11245
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Plano de aula - Os ngulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal de base 60.

Plano de aula de Matemática com atividades para 6º ano do Fundamental sobre Operações com ângulos.

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Alex de Cassio Macedo

 

Objetivo da aula select-down

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Alex de Cassio Macedo

Mentor: Maria Aparecida Nemet

Especialista de área: Fernando Barnabé




Habilidade da BNCC

EF06MA23 - Reconhecer a abertura do ângulo como grandeza associada às figuras geométricas.

EF06MA24 Resolver problemas que envolvam a noção de ângulo em diferentes contextos e em situações reais, como ângulo de visão.






Objetivos específicos

Desenvolver a capacidade de realizar operações com medidas sexagesimais para resolver problemas de ângulos utilizando graus, minutos e segundos.





Conceito-chave

Operações com ângulos.





Recursos necessários

  • Atividades impressas em folhas.
  • Régua, transferidor, lápis, borracha, caderno.

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete ou escreva na lousa e leia com a turma o objetivo da aula.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula com os alunos.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Vocês lembram do Sistema sexagesimal?
  • Caso perceba que os alunos não se recordam da base 60, faça uma retomada breve com os pontos essenciais sobre o tema.
  • Quantos minutos tem um grau? E quantos segundos tem um minuto?
  • Deixe que eles se expressem livremente até que seja comum a todos esta informação.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Alguém consegue perceber porque não continuaremos a dividir, o resto menor que o divisor?
  • Não continuaremos porque é inadmissível um valor decimal no registro em sistema sexagesimal e ainda o resto representa o valor em segundos.
  • Perceberam que o quociente é maior que 60? O que fazer?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor superior a 60 na casa dos minutos e segundos é necessário que façamos adequações.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Alguém consegue perceber porque não continuaremos a dividir, o resto menor que o divisor?
  • Não continuaremos porque é inadmissível um valor decimal no registro em sistema sexagesimal e ainda o resto representa o valor em minutos.
  • Perceberam que o quociente é maior que 60? O que fazer?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor superior a 60 na casa dos minutos e segundos é necessário que façamos adequações.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • O que significa um ângulo complementar? E um suplementar
  • Provoque a exposição dos alunos e deixe que se expressem, sistematize e organize as ideias que surgirem entes de avançar n slide..

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Qual o complementar de 65°?
  • Provoque-os para que façam mentalmente este cálculo antes de avançar no slide.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • O que fazer com a falta de números na casa dos minutos e segundos neste caso?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor exato de grau são omitidos as casas de minutos e segundos, usa-se então a regra do sistema sexagesimal para completar as casa.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • O que fazer com a falta de números na casa dos minutos e segundos neste caso?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor exato de grau são omitidos as casas de minutos e segundos, usa-se então a regra do sistema sexagesimal para completar as casa.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • O que fazer com a falta de números na casa dos minutos e segundos neste caso?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor exato de grau são omitidos as casas de minutos e segundos, usa-se então a regra do sistema sexagesimal para completar as casa.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • O que fazer com a falta de números na casa dos minutos e segundos neste caso?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor exato de grau são omitidos as casas de minutos e segundos, usa-se então a regra do sistema sexagesimal para completar as casa.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Na casa dos minutos e segundo estão apenas valores menores que 60? E agora?
  • Ao realizar esta pergunta antes de avançar o slide o professor pode reforçar a ideia de que as medidas devem ser adequadas..

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Na casa dos minutos e segundo estão apenas valores menores que 60? E agora?
  • Ao realizar esta pergunta antes de avançar o slide o professor pode reforçar a ideia de que as medidas devem ser adequadas..

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Na casa dos minutos e segundo estão apenas valores menores que 60? E agora?
  • Ao realizar esta pergunta antes de avançar o slide o professor pode reforçar a ideia de que as medidas devem ser adequadas..

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Na casa dos minutos e segundo estão apenas valores menores que 60? E agora?
  • Ao realizar esta pergunta antes de avançar o slide o professor pode reforçar a ideia de que as medidas devem ser adequadas..

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Será que podemos multiplicar esta medida da mesma maneira que fazemos no sistema decimal?
  • Esta reflexão ajudará o aluno a compreender que as “casa” devem ser multiplicada separadamente pois os empréstimos não possuem o mesmo valor nos dois sistemas.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Será que podemos multiplicar esta medida da mesma maneira que fazemos no sistema decimal?
  • Esta reflexão ajudará o aluno a compreender que as “casa” devem ser multiplicada separadamente pois os empréstimos não possuem o mesmo valor nos dois sistemas.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.los de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Quem lembra o que significa bissetriz de um ângulo?
  • Deixe que os alunos coloquem seus conhecimentos sobre o assunto, organize os conceitos e sistematize antes de avançar o slide.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Por que separar as casas?
  • Esta reflexão ajuda o aluno a memorizar e compreender o algoritmo de divisão destas medidas.

Retomada select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Por que separar as casas?
  • Esta reflexão ajuda o aluno a memorizar e compreender o algoritmo de divisão destas medidas.

Atividade Principal select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 21 ao 22).

Orientações: A atividade principal apresenta quatro situações onde os alunos devem encontrar as medidas de ângulos complementares. Suplementares e da bissetriz de um determinado ângulo que estão expressos em sistema sexagesimal. Deixe que os alunos se organizem em duplas, distribua as folhas impressas com a atividade e oriente para que busquem uma maneira de resolver o problema proposto. Durante esta resolução circule pela sala e questione os alunos sobre suas resoluções, peça-lhes que expliquem suas estratégias, isso os ajudará a se apropriarem do que estão aprendendo.

Materiais complementares para impressão:
Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Atividade Principal. select-down

Tempo previsto: 15 minutos (slide 21 ao 22).

Orientações: A atividade principal apresenta quatro situações onde os alunos devem encontrar as medidas de ângulos complementares. Suplementares e da bissetriz de um determinado ângulo que estão expressos em sistema sexagesimal. Deixe que os alunos se organizem em duplas, distribua as folhas impressas com a atividade e oriente para que busquem uma maneira de resolver o problema proposto. Durante esta resolução circule pela sala e questione os alunos sobre suas resoluções, peça-lhes que expliquem suas estratégias, isso os ajudará a se apropriarem do que estão aprendendo.

A folha de atividades pode ser impressa Aqui!

Discussão da solução. select-down

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Discussão da solução. select-down

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Discussão da solução. select-down

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Discussão da solução select-down

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Discussão da solução select-down

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Discussão da solução select-down

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Encerramento select-down

Tempo previsto: 3 minutos.

Orientações: Neste momento é importante destacar o aprendizado e tornar o objetivo da aula consciente e consolidar os conceitos utilizados.

Propósito: Discutir os passos das atividades e o conceito aprofundado na aula.

Discuta com a turma:

  • Em quais outras situações podem ser utilizados os métodos aprendidos nesta aula?

Atividade de raio X select-down

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientação: Você deve ter a atividade impressa, projetá-la ou escrevê-la na lousa. Instrua que os alunos resolvam a atividade individualmente.

Propósito: Avaliar se os alunos conseguem fazer a transformação entre as unidades de medida.

Materiais Complementares:

Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete ou escreva na lousa e leia com a turma o objetivo da aula.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula com os alunos.


Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Alex de Cassio Macedo

Mentor: Maria Aparecida Nemet

Especialista de área: Fernando Barnabé




Habilidade da BNCC

EF06MA23 - Reconhecer a abertura do ângulo como grandeza associada às figuras geométricas.

EF06MA24 Resolver problemas que envolvam a noção de ângulo em diferentes contextos e em situações reais, como ângulo de visão.






Objetivos específicos

Desenvolver a capacidade de realizar operações com medidas sexagesimais para resolver problemas de ângulos utilizando graus, minutos e segundos.





Conceito-chave

Operações com ângulos.





Recursos necessários

  • Atividades impressas em folhas.
  • Régua, transferidor, lápis, borracha, caderno.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Vocês lembram do Sistema sexagesimal?
  • Caso perceba que os alunos não se recordam da base 60, faça uma retomada breve com os pontos essenciais sobre o tema.
  • Quantos minutos tem um grau? E quantos segundos tem um minuto?
  • Deixe que eles se expressem livremente até que seja comum a todos esta informação.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Alguém consegue perceber porque não continuaremos a dividir, o resto menor que o divisor?
  • Não continuaremos porque é inadmissível um valor decimal no registro em sistema sexagesimal e ainda o resto representa o valor em segundos.
  • Perceberam que o quociente é maior que 60? O que fazer?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor superior a 60 na casa dos minutos e segundos é necessário que façamos adequações.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Alguém consegue perceber porque não continuaremos a dividir, o resto menor que o divisor?
  • Não continuaremos porque é inadmissível um valor decimal no registro em sistema sexagesimal e ainda o resto representa o valor em minutos.
  • Perceberam que o quociente é maior que 60? O que fazer?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor superior a 60 na casa dos minutos e segundos é necessário que façamos adequações.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • O que significa um ângulo complementar? E um suplementar
  • Provoque a exposição dos alunos e deixe que se expressem, sistematize e organize as ideias que surgirem entes de avançar n slide..

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Qual o complementar de 65°?
  • Provoque-os para que façam mentalmente este cálculo antes de avançar no slide.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • O que fazer com a falta de números na casa dos minutos e segundos neste caso?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor exato de grau são omitidos as casas de minutos e segundos, usa-se então a regra do sistema sexagesimal para completar as casa.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • O que fazer com a falta de números na casa dos minutos e segundos neste caso?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor exato de grau são omitidos as casas de minutos e segundos, usa-se então a regra do sistema sexagesimal para completar as casa.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • O que fazer com a falta de números na casa dos minutos e segundos neste caso?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor exato de grau são omitidos as casas de minutos e segundos, usa-se então a regra do sistema sexagesimal para completar as casa.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • O que fazer com a falta de números na casa dos minutos e segundos neste caso?
  • Chamar atenção dos alunos para este detalhe é importante, faça com que percebam que quando temos um valor exato de grau são omitidos as casas de minutos e segundos, usa-se então a regra do sistema sexagesimal para completar as casa.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Na casa dos minutos e segundo estão apenas valores menores que 60? E agora?
  • Ao realizar esta pergunta antes de avançar o slide o professor pode reforçar a ideia de que as medidas devem ser adequadas..

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Na casa dos minutos e segundo estão apenas valores menores que 60? E agora?
  • Ao realizar esta pergunta antes de avançar o slide o professor pode reforçar a ideia de que as medidas devem ser adequadas..

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Na casa dos minutos e segundo estão apenas valores menores que 60? E agora?
  • Ao realizar esta pergunta antes de avançar o slide o professor pode reforçar a ideia de que as medidas devem ser adequadas..

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Na casa dos minutos e segundo estão apenas valores menores que 60? E agora?
  • Ao realizar esta pergunta antes de avançar o slide o professor pode reforçar a ideia de que as medidas devem ser adequadas..

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Será que podemos multiplicar esta medida da mesma maneira que fazemos no sistema decimal?
  • Esta reflexão ajudará o aluno a compreender que as “casa” devem ser multiplicada separadamente pois os empréstimos não possuem o mesmo valor nos dois sistemas.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Será que podemos multiplicar esta medida da mesma maneira que fazemos no sistema decimal?
  • Esta reflexão ajudará o aluno a compreender que as “casa” devem ser multiplicada separadamente pois os empréstimos não possuem o mesmo valor nos dois sistemas.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.los de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Quem lembra o que significa bissetriz de um ângulo?
  • Deixe que os alunos coloquem seus conhecimentos sobre o assunto, organize os conceitos e sistematize antes de avançar o slide.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal”.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Por que separar as casas?
  • Esta reflexão ajuda o aluno a memorizar e compreender o algoritmo de divisão destas medidas.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 3 ao slide 20).

Orientações: Neste momento é importante fazer uma retomada do sistema sexagesimal para realizar sua introdução às operações com medidas de ângulos, bem como reavivar os conceitos de ângulo complementar, suplementar e bissetriz de um ângulo. Explique aos alunos que os babilônios utilizavam um sistema de numeração de base 60, conhecido como Sistema Sexagesimal, esse sistema de numeração necessita de 60 algarismos diferentes de 0 a 59. Para melhor orientar seus alunos acesse aqui o material completo sobre “Os Ângulos e o Sistema de Numeração Sexagesimal.

Propósito: Promover uma retomada de conceitos e contextualizar as operações com medidas de ângulos no sistema sexagesimal como base adequada para o registro dos submúltiplos de ângulos.

Discuta com a turma;

  • Por que separar as casas?
  • Esta reflexão ajuda o aluno a memorizar e compreender o algoritmo de divisão destas medidas.

Tempo previsto: 15 minutos (slide 21 ao 22).

Orientações: A atividade principal apresenta quatro situações onde os alunos devem encontrar as medidas de ângulos complementares. Suplementares e da bissetriz de um determinado ângulo que estão expressos em sistema sexagesimal. Deixe que os alunos se organizem em duplas, distribua as folhas impressas com a atividade e oriente para que busquem uma maneira de resolver o problema proposto. Durante esta resolução circule pela sala e questione os alunos sobre suas resoluções, peça-lhes que expliquem suas estratégias, isso os ajudará a se apropriarem do que estão aprendendo.

Materiais complementares para impressão:
Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Tempo previsto: 15 minutos (slide 21 ao 22).

Orientações: A atividade principal apresenta quatro situações onde os alunos devem encontrar as medidas de ângulos complementares. Suplementares e da bissetriz de um determinado ângulo que estão expressos em sistema sexagesimal. Deixe que os alunos se organizem em duplas, distribua as folhas impressas com a atividade e oriente para que busquem uma maneira de resolver o problema proposto. Durante esta resolução circule pela sala e questione os alunos sobre suas resoluções, peça-lhes que expliquem suas estratégias, isso os ajudará a se apropriarem do que estão aprendendo.

A folha de atividades pode ser impressa Aqui!

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Tempo previsto: 8 minutos (slide 23 ao slide 28).

Orientações: Os próximos slides vão discutir uma possibilidade de resolução, é importante que você apresente a solução aqui proposta como uma provocação para que os alunos mostrem como resolveram, tanto os alunos que chegaram a uma solução correta quanto aqueles que erraram ou não chegaram a solução nenhuma.

Propósito: Provocar a discussão de soluções.

Tempo previsto: 3 minutos.

Orientações: Neste momento é importante destacar o aprendizado e tornar o objetivo da aula consciente e consolidar os conceitos utilizados.

Propósito: Discutir os passos das atividades e o conceito aprofundado na aula.

Discuta com a turma:

  • Em quais outras situações podem ser utilizados os métodos aprendidos nesta aula?

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientação: Você deve ter a atividade impressa, projetá-la ou escrevê-la na lousa. Instrua que os alunos resolvam a atividade individualmente.

Propósito: Avaliar se os alunos conseguem fazer a transformação entre as unidades de medida.

Materiais Complementares:

Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Grandezas e Medidas do 6º ano :

Com o plano de aula sobre grandezas e medidas os alunos aprendem a resolver problemas de medidas envolvendo grandezas como comprimento, massa, tempo, temperatura, área, capacidade e volume; ampliam a noção de ângulo, interpretando, descrevendo e desenhando plantas baixas simples de residências e vistas aéreas; analisam e as mudanças no perímetro e na área de um quadrado obtido por ampliação ou redução.

MAIS AULAS DE Matemática do 6º ano:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Matemática

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano