A partir desta retomada dos contos de fada conhecidos, desafie-os a identificar qual o conflito enfrentado pelo protagonista, por exemplo: Cinderela quer ir ao baile mas a madrasta e as irmãs impede-a de ir, Branca de Neve é levada para a floresta pelo caçador a mando da madrasta que quer que ela seja morta, os três porquinhos constroem suas casas e o lobo sopra para derrubar e pegá-los.

6. Encaminhe a discussão para que os alunos percebam que uma situação problemática é apresentada em cada conto de fadas.

Desenvolvimento select-down

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

  • Organize a sala em pequenos grupo de no máximo 4 pessoas. Garanta que em cada grupo tenha pelo menos um aluno alfabético e que seja um agrupamento produtivo, isso auxiliará na interação com os colegas e na troca de experiências no momento da leitura e das reflexões.
  • Entregue uma cópia da história “Chapeuzinho Vermelho” (disponível em https://www.smartkids.com.br/trabalho/contos-de-fadas-chapeuzinho-vermelho) para que cada grupo possa acompanhar a leitura.
  • Peça atenção da turma, especialmente para conseguirem identificar o conflito na história que será lida, isto é, qual o problema que a Chapeuzinho precisa resolver ou o desafio que ela precisa enfrentar.
  • Faça a leitura em voz alta do conto de fadas na íntegra.
  • Em seguida, diga aos alunos que a história será lida novamente, para analisarem alguns aspectos. No decorrer da leitura faça pausas para identificarem e discutirem sobre os personagens, as características, os conflitos e resoluções.
  • Registre no quadro, em tópicos, as descobertas realizadas a partir das respostas dos grupos:
  • Nesse conto, que personagem se opõe a Chapeuzinho?

O lobo é o opositor da Chapeuzinho nesse conto.

  • Esse personagem tem algo a ver com o conflito da narrativa, isto é, com o problema que a Chapeuzinho precisa resolver ou com o desafio que ela precisa enfrentar?

Espera-se que os alunos indiquem que é o lobo quem cria a situação problemática vivida pela Chapeuzinho, ao engolir a vovó e se disfarçar para tentar devorá-la também. A intenção é que os alunos sejam capazes de identificar que o conflito acontece devido ao antagonismo entre personagens de características diferentes.

  • Em qual momento esse conflito foi percebido por Chapeuzinho?

A ideia é que os alunos identifiquem que quando Chapeuzinho olha para a vovó e acha sua aparência estranha, fazendo perguntas sobre partes do corpo dela, desconfia que há algo errado, o que se confirma quando o lobo tenta engoli-la.

  • Como esse conflito foi resolvido? Chapeuzinho enfrentou tudo sozinha ou teve ajuda de alguém?

Espera-se que os alunos identifiquem que o conflito é resolvido com a chegada de um caçador que salva a Chapeuzinho, abre a barriga do lobo e salva a vovó. É importante que as crianças percebam que o desfecho da narrativa se relaciona com a resolução do conflito. Nos contos de fadas, o protagonista pode receber a ajuda de uma fada, de outro personagem ou de algum elemento mágico, por exemplo. No caso da história lida, o caçador tem papel de ajudar a protagonista Chapeuzinho.

Fechamento select-down

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações:

  • Após a socialização, proponha a elaboração de um painel com registros coletivos sobre os aspectos encontrados no conto de fadas estudado. É importante chamar atenção dos alunos para a identificação dos personagens principais e seus papéis: Chapeuzinho - protagonista, Lobo - antagonista (ou malfeitor), Caçador - o auxiliar. O conflito da narrativa é o problema que o personagem precisa resolver ou um desafio que precisa enfrentar. A resolução do conflito pode depender da ajuda de auxiliares, como o caçador na história da Chapeuzinho Vermelho.
  • Peça que os alunos registrem os tópicos no caderno.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é a 4ª aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero Contos de Fadas e no campo de atuação Artístico-literário. A aula faz parte do módulo de Análise Linguística e Semiótica.

Materiais necessários: Folha da atividade para impressão e texto com a história da Chapeuzinho Vermelho.

Informações sobre o gênero: Contos de fadas, segundo Nelly Novaes Coelho, é um gênero textual formado por narrativas que, há milênios, surgiram anonimamente e passaram a circular entre os povos da Antiguidade, transformando-se consideravelmente com o passar do tempo. Atualmente, versões adaptados dos contos de fadas são vinculadas a literatura infantil, tendo como uma das funções apresentar um esboço compreensível da sociedade e das várias relações intersociais com uma linguagem leve e simplificada. Uma das suas principais característica é seu inicio com o famoso “Era uma vez” ou outra frase curta que demonstra um tempo indeterminado, possui também um enredo ficcional, que normalmente apresenta seus personagens e os aspectos mágicos do conto, em seguida traz um conflito que recorrerá com momentos de tensão, deixando explicito a relação do bem e do mal e por fim o desfecho que revela a solução para o conflito.

Dificuldades antecipadas:

  • Identificar as características dos personagens, pensando nas suas funções para o sentido da narrativa.
  • Não identificar as características dos contos de fadas, percebendo os conflitos gerados e suas resoluções.

Referências sobre o assunto:

REGO,L.L.B.Literatura Infantil: uma nova perspectiva da alfabetização. São Paulo:FTD,1988.

SOLÉ.; I.;Estratégias de leitura. Porto Alegre: Artmed, 1998.

KAUFMAN.;A.M.; RODRIGUEZ.;M.E. Escola, leitura e produção de textos.Porto Alegre: Artes Médicas, 1995.

CUNHA,R. Deu a louca na narrativa infantil? Revista Ciência, Cultura.; jan/mar,vol.59,nº1,p.59-60. 2007.

LEAL.;T.F.; BRANDÃO.;A.C.P.; É Possível ensinar a produzir textos! Os objetivos didáticos e a questão da progressão escolar no ensino da escrita.In:Produção de textos na escola:reflexões e práticas no ensino fundamental.(org) LEAL.;T.F.BRANDÃO.;C.P. Belo Horizonte: Autêntica,2007.

BETTELHEIM, B. A psicanálise dos contos de fada. São Paulo: Paz e terra, 2010.

COELHO, Nelly Novaes. O conto de fadas: Símbolo, mitos e arquétipos. São Paulo: Difusão Cultural do Livro, 2003. ______. Literatura infantil. São Paulo: Moderna, 2000

Tempo sugerido: 1 minuto

Orientações: Apresente a proposta da aula para os alunos. Diga que na aula de hoje vamos identificar personagens e os conflitos presentes em contos de fadas.

Tempo sugerido: 4 minutos

Orientações:

  • Faça a pergunta para os alunos sobre o significado da palavra “CONFLITO”, deixe-os se expressarem livremente.
  • Apoiando-se nas contribuições das crianças, explique que, em narrativas, o conflito é um problema que o personagem precisa resolver ou um desafio que ele precisa enfrentar. É o conflito que dá emoção à história. O leitor fica curioso para saber como o personagem vai se sair daquela enrascada. Torce por ele. Quase experimenta suas emoções.
  • Para você saber mais a respeito desse conceito, leia o verbete Conflito no E-Dicionário de Termos Literários. Disponível em: http://edtl.fcsh.unl.pt/encyclopedia/conflito/ Acesso em 30/09/2018.

Conhecer um pouco mais a respeito dos objetos de ensino ajuda a ampliar as possibilidades de promover boas intervenções.

  • Após sistematização do conceito, explore com os alunos o conflito encontrado nos contos de fadas:
  • Agora que sabemos o que é conflito, será que se pensarmos nos contos de fadas que conhecemos, nestes existem conflitos?
  • Alguém consegue nos dar um exemplo?

5. Espera-se que os alunos indiquem os contos de fadas que conhecem como: Cinderela, Branca de Neve e os Sete Anões, Os três porquinhos, etc. A partir desta retomada dos contos de fada conhecidos, desafie-os a identificar qual o conflito enfrentado pelo protagonista, por exemplo: Cinderela quer ir ao baile mas a madrasta e as irmãs impede-a de ir, Branca de Neve é levada para a floresta pelo caçador a mando da madrasta que quer que ela seja morta, os três porquinhos constroem suas casas e o lobo sopra para derrubar e pegá-los.

6. Encaminhe a discussão para que os alunos percebam que uma situação problemática é apresentada em cada conto de fadas.

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

  • Organize a sala em pequenos grupo de no máximo 4 pessoas. Garanta que em cada grupo tenha pelo menos um aluno alfabético e que seja um agrupamento produtivo, isso auxiliará na interação com os colegas e na troca de experiências no momento da leitura e das reflexões.
  • Entregue uma cópia da história “Chapeuzinho Vermelho” (disponível em https://www.smartkids.com.br/trabalho/contos-de-fadas-chapeuzinho-vermelho) para que cada grupo possa acompanhar a leitura.
  • Peça atenção da turma, especialmente para conseguirem identificar o conflito na história que será lida, isto é, qual o problema que a Chapeuzinho precisa resolver ou o desafio que ela precisa enfrentar.
  • Faça a leitura em voz alta do conto de fadas na íntegra.
  • Em seguida, diga aos alunos que a história será lida novamente, para analisarem alguns aspectos. No decorrer da leitura faça pausas para identificarem e discutirem sobre os personagens, as características, os conflitos e resoluções.
  • Registre no quadro, em tópicos, as descobertas realizadas a partir das respostas dos grupos:
  • Nesse conto, que personagem se opõe a Chapeuzinho?

O lobo é o opositor da Chapeuzinho nesse conto.

  • Esse personagem tem algo a ver com o conflito da narrativa, isto é, com o problema que a Chapeuzinho precisa resolver ou com o desafio que ela precisa enfrentar?

Espera-se que os alunos indiquem que é o lobo quem cria a situação problemática vivida pela Chapeuzinho, ao engolir a vovó e se disfarçar para tentar devorá-la também. A intenção é que os alunos sejam capazes de identificar que o conflito acontece devido ao antagonismo entre personagens de características diferentes.

  • Em qual momento esse conflito foi percebido por Chapeuzinho?

A ideia é que os alunos identifiquem que quando Chapeuzinho olha para a vovó e acha sua aparência estranha, fazendo perguntas sobre partes do corpo dela, desconfia que há algo errado, o que se confirma quando o lobo tenta engoli-la.

  • Como esse conflito foi resolvido? Chapeuzinho enfrentou tudo sozinha ou teve ajuda de alguém?

Espera-se que os alunos identifiquem que o conflito é resolvido com a chegada de um caçador que salva a Chapeuzinho, abre a barriga do lobo e salva a vovó. É importante que as crianças percebam que o desfecho da narrativa se relaciona com a resolução do conflito. Nos contos de fadas, o protagonista pode receber a ajuda de uma fada, de outro personagem ou de algum elemento mágico, por exemplo. No caso da história lida, o caçador tem papel de ajudar a protagonista Chapeuzinho.

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações:

  • Após a socialização, proponha a elaboração de um painel com registros coletivos sobre os aspectos encontrados no conto de fadas estudado. É importante chamar atenção dos alunos para a identificação dos personagens principais e seus papéis: Chapeuzinho - protagonista, Lobo - antagonista (ou malfeitor), Caçador - o auxiliar. O conflito da narrativa é o problema que o personagem precisa resolver ou um desafio que precisa enfrentar. A resolução do conflito pode depender da ajuda de auxiliares, como o caçador na história da Chapeuzinho Vermelho.
  • Peça que os alunos registrem os tópicos no caderno.


Este plano de aula foi produzido pelo Time de Autores NOVA ESCOLA
Professor-autor: Cibele Kimura
Mentor: Anie Paruta
Especialista: Tânia Rios
Título da aula: Os conflitos gerados nas histórias de contos de fadas.
Finalidade da aula: Perceber as diferentes características de personagens, bem como os fatos que compõem o conflito e resolução nos contos de fadas
Ano: 2º ano do Ensino Fundamental
Gênero: Contos de fadas
Objeto(s) do conhecimento: Forma de composição de narrativas
Prática de linguagem: Análise Linguística /Semiótica
Habilidade(s) da BNCC: EF02LP28
Esta é 4ªaula de uma sequência de 15 planos de aula. Recomendamos o uso desse plano em sequência.

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

OUTRAS AULAS DESSA UNIDADE:

AULAS DESSA DISCIPLINA:

AULAS RELACIONADAS:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes