13532
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Ciências > 5º ano > Terra e Universo

Plano de aula - Constelações do Zodíaco

Plano de aula de Ciências com atividades para 5° ano do Fundamental sobre o zodíaco

Plano 04 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Alcione da Anunciação Caetano

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Materiais necessários para a aula: Para este plano de aula, você vai precisar do conjunto de cartas celestes composto por cada uma das Constelações do Zodíaco disponível como material complementar. O material poderá ser reproduzido para compor pelo menos cinco “kit’s” para montagem da “Eclíptica”, com os estudantes divididos em grupo, no momento do mão na massa. Além das cartas celestes de cada Constelação do Zodíaco, cada grupo de estudantes deverá usar algum objeto de papel ou outro material que sirva-lhes para representar o Sol “passeando” entre as Constelações do Zodíaco durante o ano terrestre.

Para seu embasamento, consulte algumas referências indicadas aqui:

http://www.zenite.nu/astronomia-e-astrologia-qual-a-diferenca/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Astrologia

https://pt.wikipedia.org/wiki/Astronomia

https://brasilescola.uol.com.br/geografia/astronomia.htm

http://leg.ufpi.br/subsiteFiles/pibidfisica/arquivos/files/poster_nilson.pdf

https://revistagalileu.globo.com/Revista/noticia/2016/09/como-surgiu-o-embate-entre-astronomia-e-astrologia.html

https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/noticia/2016/09/nao-mudamos-os-signos-do-zodiaco-so-fizemos-matematica-afirma-nasa.html

http://www.casadaciencia.ufrj.br/cienciaparapoetas/Astronomia/Tuparetama/arqueoastronomia/arquivos/49.html

http://www.observatorio.ufmg.br/dicas13.htm

Consulte as cartas celestes das Constelações do Zodíaco em: https://www.heavens-above.com/constellation.aspx?lat=0&lng=0&loc=Unspecified&alt=0&tz=UCT

Consulte a ordem das constelações do Zodíaco de janeiro a dezembro em http://galileu.globo.com/edic/163/imagens/zodiaco_05.jpg

O software Stellarium poderá auxiliar na apresentação das Constelações do Zodíaco simulando a passagem do Sol pela eclíptica. Para acessá-lo, clique em stellarium.org O Stellarium é um planetário de código aberto para o seu computador. Ele mostra um céu realista em três dimensões igual ao que se vê a olho nu, com binóculos ou telescópio. Ele também tem sido usado em projetores de planetários. Basta ajustar as coordenadas geográficas e começar a observar o céu em casa ou na sala de aula a qualquer hora do dia ou da noite.

Título da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 05 minutos

Orientações: Levantar os conhecimentos prévios dos estudantes perguntando-lhes sobre se já ouviram falar na expressão “Constelações do Zodíaco” e se saberiam dizer quais são essas constelações. Explorar junto aos estudantes as informações que por ventura surjam e façam ligação com alguma crença ou mito relativo a disposição das Constelações do Zodíaco no céu, mês do aniversário, signos do zodíaco etc.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Leia junto com os estudantes os dizeres dos balões. Explore as falas sem deixar margem ao preconceito contra qualquer tipo de crença, porém deixe claro o que está baseado em crença e o que está fundamentado em observações, coleta de dados, análise e validação do conhecimento. Defina junto com os estudantes, a partir do que eles sabem, a diferença entre Astronomia e Astrologia, sendo a Astronomia a ciência que estuda os astros e tudo o que compõe o universo e a Astrologia um sistema de crenças em relação a influência dos astros na vida das pessoas.

Busque informaçõe em http://www.zenite.nu/astronomia-e-astrologia-qual-a-diferenca/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Astrologia

Horóscopo ou Mapa Astral: trata-se de uma espécie de diagrama que define as posições relativas dos planetas e dos signos zodiacais num determinado dia específico, geralmente definido a partir do nascimento de uma pessoa. Fonte: Wikipédia Adaptado por Alcione A Caetano. Acesso em 12 de junho de 2018.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Astronomia

https://brasilescola.uol.com.br/geografia/astronomia.htm

http://leg.ufpi.br/subsiteFiles/pibidfisica/arquivos/files/poster_nilson.pdf

https://revistagalileu.globo.com/Revista/noticia/2016/09/como-surgiu-o-embate-entre-astronomia-e-astrologia.html

https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/noticia/2016/09/nao-mudamos-os-signos-do-zodiaco-so-fizemos-matematica-afirma-nasa.html

Questão disparadora select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Questionar os estudantes sobre os conceitos de signo e constelação - Será que são conceitos similares? Ou existe alguma diferença entre nomear um signo e nomear uma constelação? O que vocês pensam? Peça aos estudantes que listem os signos que conhecem e também as constelações conhecidas por eles ou que já tenham ouvido falar ou lido/visto em algum material. Para seu embasamento e fundamentação, consulte: http://www.casadaciencia.ufrj.br/cienciaparapoetas/Astronomia/Tuparetama/arqueoastronomia/arquivos/49.html

“Chamamos de signo as constelações zodiacais por onde o Sol transitava em 134 a.C., quando o grande astrônomo grego Hiparco, inspirado em um sistema de origem babilônica, dividiu essa região do céu em 12 partes iguais, de 30 graus cada. Chamamos de constelações zodiacais, tendo por base a definição da União Astronômica Internacional, aquelas constelações por onde o Sol transita atualmente. O signo e a constelação de mesmo nome diferem, principalmente, devido à precessão dos equinócios que ocorre em um período de cerca de aproximadamente 26.000 anos.”

Para entender melhor sobre o movimento da Terra chamado de “precessão”, leia mais em http://astro.if.ufrgs.br/fordif/node8.htm

Mão na massa select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: Apresente a carta celeste do slide e faça o destaque para a linha que marca o Equador Celeste e a linha que marca a Eclíptica. Na linha da Eclíptica, peça que identifiquem quais constelações que eles/as conhecem que fazem parte do grupo das Constelações do Zodíaco e que aparecem sobre a linha da Eclíptica. Distribua o kit de cartas celestes “Constelações do Zodíaco”, Cada kit é composto por 06 cartas. Cada carta contém de duas a três constelações. Peça aos grupos que identifiquem e marquem, em cada uma das cartas do kit, com uma cor diferente, a linha que define o Equador Celeste. Peça que identifiquem e marquem, em cada carta do kit, de uma cor diferente, a linha que define a eclíptica. Por fim, identifiquem e marquem de cor diferente as linhas que definem o Hemisfério Sul Celeste e o Hemisfério Norte Celeste. Estas linhas são de fácil identificação em cada uma das seis cartas celestes do kit. Faça perguntas do tipo: - Quais constelações do Zodíaco estão no HN e quais estão no HS de cada carta celeste? Que constelações tem sua extensão ocupando os dois hemisférios? A partir do conhecimento que possuem sobre cada mês do ano e o signo correspondente à data do aniversário, solicite que os estudantes disponham as cartas lado a lado em linha reta para representar a passagem do Sol pela eclíptica em seu movimento aparente indo de uma constelação a outra até completar o período de um ano terrestre (janeiro a dezembro). Explore o conceito de eclíptica com os estudantes. As linhas imaginárias do Equador Celeste e da Eclíptica estão nomeadas nas cartas celestes que fazem parte do material complementar disponibilizado para realizar este plano.

Para gerar a carta celeste de sua localidade e com ela compor o seu plano de aula/slide, acesse http://cartascelestes.com/set-location/ e na aba Carta Celeste clique para gerar sua carta.

Fonte: http://cartascelestes.com/sky-map/ acesso em 03 de julho de 2018.

Para a discussão e diferenciação entre Constelações do Zodíaco e Signos do Zodíaco, ciência e crença, leia mais no link.

http://www.observatorio.ufmg.br/dicas04.htm

Consulte as cartas celestes das Constelações do Zodíaco em: https://www.heavens-above.com/constellation.aspx?lat=0&lng=0&loc=Unspecified&alt=0&tz=UCT

Consulte a ordem das constelações do Zodíaco de janeiro a dezembro em http://galileu.globo.com/edic/163/imagens/zodiaco_05.jpg

O software Stellarium poderá auxiliar na apresentação das Constelações do Zodíaco simulando a passagem do Sol pela eclíptica. Para acessá-lo, clique em stellarium.org O Stellarium é um planetário de código aberto para o seu computador. Ele mostra um céu realista em três dimensões igual ao que se vê a olho nu, com binóculos ou telescópio. Ele também tem sido usado em projetores de planetários. Basta ajustar as coordenadas geográficas e começar a observar o céu em casa ou na sala de aula a qualquer hora do dia ou da noite.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 05 minutos

Orientações: Leia com os estudantes o texto de sistematização “O Sol, deslocando-se pela Eclíptica, atravessa 13 constelações denominadas constelações zodiacais: Peixes, Aries, Touro, Gemeos, Cancer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Ofiúco, Sagitário, Capricórnio e Aquário. Para o observador terrestre, a Terra parece fixa e tem-se a impressão que é o Sol que, em um ano, faz uma volta pela Esfera Celeste, percorrendo a linha central do zodíaco ( a Eclíptica ). Chamamos de signo as constelações zodiacais por onde o Sol transitava em 134 a.C., quando o grande astrônomo grego Hiparco, inspirado em um sistema de origem babilônica, dividiu essa região do céu em 12 partes iguais, de 30 graus cada. Chamamos de constelações zodiacais aquelas por onde o Sol transita atualmente, de acordo com a União Astronômica Internacional (UAI em português e IAU em inglês).”

O texto estará disponível como material complementar a este plano para ser impresso. Sobre a diferenciação entre signos e constelações, vamos refletir um pouco mais. Existe uma referência à Astrologia e ela é importante neste momento da transposição pedagógica do que pertence ao campo da crença para o que é do campo científico, justamente por ter um apelo muito forte nas denominações que não mudaram. Palavras mais usadas, como por exemplo, signos, zodíaco, astros, posição do Sol na eclíptica, estão presentes na Astrologia para seu embasamento e argumentação, assim como estão presentes no discurso científico da Astronomia. Quando sugerimos que você peça aos/às estudantes que, com base em seus meses de aniversário, reportem-se aos signos, não estamos invalidando o conhecimento científico e validando o não científico. A Astrologia antecedeu a Ciência da Astronomia e a gerou, por assim dizer. A Astrologia representou uma prática dos antigos estudiosos da mecânica celeste. Muitos aspectos dos conhecimentos advindos desta prática se traduziram em signos dos quais foram abstraídos os significantes hoje utilizados na Ciência chamada Astronomia. Então, não se trata de negar uma prática como se não existisse. Trata-se de marcar e de desvelar as grandes diferenças existentes entre o método científico de investigação e de construção sistemática do conhecimento das previsões astrológicas. A Astrologia é definida por alguns astrólogos como arte, vidência ou mais um exemplo de forma de expressão/linguagem humana. A astronomia é uma ciência dos campo das ciências exatas e também das chamadas ciências naturais. A Astronomia tem como foco de estudo e pesquisa, a origem, evolução, composição, classificação e dinâmica de todos os corpos celestes, estejam eles onde estiverem no universo. Já a Astrologia somente se utiliza de astros que estão na região da eclíptica celeste para construir suas ideias sobre a influência dos astros em nossa vida diária. É exatamente por este aspecto que podemos marcar a deficiência do trabalho realizado pela Astrologia marcando-o como não científico.

Caso disponha dos recursos para exibição de vídeo, você poderá optar por assistir ao vídeo disponível em http://www.zenite.nu/astronomia-e-astrologia-qual-a-diferenca/

https://youtu.be/c6wN-XokaPY acesso em -5 de julho de 2018. Duração de apenas 3’20” minutos.

Outros referenciais para seu embasamento nesta construção:

http://www.casadaciencia.ufrj.br/cienciaparapoetas/Astronomia/Tuparetama/arqueoastronomia/arquivos/49.html Acesso em 11 de junho de 2018, adaptado por Alcione da Anunciação Caetano.

http://www.observatorio.ufmg.br/dicas13.htm Acesso em 11 de junho de 2018.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Materiais necessários para a aula: Para este plano de aula, você vai precisar do conjunto de cartas celestes composto por cada uma das Constelações do Zodíaco disponível como material complementar. O material poderá ser reproduzido para compor pelo menos cinco “kit’s” para montagem da “Eclíptica”, com os estudantes divididos em grupo, no momento do mão na massa. Além das cartas celestes de cada Constelação do Zodíaco, cada grupo de estudantes deverá usar algum objeto de papel ou outro material que sirva-lhes para representar o Sol “passeando” entre as Constelações do Zodíaco durante o ano terrestre.

Para seu embasamento, consulte algumas referências indicadas aqui:

http://www.zenite.nu/astronomia-e-astrologia-qual-a-diferenca/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Astrologia

https://pt.wikipedia.org/wiki/Astronomia

https://brasilescola.uol.com.br/geografia/astronomia.htm

http://leg.ufpi.br/subsiteFiles/pibidfisica/arquivos/files/poster_nilson.pdf

https://revistagalileu.globo.com/Revista/noticia/2016/09/como-surgiu-o-embate-entre-astronomia-e-astrologia.html

https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/noticia/2016/09/nao-mudamos-os-signos-do-zodiaco-so-fizemos-matematica-afirma-nasa.html

http://www.casadaciencia.ufrj.br/cienciaparapoetas/Astronomia/Tuparetama/arqueoastronomia/arquivos/49.html

http://www.observatorio.ufmg.br/dicas13.htm

Consulte as cartas celestes das Constelações do Zodíaco em: https://www.heavens-above.com/constellation.aspx?lat=0&lng=0&loc=Unspecified&alt=0&tz=UCT

Consulte a ordem das constelações do Zodíaco de janeiro a dezembro em http://galileu.globo.com/edic/163/imagens/zodiaco_05.jpg

O software Stellarium poderá auxiliar na apresentação das Constelações do Zodíaco simulando a passagem do Sol pela eclíptica. Para acessá-lo, clique em stellarium.org O Stellarium é um planetário de código aberto para o seu computador. Ele mostra um céu realista em três dimensões igual ao que se vê a olho nu, com binóculos ou telescópio. Ele também tem sido usado em projetores de planetários. Basta ajustar as coordenadas geográficas e começar a observar o céu em casa ou na sala de aula a qualquer hora do dia ou da noite.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 05 minutos

Orientações: Levantar os conhecimentos prévios dos estudantes perguntando-lhes sobre se já ouviram falar na expressão “Constelações do Zodíaco” e se saberiam dizer quais são essas constelações. Explorar junto aos estudantes as informações que por ventura surjam e façam ligação com alguma crença ou mito relativo a disposição das Constelações do Zodíaco no céu, mês do aniversário, signos do zodíaco etc.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Leia junto com os estudantes os dizeres dos balões. Explore as falas sem deixar margem ao preconceito contra qualquer tipo de crença, porém deixe claro o que está baseado em crença e o que está fundamentado em observações, coleta de dados, análise e validação do conhecimento. Defina junto com os estudantes, a partir do que eles sabem, a diferença entre Astronomia e Astrologia, sendo a Astronomia a ciência que estuda os astros e tudo o que compõe o universo e a Astrologia um sistema de crenças em relação a influência dos astros na vida das pessoas.

Busque informaçõe em http://www.zenite.nu/astronomia-e-astrologia-qual-a-diferenca/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Astrologia

Horóscopo ou Mapa Astral: trata-se de uma espécie de diagrama que define as posições relativas dos planetas e dos signos zodiacais num determinado dia específico, geralmente definido a partir do nascimento de uma pessoa. Fonte: Wikipédia Adaptado por Alcione A Caetano. Acesso em 12 de junho de 2018.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Astronomia

https://brasilescola.uol.com.br/geografia/astronomia.htm

http://leg.ufpi.br/subsiteFiles/pibidfisica/arquivos/files/poster_nilson.pdf

https://revistagalileu.globo.com/Revista/noticia/2016/09/como-surgiu-o-embate-entre-astronomia-e-astrologia.html

https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/noticia/2016/09/nao-mudamos-os-signos-do-zodiaco-so-fizemos-matematica-afirma-nasa.html

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Questionar os estudantes sobre os conceitos de signo e constelação - Será que são conceitos similares? Ou existe alguma diferença entre nomear um signo e nomear uma constelação? O que vocês pensam? Peça aos estudantes que listem os signos que conhecem e também as constelações conhecidas por eles ou que já tenham ouvido falar ou lido/visto em algum material. Para seu embasamento e fundamentação, consulte: http://www.casadaciencia.ufrj.br/cienciaparapoetas/Astronomia/Tuparetama/arqueoastronomia/arquivos/49.html

“Chamamos de signo as constelações zodiacais por onde o Sol transitava em 134 a.C., quando o grande astrônomo grego Hiparco, inspirado em um sistema de origem babilônica, dividiu essa região do céu em 12 partes iguais, de 30 graus cada. Chamamos de constelações zodiacais, tendo por base a definição da União Astronômica Internacional, aquelas constelações por onde o Sol transita atualmente. O signo e a constelação de mesmo nome diferem, principalmente, devido à precessão dos equinócios que ocorre em um período de cerca de aproximadamente 26.000 anos.”

Para entender melhor sobre o movimento da Terra chamado de “precessão”, leia mais em http://astro.if.ufrgs.br/fordif/node8.htm

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: Apresente a carta celeste do slide e faça o destaque para a linha que marca o Equador Celeste e a linha que marca a Eclíptica. Na linha da Eclíptica, peça que identifiquem quais constelações que eles/as conhecem que fazem parte do grupo das Constelações do Zodíaco e que aparecem sobre a linha da Eclíptica. Distribua o kit de cartas celestes “Constelações do Zodíaco”, Cada kit é composto por 06 cartas. Cada carta contém de duas a três constelações. Peça aos grupos que identifiquem e marquem, em cada uma das cartas do kit, com uma cor diferente, a linha que define o Equador Celeste. Peça que identifiquem e marquem, em cada carta do kit, de uma cor diferente, a linha que define a eclíptica. Por fim, identifiquem e marquem de cor diferente as linhas que definem o Hemisfério Sul Celeste e o Hemisfério Norte Celeste. Estas linhas são de fácil identificação em cada uma das seis cartas celestes do kit. Faça perguntas do tipo: - Quais constelações do Zodíaco estão no HN e quais estão no HS de cada carta celeste? Que constelações tem sua extensão ocupando os dois hemisférios? A partir do conhecimento que possuem sobre cada mês do ano e o signo correspondente à data do aniversário, solicite que os estudantes disponham as cartas lado a lado em linha reta para representar a passagem do Sol pela eclíptica em seu movimento aparente indo de uma constelação a outra até completar o período de um ano terrestre (janeiro a dezembro). Explore o conceito de eclíptica com os estudantes. As linhas imaginárias do Equador Celeste e da Eclíptica estão nomeadas nas cartas celestes que fazem parte do material complementar disponibilizado para realizar este plano.

Para gerar a carta celeste de sua localidade e com ela compor o seu plano de aula/slide, acesse http://cartascelestes.com/set-location/ e na aba Carta Celeste clique para gerar sua carta.

Fonte: http://cartascelestes.com/sky-map/ acesso em 03 de julho de 2018.

Para a discussão e diferenciação entre Constelações do Zodíaco e Signos do Zodíaco, ciência e crença, leia mais no link.

http://www.observatorio.ufmg.br/dicas04.htm

Consulte as cartas celestes das Constelações do Zodíaco em: https://www.heavens-above.com/constellation.aspx?lat=0&lng=0&loc=Unspecified&alt=0&tz=UCT

Consulte a ordem das constelações do Zodíaco de janeiro a dezembro em http://galileu.globo.com/edic/163/imagens/zodiaco_05.jpg

O software Stellarium poderá auxiliar na apresentação das Constelações do Zodíaco simulando a passagem do Sol pela eclíptica. Para acessá-lo, clique em stellarium.org O Stellarium é um planetário de código aberto para o seu computador. Ele mostra um céu realista em três dimensões igual ao que se vê a olho nu, com binóculos ou telescópio. Ele também tem sido usado em projetores de planetários. Basta ajustar as coordenadas geográficas e começar a observar o céu em casa ou na sala de aula a qualquer hora do dia ou da noite.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 05 minutos

Orientações: Leia com os estudantes o texto de sistematização “O Sol, deslocando-se pela Eclíptica, atravessa 13 constelações denominadas constelações zodiacais: Peixes, Aries, Touro, Gemeos, Cancer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Ofiúco, Sagitário, Capricórnio e Aquário. Para o observador terrestre, a Terra parece fixa e tem-se a impressão que é o Sol que, em um ano, faz uma volta pela Esfera Celeste, percorrendo a linha central do zodíaco ( a Eclíptica ). Chamamos de signo as constelações zodiacais por onde o Sol transitava em 134 a.C., quando o grande astrônomo grego Hiparco, inspirado em um sistema de origem babilônica, dividiu essa região do céu em 12 partes iguais, de 30 graus cada. Chamamos de constelações zodiacais aquelas por onde o Sol transita atualmente, de acordo com a União Astronômica Internacional (UAI em português e IAU em inglês).”

O texto estará disponível como material complementar a este plano para ser impresso. Sobre a diferenciação entre signos e constelações, vamos refletir um pouco mais. Existe uma referência à Astrologia e ela é importante neste momento da transposição pedagógica do que pertence ao campo da crença para o que é do campo científico, justamente por ter um apelo muito forte nas denominações que não mudaram. Palavras mais usadas, como por exemplo, signos, zodíaco, astros, posição do Sol na eclíptica, estão presentes na Astrologia para seu embasamento e argumentação, assim como estão presentes no discurso científico da Astronomia. Quando sugerimos que você peça aos/às estudantes que, com base em seus meses de aniversário, reportem-se aos signos, não estamos invalidando o conhecimento científico e validando o não científico. A Astrologia antecedeu a Ciência da Astronomia e a gerou, por assim dizer. A Astrologia representou uma prática dos antigos estudiosos da mecânica celeste. Muitos aspectos dos conhecimentos advindos desta prática se traduziram em signos dos quais foram abstraídos os significantes hoje utilizados na Ciência chamada Astronomia. Então, não se trata de negar uma prática como se não existisse. Trata-se de marcar e de desvelar as grandes diferenças existentes entre o método científico de investigação e de construção sistemática do conhecimento das previsões astrológicas. A Astrologia é definida por alguns astrólogos como arte, vidência ou mais um exemplo de forma de expressão/linguagem humana. A astronomia é uma ciência dos campo das ciências exatas e também das chamadas ciências naturais. A Astronomia tem como foco de estudo e pesquisa, a origem, evolução, composição, classificação e dinâmica de todos os corpos celestes, estejam eles onde estiverem no universo. Já a Astrologia somente se utiliza de astros que estão na região da eclíptica celeste para construir suas ideias sobre a influência dos astros em nossa vida diária. É exatamente por este aspecto que podemos marcar a deficiência do trabalho realizado pela Astrologia marcando-o como não científico.

Caso disponha dos recursos para exibição de vídeo, você poderá optar por assistir ao vídeo disponível em http://www.zenite.nu/astronomia-e-astrologia-qual-a-diferenca/

https://youtu.be/c6wN-XokaPY acesso em -5 de julho de 2018. Duração de apenas 3’20” minutos.

Outros referenciais para seu embasamento nesta construção:

http://www.casadaciencia.ufrj.br/cienciaparapoetas/Astronomia/Tuparetama/arqueoastronomia/arquivos/49.html Acesso em 11 de junho de 2018, adaptado por Alcione da Anunciação Caetano.

http://www.observatorio.ufmg.br/dicas13.htm Acesso em 11 de junho de 2018.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Terra e Universo do 5º ano :

MAIS AULAS DE Ciências do 5º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF05CI10 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Ciências

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano