12390
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Ciências > 9º ano > Terra e Universo

Plano de aula - O Sol e a extinção

Plano de aula de Ciências com atividades para 9o ano do EF sobre O Sol e a extinção

Plano 06 de 10 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Ayslan Carvalho de Melo

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esse plano é uma sequência do conteúdo desenvolvido na aula CEI9_17TU05, uma vez que traz temas já abordados e reitera a interação com o Sol para a manutenção da vida no planeta Terra.

Materiais necessários para a aula: Impressão de material de apoio presente no slide 5, mão na massa. Texto presente em reportagens.

Título da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 1 minuto

Orientações: Leia o tema da aula e explore com os alunos se eles possuem conhecimento sobre o processo de extinção dos dinossauros e como o Sol pode ter tido algum tipo de relação com esse processo.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações: Leia com os estudantes o slide acima e explique que existiam compostos chamados hidrocarbonetos e esses compostos estavam em grande quantidade na região da Península de Iucatã, no México, local onde ocorreu o impacto com o asteroide. É importante mostrar a imagem aos alunos (projetada ou em um mapa), para que eles localizem o local de impacto do asteróide. Você também pode utilizar imagens do Google Earth, onde é possível visualizar a cratera.

Link para reportagem sobre a cratera de Chicxulub, na península de Iucatã: https://brasil.elpais.com/brasil/2015/04/04/ciencia/1428102827_162801.html

Comente com eles também que os cientistas estão em constante discussão sobre qual corpo celeste chocou-se com a Terra, havendo outra linha de defesa, mas nenhuma anulando completamente a outra. Explique também a diferença entre o meteorito (semelhantes aos meteoros que são conhecidos como estrelas cadentes por, quando entrarem na atmosfera, se desintegrarem em flashes luminosos, esses corpos conseguem passar a atmosfera e chegar ao chão com massa relevante) e o asteroide (corpo rochoso de minerais e metais que orbitam o sistema solar). Link para matéria com desenvolvimento do contexto: http://bafafah.com.br/ciencia/dinossauros-foram-azarados/

Apresente para eles o conceito de hidrocarbonetos (moléculas que apresentam apenas carbono e hidrogênio em sua composição química e que hoje é muito usado para obtenção de combustíveis, como gasolina e diesel).

Questão disparadora select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Leia a questão disparadora e deixe os alunos perceberem que a queda do asteroide só explicaria a extinção dos animais e plantas daquela região, mas lembre que esse impacto ocasionou quase a extinção de 75% das espécies vivas do planeta.

Mão na massa select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: Entregue uma cópia dos textos aos alunos para que eles criem argumentos na formação de suas representações do ambiente antes da queda do asteroide. Segue o link para textos completos:

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 17 minutos

Orientações: Para esse slide, você precisará de 14 minutos. É esperado que os alunos entendam que a extinção pode ter ocorrido pela queda do asteroide, e isso ter lançado na estratosfera elementos particulados que encobriram a atmosfera, obscurecendo todo o planeta e impedindo que o Sol lançasse seus raios sobre a Terra. Isso diminuiu a temperatura em até 10°C, o que causou um colapso nos ecossistemas e nos níveis tróficos; afetou primeiro os produtores, que não conseguiam mais fazer o processo de fotossíntese, levando a morte das plantas, que secaram, e os dinossauros herbívoros acabaram morrendo de fome, e isso levou a um declínio dos dinossauros carnívoros, levando todos da espécie que não se adaptaram à morte.

Porém, não se pode esquecer de explicar que na ciência o conhecimento não é imutável. Indique aos alunos que existem outras teorias, e assim como a mais aceita (da queda do meteorito/asteroide levando à problemas na fotossíntese), outras explicações são dadas sobre esse processo de extinção. Entre as outras de maior destaque podemos encontrar:

  • Intenso vulcanismo - uma região na Índia decorrente dessas atividades vulcânicas é conhecida como Deccan Traps, sendo prova de que durante a Era Mesozóica a intensa atividade de vulcões na região pode ter liberado para atmosfera partículas, semelhantes às que são apresentadas na primeira teoria e causado um blackout da luz solar, também semelhante, além de levar a processos intensos de chuva ácida e elevação no aquecimento global, já que o CO2 é um dos principais produtos gerados por essa atividade. Todos esses desdobramentos acabariam causando uma quebra da cadeia trófica por falta da correta ação fotossintetizante dos produtores e isso levaria ao declínio dos dinossauros. Link com explicação sobre o intenso vulcanismo na Índia - http://cienciahoje.org.br/coluna/ainda-a-extincao-dos-dinossauros/.

  • Expansão das angiosperma - como o processo de evolução das espécies de plantas não pararam, existem linhas de pesquisas que indicam que, ao desenvolver plantas que apresentavam frutos e sementes protegidas (as angiospermas), os dinossauros herbívoros não se adaptaram a essa alimentação e a quantidade de alimento foi reduzido, já que essas plantas conseguem se reproduzir de forma mais rápida, tomando o lugar das gimnospermas que antes eram as colonizadoras. Confira o link com explicação sobre expansão das angiospermas, do livro “Biogeografia: Dinâmicas e transformações da natureza”: https://bit.ly/2MEcSbH.

  • Mamíferos se adaptaram melhor que os dinossauros - por possuírem uma carga energética menor para se tornare adultos e conseguirem se reproduzir, os mamíferos, quando apareceram do processo evolutivo dos Therapsida na árvore filogenética, entravam mais cedo no ciclo trófico, e os pais ou jovens mais velhos competiam diretamente com os dinossauros bebês, que nasciam com um peso centenas de vezes menor que o dos seus pais, além de que nos seus primeiros momentos só contavam com o vitelo presente no ovo como fonte de energia, já os mamíferos tinham suas mães para os prover com leite e proteção. Leia mais sobre a resistência dos mamíferos em https://hypescience.com/ovos-causaram-a-extincao-dos-dinossauros/.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Dedique 3 minutos para essa complementação. Explique aos alunos que é bom lembrar que mesmo com 75% das espécies tendo encontrado seu fim com o asteróide, algumas espécies permanecem no processo evolutivo até hoje, como é o caso dos terópodes, grupo de dinossauros do qual o Tyrannosaurus rex fazia parte e hoje vemos vestígios nas aves atuais. Sendo assim, lembre aos alunos que a representação que observamos em desenhos e filmes, por vezes, podem não ser cientificamente acurada, uma vez que o maior ícone da cultura pop sobre os dinossauros, o T-rex, foi representado erroneamente, já que pesquisas recentes indicam que a espécie deveria possuir penas e não a pele coberta de um rígido tecido epitelial. Link para melhor expandir erros comuns sobre os dinossauros: https://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/08/150831_dinossauros_dez_tg.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esse plano é uma sequência do conteúdo desenvolvido na aula CEI9_17TU05, uma vez que traz temas já abordados e reitera a interação com o Sol para a manutenção da vida no planeta Terra.

Materiais necessários para a aula: Impressão de material de apoio presente no slide 5, mão na massa. Texto presente em reportagens.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 1 minuto

Orientações: Leia o tema da aula e explore com os alunos se eles possuem conhecimento sobre o processo de extinção dos dinossauros e como o Sol pode ter tido algum tipo de relação com esse processo.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações: Leia com os estudantes o slide acima e explique que existiam compostos chamados hidrocarbonetos e esses compostos estavam em grande quantidade na região da Península de Iucatã, no México, local onde ocorreu o impacto com o asteroide. É importante mostrar a imagem aos alunos (projetada ou em um mapa), para que eles localizem o local de impacto do asteróide. Você também pode utilizar imagens do Google Earth, onde é possível visualizar a cratera.

Link para reportagem sobre a cratera de Chicxulub, na península de Iucatã: https://brasil.elpais.com/brasil/2015/04/04/ciencia/1428102827_162801.html

Comente com eles também que os cientistas estão em constante discussão sobre qual corpo celeste chocou-se com a Terra, havendo outra linha de defesa, mas nenhuma anulando completamente a outra. Explique também a diferença entre o meteorito (semelhantes aos meteoros que são conhecidos como estrelas cadentes por, quando entrarem na atmosfera, se desintegrarem em flashes luminosos, esses corpos conseguem passar a atmosfera e chegar ao chão com massa relevante) e o asteroide (corpo rochoso de minerais e metais que orbitam o sistema solar). Link para matéria com desenvolvimento do contexto: http://bafafah.com.br/ciencia/dinossauros-foram-azarados/

Apresente para eles o conceito de hidrocarbonetos (moléculas que apresentam apenas carbono e hidrogênio em sua composição química e que hoje é muito usado para obtenção de combustíveis, como gasolina e diesel).

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Leia a questão disparadora e deixe os alunos perceberem que a queda do asteroide só explicaria a extinção dos animais e plantas daquela região, mas lembre que esse impacto ocasionou quase a extinção de 75% das espécies vivas do planeta.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: Entregue uma cópia dos textos aos alunos para que eles criem argumentos na formação de suas representações do ambiente antes da queda do asteroide. Segue o link para textos completos:

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 17 minutos

Orientações: Para esse slide, você precisará de 14 minutos. É esperado que os alunos entendam que a extinção pode ter ocorrido pela queda do asteroide, e isso ter lançado na estratosfera elementos particulados que encobriram a atmosfera, obscurecendo todo o planeta e impedindo que o Sol lançasse seus raios sobre a Terra. Isso diminuiu a temperatura em até 10°C, o que causou um colapso nos ecossistemas e nos níveis tróficos; afetou primeiro os produtores, que não conseguiam mais fazer o processo de fotossíntese, levando a morte das plantas, que secaram, e os dinossauros herbívoros acabaram morrendo de fome, e isso levou a um declínio dos dinossauros carnívoros, levando todos da espécie que não se adaptaram à morte.

Porém, não se pode esquecer de explicar que na ciência o conhecimento não é imutável. Indique aos alunos que existem outras teorias, e assim como a mais aceita (da queda do meteorito/asteroide levando à problemas na fotossíntese), outras explicações são dadas sobre esse processo de extinção. Entre as outras de maior destaque podemos encontrar:

  • Intenso vulcanismo - uma região na Índia decorrente dessas atividades vulcânicas é conhecida como Deccan Traps, sendo prova de que durante a Era Mesozóica a intensa atividade de vulcões na região pode ter liberado para atmosfera partículas, semelhantes às que são apresentadas na primeira teoria e causado um blackout da luz solar, também semelhante, além de levar a processos intensos de chuva ácida e elevação no aquecimento global, já que o CO2 é um dos principais produtos gerados por essa atividade. Todos esses desdobramentos acabariam causando uma quebra da cadeia trófica por falta da correta ação fotossintetizante dos produtores e isso levaria ao declínio dos dinossauros. Link com explicação sobre o intenso vulcanismo na Índia - http://cienciahoje.org.br/coluna/ainda-a-extincao-dos-dinossauros/.

  • Expansão das angiosperma - como o processo de evolução das espécies de plantas não pararam, existem linhas de pesquisas que indicam que, ao desenvolver plantas que apresentavam frutos e sementes protegidas (as angiospermas), os dinossauros herbívoros não se adaptaram a essa alimentação e a quantidade de alimento foi reduzido, já que essas plantas conseguem se reproduzir de forma mais rápida, tomando o lugar das gimnospermas que antes eram as colonizadoras. Confira o link com explicação sobre expansão das angiospermas, do livro “Biogeografia: Dinâmicas e transformações da natureza”: https://bit.ly/2MEcSbH.

  • Mamíferos se adaptaram melhor que os dinossauros - por possuírem uma carga energética menor para se tornare adultos e conseguirem se reproduzir, os mamíferos, quando apareceram do processo evolutivo dos Therapsida na árvore filogenética, entravam mais cedo no ciclo trófico, e os pais ou jovens mais velhos competiam diretamente com os dinossauros bebês, que nasciam com um peso centenas de vezes menor que o dos seus pais, além de que nos seus primeiros momentos só contavam com o vitelo presente no ovo como fonte de energia, já os mamíferos tinham suas mães para os prover com leite e proteção. Leia mais sobre a resistência dos mamíferos em https://hypescience.com/ovos-causaram-a-extincao-dos-dinossauros/.

Slide Plano Aula

Orientações: Dedique 3 minutos para essa complementação. Explique aos alunos que é bom lembrar que mesmo com 75% das espécies tendo encontrado seu fim com o asteróide, algumas espécies permanecem no processo evolutivo até hoje, como é o caso dos terópodes, grupo de dinossauros do qual o Tyrannosaurus rex fazia parte e hoje vemos vestígios nas aves atuais. Sendo assim, lembre aos alunos que a representação que observamos em desenhos e filmes, por vezes, podem não ser cientificamente acurada, uma vez que o maior ícone da cultura pop sobre os dinossauros, o T-rex, foi representado erroneamente, já que pesquisas recentes indicam que a espécie deveria possuir penas e não a pele coberta de um rígido tecido epitelial. Link para melhor expandir erros comuns sobre os dinossauros: https://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/08/150831_dinossauros_dez_tg.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Terra e Universo do 9º ano :

9º ano / Ciências / Terra e Universo

MAIS AULAS DE Ciências do 9º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF09CI17 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Ciências

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano