13801
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Plano de aula - Leitura e escrita de palavras a partir do jogo de bingo

POR: Anna Kelly Real Scarfoni Carvalho 26/11/2018
Código: LPO1_05ATS03

1º ano / Língua Portuguesa / Atividade de Sistematização

Plano de aula alinhado à BNCC:

(EF01LP02) Escrever, espontaneamente ou por ditado, palavras e frases de forma alfabética – usando letras/grafemas que representem fonemas.

(EF01LP03) Observar escritas convencionais, comparando-as às suas produções escritas, percebendo semelhanças e diferenças.

(EF01LP05) Reconhecer o sistema de escrita alfabética como representação dos sons da fala.

(EF01LP07) Identificar fonemas e sua representação por letras.

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 1º ano do Ensino Fundamental sobre desenvolver habilidades de leitura e escrita proporcionando reflexões acerca do Sistema de Escrita Alfabética

 

Sobre este plano select-down

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é 3ª aula de um conjunto de 3 planos de aula com foco em análise linguística, semiótica e escrita compartilhada. A finalidade desse conjunto de planos é a reflexão da leitura e escrita convencional através do jogo de bingo, onde o professor mediará a ampliação e reflexão dos conhecimentos dos alunos sobre as hipóteses de escritas.

Dificuldades antecipadas: Encontraremos os alunos em diferentes hipóteses de escrita. Desta forma, os alunos na hipótese pré-silábica que ainda não relacionam a escrita com a fala e os alunos na hipótese silábica que utilizam uma letra para cada sílaba podem ou não atribuir valor sonoro à letra e, assim, poderão apresentar dificuldades diante da referida atividade.

Referências sobre o assunto:

CANTA E DANÇA, de Suzana Sanson e Graça Lima, publicado pela Brinque-Book.

CD, cantigas de roda, grupo Palavra Cantada, produzido pela gravadora MCD World Music.

Cantigas para alfabetizar Vol 1. Geni Sanches Rodrigues

MORAIS, Artur gomes de, Sistema de escrita alfabética. São Paulo: Editora Melhoramentos,2012. (Como eu ensino)

SOARES, Magda. Alfabetização: a questão dos métodos. São Paulo:Contexto, 2016.

SMOLKA, Ana Luiza Bustamente. A criança na fase inicial da escrita: a alfabetização como processo discursivo. 8. ed. São Paulo: Cortez, 1999.

Título da aula select-down

Tempo sugerido: 1 minuto

Orientações: Relate para a turma qual é a proposta da aula do dia.

Introdução select-down

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações:

  • Organize a classe em uma grande roda.
  • Nas aulas anteriores os alunos já vivenciaram reflexões acerca do SEA através do uso da cantiga “A cobra”, um texto de repetição, que tem um papel importante no processo de alfabetização, não só pela sua familiaridade com o discurso da criança, mas também porque permite à criança a conquista da linguagem. Temos como objetivo escrever textos conhecidos de memória, ajustando o oral ao escrito, construir conhecimentos sobre o funcionamento do sistema alfabético de escrita, trabalhando assim com a leitura da cantiga de maneiras diversificadas. Também exploramos e comparamos as escritas espontâneas e com a escrita convencional, ampliando o repertório das escritas, memorização e o vocabulário dos alunos. E com os alunos alfabéticos, podemos realizar reflexões sobre algumas convenções ortográficas.
  • Nesse momento, os alunos já têm memorizado o texto da cantiga e estão prontos para enfrentar o desafio de trabalhar com cantiga fatiada, ou seja organizar os versos da cantiga na sequência correta.
  • Disponibilize os quatro versos da cantiga “A Cobra” impressos e embaralhados no meio da roda, para que os alunos possam ler e organizar a sequência dos versos da cantiga corretamente colando no papel pardo.
  • Inicie, dizendo: “Quem se lembra da música da cobra?” (R: pessoal)
  • Realize comparações e reflexões das palavras escritas na cantiga de modo que desafiem os alunos através de procedimentos de leitura de ajuste. Para saber mais sobre esse trabalho com leitura de ajuste, que é bem benéfico para os alunos em processo de alfabetização, clique aqui.
  • Pergunte quem sabe onde está escrito o primeiro verso e quem consegue encontrar a letra A, primeira letra do verso.
  • Faça outras perguntas, como:
  • E palavra COBRA onde está?
  • Alguém sabe qual é a palavra NÃO? Onde ela está?
  • E a palavra TEM alguém sabe onde está escrito?
  • E a palavra PÉ? Onde ela está?
  • -Como vocês sabem que esse é o primeiro verso.
  • Vamos descobrir o segundo?
  • -Qual é a primeira letra que aparece nesse verso?
  • A letra A novamente?
  • E depois? Olhe só apareceu a palavra COBRA? Quantas letras tem essa palavra mesmo?
  • E agora, que palavra precisamos?
  • Olha só, a palavra NÃO novamente. Que letras aparecem nesta palavra?
  • E a próxima palavra, qual será?
  • É a palavra TEM, onde ela está? Alguém sabe como ela está escrita?
  • E agora, que palavra aparece no final deste verso? Vamos ler para ver que palavra está faltando A COBRA NÃO TEM…
  • Isso mesmo, é a palavra MÃO. Onde podemos encontrá-la? Que letras aparecem na palavra MÃO?
  • E o próximo verso, alguém se lembra?

Atenção professor: realize também intervenções acerca da consciência fonológica.

  • Como é que a cobra sobe?
  • Que palavra aparece primeiro? (R: 6 palavras)
  • COMO! Isso mesmo, quantas letras tem essa palavra? (R: 4 letras) Que letras aparecem nessa palavra? (C-O-M-O )
  • E a próxima palavra qual é? (R: É)
  • E depois? (R: QUE)
  • E a palavra SOBE, quem consegue encontrá-la? Como se escreve essa palavra? Que letras utilizamos?
  • Agora, vamos ao último verso!
  • Qual é a primeira palavra deste verso? (R: PEZINHO)
  • Quantas letras tem a palavra NO? (2 letras)
  • E a palavra PEZINHO, quem poderá encontrá-la?
  • E a próxima, qual será? (R: “DE”)
  • Qual é a última palavra que aparece nesse verso? (R: limão)
  • Qual é a letra que começa essa palavra?
  • LIMÃO… (R: L)
  • Quantas letras aparece na palavra LIMÃO? (R: 4 letras)
  • Quantas sílabas ela tem? ( 2 sílabas: LI- MÃO )
  • Agora, vamos colar os versos no papel e cantar a música?
  • Qual palavra mais se repetiu nessa cantiga? (R: COBRA)
  • Quais palavras iniciam com as mesmas letras na cantiga? (Pé , Pezinho\ Cobra\ Como)
  • Vamos contar quantas palavras apareceram na cantiga? (R: 20 palavras)

Material complementar: Folha com a cantiga escrita para ser impressa e recortada. As palavras escritas poderão ser utilizadas na organização da cantiga fatiada bem como para o sorteio do bingo. Clique aqui

Desenvolvimento select-down

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

  • Após esse resgate da cantiga, organize duplas de alunos, de modo que se formem grupos produtivos, ou seja, que apresentam saberes acerca do sistema alfabético de escrita próximo, porém diferentes. Por exemplo: sugere-se a formação de grupos entre alunos pré-silábicos e os silábicos sem valor sonoro e com valor sonoro. E também os silábicos podem se agrupar com os silábico-alfabéticos, que por sua vez também funcionam bem com os alfabéticos.
  • Explique que hoje iremos brincar com o jogo de bingo a partir das palavras da cantiga “A cobra”.
  • Disponibilize para cada aluno uma folha, na qual terão seis espaços disponíveis para cada aluno escolher seis palavras da cantiga, onde escreverão dentro dos respectivos lugares uma palavra de cada vez. (Material para impressão disponível no material complementar)
  • Explique que todas as palavras da cantiga serão recortadas e colocadas dentro de um saquinho, o qual o professor utilizará para o sorteio do bingo.
  • Entregue para cada dupla uma folha com a escrita da cantiga “A cobra”, com os respectivos espaços para escreverem as seis palavras escolhidas da cantiga.
  • Atenção professor: Enquanto os alunos escrevem suas palavras nos respectivos espaços da cartela, o professor poderá se aproximar de cada dupla para verificar a escrita das palavras na tabela do bingo, observando se os alunos estão conseguindo lembrá-las para escrevê-las. Se perceber que algum aluno não está correspondendo com o esperado, ou seja não está conseguindo escrever as palavras, realize intervenções individualizadas refletindo sobre as palavras em sua dimensão sonora proporcionando aos alunos avançarem em sua compreensão dos aspectos conceituais e convencionais da escrita, além de permitir-lhes também avançar em seus conhecimentos .
  • Segue abaixo sugestões exemplos de intervenções que você poderá realizar através de perguntas aos alunos sobre a escrita das palavras:

  • Em relação à palavra COBRA
  • Para escrever COBRA, que letra aparece primeiro? Será que é uma vogal ou uma consoante?
  • Quantas letras tem a palavra COBRA?
  • Que dupla consegue escrever a palavra COBRA?
  • Alguém consegue perceber os sons que fazemos ao pronunciar o nome da COBRA?
  • Quantos sons aparecem? Vamos falar essa palavra juntos CO-BRA (fale devagar para ouvirmos cada som individualmente).
  • Perceberam que apareceram dois sons o CO e BRA?
  • Na palavra COBRA aparecem duas sílabas. Quantas letras tem na sílaba CO? E na sílaba BRA? Vamos ver se conseguimos escrever cobra?

  • Em relação à palavra COMO
  • E para escrever COMO, olha também utilizamos a sílaba CO?
  • E o MO que letras utilizamos?

  • Em relação à palavra PÉ
  • E na palavra PÉ quantas letras usamos para escrevê-la? Qual será a primeira e última letra? Essa palavra começa com uma vogal ou uma consoante? Seria possível colocarmos uma consoante no final dessa palavra? Quantas sílabas tem a palavra PÉ?

  • Em relação a palavra MÃO
  • Quem consegue escrever a palavra MÃO? Quantas letras aparecem nessa palavra? E quantas sílabas tem essa palavra? A primeira letra é vogal ou consoante?

  • Em relação a palavra SOBE
  • E para escrever SOBE, que letra aparece primeiro? E depois? Olhe o SO formam a sílaba SO. E a sílaba BE, que letras utilizamos?

  • Em relação a palavra PEZINHO
  • Para escrever a palavra PEZINHO, usamos quantas letras? Que letra aparece no início? E no final da palavra qual é a letra? Nossa, a palavra PEZINHO aparecem bastante sílabas hein?
  • Vocês conseguem me dizer quantas sílabas aparecem? PE – ZI – NHO.
  • E a palavra LIMÃO quem sabe a letra que começa? Quantas letras têm nessa palavra? Vamos pensar?

Após as cartelas preenchidas com as palavras escolhidas pelos alunos, inicie a brincadeira do bingo. Explique que dentro do saco estão fichas com palavras da cantiga. Diga que você vai tirar uma ficha por vez e ler em voz alta para eles. A tarefa é marcar com um X as palavras que são iguais às que a professora falou. Certificando-se de que eles entenderam como se joga, comece a retirada e a leitura das fichas, uma a uma. Durante o jogo, percorra a sala para verificar as dificuldades; caso restem dúvidas, retome as regras, lendo e explicando. Quando sortear as palavras, faça a leitura em tom alto, pausadamente, e procure sempre dar um tempo para que todos os alunos possam ouvi-las claramente e compará-las às palavras escritas em sua cartela.

Quando alguém completar a sua cartela, gritará: BINGO.

Material complementar: Folha com a cantiga e a cartela do bingo para ser impressa clique aqui .

Fechamento select-down

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações:

  • Ao final do bingo, organize uma roda de conversa. Peguem as palavras que compõe a cantiga, coloque-as no meio da roda de maneira que todos possam visualizar e manipular se for necessário. Junto com os alunos conversem sobre as escritas de cada uma das palavras. Os alunos não têm que descobrir tudo sozinhos, nós professores, podemos ajudá-los a ter mais clareza sobre o SEA proporcionando momentos de análise e reflexão em relação ao sistema de escrita em diferentes situações, pois o SEA se constroem num percurso evolutivo.
  • Realize levantamentos prévios sobre o conhecimento dos alunos acerca da escrita das palavras que foram utilizadas na cantiga, refletindo as relações entre a maneira de ler e de escrever. Exemplos:
  • Quais palavras encontramos que iniciam com a letra C?
  • Essa letra é uma vogal ou consoante?
  • Se juntarmos C com O que som formamos?
  • COBRA E COMO começam com a mesma sílaba, Vamos contar quantas letras tem em cada palavra?
  • Que palavras da cantiga utilizamos que começavam com a sílaba PE? Alguém pode me mostrar?
  • Quantas letras aparecem na palavra PEZINHO? Vamos contar?
  • Alguém conhece outra palavra que rime com PÉ?
  • Quantas vezes a palavra NÃO aparece na cantiga?
  • Que palavra temos na cantiga que é parecida com NÃO?
  • E a palavra LIMÃO ela rima com alguma outra palavra da cantiga?
  • Quantas letras aparecem na palavra LIMÃO?
  • Que outras palavras conhecemos que começam com a sílaba LI. Alguém sabe?
  • Finalize deixando a cantiga fixada na sala de aula e perguntando aos alunos:
  • O que você aprendeu nessa experiência de ler e escrever com as cantigas?
  • O que foi mais fácil? O que foi mais difícil nessa experiência?

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é 3ª aula de um conjunto de 3 planos de aula com foco em análise linguística, semiótica e escrita compartilhada. A finalidade desse conjunto de planos é a reflexão da leitura e escrita convencional através do jogo de bingo, onde o professor mediará a ampliação e reflexão dos conhecimentos dos alunos sobre as hipóteses de escritas.

Dificuldades antecipadas: Encontraremos os alunos em diferentes hipóteses de escrita. Desta forma, os alunos na hipótese pré-silábica que ainda não relacionam a escrita com a fala e os alunos na hipótese silábica que utilizam uma letra para cada sílaba podem ou não atribuir valor sonoro à letra e, assim, poderão apresentar dificuldades diante da referida atividade.

Referências sobre o assunto:

CANTA E DANÇA, de Suzana Sanson e Graça Lima, publicado pela Brinque-Book.

CD, cantigas de roda, grupo Palavra Cantada, produzido pela gravadora MCD World Music.

Cantigas para alfabetizar Vol 1. Geni Sanches Rodrigues

MORAIS, Artur gomes de, Sistema de escrita alfabética. São Paulo: Editora Melhoramentos,2012. (Como eu ensino)

SOARES, Magda. Alfabetização: a questão dos métodos. São Paulo:Contexto, 2016.

SMOLKA, Ana Luiza Bustamente. A criança na fase inicial da escrita: a alfabetização como processo discursivo. 8. ed. São Paulo: Cortez, 1999.

Tempo sugerido: 1 minuto

Orientações: Relate para a turma qual é a proposta da aula do dia.

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações:

  • Organize a classe em uma grande roda.
  • Nas aulas anteriores os alunos já vivenciaram reflexões acerca do SEA através do uso da cantiga “A cobra”, um texto de repetição, que tem um papel importante no processo de alfabetização, não só pela sua familiaridade com o discurso da criança, mas também porque permite à criança a conquista da linguagem. Temos como objetivo escrever textos conhecidos de memória, ajustando o oral ao escrito, construir conhecimentos sobre o funcionamento do sistema alfabético de escrita, trabalhando assim com a leitura da cantiga de maneiras diversificadas. Também exploramos e comparamos as escritas espontâneas e com a escrita convencional, ampliando o repertório das escritas, memorização e o vocabulário dos alunos. E com os alunos alfabéticos, podemos realizar reflexões sobre algumas convenções ortográficas.
  • Nesse momento, os alunos já têm memorizado o texto da cantiga e estão prontos para enfrentar o desafio de trabalhar com cantiga fatiada, ou seja organizar os versos da cantiga na sequência correta.
  • Disponibilize os quatro versos da cantiga “A Cobra” impressos e embaralhados no meio da roda, para que os alunos possam ler e organizar a sequência dos versos da cantiga corretamente colando no papel pardo.
  • Inicie, dizendo: “Quem se lembra da música da cobra?” (R: pessoal)
  • Realize comparações e reflexões das palavras escritas na cantiga de modo que desafiem os alunos através de procedimentos de leitura de ajuste. Para saber mais sobre esse trabalho com leitura de ajuste, que é bem benéfico para os alunos em processo de alfabetização, clique aqui.
  • Pergunte quem sabe onde está escrito o primeiro verso e quem consegue encontrar a letra A, primeira letra do verso.
  • Faça outras perguntas, como:
  • E palavra COBRA onde está?
  • Alguém sabe qual é a palavra NÃO? Onde ela está?
  • E a palavra TEM alguém sabe onde está escrito?
  • E a palavra PÉ? Onde ela está?
  • -Como vocês sabem que esse é o primeiro verso.
  • Vamos descobrir o segundo?
  • -Qual é a primeira letra que aparece nesse verso?
  • A letra A novamente?
  • E depois? Olhe só apareceu a palavra COBRA? Quantas letras tem essa palavra mesmo?
  • E agora, que palavra precisamos?
  • Olha só, a palavra NÃO novamente. Que letras aparecem nesta palavra?
  • E a próxima palavra, qual será?
  • É a palavra TEM, onde ela está? Alguém sabe como ela está escrita?
  • E agora, que palavra aparece no final deste verso? Vamos ler para ver que palavra está faltando A COBRA NÃO TEM…
  • Isso mesmo, é a palavra MÃO. Onde podemos encontrá-la? Que letras aparecem na palavra MÃO?
  • E o próximo verso, alguém se lembra?

Atenção professor: realize também intervenções acerca da consciência fonológica.

  • Como é que a cobra sobe?
  • Que palavra aparece primeiro? (R: 6 palavras)
  • COMO! Isso mesmo, quantas letras tem essa palavra? (R: 4 letras) Que letras aparecem nessa palavra? (C-O-M-O )
  • E a próxima palavra qual é? (R: É)
  • E depois? (R: QUE)
  • E a palavra SOBE, quem consegue encontrá-la? Como se escreve essa palavra? Que letras utilizamos?
  • Agora, vamos ao último verso!
  • Qual é a primeira palavra deste verso? (R: PEZINHO)
  • Quantas letras tem a palavra NO? (2 letras)
  • E a palavra PEZINHO, quem poderá encontrá-la?
  • E a próxima, qual será? (R: “DE”)
  • Qual é a última palavra que aparece nesse verso? (R: limão)
  • Qual é a letra que começa essa palavra?
  • LIMÃO… (R: L)
  • Quantas letras aparece na palavra LIMÃO? (R: 4 letras)
  • Quantas sílabas ela tem? ( 2 sílabas: LI- MÃO )
  • Agora, vamos colar os versos no papel e cantar a música?
  • Qual palavra mais se repetiu nessa cantiga? (R: COBRA)
  • Quais palavras iniciam com as mesmas letras na cantiga? (Pé , Pezinho\ Cobra\ Como)
  • Vamos contar quantas palavras apareceram na cantiga? (R: 20 palavras)

Material complementar: Folha com a cantiga escrita para ser impressa e recortada. As palavras escritas poderão ser utilizadas na organização da cantiga fatiada bem como para o sorteio do bingo. Clique aqui

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

  • Após esse resgate da cantiga, organize duplas de alunos, de modo que se formem grupos produtivos, ou seja, que apresentam saberes acerca do sistema alfabético de escrita próximo, porém diferentes. Por exemplo: sugere-se a formação de grupos entre alunos pré-silábicos e os silábicos sem valor sonoro e com valor sonoro. E também os silábicos podem se agrupar com os silábico-alfabéticos, que por sua vez também funcionam bem com os alfabéticos.
  • Explique que hoje iremos brincar com o jogo de bingo a partir das palavras da cantiga “A cobra”.
  • Disponibilize para cada aluno uma folha, na qual terão seis espaços disponíveis para cada aluno escolher seis palavras da cantiga, onde escreverão dentro dos respectivos lugares uma palavra de cada vez. (Material para impressão disponível no material complementar)
  • Explique que todas as palavras da cantiga serão recortadas e colocadas dentro de um saquinho, o qual o professor utilizará para o sorteio do bingo.
  • Entregue para cada dupla uma folha com a escrita da cantiga “A cobra”, com os respectivos espaços para escreverem as seis palavras escolhidas da cantiga.
  • Atenção professor: Enquanto os alunos escrevem suas palavras nos respectivos espaços da cartela, o professor poderá se aproximar de cada dupla para verificar a escrita das palavras na tabela do bingo, observando se os alunos estão conseguindo lembrá-las para escrevê-las. Se perceber que algum aluno não está correspondendo com o esperado, ou seja não está conseguindo escrever as palavras, realize intervenções individualizadas refletindo sobre as palavras em sua dimensão sonora proporcionando aos alunos avançarem em sua compreensão dos aspectos conceituais e convencionais da escrita, além de permitir-lhes também avançar em seus conhecimentos .
  • Segue abaixo sugestões exemplos de intervenções que você poderá realizar através de perguntas aos alunos sobre a escrita das palavras:

  • Em relação à palavra COBRA
  • Para escrever COBRA, que letra aparece primeiro? Será que é uma vogal ou uma consoante?
  • Quantas letras tem a palavra COBRA?
  • Que dupla consegue escrever a palavra COBRA?
  • Alguém consegue perceber os sons que fazemos ao pronunciar o nome da COBRA?
  • Quantos sons aparecem? Vamos falar essa palavra juntos CO-BRA (fale devagar para ouvirmos cada som individualmente).
  • Perceberam que apareceram dois sons o CO e BRA?
  • Na palavra COBRA aparecem duas sílabas. Quantas letras tem na sílaba CO? E na sílaba BRA? Vamos ver se conseguimos escrever cobra?

  • Em relação à palavra COMO
  • E para escrever COMO, olha também utilizamos a sílaba CO?
  • E o MO que letras utilizamos?

  • Em relação à palavra PÉ
  • E na palavra PÉ quantas letras usamos para escrevê-la? Qual será a primeira e última letra? Essa palavra começa com uma vogal ou uma consoante? Seria possível colocarmos uma consoante no final dessa palavra? Quantas sílabas tem a palavra PÉ?

  • Em relação a palavra MÃO
  • Quem consegue escrever a palavra MÃO? Quantas letras aparecem nessa palavra? E quantas sílabas tem essa palavra? A primeira letra é vogal ou consoante?

  • Em relação a palavra SOBE
  • E para escrever SOBE, que letra aparece primeiro? E depois? Olhe o SO formam a sílaba SO. E a sílaba BE, que letras utilizamos?

  • Em relação a palavra PEZINHO
  • Para escrever a palavra PEZINHO, usamos quantas letras? Que letra aparece no início? E no final da palavra qual é a letra? Nossa, a palavra PEZINHO aparecem bastante sílabas hein?
  • Vocês conseguem me dizer quantas sílabas aparecem? PE – ZI – NHO.
  • E a palavra LIMÃO quem sabe a letra que começa? Quantas letras têm nessa palavra? Vamos pensar?

Após as cartelas preenchidas com as palavras escolhidas pelos alunos, inicie a brincadeira do bingo. Explique que dentro do saco estão fichas com palavras da cantiga. Diga que você vai tirar uma ficha por vez e ler em voz alta para eles. A tarefa é marcar com um X as palavras que são iguais às que a professora falou. Certificando-se de que eles entenderam como se joga, comece a retirada e a leitura das fichas, uma a uma. Durante o jogo, percorra a sala para verificar as dificuldades; caso restem dúvidas, retome as regras, lendo e explicando. Quando sortear as palavras, faça a leitura em tom alto, pausadamente, e procure sempre dar um tempo para que todos os alunos possam ouvi-las claramente e compará-las às palavras escritas em sua cartela.

Quando alguém completar a sua cartela, gritará: BINGO.

Material complementar: Folha com a cantiga e a cartela do bingo para ser impressa clique aqui .

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações:

  • Ao final do bingo, organize uma roda de conversa. Peguem as palavras que compõe a cantiga, coloque-as no meio da roda de maneira que todos possam visualizar e manipular se for necessário. Junto com os alunos conversem sobre as escritas de cada uma das palavras. Os alunos não têm que descobrir tudo sozinhos, nós professores, podemos ajudá-los a ter mais clareza sobre o SEA proporcionando momentos de análise e reflexão em relação ao sistema de escrita em diferentes situações, pois o SEA se constroem num percurso evolutivo.
  • Realize levantamentos prévios sobre o conhecimento dos alunos acerca da escrita das palavras que foram utilizadas na cantiga, refletindo as relações entre a maneira de ler e de escrever. Exemplos:
  • Quais palavras encontramos que iniciam com a letra C?
  • Essa letra é uma vogal ou consoante?
  • Se juntarmos C com O que som formamos?
  • COBRA E COMO começam com a mesma sílaba, Vamos contar quantas letras tem em cada palavra?
  • Que palavras da cantiga utilizamos que começavam com a sílaba PE? Alguém pode me mostrar?
  • Quantas letras aparecem na palavra PEZINHO? Vamos contar?
  • Alguém conhece outra palavra que rime com PÉ?
  • Quantas vezes a palavra NÃO aparece na cantiga?
  • Que palavra temos na cantiga que é parecida com NÃO?
  • E a palavra LIMÃO ela rima com alguma outra palavra da cantiga?
  • Quantas letras aparecem na palavra LIMÃO?
  • Que outras palavras conhecemos que começam com a sílaba LI. Alguém sabe?
  • Finalize deixando a cantiga fixada na sala de aula e perguntando aos alunos:
  • O que você aprendeu nessa experiência de ler e escrever com as cantigas?
  • O que foi mais fácil? O que foi mais difícil nessa experiência?

Este plano de aula foi produzido pelo Time de Autores NOVA ESCOLA
Professor-autor: Anna Kelly Carvalho
Mentor: Priscila Medeiros
Especialista: Tania Rios

Título da aula: Leitura  e escrita de palavras a partir do jogo de bingo

Finalidade da aula: Desenvolver habilidades de leitura e escrita proporcionando reflexões acerca do Sistema de Escrita Alfabética para que os alunos possam avançar em suas hipóteses de escrita.

Ano:1º 

Objeto(s) do conhecimento: Construção do sistema alfabético / Correspondência fonema-grafema

Prática de linguagem: Análise linguística e semiótica

Habilidade(s) da BNCC: EF01LP02, EF01LP03,  EF01LP05, EF01LP07

Sobre esta aula: Esta é aula de um conjunto de 3 planos de aula com foco em análise linguística, semiótica e escrita compartilhada. A finalidade desse conjunto de planos é a reflexão da leitura e escrita convencional através do jogo de bingo, onde o professor mediará a ampliação e reflexão dos conhecimentos dos alunos sobre as hipóteses de escritas.

 

Dificuldades antecipadas: Encontraremos os alunos em diferentes hipóteses de escrita. Desta forma, os alunos na hipótese pré-silábica  que ainda não relacionam a escrita com a fala e os alunos na hipótese silábica que utilizam uma letra para cada sílaba podem ou não atribuir valor sonoro à letra e, assim,  poderão apresentar dificuldades diante da referida atividade.

 

Referências sobre o assunto:

CANTA E DANÇA, de Suzana Sanson e Graça Lima, publicado pela Brinque-Book.

CD, cantigas de roda, grupo Palavra Cantada, produzido pela gravadora MCD World Music.

Cantigas para alfabetizar Vol 1. Geni Sanches Rodrigues

MORAIS, Artur gomes de, Sistema de escrita alfabética. São Paulo: Editora Melhoramentos,2012. (Como eu ensino)

SOARES, Magda. Alfabetização: a questão dos métodos. São Paulo:Contexto, 2016.

SMOLKA, Ana Luiza Bustamente. A criança na fase inicial da escrita: a alfabetização como processo discursivo. 8. ed. São Paulo: Cortez, 1999.

 


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

OUTRAS AULAS DESSA UNIDADE:

AULAS DESSA DISCIPLINA:

1º ano / Língua Portuguesa / Atividade de Sistematização

AULAS RELACIONADAS:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes