12275
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Ciências > 4º ano > Vida e Evolução

Plano de aula - O desequilíbrio nas cadeias alimentares

Plano de aula de Ciências com atividades para 4o ano do EF sobre O desequilíbrio nas cadeias alimentares

Plano 05 de 10 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Lenira Tamanini

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Você observará que a habilidade indicada não será contemplada em sua totalidade e que as propostas podem ter continuidade em outras aulas. Esta pode ser considerada uma aula sequencial, posterior ao plano CIE4_0403 e CIE4_0404.

Materiais necessários para a aula: Tiras de TNT nas cores azul, verde, vermelho e amarelo. O TNT pode ser substituído por tiras de papel colorido. Abaixo há algumas sugestões de recursos que você pode acessar, a fim de que haja um melhor embasamento para o desenvolvimento da aula. É interessante que este material seja para aproveitamento do professor, já que não é nosso objetivo trazer conceitos pré elaborados para a turma, mas que, a partir da análise investigativa, as crianças consigam compreendê-los significamente.

Título da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Leia para os alunos o título da aula. Pergunte para eles o que significa desequilíbrio. Você pode utilizar como exemplo o próprio corpo dos alunos, lembrando a eles que quando ficamos em um só pé, normalmente perdemos o equilíbrio. Permita que eles apresentem suas hipóteses sobre a palavra. Na sequência, pergunte o que são cadeias alimentares. Tendo em vista a construção do conceito feito a partir das propostas das aulas anteriores, os alunos provavelmente apresentarão a concepção de cadeia alimentar como um processo de transferência de matéria e energia entre os seres vivos, por meio da alimentação. Contudo, se o conceito não estiver bem consolidado, as crianças podem verbalizar palavras isoladas, como alimentação, sequência, ordem, energia, processo, seres vivos, entre outras, o que torna necessário retomar e construir o conceito. Os alunos provavelmente irão elencar o níveis tróficos (produtores, consumidores, decompositores), além dos tipos de cadeias alimentares (terrestre, aquática e mista).

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações: Leia para os alunos o texto apresentado nos slides 3 e 4. Vale salientar que o texto a ser lido são trechos de uma reportagem, e, como sugestão, segue o link do texto integral para conhecimento, caso haja disponibilidade de tempo para a leitura, ou projeção do vídeo: http://g1.globo.com/espirito-santo/agronegocios/noticia/2014/09/superpopulacao-de-capivaras-causa-transtornos-para-agricultores-do-es.html

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Ao finalizar a leitura do texto, levante questionamentos, como:

  • Do que a capivara se alimenta? Como podemos classificá-la a partir dos seus hábitos alimentares?
  • Na cadeia alimentar subentendida na reportagem, em que nível trófico a capivara está?
  • Por que a capivara virou um problema para os agricultores?
  • Qual o motivo da superpopulação das capivaras?
  • Um problema gerou outro problema. Como isso ocorreu na região apresentada pela reportagem?
  • É possível que essa situação aconteça com outros seres vivos?

Essas questões devem introduzir a discussão desta aula. Este não é o momento de trazer conceitos pré estabelecidos para os alunos, mas sim, de envolvê-los na temática, estimulando a participação de todos e descobrindo quais conhecimentos prévios eles trazem consigo.

Questão disparadora select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Leia a pergunta da questão disparadora para os alunos. Solicite a eles que pensem em uma cadeia alimentar específica e questione quais são as condições que o meio dispõe para a alimentação deles. Permita que os alunos digam suas percepções mediante o questionamento, possibilitando a troca de informações. Provavelmente, os alunos responderão que há a relação alimentar de nível para nível, onde um ser vivo se alimenta de outro, transformando o alimento em energia. É muito provável que os alunos já tenham consolidado o conceito de vegetais (produtores) como seres vivos, todavia se ainda existirem dúvidas, retome conceitos sobre a classificação dos seres vivos, questionando a turma sobre o motivo pelo qual os vegetais se encaixam nessa classificação. Indague o que significa a palavra desequilíbrio e também o que esse processo pode ocasionar à cadeia alimentar.

Mão na massa select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: Leia ou projete para os alunos as orientações. Entregue para cada aluno uma tira de TNT. Os grupos de TNT serão distribuídos da seguinte forma:

grupo 1 (azul) - produtores: 14 tiras;

grupo 2 (verde) - consumidores primários: 8 tiras;

grupo 3 (vermelho) - consumidor secundário: 4 tiras ;

grupo 4 (amarelo) - espécies exóticas invasoras (consumidores secundários): 4 tiras.

Salienta-se que essa distribuição é para uma turma de 30 alunos, sendo necessária adaptá-la para um número maior ou menor de crianças. É importante destacar que o número de consumidores secundários, somado ao número de espécie exótica invasoras consumidores secundários, precisa ser igual ao consumidor primário para que a dinâmica dê certo. Antes de dar início à brincadeira retome o texto sobre a capivara e realize novas indagações:

  • O que aconteceu com as capivaras da reportagem?
  • Por que está acontecendo isso?
  • Qual o papel da capivara na cadeia alimentar? E das onças e dos jacarés?

Enquanto realiza os questionamentos, desenhe no quadro a cadeia alimentar apresentada. Essas ações são extremamente necessárias para a compreensão das ações seguintes. Na sequência, encaminhe os alunos para um local aberto da escola (pátio, quadra de esporte, bosque…). Solicite aos alunos que façam um círculo e explique o que cada cor representa. Retome os conceitos de produtor e consumidor na cadeia alimentar, exemplificando quem é primário e secundário. Diga também que irão ser feitas três rodadas do pega-pega, pois a quarta fica a critério do professor, e nem todos os alunos irão participar das três. Informe que o objetivo é ver quem consegue se alimentar seguindo a ordem na cadeia alimentar, e, que eles estarão fazendo uma simulação de uma cadeia alimentar parecida com a da capivara. Durante o desenvolvimento da atividade é extremamente importante que sejam feitas indagações, principalmente ao final de cada rodada, tendo em vista que uma se diferencia da outra. Comece então a brincadeira conforme as rodadas a seguir:

Rodada 1 - 14 produtores, 8 consumidores primários e 4 consumidores secundários. Nesta rodada, todos os seres vivos se alimentam e há sobra de produtores. Indague aos alunos: “Quem conseguiu se alimentar? Houve sobra de algum nível? Ocorreu transferência de energia? A cadeia alimentar estava em equilíbrio? Por quê?”

Rodada 2 - 4 produtores, 8 consumidores primários e 4 consumidores secundários, pois houve um desastre ambiental que afetou os produtores. Nesta rodada, sugere-se que houve uma queimada, por esse motivo os produtores foram os mais prejudicados e poucos consumidores primários irão se alimentar. Questione aos alunos: “A alimentação foi suficiente para todos os integrantes da cadeia alimentar? Qual dos níveis foi prejudicado? Houve transferência de energia em todos os seres vivos que estavam compondo o ecossistema? O que pode acontecer com os seres vivos que não alimentaram-se? A cadeia alimentar estava em equilíbrio ou desequilíbrio? O que gerou esse fato?”

Rodada 3 - 4 produtores, 8 consumidores primários, 4 consumidores secundários e 4 espécies exóticas invasoras, que se encaixam no nível de consumidores secundários. Nesta rodada novos seres vivos são introduzidos ao ecossistema e o consumidor primário é consumido na totalidade. Pergunte aos alunos: “O que é espécie exótica invasora? Ela prejudicou a alimentação da cadeia alimentar? De que forma? O que poderá irá acontecer com os produtores? O que aconteceu com os consumidores primários? O que pode acontecer com os consumidores secundários?”

Caso tenha interesse, é possível realizar a Rodada 4 com 4 produtores, 4 consumidores secundários e 4 espécies exóticas. Nessa rodada, os consumidores secundários não possuem alimento, o que ocasiona a impossibilidade da brincadeira. Salienta-se que os questionamentos são reflexões para auxiliar o desenvolvimento da atividade posterior. Após as reflexões da rodada 3 retornem à sala de aula.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 14 minutos

Orientações: Apresente para os alunos o tópico “Reflexão coletiva”. As perguntas que servem de base para a reflexão são:

  • Na primeira rodada do pega-pega, a cadeia alimentar estava em equilíbrio? Por quê? Ela continuará mantendo o fluxo de matéria e energia? Como isso é possível?
  • Na segunda rodada houve um desastre ambiental que afetou os produtores. Somente eles foram prejudicados? O que aconteceu com os seres vivos que estavam naquela rodada? A cadeia alimentar estava em equilíbrio?
  • Quando as espécies exóticas invasoras foram inseridas na brincadeira o que aconteceu com o alimento? O que pode ter ocasionado a vinda das espécies? O que aconteceu com os consumidores primários? Quando eles foram “extintos”, a cadeia alimentar estava em equilíbrio?
  • Na última rodada, os consumidores secundários ficaram sem alimento. O que acontecerá a eles? E os produtores serão consumidos por quem? Eles podem interferir no meio ambiente de forma prejudicial?

Esses questionamentos e reflexões são importantes para que os alunos indiquem os elementos essenciais na elaboração do conceito científico, dentre eles, a concepção de equilíbrio e desequilíbrio na cadeia alimentar e a percepção de interrupção no fluxo de matéria e energia. Continue a leitura das orientações da atividade. Retome a questão disparadora para que ela também seja respondida e, junto com os alunos, reproduza no quadro o desenho das cadeias alimentares feitas durante a brincadeira. Se desejar, a cadeia alimentar pode ser nomeada. Para uma próxima aula, ou se houver tempo hábil, como sugestão, segue o link de dois vídeos, sendo que um completa a reportagem apresentada no texto inicial da aula e outro apresenta uma reportagem sobre desequilíbrio ecológico na Bahia.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Você observará que a habilidade indicada não será contemplada em sua totalidade e que as propostas podem ter continuidade em outras aulas. Esta pode ser considerada uma aula sequencial, posterior ao plano CIE4_0403 e CIE4_0404.

Materiais necessários para a aula: Tiras de TNT nas cores azul, verde, vermelho e amarelo. O TNT pode ser substituído por tiras de papel colorido. Abaixo há algumas sugestões de recursos que você pode acessar, a fim de que haja um melhor embasamento para o desenvolvimento da aula. É interessante que este material seja para aproveitamento do professor, já que não é nosso objetivo trazer conceitos pré elaborados para a turma, mas que, a partir da análise investigativa, as crianças consigam compreendê-los significamente.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Leia para os alunos o título da aula. Pergunte para eles o que significa desequilíbrio. Você pode utilizar como exemplo o próprio corpo dos alunos, lembrando a eles que quando ficamos em um só pé, normalmente perdemos o equilíbrio. Permita que eles apresentem suas hipóteses sobre a palavra. Na sequência, pergunte o que são cadeias alimentares. Tendo em vista a construção do conceito feito a partir das propostas das aulas anteriores, os alunos provavelmente apresentarão a concepção de cadeia alimentar como um processo de transferência de matéria e energia entre os seres vivos, por meio da alimentação. Contudo, se o conceito não estiver bem consolidado, as crianças podem verbalizar palavras isoladas, como alimentação, sequência, ordem, energia, processo, seres vivos, entre outras, o que torna necessário retomar e construir o conceito. Os alunos provavelmente irão elencar o níveis tróficos (produtores, consumidores, decompositores), além dos tipos de cadeias alimentares (terrestre, aquática e mista).

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações: Leia para os alunos o texto apresentado nos slides 3 e 4. Vale salientar que o texto a ser lido são trechos de uma reportagem, e, como sugestão, segue o link do texto integral para conhecimento, caso haja disponibilidade de tempo para a leitura, ou projeção do vídeo: http://g1.globo.com/espirito-santo/agronegocios/noticia/2014/09/superpopulacao-de-capivaras-causa-transtornos-para-agricultores-do-es.html

Slide Plano Aula

Orientações: Ao finalizar a leitura do texto, levante questionamentos, como:

  • Do que a capivara se alimenta? Como podemos classificá-la a partir dos seus hábitos alimentares?
  • Na cadeia alimentar subentendida na reportagem, em que nível trófico a capivara está?
  • Por que a capivara virou um problema para os agricultores?
  • Qual o motivo da superpopulação das capivaras?
  • Um problema gerou outro problema. Como isso ocorreu na região apresentada pela reportagem?
  • É possível que essa situação aconteça com outros seres vivos?

Essas questões devem introduzir a discussão desta aula. Este não é o momento de trazer conceitos pré estabelecidos para os alunos, mas sim, de envolvê-los na temática, estimulando a participação de todos e descobrindo quais conhecimentos prévios eles trazem consigo.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Leia a pergunta da questão disparadora para os alunos. Solicite a eles que pensem em uma cadeia alimentar específica e questione quais são as condições que o meio dispõe para a alimentação deles. Permita que os alunos digam suas percepções mediante o questionamento, possibilitando a troca de informações. Provavelmente, os alunos responderão que há a relação alimentar de nível para nível, onde um ser vivo se alimenta de outro, transformando o alimento em energia. É muito provável que os alunos já tenham consolidado o conceito de vegetais (produtores) como seres vivos, todavia se ainda existirem dúvidas, retome conceitos sobre a classificação dos seres vivos, questionando a turma sobre o motivo pelo qual os vegetais se encaixam nessa classificação. Indague o que significa a palavra desequilíbrio e também o que esse processo pode ocasionar à cadeia alimentar.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: Leia ou projete para os alunos as orientações. Entregue para cada aluno uma tira de TNT. Os grupos de TNT serão distribuídos da seguinte forma:

grupo 1 (azul) - produtores: 14 tiras;

grupo 2 (verde) - consumidores primários: 8 tiras;

grupo 3 (vermelho) - consumidor secundário: 4 tiras ;

grupo 4 (amarelo) - espécies exóticas invasoras (consumidores secundários): 4 tiras.

Salienta-se que essa distribuição é para uma turma de 30 alunos, sendo necessária adaptá-la para um número maior ou menor de crianças. É importante destacar que o número de consumidores secundários, somado ao número de espécie exótica invasoras consumidores secundários, precisa ser igual ao consumidor primário para que a dinâmica dê certo. Antes de dar início à brincadeira retome o texto sobre a capivara e realize novas indagações:

  • O que aconteceu com as capivaras da reportagem?
  • Por que está acontecendo isso?
  • Qual o papel da capivara na cadeia alimentar? E das onças e dos jacarés?

Enquanto realiza os questionamentos, desenhe no quadro a cadeia alimentar apresentada. Essas ações são extremamente necessárias para a compreensão das ações seguintes. Na sequência, encaminhe os alunos para um local aberto da escola (pátio, quadra de esporte, bosque…). Solicite aos alunos que façam um círculo e explique o que cada cor representa. Retome os conceitos de produtor e consumidor na cadeia alimentar, exemplificando quem é primário e secundário. Diga também que irão ser feitas três rodadas do pega-pega, pois a quarta fica a critério do professor, e nem todos os alunos irão participar das três. Informe que o objetivo é ver quem consegue se alimentar seguindo a ordem na cadeia alimentar, e, que eles estarão fazendo uma simulação de uma cadeia alimentar parecida com a da capivara. Durante o desenvolvimento da atividade é extremamente importante que sejam feitas indagações, principalmente ao final de cada rodada, tendo em vista que uma se diferencia da outra. Comece então a brincadeira conforme as rodadas a seguir:

Rodada 1 - 14 produtores, 8 consumidores primários e 4 consumidores secundários. Nesta rodada, todos os seres vivos se alimentam e há sobra de produtores. Indague aos alunos: “Quem conseguiu se alimentar? Houve sobra de algum nível? Ocorreu transferência de energia? A cadeia alimentar estava em equilíbrio? Por quê?”

Rodada 2 - 4 produtores, 8 consumidores primários e 4 consumidores secundários, pois houve um desastre ambiental que afetou os produtores. Nesta rodada, sugere-se que houve uma queimada, por esse motivo os produtores foram os mais prejudicados e poucos consumidores primários irão se alimentar. Questione aos alunos: “A alimentação foi suficiente para todos os integrantes da cadeia alimentar? Qual dos níveis foi prejudicado? Houve transferência de energia em todos os seres vivos que estavam compondo o ecossistema? O que pode acontecer com os seres vivos que não alimentaram-se? A cadeia alimentar estava em equilíbrio ou desequilíbrio? O que gerou esse fato?”

Rodada 3 - 4 produtores, 8 consumidores primários, 4 consumidores secundários e 4 espécies exóticas invasoras, que se encaixam no nível de consumidores secundários. Nesta rodada novos seres vivos são introduzidos ao ecossistema e o consumidor primário é consumido na totalidade. Pergunte aos alunos: “O que é espécie exótica invasora? Ela prejudicou a alimentação da cadeia alimentar? De que forma? O que poderá irá acontecer com os produtores? O que aconteceu com os consumidores primários? O que pode acontecer com os consumidores secundários?”

Caso tenha interesse, é possível realizar a Rodada 4 com 4 produtores, 4 consumidores secundários e 4 espécies exóticas. Nessa rodada, os consumidores secundários não possuem alimento, o que ocasiona a impossibilidade da brincadeira. Salienta-se que os questionamentos são reflexões para auxiliar o desenvolvimento da atividade posterior. Após as reflexões da rodada 3 retornem à sala de aula.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 14 minutos

Orientações: Apresente para os alunos o tópico “Reflexão coletiva”. As perguntas que servem de base para a reflexão são:

  • Na primeira rodada do pega-pega, a cadeia alimentar estava em equilíbrio? Por quê? Ela continuará mantendo o fluxo de matéria e energia? Como isso é possível?
  • Na segunda rodada houve um desastre ambiental que afetou os produtores. Somente eles foram prejudicados? O que aconteceu com os seres vivos que estavam naquela rodada? A cadeia alimentar estava em equilíbrio?
  • Quando as espécies exóticas invasoras foram inseridas na brincadeira o que aconteceu com o alimento? O que pode ter ocasionado a vinda das espécies? O que aconteceu com os consumidores primários? Quando eles foram “extintos”, a cadeia alimentar estava em equilíbrio?
  • Na última rodada, os consumidores secundários ficaram sem alimento. O que acontecerá a eles? E os produtores serão consumidos por quem? Eles podem interferir no meio ambiente de forma prejudicial?

Esses questionamentos e reflexões são importantes para que os alunos indiquem os elementos essenciais na elaboração do conceito científico, dentre eles, a concepção de equilíbrio e desequilíbrio na cadeia alimentar e a percepção de interrupção no fluxo de matéria e energia. Continue a leitura das orientações da atividade. Retome a questão disparadora para que ela também seja respondida e, junto com os alunos, reproduza no quadro o desenho das cadeias alimentares feitas durante a brincadeira. Se desejar, a cadeia alimentar pode ser nomeada. Para uma próxima aula, ou se houver tempo hábil, como sugestão, segue o link de dois vídeos, sendo que um completa a reportagem apresentada no texto inicial da aula e outro apresenta uma reportagem sobre desequilíbrio ecológico na Bahia.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Vida e Evolução do 4º ano :

MAIS AULAS DE Ciências do 4º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF04CI04 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF04CI05 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Ciências

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano