13358
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Atividade - Retratos das famílias

POR: Vera Regina Corrêa de Mello 23/11/2018
Código: EDI1_19UND02

1º ano / Educação Infantil

Atividade alinhada à BNCC:

(EI01EF01) Reconhecer quando é chamado por seu nome e reconhecer os nomes de pessoas com quem convive.

(EI01EF06) Comunicar-se com outras pessoas usando movimentos, gestos, balbucios, fala e outras formas de expressão.

(EI01EO06) Interagir com outras crianças da mesma faixa etária e adultos, adaptando-se ao convívio social.

Plano de atividade de Educação Infantil com atividades para Bebês sobre descoberta e conhecimento de si ao reconhecimento de suas características e potencialidades

Resumo

ilustracao

Organize um painel de fotos para que as crianças possam reconhecer suas famílias e as dos colegas.

O que fazer antes?

Contextos prévios:

Para realizar a atividade será necessário pedir às famílias fotos 10x15: uma das crianças, uma dos paise/ ou responsáveis, uma dos irmãos e se houver mais familiares morando na mesma casa, enviar fotos deles também, escrevendo o nome de cada um, para que o professor possa saber e interagir com as crianças. As fotos deverão ser plastificadas com adesivo transparente ou com sacos plásticos fechados com fita adesiva, visando a durabilidade do material a ser explorado pelos bebês. Coloque velcro atrás das fotos antes de realizar a atividade. Monte previamente dois painéis: um com as fotos das crianças e outro das famílias. Na sala, providencie um local para a fixação dos dois painéisna altura das crianças, permitindo a autonomia de cada uma para acessar as fotos. Se possível, o painel pode estar perto de um espelho, assim, os bebês podem se reconhecer em ambos os materiais. Organize os painéis com antecedência cobrindo-os com feltro. Deve existir também espaço livre para que todas tenham acesso aos painéis.

Materiais:

0

Fotos enviadas pelas famílias, que serão plastificadas pelo professor. Feltro para forrar os painéis , fotos com velcro, para que possam ser colocadas e retiradas com facilidade. Se possível, espelho de parede. Máquina fotográfica ou celular para realizar o registro.

Espaços:

Organize dois espaços nas paredes da sala de referência dos bebês para a montagem de dois painéis na altura das crianças. Deve existir também espaço livre para que todas tenham acesso a eles.

Tempo sugerido:

De 40 a 50 minutos.

Perguntas para guiar suas observações:

1. As crianças demonstram curiosidade pelas fotos expostas e que possibilidades trazem?

2. Quais as primeiras reações demonstradas quando se deparam com as imagens? Interagem uns com os outros de que forma?

3. Como demonstram reconhecer quem está na foto? Como a atividade contribui para a construção da identidade?


Para incluir todos:

Identifique barreiras físicas, comunicacionais ou relacionais que podem impedir que uma criança ou o grupo participe e aprenda. Reflita e proponha apoios para atender às necessidades e às diferenças de cada criança ou do grupo. Perceba se o espaço está adequado para a atividade e se contempla movimentação individual ou do grupo. Garanta que todos os bebês possam acessar os painéis e se aproximar deles. Facilite a aproximação e descreva as imagens contidas nas fotos. Observe as diferentes formas de expressão de todas as crianças.

O que fazer durante?

1

Comece a atividade entrando na sala com pequenos grupos,observe como notam os painéis de feltro na parede e deixe-as livres para se expressarem. Nesta atividade é importante que na sala tenha mais de um adulto. Facilite a aproximação de todos e, se necessário, pegue bebês no colo, vá conversando e apontando para eles o espaço que será organizado com as fotos. Observe como reagem quando se deparam com as imagens, como interagem com o espaço e entre si.


2

Oportunize que possam interagir com os painéis e as fotos. Convideos bebês, levando-os a perceber as imagens das fotos. No painel com as fotos das famílias, convide-os para visualizá-las e vá nomeando as pessoas que estão nelas. Observe reações e manifestações. Convide as crianças para colocar as fotos nos painéis de feltro. Registre esses momentos e as expressões dos bebês.

Possíveis falas do professor neste momento: Olha só, quem está aqui nesta foto? Quem conhece a família do (falar o nome da criança)? Pegue a foto da sua família, mostre para os amigos.


3

Deixe que as crianças, cada uma em seu próprio tempo, percebam o que está exposto. Após a percepção da etapa anterior, encorajea interação das crianças com o material, mostrando que as fotos podem ser destacadas dos painéis e observe como isso ocorre. Veja se elas se reconhecem e reconhecem os amigos. Questione sobre cada foto individual e dos familiares: pergunte quem são, o que estão fazendo e valorize a ação de cada criança. Encoraje a participação dos bebês. Registre de que forma fazem isso.

Possíveis ações das crianças neste momento: Alguma criança poderá reconhecer a foto de algum colega e levá-la até ele. Outra poderá apontar para o colega representado na foto. Entre os bebês, poderá se iniciar um movimento de troca entre eles, no qual vão comparar a foto com o colega que está ao seu lado.


Possíveis falas do professor neste momento: Olha só o que tem aqui. Vejam, são fotos. Vocês sabem quem são essas pessoas? Quem sabe me dizer quem é?Possíveis ações das crianças neste momento: Algumas crianças irão se aproximar de imediato e irão explorar as fotos, usando o tato, e outras apenas apreciarão de longe. Outras poderão sorrir e demonstrar alegria ao vê-las, ou se expressar por meio de olhares, balbucios.

4

Converse com o pequenogrupo de bebês, fazendo perguntas e chamando a atenção para detalhes das fotos dos familiares, falando os nomes de cada um. Observe se eles tentam falar os nomes, quais sons que emitem e como expressam o reconhecimento de si e de seus pares.

inicio-prof>

Possíveis falas do professor neste momento: Quem quer falar ou me mostrar alguma foto? Quem está vendo o próprio papai? E a mamãe? Irmão(ã)? (outros familiares) O que eles estão fazendo? Estou gostando muito de conhecer toda sua família.


Para finalizar:

Pergunte onde está a sua foto ou a de outro alguém, citando o nome. Convide o bebê a tirá-la do painel. Garanta que todos possam expressar, à sua maneira, onde está a pessoa do nome citado. Finalize a atividade reorganizando os painéis com a turma.

Desdobramentos

Você pode usar as fotos para serem manuseadas pelas crianças, cada uma à sua própria maneira. Para isso, cole todas em papel grosso e plastifique-as. Esconda-as pela sala ou em suportes semelhantes a janelas ou caixas surpresa para que as crianças descubram os conteúdos e propicie a participação de todos. Outra alternativa pode ser montar os painéis próximos a espelhos e garantir que as crianças se reconheçam por meio de sua imagem refletida.

Engajando as famílias

Convide as famílias para visitar a sala e mostre os painéis e os registros realizados. Sugira que, em casa, deixem fotos expostas, para que as crianças possam observá-las e manuseá-las.


Este plano de atividade foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Vera Regina Corrêa de Mello

Mentor: Adriana Vidaletti

Especialista do subgrupo etário: Ana Teresa Gavião

Campos de Experiência: O eu, o nós e o outro; traços, sons, cores e formas; escuta, fala, pensamento e imaginação.

Objetivos e códigos da Base

Centrais:

(EI01EO06) Interagir com outras crianças da mesma faixa etária e adultos, adaptando-se ao convívio social.

(EI01EF01) Reconhecer quando é chamado por seu nome e reconhecer os nomes de pessoas com quem convive.

Transversal:

(EI01EF06) Comunicar-se com outras pessoas usando movimentos, gestos, balbucios, fala e outras formas de expressão.

Abordagem didática:

O tema da identidade na educação infantil pode ter sua gênese no trabalho com os bebês: da descoberta e conhecimento de si ao reconhecimento de suas características e potencialidades. As propostas que envolvem o nome próprio são fundamentais para nesse processo, tais como a chamada, as músicas de roda que envolvem os nomes, a identificação do local para colocar os pertences por meio da foto e nomes dos bebês.

Imersos em um novo ambiente, eles vão aprendendo a se reconhecer, a conhecer os amigos e as pessoas que o cercam, por meio dos nomes que identificam e legitimam cada um, com direitos, necessidades e vontades próprias.

Assim, as propostas com o nome próprio configuram ações de cidadania e respeito à singularidade de cada bebê.

Apoiador Técnico


Compartilhe este conteúdo:

facebook-color pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

ATIVIDADES DESSA UNIDADE:

ATIVIDADE 02

Retratos das famílias

VOCÊ ESTÁ AQUI

ATIVIDADES DESSA DISCIPLINA:

ATIVIDADES RELACIONADAS:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes