12959
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Plano de aula - Como escrever um conto

POR: Fernanda Carla Correia Franco da Encarnação 26/10/2018
Código: ING8_08UND04

8º ano / Inglês

Plano de aula alinhado à BNCC:

(EF08LI11) Produzir textos (comentários em fóruns, relatos pessoais, mensagens instantâneas, tweets, reportagens, histórias de ficção, blogues, entre outros), com o uso de estratégias de escrita (planejamento, produção de rascunho, revisão e edição final), apontando sonhos e projetos para o futuro (pessoal, da família, da comunidade ou do planeta).

Plano de aula de Inglês com atividades para 8o ano do EF sobre Como escrever um conto

 

Sobre este plano select-down

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Este plano é a segunda parte de uma sequência de dois planos. O primeiro é a aula de nome ESCRITA - uso de expressões idiomáticas na produção de um diálogo. No entanto este plano também pode ser utilizado individualmente, sem ter um diálogo como base para a escrita do conto.

Preparação para a aula: Imprima antecipadamente a Atividade para impressão - The Disciple by Oscar Wilde- ING08_08UM04 , uma cópia para cada grupo de 3 alunos, e a Atividade para impressão - Elements of the plot , uma cópia por aluno.

Objective select-down

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Mostre ou leia para a turma o objetivo desta aula. Explique que a aula será focada na leitura de um conto, e na identificação e compreensão dos elementos que compõem um conto. Caso tenha usado a aula anterior, ESCRITA - uso de expressões idiomáticas na produção de um diálogo, avise que também usaremos o diálogo criado na aula.

Context select-down

Tempo sugerido: 8 min

Orientações: Mostre o slide (ou distribua cópias impressas para os alunos) e pergunte.

  • What is a short story? (Ss: a story that is short, a story that is not long as in a book or novel) (Conte a eles que: Officially, a short story is a story with no more than 10.000 words.)

Pergunte

  • Do you like short stories? Why? Why not?
  • Do you have a favourite short story? Which one? Why do you like it?

Aponte para o quadro e peça aos alunos que leiam as citações. Dê um tempo para que leiam e vejam o que entendem. Deixe que comentem livremente. Depois leia a primeira citação em voz alta (ou peça para um aluno ler), esclareça qualquer dúvida e pergunte se eles concordam com a citação. Repita o procedimento com cada citação.

  • Do you agree with this quote? Why?

Caso os alunos fiquem preocupados porque não entenderam todas as palavras que estão no quadro, explique que é possível inferir o sentido mesmo sem entender todas as palavras. Por exemplo, na primeira citação eles provavelmente não vão entender ultimate close-up nem trick, mas ainda assim conseguirão entender a frase A short story is magic.

Context select-down

Propósito: Apresentar o mito de Narciso, no qual o conto a ser trabalhado foi inspirado.

Expectativa: Que os alunos entendam o contexto do mito de Narciso. Alguns alunos provavelmente já conhecem esse mito. Não é esperado que entendam todas as palavras que estão no quadro, basta que entendam a ideia geral da história de Narciso: um homem que vê seu reflexo na água, se apaixona pelo reflexo, tenta pegá-lo, cai no rio e morre afogado. (Texto adaptado de https://en.wikipedia.org/wiki/Narcissus_(mythology) )

Orientações: Mostre o slide ou distribua cópias impressas para os alunos. Pergunte se eles conhecem a história de Narciso. Caso algum aluno conheça, peça que ele ou ela conte a história, ou então, dê um tempo para que leiam e vejam o que entendem. Deixe que comentem livremente.

  • Do you know the story of Narcissus? (Ss: a man sees his image in the water and falls in love with it. He tries to take his image, falls into the water and dies.)

Explique que esse foi o contexto que o escritor irlandês, Oscar Wilde, usou para criar seu conto. Ele conta a história através do ponto de vista do lago.

  • With this story in mind, an Irish writer called Oscar Wilde decided to create a short story. He uses the point of view of the lake to tell the story. The name of the story is The Disciple.

Input select-down

Tempo sugerido: 10 min

Propósito: Apresentar um exemplo de conto e as partes que o compõe.

Expectativa: Que os alunos percebam a ordem correta dos parágrafos. Eles não precisam entender todas as palavras do texto mas devem conseguir entender a ideia geral de cada parágrafo. (Texto retirado de https://americanliterature.com/author/oscar-wilde/poem/the-disciple )

Orientações: Mostre o slide aos alunos. Explique que este é o conto mas que seus parágrafos não estão na ordem correta, apenas o primeiro parágrafo está certo. Entregue uma cópia da Atividade para impressão - The Disciple by Oscar Wilde (já cortado nas linhas pontilhadas e com os parágrafos em ordem aleatória) para cada grupo de três alunos, para que coloquem na ordem correta. A página contém um glossário que também deve ser entregue aos alunos. Dê 2 ou 3min para que realizem a atividade.

Input select-down

Propósito: Apresentar os elementos que compõem um conto.

Expectativa: Que os alunos percebam a função de cada elemento e a ordem na qual devem aparecer.

Orientações: Mostre o slide aos alunos e siga lendo em voz alta a explicação dos elementos (ou selecione 7 alunos para ler, um para cada elemento). Se você tiver uma turma forte, você pode ir explicando e perguntando aos alunos um exemplo para cada elemento de acordo com o conto trabalhado e ao final da explicação entregar a Atividade para impressão - Elements of the Plot, uma cópia para cada aluno. Se a turma não for muito forte você pode entregar logo a ficha, ler junto com os alunos e esclarecer qualquer dúvida que possa aparecer. Você também pode fazer perguntas de compreensão como por exemplo: What’s a woodland? What’s a pool? etc.

  • What’s the setting in our story? (Paragraph 1: Time - after the death of Narcissus. Place – the woodland.) What’s a woodland? (Ss: it’s a forest.)
  • Who are the characters? (Paragraph 1: the pool, the Oreads and Narcissus.) What’s a pool? (Ss: It’s a lake.)
  • What’s the background information? (e.g. Paragraph 1: Narcissus had died, and the river went from sweet water to salty tears, and the Oreads are going to visit the pool.) Why did the pool go from sweet water to salty tears? (Ss: because it was sad.) Why was the pool sad? (Ss: because Narcissus’ had died.)
  • What’s the rising action? (Paragraph 2: the Oreads asks if Narcissus was beautiful.) What’s an Oread? (Ss: It’s a nymph.)
  • What’s the climax? (Paragraph 3: the pool expresses it doesn’t know if Narcissus was beautiful.)
  • What’s the falling action? (Paragraph 3: The Oreads asks: how is it possible that the River doesn’t know the beauty of Narcissus if he had looked at the pool.)
  • How is the situation resolved? (Paragraph 4: the pool explains it has never looked at Narcissus face, but only at its own reflection in Narcissus’ eyes.) Why did the pool look only at its own reflection in Narcissus’ eyes? (Ss: The pool was also in love with its own reflection)

Material extra: Você pode imprimir a Atividade para impressão - The patient cat , uma cópia para cada aluno, onde os alunos vão tentar identificar os elementos em uma história diferente. (Texto retirado de https://americanliterature.com/author/laura-e-richards/short-story/the-patient-cat ) As respostas estão em Resolução da Atividade - The Patient Cat by Laura E. Richards. Se desejar, você pode escolher um outro conto e aplicar a mesma tarefa. Neste link https://americanliterature.com/short-short-stories há mais de 70 sugestões de contos curtos, que podem ser trabalhados da mesma forma.

O video Teaching: plot through Disney and Pixar movies (https://www.youtube.com/watch?v=8yzY6buMflo) também é uma boa opção de material extra, pois explica o assunto de forma contextualizada e simples, com mais de um exemplo para cada elemento. Porém, recomendo que verifique se a maioria dos alunos conhecem os filmes antes de apresentar o vídeo, do contrário, pode não fazer muito sentido.

Output select-down

Tempo sugerido: 25 min

Propósito: Pensar e criar elementos para compor o conto que os alunos irão escrever.

Expectativa: Que os alunos consigam expressar suas ideias em inglês.

Orientações: Proponha aos alunos que, em duplas, escrevam uma ideia para cada elemento. Eles devem utilizar as perguntas no slide para ajudar a guiá-los. O tema é o mesmo da aula passada, What are you going to do at the weekend? Posteriormente os alunos vão utilizar os diálogos que construíram na aula passada para expandir suas idéias e encaixar o diálogo, ou parte dele, no conto. Caso você esteja utilizando esta aula individualmente, e não em conjunto com a aula anterior, você pode seguir com o mesmo procedimento. A diferença é que os alunos não terão algo para se basear. Eles terão que criar suas ideias aqui.

Recomende aos alunos que escrevam ideias curtas e resumidas, apenas para guiá-los na hora de criar o conto. Não gaste muito tempo nessa etapa, 7 minutos no máximo. Os alunos devem deixar a imaginação fluir e escrever a primeira coisa que lhes vem à mente, não devem racionalizar nem se questionar excessivamente nesse momento, isso será feito na etapa seguinte. Por exemplo, se tomarmos o diálogo dado como exemplo na aula passada, podemos colocar as seguintes ideias:

Diálogo da aula passada:

Megan: Hey Kate, what are your plans for the weekend?

Kate: I’m going to study for the Maths test, but I don’t know which units to study. Do you know?

Megan:Your guess is as good as mine.

Kate: If I get 10 on this test I’ll be on cloud nine.

Megan: Me too, but the truth is that Maths is not a piece of cake.

Ideias tiradas a partir do diálogo:

1. Exposition

Setting : school, library

Characters: Megan, Kate and a strange man.

Background information: Kate is poor and needs a scholarship, she decides to study a lot to get great marks.

2. Rising Action: she goes to the library to study.

3. Climax: she hears a noise and sees a man passing.

4. Falling Action: she goes to check out what’s happening.

5. Resolution: the man is the new employee of the library.

Agora que os alunos já têm suas ideais centrais eles podem expandi-las e criar parágrafos. Nesse momento, eles devem racionalizar as ideias colocadas. Por exemplo, com algumas informações da Exposition os alunos podem criar o primeiro parágrafo e conectá-lo com o diálogo:

(1. Exposition: Setting : school; Characters: Megan and Kate; Background information: Kate is poor and needs a scholarship, she decides to study a lot to get great marks.

Parágrafo 1

Kate is in the classroom thinking about the problems at home. Her father has lost his job and her mother drinks a lot. She has no money for university. She needs good marks to get a scholarship. Her friend Megan arrives and talks to her. ‘Hey Kate, what are your plans for the weekend?’

I’m going to study for the Maths test, but I don’t know which units to study. Do you know?’ says Kate.

Your guess is as good as mine.’ answers Megan

If I get 10 on this test I’ll be on cloud nine. says Kate with a smile on her face.

Me too, but the truth is that Maths is not a piece of cake. Says Megan in a sad way.

Parágrafo 2: 2. Rising Action, 3. Climax e 4. Falling Action. Explique aos alunos que estes três elementos não precisam estar no mesmo parágrafo, como é o caso do exemplo abaixo. Estes elementos podem vir em dois ou três parágrafos. Como dito este é apenas um exemplo para ajudar a guiar os alunos.

On Saturday, Kate goes to the library. It’s empty, but it’s ok, she likes the silence to study. After one hour studying she hears a noise. She looks at the door and she sees a man passing. The man is tall and strong, he’s wearing black and has a lot of tattoos. Kate gets up and goes check out what’s happening. She enters a dark room, but nobody is there. Suddenly the man appears behind Kate and aks, ‘Who are you?’

Kate turns around and looks at the man. She thinks, ‘This man will either rob me or kill me.’ She is very scared, but she answers, ‘My name is Kate’.

‘What are doing here on a Saturday?’ says the man.

‘I’m studying.’ Kate answers. She’s very nervous and starts crying, ‘Please don’t kill me!’

‘Kill you?’ says the man with a smile on his face. ‘I’m not going to kill you. I work here. My name is Mike. Nice to meet you.’

No exemplo acima coloquei o 5. Resolution dentro de um novo diálogo que se iniciou no fim do parágrafo 2. Explique aos alunos que a resolução não precisa ser feita em forma de diálogo, eles podem terminar com uma narrativa se assim desejarem.

Este exemplo também pode ser utilizado para mostrar aos alunos que a história e as frases não precisam ser complicadas. É possível escrever uma história utilizando frases simples.

Em ambas as etapas, caminhe pela sala verificando se os alunos estão conseguindo realizar as tarefas e oferecendo ajuda quando necessário. Não é preciso esperar que todos terminem a primeira etapa (criação de ideias) para começar a segunda etapa (escrita do conto). À medida que os pares forem terminando, você já pode lhes dar a orientação para a segunda etapa.

Se os alunos conseguirem terminar em sala, você pode pedir que eles apresentem.

Se os alunos não conseguirem terminar em sala, solicite que terminem em casa e apresentem na próxima aula.

Você também pode imprimir estes contos e encaderná-los ou grampeá-los no formato revista, criando assim uma revista ou livro. Peça aos alunos que deem sugestões de nomes para a revista/livro e faça uma votação.

Você também pode organizar um evento de contação de histórias onde os alunos podem apresentar os contos para toda a escola.

Feedback select-down

Tempo sugerido: 5 min

Propósito: Organizar os saberes ativados durante esta aula.

Expectativa: Que os alunos lembrem das principais informações passadas na aula, e que percebam que escrever um conto não é difícil, e não precisa de frases ou palavras complicadas.

Orientações: Termine a aula com uma retomada do que os alunos aprenderam. Coloque somente a pergunta inicial no projetor, ou no quadro, e deixe que os alunos falem livremente, você pode anotar suas respostas no quadro. Ou mostre o slide e vá fazendo as perguntas do quadro para que os alunos respondam.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Este plano é a segunda parte de uma sequência de dois planos. O primeiro é a aula de nome ESCRITA - uso de expressões idiomáticas na produção de um diálogo. No entanto este plano também pode ser utilizado individualmente, sem ter um diálogo como base para a escrita do conto.

Preparação para a aula: Imprima antecipadamente a Atividade para impressão - The Disciple by Oscar Wilde- ING08_08UM04 , uma cópia para cada grupo de 3 alunos, e a Atividade para impressão - Elements of the plot , uma cópia por aluno.

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Mostre ou leia para a turma o objetivo desta aula. Explique que a aula será focada na leitura de um conto, e na identificação e compreensão dos elementos que compõem um conto. Caso tenha usado a aula anterior, ESCRITA - uso de expressões idiomáticas na produção de um diálogo, avise que também usaremos o diálogo criado na aula.

Tempo sugerido: 8 min

Orientações: Mostre o slide (ou distribua cópias impressas para os alunos) e pergunte.

  • What is a short story? (Ss: a story that is short, a story that is not long as in a book or novel) (Conte a eles que: Officially, a short story is a story with no more than 10.000 words.)

Pergunte

  • Do you like short stories? Why? Why not?
  • Do you have a favourite short story? Which one? Why do you like it?

Aponte para o quadro e peça aos alunos que leiam as citações. Dê um tempo para que leiam e vejam o que entendem. Deixe que comentem livremente. Depois leia a primeira citação em voz alta (ou peça para um aluno ler), esclareça qualquer dúvida e pergunte se eles concordam com a citação. Repita o procedimento com cada citação.

  • Do you agree with this quote? Why?

Caso os alunos fiquem preocupados porque não entenderam todas as palavras que estão no quadro, explique que é possível inferir o sentido mesmo sem entender todas as palavras. Por exemplo, na primeira citação eles provavelmente não vão entender ultimate close-up nem trick, mas ainda assim conseguirão entender a frase A short story is magic.

Propósito: Apresentar o mito de Narciso, no qual o conto a ser trabalhado foi inspirado.

Expectativa: Que os alunos entendam o contexto do mito de Narciso. Alguns alunos provavelmente já conhecem esse mito. Não é esperado que entendam todas as palavras que estão no quadro, basta que entendam a ideia geral da história de Narciso: um homem que vê seu reflexo na água, se apaixona pelo reflexo, tenta pegá-lo, cai no rio e morre afogado. (Texto adaptado de https://en.wikipedia.org/wiki/Narcissus_(mythology) )

Orientações: Mostre o slide ou distribua cópias impressas para os alunos. Pergunte se eles conhecem a história de Narciso. Caso algum aluno conheça, peça que ele ou ela conte a história, ou então, dê um tempo para que leiam e vejam o que entendem. Deixe que comentem livremente.

  • Do you know the story of Narcissus? (Ss: a man sees his image in the water and falls in love with it. He tries to take his image, falls into the water and dies.)

Explique que esse foi o contexto que o escritor irlandês, Oscar Wilde, usou para criar seu conto. Ele conta a história através do ponto de vista do lago.

  • With this story in mind, an Irish writer called Oscar Wilde decided to create a short story. He uses the point of view of the lake to tell the story. The name of the story is The Disciple.

Tempo sugerido: 10 min

Propósito: Apresentar um exemplo de conto e as partes que o compõe.

Expectativa: Que os alunos percebam a ordem correta dos parágrafos. Eles não precisam entender todas as palavras do texto mas devem conseguir entender a ideia geral de cada parágrafo. (Texto retirado de https://americanliterature.com/author/oscar-wilde/poem/the-disciple )

Orientações: Mostre o slide aos alunos. Explique que este é o conto mas que seus parágrafos não estão na ordem correta, apenas o primeiro parágrafo está certo. Entregue uma cópia da Atividade para impressão - The Disciple by Oscar Wilde (já cortado nas linhas pontilhadas e com os parágrafos em ordem aleatória) para cada grupo de três alunos, para que coloquem na ordem correta. A página contém um glossário que também deve ser entregue aos alunos. Dê 2 ou 3min para que realizem a atividade.

Propósito: Apresentar os elementos que compõem um conto.

Expectativa: Que os alunos percebam a função de cada elemento e a ordem na qual devem aparecer.

Orientações: Mostre o slide aos alunos e siga lendo em voz alta a explicação dos elementos (ou selecione 7 alunos para ler, um para cada elemento). Se você tiver uma turma forte, você pode ir explicando e perguntando aos alunos um exemplo para cada elemento de acordo com o conto trabalhado e ao final da explicação entregar a Atividade para impressão - Elements of the Plot, uma cópia para cada aluno. Se a turma não for muito forte você pode entregar logo a ficha, ler junto com os alunos e esclarecer qualquer dúvida que possa aparecer. Você também pode fazer perguntas de compreensão como por exemplo: What’s a woodland? What’s a pool? etc.

  • What’s the setting in our story? (Paragraph 1: Time - after the death of Narcissus. Place – the woodland.) What’s a woodland? (Ss: it’s a forest.)
  • Who are the characters? (Paragraph 1: the pool, the Oreads and Narcissus.) What’s a pool? (Ss: It’s a lake.)
  • What’s the background information? (e.g. Paragraph 1: Narcissus had died, and the river went from sweet water to salty tears, and the Oreads are going to visit the pool.) Why did the pool go from sweet water to salty tears? (Ss: because it was sad.) Why was the pool sad? (Ss: because Narcissus’ had died.)
  • What’s the rising action? (Paragraph 2: the Oreads asks if Narcissus was beautiful.) What’s an Oread? (Ss: It’s a nymph.)
  • What’s the climax? (Paragraph 3: the pool expresses it doesn’t know if Narcissus was beautiful.)
  • What’s the falling action? (Paragraph 3: The Oreads asks: how is it possible that the River doesn’t know the beauty of Narcissus if he had looked at the pool.)
  • How is the situation resolved? (Paragraph 4: the pool explains it has never looked at Narcissus face, but only at its own reflection in Narcissus’ eyes.) Why did the pool look only at its own reflection in Narcissus’ eyes? (Ss: The pool was also in love with its own reflection)

Material extra: Você pode imprimir a Atividade para impressão - The patient cat , uma cópia para cada aluno, onde os alunos vão tentar identificar os elementos em uma história diferente. (Texto retirado de https://americanliterature.com/author/laura-e-richards/short-story/the-patient-cat ) As respostas estão em Resolução da Atividade - The Patient Cat by Laura E. Richards. Se desejar, você pode escolher um outro conto e aplicar a mesma tarefa. Neste link https://americanliterature.com/short-short-stories há mais de 70 sugestões de contos curtos, que podem ser trabalhados da mesma forma.

O video Teaching: plot through Disney and Pixar movies (https://www.youtube.com/watch?v=8yzY6buMflo) também é uma boa opção de material extra, pois explica o assunto de forma contextualizada e simples, com mais de um exemplo para cada elemento. Porém, recomendo que verifique se a maioria dos alunos conhecem os filmes antes de apresentar o vídeo, do contrário, pode não fazer muito sentido.

Tempo sugerido: 25 min

Propósito: Pensar e criar elementos para compor o conto que os alunos irão escrever.

Expectativa: Que os alunos consigam expressar suas ideias em inglês.

Orientações: Proponha aos alunos que, em duplas, escrevam uma ideia para cada elemento. Eles devem utilizar as perguntas no slide para ajudar a guiá-los. O tema é o mesmo da aula passada, What are you going to do at the weekend? Posteriormente os alunos vão utilizar os diálogos que construíram na aula passada para expandir suas idéias e encaixar o diálogo, ou parte dele, no conto. Caso você esteja utilizando esta aula individualmente, e não em conjunto com a aula anterior, você pode seguir com o mesmo procedimento. A diferença é que os alunos não terão algo para se basear. Eles terão que criar suas ideias aqui.

Recomende aos alunos que escrevam ideias curtas e resumidas, apenas para guiá-los na hora de criar o conto. Não gaste muito tempo nessa etapa, 7 minutos no máximo. Os alunos devem deixar a imaginação fluir e escrever a primeira coisa que lhes vem à mente, não devem racionalizar nem se questionar excessivamente nesse momento, isso será feito na etapa seguinte. Por exemplo, se tomarmos o diálogo dado como exemplo na aula passada, podemos colocar as seguintes ideias:

Diálogo da aula passada:

Megan: Hey Kate, what are your plans for the weekend?

Kate: I’m going to study for the Maths test, but I don’t know which units to study. Do you know?

Megan:Your guess is as good as mine.

Kate: If I get 10 on this test I’ll be on cloud nine.

Megan: Me too, but the truth is that Maths is not a piece of cake.

Ideias tiradas a partir do diálogo:

1. Exposition

Setting : school, library

Characters: Megan, Kate and a strange man.

Background information: Kate is poor and needs a scholarship, she decides to study a lot to get great marks.

2. Rising Action: she goes to the library to study.

3. Climax: she hears a noise and sees a man passing.

4. Falling Action: she goes to check out what’s happening.

5. Resolution: the man is the new employee of the library.

Agora que os alunos já têm suas ideais centrais eles podem expandi-las e criar parágrafos. Nesse momento, eles devem racionalizar as ideias colocadas. Por exemplo, com algumas informações da Exposition os alunos podem criar o primeiro parágrafo e conectá-lo com o diálogo:

(1. Exposition: Setting : school; Characters: Megan and Kate; Background information: Kate is poor and needs a scholarship, she decides to study a lot to get great marks.

Parágrafo 1

Kate is in the classroom thinking about the problems at home. Her father has lost his job and her mother drinks a lot. She has no money for university. She needs good marks to get a scholarship. Her friend Megan arrives and talks to her. ‘Hey Kate, what are your plans for the weekend?’

I’m going to study for the Maths test, but I don’t know which units to study. Do you know?’ says Kate.

Your guess is as good as mine.’ answers Megan

If I get 10 on this test I’ll be on cloud nine. says Kate with a smile on her face.

Me too, but the truth is that Maths is not a piece of cake. Says Megan in a sad way.

Parágrafo 2: 2. Rising Action, 3. Climax e 4. Falling Action. Explique aos alunos que estes três elementos não precisam estar no mesmo parágrafo, como é o caso do exemplo abaixo. Estes elementos podem vir em dois ou três parágrafos. Como dito este é apenas um exemplo para ajudar a guiar os alunos.

On Saturday, Kate goes to the library. It’s empty, but it’s ok, she likes the silence to study. After one hour studying she hears a noise. She looks at the door and she sees a man passing. The man is tall and strong, he’s wearing black and has a lot of tattoos. Kate gets up and goes check out what’s happening. She enters a dark room, but nobody is there. Suddenly the man appears behind Kate and aks, ‘Who are you?’

Kate turns around and looks at the man. She thinks, ‘This man will either rob me or kill me.’ She is very scared, but she answers, ‘My name is Kate’.

‘What are doing here on a Saturday?’ says the man.

‘I’m studying.’ Kate answers. She’s very nervous and starts crying, ‘Please don’t kill me!’

‘Kill you?’ says the man with a smile on his face. ‘I’m not going to kill you. I work here. My name is Mike. Nice to meet you.’

No exemplo acima coloquei o 5. Resolution dentro de um novo diálogo que se iniciou no fim do parágrafo 2. Explique aos alunos que a resolução não precisa ser feita em forma de diálogo, eles podem terminar com uma narrativa se assim desejarem.

Este exemplo também pode ser utilizado para mostrar aos alunos que a história e as frases não precisam ser complicadas. É possível escrever uma história utilizando frases simples.

Em ambas as etapas, caminhe pela sala verificando se os alunos estão conseguindo realizar as tarefas e oferecendo ajuda quando necessário. Não é preciso esperar que todos terminem a primeira etapa (criação de ideias) para começar a segunda etapa (escrita do conto). À medida que os pares forem terminando, você já pode lhes dar a orientação para a segunda etapa.

Se os alunos conseguirem terminar em sala, você pode pedir que eles apresentem.

Se os alunos não conseguirem terminar em sala, solicite que terminem em casa e apresentem na próxima aula.

Você também pode imprimir estes contos e encaderná-los ou grampeá-los no formato revista, criando assim uma revista ou livro. Peça aos alunos que deem sugestões de nomes para a revista/livro e faça uma votação.

Você também pode organizar um evento de contação de histórias onde os alunos podem apresentar os contos para toda a escola.

Tempo sugerido: 5 min

Propósito: Organizar os saberes ativados durante esta aula.

Expectativa: Que os alunos lembrem das principais informações passadas na aula, e que percebam que escrever um conto não é difícil, e não precisa de frases ou palavras complicadas.

Orientações: Termine a aula com uma retomada do que os alunos aprenderam. Coloque somente a pergunta inicial no projetor, ou no quadro, e deixe que os alunos falem livremente, você pode anotar suas respostas no quadro. Ou mostre o slide e vá fazendo as perguntas do quadro para que os alunos respondam.

Contents

  1. INPUT: the short story The Disciple by Oscar Wilde.
  2. OUTPUT: to write a short story.

Habilidade da Base Nacional Comum Curricular

((EF08LI11) Produzir textos (comentários em fóruns, relatos pessoais, mensagens instantâneas, tweets, reportagens, histórias de ficção, blogues, entre outros), com o uso de estratégias de escrita (planejamento, produção de rascunho, revisão e edição final), apontando sonhos e projetos para o futuro (pessoal, da família, da comunidade ou do planeta).

Este plano foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Professor-autor: Fernanda Encarnação

Mentor: Newton Murce

Especialista: Celina Fernandes


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

OUTRAS AULAS DESSA UNIDADE:

AULAS DESSA DISCIPLINA:

AULAS RELACIONADAS:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes