13078
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Ciências > 5º ano > Vida e Evolução

Plano de aula - No ritmo da respiração: investigação sobre mudanças em nossa frequência respiratória

Plano de aula de Ciências com atividades para 5o ano do EF sobre No ritmo da respiração: investigação sobre mudanças em nossa frequência respiratória

Plano 07 de 10 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Alexandre Tolentino de Carvalho

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Aqui inicia um conjunto de quatro aulas que versarão sobre o sistema respiratório. Conduza estas aulas tendo como foco o funcionamento sistêmico do corpo humano, no sentido de que os sistemas trabalham em conjunto para o funcionamento do organismo. Portanto, organize-se para desenvolver estas aulas após as aulas CIE05_05VE01 à CIE05_05VE06, que trabalham o sistema digestório. Organize-se também para desenvolver, posteriormente, as aulas da unidade CIE5_06VE, que trabalham o sistema circulatório. Assim, no fim destas aulas, os alunos poderão ter uma visão holística do funcionamento do metabolismo, compreendendo a integração destes sistemas para a produção de energia.

Materiais necessários para a aula: Lápis, borracha, bolinha de isopor número 30, garrafa de refrigerante de 250 mililitros, 10 centímetros de mangueira ou cano, fita adesiva, cronômetro.

Título da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientações: Leia o Título para os alunos e instigue-os a refletir sobre o tema da aula. No primeiro momento, deixe que expressem livremente suas primeiras impressões sobre aquilo que compreendem por ritmo, respiração e frequência respiratória.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientações: Este slide abre a discussão sobre o tema da aula. Neste momento, os alunos apresentarão as primeiras conjecturas em relação aos motivos que levam à oscilação da frequência respiratória. Peça para que pensem em outras situações em que o ritmo da respiração acelera e em outras em que este ritmo
se mantém mais vagaroso. Pergunte:

  • O que leva nossa respiração a acelerar em algumas situações e a diminuir em outras?

Não antecipe nenhuma informação científica a respeito. Peça para anotarem as hipóteses que levantaram a respeito e para guardarem a anotação para ser confirmada ou não no fim da aula.

Questão disparadora select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 1 minuto.

Orientações: Peça para lerem em voz alta a Questão disparadora. Como já levantaram hipóteses na etapa anterior, limite-se a dizer que todas as atividades serão realizadas para que, no fim da aula, os alunos tenham uma resposta para esta pergunta.

Mão na massa select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 28 minutos.

Orientações: Os alunos construirão um instrumento que objetiva contar a quantidade de movimentos respiratórios realizados em situações de repouso e em situações de atividades metabólicas intensas. Para tanto, divida-os em grupos de cinco alunos. Diga aos alunos que farão um instrumento para averiguar a quantidade de respirações realizadas em 1 minuto por algumas pessoas. Diga que isso ajudará a responder a pergunta sobre por que respiramos em ritmos diferentes a depender das atividades que estamos realizando. Perceba que são materiais baratos, alguns gratuitos, e de fácil acesso. Portanto, antes de realizar esta aula, separe materiais suficientes para que todos os grupos possam construir seu instrumento. Alguns destes materiais podem ser substituídos. Por exemplo, a garrafa de 250 ml pode ser substituída por outra de 600 ml. Já a mangueira pode ser substituída por um pedaço de cano.

Mão na massa select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Como a garrafa será cortada e perfurada em sua base, oriente os alunos a aguardar sua passagem pelos grupos dizendo que ninguém poderá cortá-la a não ser o professor. Alerte-os sobre o perigo de utilizar estiletes e tesouras neste tipo de atividade. No entanto, deixe que façam o restante das atividades presentes na orientação.

Mão na massa select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Para testar o funcionamento do aparelho, diga que precisam mantê-lo na horizontal para que a bolinha se desloque pelo movimento da respiração
e não pela ação da gravidade que pode puxar a bolinha para um lado ou para o outro conforme a garrafa esteja inclinada e não em posição retilínea. Oriente os alunos a discutir com o grupo informações a respeito do funcionamento do aparelho. O objetivo é que relacionem seu funcionamento aos movimentos de respiração. Assim, indiretamente, os alunos irão pensar sobre o processo respiratório ao refletir sobre por que a bolinha se movimenta de um lado para o outro. Portanto, deixe que discutam com o grupo tais questões, construindo hipóteses que permitirão concluir que o movimento de inspiração puxa a bolinha e o movimento de expiração a empurra em direção à boca da garrafa. Deixe que elaborem estratégias para contar as respirações e que pensem sobre um nome para o aparelho. Podem surgir estratégias como: cada vez que a bolinha mexer, será contada uma respiração, cada vez que a bolinha bater na boca da garrafa será contada uma respiração etc. Perceba que a estratégia dependerá da compreensão que possuem sobre a respiração. Portanto, podem aparecer diferenças grandes entre as quantidades de respirações contadas na atividade proposta no próximo slide, uma vez que a estratégia vai depender de considerarem a respiração como um processo composto por dois movimentos (inspiração e expiração) ou se consideram cada movimento como um processo de respiração. Deixe que construam suas estratégias livremente e levante este fato no momento do compartilhamento das descobertas. No momento da escolha do nome do aparelho, diga que precisam escolher um nome que represente a funcionalidade do aparelho: contar respirações.

Mão na massa select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Antes de ser escolhidos os alunos para participar do experimento, certifique-se de que nenhum deles tenha alguma restrição médica que possa comprometer sua saúde ao realizar atividades físicas. Leve os alunos para um espaço onde possam realizar a atividade (quadra, pátio etc.) sem comprometer a integridade física deles ou de outros alunos. Assim, não permita que corram em corredores ou em locais onde possam trombar em outras pessoas. Oriente-os
a organizar o experimento de modo que possam realizar as atividades e fazer as anotações necessárias na tabela. Entregue a tabela (acesse-a nos materiais complementares deste plano) e peça para que dividam a equipe de modo que dois colegas auxiliem os experimentos e um anote os dados observados.

Na primeira questão da tabela, os alunos precisam compreender que tanto o voluntário 1, que se encontra em repouso, quanto o voluntário 2, que acabou de correr, precisam produzir energia para que o corpo se mantenha vivo. No entanto, enquanto mais intensa a atividade realizada, mais energia precisa ser produzida. Por isso, em situações de atividade física, as pessoas precisam respirar mais rapidamente para levar oxigênio para as células produzirem energia.
A segunda questão da tabela ajudará os alunos a perceber que um dos alunos realizou mais respirações em 1 minuto e, assim, respirou mais rapidamente que o outro no tempo marcado. Portanto, a segunda questão ajudará a responder a terceira questão. A quarta questão permitirá que expliquem o processo utilizado para contar as respirações. A quinta questão permitirá que concluam que, enquanto mais intensa a atividade física, mais energia é necessária e, portanto, mais oxigênio é preciso ser enviado para que o corpo produza e reponha a energia gasta na atividade. E a última questão irá propiciar momentos de criatividade do grupo.

O professor pode se aprofundar no tema acessando os seguintes links:

https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/enfermagem/frequencia-respiratoria-(fr)/32335

https://www.medicinamitoseverdades.com.br/blog/tipos-e-frequencias-da-respiracao

Materiais necessários: Instrumento construído, lápis, borracha, cronômetro, tabela para anotações.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Com as informações contidas nas tabelas, os alunos devem discutir a respeito das questões levantadas. Este é o momento de expor a questão a respeito das diferenças da quantidade de respirações observadas. Os alunos precisam concluir que o processo de respiração é formado pelos dois movimentos, portanto, cada respiração deve englobar um movimento de inspiração e um movimento de expiração. Assim, ao discutir sobre as diferenças de quantidades de respirações observadas, aqueles grupos que contaram tanto a inspiração quanto a expiração precisam compreender que fizeram a contagem em dobro.
Pergunte a eles:

  • Se fizemos a contagem em dobro, o que é preciso fazer para que a nossa contagem se aproxime da contagem dos demais grupos?

Os alunos precisam concluir que é preciso dividir aquela quantidade por 2. Os grupos precisam compreender que aquele que apresentou mais respirações em
1 minuto respirou mais rapidamente que o outro que apresentou menos respirações em 1 minuto. Enfatize a questão a respeito dos motivos que levam o ritmo de nossa respiração oscilar conforme estejamos em repouso ou em atividades físicas. Explore a tabela perguntando a respeito daquilo que precisamos para a realização da atividade corporal. Os alunos precisam concluir que, quanto mais intensa a atividade física, mais energia o corpo demanda e que a respiração irá ajudar na produção dessa energia a ser gasta na atividade. Esclareça também que respiração é um termo coloquial. O que fazemos é a troca de gases; na inspiração o ar entra e nossos pulmões e o oxigênio entra no sangue sendo que na expiração o sangue libera gás carbônico para o ar contido nos pulmões e ele sai para o ambiente.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Para sistematizar as aprendizagens, construa um texto coletivo com a ajuda de toda a turma para que possam registrar os conhecimentos produzidos.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Aqui inicia um conjunto de quatro aulas que versarão sobre o sistema respiratório. Conduza estas aulas tendo como foco o funcionamento sistêmico do corpo humano, no sentido de que os sistemas trabalham em conjunto para o funcionamento do organismo. Portanto, organize-se para desenvolver estas aulas após as aulas CIE05_05VE01 à CIE05_05VE06, que trabalham o sistema digestório. Organize-se também para desenvolver, posteriormente, as aulas da unidade CIE5_06VE, que trabalham o sistema circulatório. Assim, no fim destas aulas, os alunos poderão ter uma visão holística do funcionamento do metabolismo, compreendendo a integração destes sistemas para a produção de energia.

Materiais necessários para a aula: Lápis, borracha, bolinha de isopor número 30, garrafa de refrigerante de 250 mililitros, 10 centímetros de mangueira ou cano, fita adesiva, cronômetro.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientações: Leia o Título para os alunos e instigue-os a refletir sobre o tema da aula. No primeiro momento, deixe que expressem livremente suas primeiras impressões sobre aquilo que compreendem por ritmo, respiração e frequência respiratória.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientações: Este slide abre a discussão sobre o tema da aula. Neste momento, os alunos apresentarão as primeiras conjecturas em relação aos motivos que levam à oscilação da frequência respiratória. Peça para que pensem em outras situações em que o ritmo da respiração acelera e em outras em que este ritmo
se mantém mais vagaroso. Pergunte:

  • O que leva nossa respiração a acelerar em algumas situações e a diminuir em outras?

Não antecipe nenhuma informação científica a respeito. Peça para anotarem as hipóteses que levantaram a respeito e para guardarem a anotação para ser confirmada ou não no fim da aula.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 1 minuto.

Orientações: Peça para lerem em voz alta a Questão disparadora. Como já levantaram hipóteses na etapa anterior, limite-se a dizer que todas as atividades serão realizadas para que, no fim da aula, os alunos tenham uma resposta para esta pergunta.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 28 minutos.

Orientações: Os alunos construirão um instrumento que objetiva contar a quantidade de movimentos respiratórios realizados em situações de repouso e em situações de atividades metabólicas intensas. Para tanto, divida-os em grupos de cinco alunos. Diga aos alunos que farão um instrumento para averiguar a quantidade de respirações realizadas em 1 minuto por algumas pessoas. Diga que isso ajudará a responder a pergunta sobre por que respiramos em ritmos diferentes a depender das atividades que estamos realizando. Perceba que são materiais baratos, alguns gratuitos, e de fácil acesso. Portanto, antes de realizar esta aula, separe materiais suficientes para que todos os grupos possam construir seu instrumento. Alguns destes materiais podem ser substituídos. Por exemplo, a garrafa de 250 ml pode ser substituída por outra de 600 ml. Já a mangueira pode ser substituída por um pedaço de cano.

Slide Plano Aula

Orientações: Como a garrafa será cortada e perfurada em sua base, oriente os alunos a aguardar sua passagem pelos grupos dizendo que ninguém poderá cortá-la a não ser o professor. Alerte-os sobre o perigo de utilizar estiletes e tesouras neste tipo de atividade. No entanto, deixe que façam o restante das atividades presentes na orientação.

Slide Plano Aula

Orientações: Para testar o funcionamento do aparelho, diga que precisam mantê-lo na horizontal para que a bolinha se desloque pelo movimento da respiração
e não pela ação da gravidade que pode puxar a bolinha para um lado ou para o outro conforme a garrafa esteja inclinada e não em posição retilínea. Oriente os alunos a discutir com o grupo informações a respeito do funcionamento do aparelho. O objetivo é que relacionem seu funcionamento aos movimentos de respiração. Assim, indiretamente, os alunos irão pensar sobre o processo respiratório ao refletir sobre por que a bolinha se movimenta de um lado para o outro. Portanto, deixe que discutam com o grupo tais questões, construindo hipóteses que permitirão concluir que o movimento de inspiração puxa a bolinha e o movimento de expiração a empurra em direção à boca da garrafa. Deixe que elaborem estratégias para contar as respirações e que pensem sobre um nome para o aparelho. Podem surgir estratégias como: cada vez que a bolinha mexer, será contada uma respiração, cada vez que a bolinha bater na boca da garrafa será contada uma respiração etc. Perceba que a estratégia dependerá da compreensão que possuem sobre a respiração. Portanto, podem aparecer diferenças grandes entre as quantidades de respirações contadas na atividade proposta no próximo slide, uma vez que a estratégia vai depender de considerarem a respiração como um processo composto por dois movimentos (inspiração e expiração) ou se consideram cada movimento como um processo de respiração. Deixe que construam suas estratégias livremente e levante este fato no momento do compartilhamento das descobertas. No momento da escolha do nome do aparelho, diga que precisam escolher um nome que represente a funcionalidade do aparelho: contar respirações.

Slide Plano Aula

Orientações: Antes de ser escolhidos os alunos para participar do experimento, certifique-se de que nenhum deles tenha alguma restrição médica que possa comprometer sua saúde ao realizar atividades físicas. Leve os alunos para um espaço onde possam realizar a atividade (quadra, pátio etc.) sem comprometer a integridade física deles ou de outros alunos. Assim, não permita que corram em corredores ou em locais onde possam trombar em outras pessoas. Oriente-os
a organizar o experimento de modo que possam realizar as atividades e fazer as anotações necessárias na tabela. Entregue a tabela (acesse-a nos materiais complementares deste plano) e peça para que dividam a equipe de modo que dois colegas auxiliem os experimentos e um anote os dados observados.

Na primeira questão da tabela, os alunos precisam compreender que tanto o voluntário 1, que se encontra em repouso, quanto o voluntário 2, que acabou de correr, precisam produzir energia para que o corpo se mantenha vivo. No entanto, enquanto mais intensa a atividade realizada, mais energia precisa ser produzida. Por isso, em situações de atividade física, as pessoas precisam respirar mais rapidamente para levar oxigênio para as células produzirem energia.
A segunda questão da tabela ajudará os alunos a perceber que um dos alunos realizou mais respirações em 1 minuto e, assim, respirou mais rapidamente que o outro no tempo marcado. Portanto, a segunda questão ajudará a responder a terceira questão. A quarta questão permitirá que expliquem o processo utilizado para contar as respirações. A quinta questão permitirá que concluam que, enquanto mais intensa a atividade física, mais energia é necessária e, portanto, mais oxigênio é preciso ser enviado para que o corpo produza e reponha a energia gasta na atividade. E a última questão irá propiciar momentos de criatividade do grupo.

O professor pode se aprofundar no tema acessando os seguintes links:

https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/enfermagem/frequencia-respiratoria-(fr)/32335

https://www.medicinamitoseverdades.com.br/blog/tipos-e-frequencias-da-respiracao

Materiais necessários: Instrumento construído, lápis, borracha, cronômetro, tabela para anotações.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Com as informações contidas nas tabelas, os alunos devem discutir a respeito das questões levantadas. Este é o momento de expor a questão a respeito das diferenças da quantidade de respirações observadas. Os alunos precisam concluir que o processo de respiração é formado pelos dois movimentos, portanto, cada respiração deve englobar um movimento de inspiração e um movimento de expiração. Assim, ao discutir sobre as diferenças de quantidades de respirações observadas, aqueles grupos que contaram tanto a inspiração quanto a expiração precisam compreender que fizeram a contagem em dobro.
Pergunte a eles:

  • Se fizemos a contagem em dobro, o que é preciso fazer para que a nossa contagem se aproxime da contagem dos demais grupos?

Os alunos precisam concluir que é preciso dividir aquela quantidade por 2. Os grupos precisam compreender que aquele que apresentou mais respirações em
1 minuto respirou mais rapidamente que o outro que apresentou menos respirações em 1 minuto. Enfatize a questão a respeito dos motivos que levam o ritmo de nossa respiração oscilar conforme estejamos em repouso ou em atividades físicas. Explore a tabela perguntando a respeito daquilo que precisamos para a realização da atividade corporal. Os alunos precisam concluir que, quanto mais intensa a atividade física, mais energia o corpo demanda e que a respiração irá ajudar na produção dessa energia a ser gasta na atividade. Esclareça também que respiração é um termo coloquial. O que fazemos é a troca de gases; na inspiração o ar entra e nossos pulmões e o oxigênio entra no sangue sendo que na expiração o sangue libera gás carbônico para o ar contido nos pulmões e ele sai para o ambiente.

Slide Plano Aula

Orientações: Para sistematizar as aprendizagens, construa um texto coletivo com a ajuda de toda a turma para que possam registrar os conhecimentos produzidos.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Vida e Evolução do 5º ano :

MAIS AULAS DE Ciências do 5º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF05CI06 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Ciências

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano