11550
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Matemática > 2º ano > Geometria

Plano de aula - Maquete, croqui e planta baixa da sala de aula

Plano de aula de Matemática com atividades para 2° ano do Fundamental sobre o espaço da sala de aula em que está inserido esboçando croquis e plantas baixas em situações diversas

Plano 02 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Sonia Antunes Caregnato

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
ESTE É UM CONTEÚDO PARA O SAEB Ver Mais >
 

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Sonia Antunes Caregnato

Mentor: Cibele Diogo Kimura

Especialista de área: Pricilla Cristina Mendes Cerqueira

Habilidade da BNCC

(EF02MA13) Esboçar roteiros a ser seguidos ou plantas de ambientes familiares, assinalando entradas, saídas e alguns pontos de referência.

Objetivos específicos

Compreender o espaço da sala de aula em que está inserido esboçando croquis e plantas baixas em situações diversas.

Conceito-chave

Planta baixa.

Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca;
  • Caixa grande (no tamanho de uma caixa de botas);
  • Plástico transparente;
  • Fita adesiva;
  • Tesoura;
  • Canetinha/marcador permanente;
  • Materiais recicláveis, como caixas de remédios e outras;
  • Borracha (cada aluno com a sua);
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno ou não.


Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete e/ou leia o objetivo para a turma.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.

Aquecimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientação: Realize uma conversa inicial sobre maquete e planta baixa. Pergunte se sabem o que é maquete e planta baixa, escute com atenção o conhecimento que apresentam, mas esclareça que maquete é a representação reduzida de determinados espaços: parque, praça, casa, prédio, entre outros, como também de cômodos e que uma maquete pode ser feita de qualquer espaço, utilizando materiais diversos. Já a planta baixa representa a forma plana destes espaços, porém sempre com a visão de cima. Para auxiliar o professor, sugere-se que pesquise em sites de buscas algumas imagens de maquetes e plantas baixas para mostrar e exemplificar aos alunos.

Propósito: A partir de uma conversa inicial, analisar os conhecimentos que a turma tem sobre maquete e planta baixa e contribuir com a aprendizagem, apresentando definições e exemplos.

Discuta com a turma:

  • Qual a diferença entre maquete e planta baixa?
  • Podemos fazer uma maquete da nossa sala de aula? E da escola? E o que mais?
  • Se mostrar algumas plantas baixas, vocês sabem dizer de qual ambiente são?
  • Como é possível identificar os desenhos representados?

Atividade principal (slides 4 e 5) select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientação: O professor providencia antecipadamente uma caixa grande (no tamanho de uma caixa de botas), plástico transparente, fita adesiva, tesoura e canetinha/marcador permanente. Também solicita aos alunos que tragam para a sala de aula alguns materiais recicláveis, como caixas de remédios e outras, com formas arredondadas (todos os materiais trazidos deverão ser guardados numa caixa que poderá ser utilizado em atividades complementares).

Considerando que a sala de aula é um ambiente familiar, que faz parte do cotidiano, o professor solicita que organizem as carteiras em forma de U, peguem a sua borracha em mãos e sentem em círculo. A caixa que o professor trouxe deverá ser colocada ao centro, sendo esta uma forma curiosa e atrativa às crianças para abordar o conteúdo a ser trabalhado.

Após algumas conversas e questionamentos sobre a atividade a ser feita, o professor explica que a caixa representa a sala de aula e cada um deverá colocar a borracha (que representa a sua carteira) na caixa de acordo com a posição que ocupa na sala. Porém, antes disso, pede que comparem a caixa com a sala e mostrem onde fica a porta, janelas e quadro para que o professor faça o desenho com canetinha e até recorte a porta. Depois que cada um representou o seu lugar, questiona sobre o que mais tem na sala que pode ser representado pelos materiais, solicitando que façam a representação de acordo com as respostas apresentadas. É claro, que de forma ordenada e organizada, pois não será necessário utilizar todos os materiais e nem todos os alunos poderão participar fazendo e construindo, mas observando e aprendendo. Ao final, o professor explica que fizeram uma maquete coletiva da sala de aula e que a atividade a seguir será uma planta baixa, para isso todos devem observar a representação com olhar de cima.

Propósito: Compreender a construção e representação de uma maquete.

Discuta com a turma:

  • Por que será que esta caixa foi colocada ao centro? E por que cada um deve segurar uma borracha?
  • As carteiras da nossa sala de aula estão sempre organizadas desta forma? Todos sabem indicar a cadeira que sentam?
  • Será possível representar a nossa sala de aula nesta caixa?
  • Conseguiu localizar o seu lugar na maquete?
  • Todos os objetos da sala estão na maquete?

Atividade principal (slides 4 e 5) select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientação: Utilizando plástico transparente o professor prende em cima da caixa na maquete, como se fosse uma tampa e pede que observem novamente. Em seguida, utilizando marcador permanente ele vai desenhando o contorno de cada elemento da sala: carteiras, lixeira, armário, mesa do professor, entre outros. Por último, deixa o quadro, janelas e porta, por ser mais abstrata a visão de cima, mas destaca que estes também devem ser representados em forma de planta baixa. Feito isso, todos observam novamente a caixa, sempre com o olhar de cima para que comparem e compreendam a visão vertical.

Depois, solicita que retornem aos seus lugares, destaca o plástico e prende numa cartolina, entrega uma folha sulfite a cada um, pede que a dobrem ao meio (no formato paisagem) e do lado esquerdo copiem o desenho da planta baixa que foi produzida, marcando com X o lugar que senta. Neste momento, é imprescindível que o professor circule pela sala para observar se todos conseguem fazer a transposição para a folha que tem em mãos, sem trocar, por exemplo, a porta de lado ou outras dificuldades que podem aparecer.

Após, pede que reorganizem as carteiras, em forma de fileiras e no lado direito da folha deverão elaborar a planta baixa da sala, agora em formato diferente, como ela está organizada no momento, em fileiras. Para encerrar, deverão contornar e pintar na planta a carteira que ocupam. Podem trocar os desenhos entre os colegas para que comparem se todos os elementos foram contemplados e também para que o colega comprove, analisando a sala de aula se o lugar que senta é o mesmo que foi circulado na planta baixa.

Propósito: Partir do sólido para o plano, elaborando planta baixa da sala de aula com autonomia.

Discuta com a turma:

  • Será que foram representados todos os elementos da sala?
  • Localizou o lugar em que senta nas duas plantas baixas?
  • Em relação às duas formas de organizar a sala, o que mudou?

Discussão da solução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientação: Ao propor uma discussão sobre as respostas para a situação apresentada, é esperado que os alunos comparem a sua sala com a construção da maquete e planta baixa, analisando e percebendo que por ser uma representação de um espaço, que todos os elementos da sala, ou os principais precisam estar dispostos de forma correta. Ou seja, se a porta é do lado direito na sala e a sua carteira é próxima a ela, isso precisa estar representado na maquete da mesma forma que na realidade, assim como a representação das carteiras, mesas, armários, janelas, entre outros. E, que ao fazer a planta baixa com a sala organizada em fileiras, as janelas, porta, armários, lixeira não alteram de lugar. As respostas serão variadas apenas em relação à posição que ocupam na sala e não com a disposição e organização dos móveis e objeto.

Propósito: Oportunizar reflexões e análises sobre as possibilidades das respostas, considerando a comparação entre o espaço da sala de aula e as formas de reproduzi-la e representá-la matematicamente.

Discuta com a turma:

  • Qual a diferença entre as duas plantas baixas?
  • E qual a semelhança entre elas?
  • As soluções podem ser diferentes?

Sistematização do conceito select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 4 minutos.

Orientação: Retomar os conceitos de maquete e planta baixa, esclarecendo as diferenças e destacando a visão vertical na elaboração de planta baixa.

Propósito: Diferenciar as formas de representação de um espaço, lendo, interpretando e compreendendo.

Encerramento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientação: Encerre a atividade fazendo-os entender que planta baixa é uma forma de representação de um espaço visto de cima.

Propósito: Conceituar as diferentes formas de representar a sala de aula, com ênfase na planta baixa.

Raio X select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Apresente a situação e peça que os alunos pensem e analisem como podem seguir para resolvê-la. Você pode projetar, passar no quadro ou fazer cópia para os alunos. O raio x é um momento para você avaliar se todos os estudantes conseguiram avançar no conteúdo proposto, então procure identificar e anotar os comentários de cada um.

Propósito: Elaborar a planta baixa de uma sala de aula com base em uma organização diferente do convencional do dia a dia.

Discuta com a turma:

  • Será possível organizar a sala de forma que todos os grupos tenham 4 alunos? Pense e responda.
  • Você acha que a forma que você distribuiu e organizou a sala na sua planta baixa ficará igual ao dos colegas? Comente.

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete e/ou leia o objetivo para a turma.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.


Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Sonia Antunes Caregnato

Mentor: Cibele Diogo Kimura

Especialista de área: Pricilla Cristina Mendes Cerqueira

Habilidade da BNCC

(EF02MA13) Esboçar roteiros a ser seguidos ou plantas de ambientes familiares, assinalando entradas, saídas e alguns pontos de referência.

Objetivos específicos

Compreender o espaço da sala de aula em que está inserido esboçando croquis e plantas baixas em situações diversas.

Conceito-chave

Planta baixa.

Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca;
  • Caixa grande (no tamanho de uma caixa de botas);
  • Plástico transparente;
  • Fita adesiva;
  • Tesoura;
  • Canetinha/marcador permanente;
  • Materiais recicláveis, como caixas de remédios e outras;
  • Borracha (cada aluno com a sua);
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno ou não.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientação: Realize uma conversa inicial sobre maquete e planta baixa. Pergunte se sabem o que é maquete e planta baixa, escute com atenção o conhecimento que apresentam, mas esclareça que maquete é a representação reduzida de determinados espaços: parque, praça, casa, prédio, entre outros, como também de cômodos e que uma maquete pode ser feita de qualquer espaço, utilizando materiais diversos. Já a planta baixa representa a forma plana destes espaços, porém sempre com a visão de cima. Para auxiliar o professor, sugere-se que pesquise em sites de buscas algumas imagens de maquetes e plantas baixas para mostrar e exemplificar aos alunos.

Propósito: A partir de uma conversa inicial, analisar os conhecimentos que a turma tem sobre maquete e planta baixa e contribuir com a aprendizagem, apresentando definições e exemplos.

Discuta com a turma:

  • Qual a diferença entre maquete e planta baixa?
  • Podemos fazer uma maquete da nossa sala de aula? E da escola? E o que mais?
  • Se mostrar algumas plantas baixas, vocês sabem dizer de qual ambiente são?
  • Como é possível identificar os desenhos representados?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientação: O professor providencia antecipadamente uma caixa grande (no tamanho de uma caixa de botas), plástico transparente, fita adesiva, tesoura e canetinha/marcador permanente. Também solicita aos alunos que tragam para a sala de aula alguns materiais recicláveis, como caixas de remédios e outras, com formas arredondadas (todos os materiais trazidos deverão ser guardados numa caixa que poderá ser utilizado em atividades complementares).

Considerando que a sala de aula é um ambiente familiar, que faz parte do cotidiano, o professor solicita que organizem as carteiras em forma de U, peguem a sua borracha em mãos e sentem em círculo. A caixa que o professor trouxe deverá ser colocada ao centro, sendo esta uma forma curiosa e atrativa às crianças para abordar o conteúdo a ser trabalhado.

Após algumas conversas e questionamentos sobre a atividade a ser feita, o professor explica que a caixa representa a sala de aula e cada um deverá colocar a borracha (que representa a sua carteira) na caixa de acordo com a posição que ocupa na sala. Porém, antes disso, pede que comparem a caixa com a sala e mostrem onde fica a porta, janelas e quadro para que o professor faça o desenho com canetinha e até recorte a porta. Depois que cada um representou o seu lugar, questiona sobre o que mais tem na sala que pode ser representado pelos materiais, solicitando que façam a representação de acordo com as respostas apresentadas. É claro, que de forma ordenada e organizada, pois não será necessário utilizar todos os materiais e nem todos os alunos poderão participar fazendo e construindo, mas observando e aprendendo. Ao final, o professor explica que fizeram uma maquete coletiva da sala de aula e que a atividade a seguir será uma planta baixa, para isso todos devem observar a representação com olhar de cima.

Propósito: Compreender a construção e representação de uma maquete.

Discuta com a turma:

  • Por que será que esta caixa foi colocada ao centro? E por que cada um deve segurar uma borracha?
  • As carteiras da nossa sala de aula estão sempre organizadas desta forma? Todos sabem indicar a cadeira que sentam?
  • Será possível representar a nossa sala de aula nesta caixa?
  • Conseguiu localizar o seu lugar na maquete?
  • Todos os objetos da sala estão na maquete?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientação: Utilizando plástico transparente o professor prende em cima da caixa na maquete, como se fosse uma tampa e pede que observem novamente. Em seguida, utilizando marcador permanente ele vai desenhando o contorno de cada elemento da sala: carteiras, lixeira, armário, mesa do professor, entre outros. Por último, deixa o quadro, janelas e porta, por ser mais abstrata a visão de cima, mas destaca que estes também devem ser representados em forma de planta baixa. Feito isso, todos observam novamente a caixa, sempre com o olhar de cima para que comparem e compreendam a visão vertical.

Depois, solicita que retornem aos seus lugares, destaca o plástico e prende numa cartolina, entrega uma folha sulfite a cada um, pede que a dobrem ao meio (no formato paisagem) e do lado esquerdo copiem o desenho da planta baixa que foi produzida, marcando com X o lugar que senta. Neste momento, é imprescindível que o professor circule pela sala para observar se todos conseguem fazer a transposição para a folha que tem em mãos, sem trocar, por exemplo, a porta de lado ou outras dificuldades que podem aparecer.

Após, pede que reorganizem as carteiras, em forma de fileiras e no lado direito da folha deverão elaborar a planta baixa da sala, agora em formato diferente, como ela está organizada no momento, em fileiras. Para encerrar, deverão contornar e pintar na planta a carteira que ocupam. Podem trocar os desenhos entre os colegas para que comparem se todos os elementos foram contemplados e também para que o colega comprove, analisando a sala de aula se o lugar que senta é o mesmo que foi circulado na planta baixa.

Propósito: Partir do sólido para o plano, elaborando planta baixa da sala de aula com autonomia.

Discuta com a turma:

  • Será que foram representados todos os elementos da sala?
  • Localizou o lugar em que senta nas duas plantas baixas?
  • Em relação às duas formas de organizar a sala, o que mudou?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientação: Ao propor uma discussão sobre as respostas para a situação apresentada, é esperado que os alunos comparem a sua sala com a construção da maquete e planta baixa, analisando e percebendo que por ser uma representação de um espaço, que todos os elementos da sala, ou os principais precisam estar dispostos de forma correta. Ou seja, se a porta é do lado direito na sala e a sua carteira é próxima a ela, isso precisa estar representado na maquete da mesma forma que na realidade, assim como a representação das carteiras, mesas, armários, janelas, entre outros. E, que ao fazer a planta baixa com a sala organizada em fileiras, as janelas, porta, armários, lixeira não alteram de lugar. As respostas serão variadas apenas em relação à posição que ocupam na sala e não com a disposição e organização dos móveis e objeto.

Propósito: Oportunizar reflexões e análises sobre as possibilidades das respostas, considerando a comparação entre o espaço da sala de aula e as formas de reproduzi-la e representá-la matematicamente.

Discuta com a turma:

  • Qual a diferença entre as duas plantas baixas?
  • E qual a semelhança entre elas?
  • As soluções podem ser diferentes?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 4 minutos.

Orientação: Retomar os conceitos de maquete e planta baixa, esclarecendo as diferenças e destacando a visão vertical na elaboração de planta baixa.

Propósito: Diferenciar as formas de representação de um espaço, lendo, interpretando e compreendendo.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientação: Encerre a atividade fazendo-os entender que planta baixa é uma forma de representação de um espaço visto de cima.

Propósito: Conceituar as diferentes formas de representar a sala de aula, com ênfase na planta baixa.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Apresente a situação e peça que os alunos pensem e analisem como podem seguir para resolvê-la. Você pode projetar, passar no quadro ou fazer cópia para os alunos. O raio x é um momento para você avaliar se todos os estudantes conseguiram avançar no conteúdo proposto, então procure identificar e anotar os comentários de cada um.

Propósito: Elaborar a planta baixa de uma sala de aula com base em uma organização diferente do convencional do dia a dia.

Discuta com a turma:

  • Será possível organizar a sala de forma que todos os grupos tenham 4 alunos? Pense e responda.
  • Você acha que a forma que você distribuiu e organizou a sala na sua planta baixa ficará igual ao dos colegas? Comente.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Geometria do 2º ano :

Com o plano de aula sobre geometria, os alunos aprendem localização espacial, leitura e elaboração de plantas baixas, reconhecimento de figuras planas, sólidos geométricos e suas propriedades, problemas envolvendo formas geométricas e suas características.

MAIS AULAS DE Matemática do 2º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF02MA13 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Curso relacionado ao Plano

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Matemática

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano