9586
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Plano de aula - Usando a calculadora

Plano de aula de Matemática com atividades para 2º ano do Fundamental sobre Aplicar os princípios do sistema de numeração decimal: formação da centena (10 dezenas) e o valor posicional dos algarismos no número.

Plano 03 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Eliane Barreto Maia Santos

ESTE É UM CONTEÚDO PARA O SAEB Ver Mais >
 

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Eliane Barreto Maia Santos

Mentor: Carina do Espírito Santo

Especialista de área: Luciana Maria Tenuta de Freitas

Habilidade da BNCC:

(EF02MA01) Comparar e ordenar números naturais (até a ordem das centenas) pela compreensão de características do sistema de numeração decimal (valor posicional e função do zero)

Objetivos específicos

Aplicar os princípios do sistema de numeração decimal: formação da centena (10 dezenas) e o valor posicional dos algarismos no número.

Conceito-chave

Sistema de numeração decimal, uso da calculadora.

Recursos necessários

  • Lápis, borracha;
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno;
  • Calculadoras, 1 para cada dupla.

Tempo estimado: 2 minutos

Orientação:

Leia com a turma o objetivo da aula para refletir sobre o significado, perguntando “Quem entendeu o que o objetivo quer dizer?”. Peça que comentem o que sabem sobre o tema.

Propósito: Apresentar o objetivo da aula aos alunos.

Aquecimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo estimado: 3 minutos (slides 3 e 4)

Orientações para o professor:

Alunos devem estar organizados em duplas de forma que um aluno possa ajudar o outro, devem estar em diferentes níveis de aprendizagem.

Pergunte quem já utilizou a calculadora e o que sabe fazer nela (esse momento é muito oportuno para saber de onde partir, o que já sabem fazer, que tipo de ajuda precisarão).

Estimule os alunos a responder às questões de formação de dezenas e centenas oralmente para que possam iniciar a atividade principal com essa ideia bem clara.

Propósito: Retomar a formação das dezenas e centenas.

Aquecimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo estimado: 3 minutos (slides 3 e 4)

Orientações para o professor:

Distribuir uma calculadora para cada dupla. Devem usá-la apoiada sobre a mesa para evitar quedas e mal funcionamento e por permitir melhor visualização pela dupla.

Deixe que a explorem no primeiro minuto, favoreça a familiarização da ferramenta.

Pergunte qual tecla liga e qual desliga a máquina (explorar as funções, se existe pilha para que funcione, bateria…).

Peça que localizem os números na calculadora e digitem alguns deles.

Pergunte como se faz para apagar e escrever outros números, qual tecla deve ser utilizada.

Localize as teclas das quatro operações básicas e peça que façam operações aleatórias.

Propósito: Apresentar a calculadora como ferramenta de aprendizagem.

Atividade principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 20 minutos (slides 5 - 7)

Orientações para o professor:

Alunos organizados em duplas, farão a atividade juntos, deverão definir quem fará a digitação de cada operação, é importante que as duas crianças possam fazê-lo, revezando.

  • Circule entre as mesas, verificando se os alunos conseguem perceber a regularidade nos resultados (todos eles são 100, a centena). Se perceberem verbalizarão.
  • Converse sobre o que perceberam, poderão dizer:

- Que todas as operações resultam em 100, que é uma centena;

- Que a primeira parcela de cada operação forma sequência de 10 em 10 (olhando de cima para baixo);

- Que a segunda parcela vai diminuindo 10 a cada linha (olhando de cima para baixo);

- Que se tirarmos o algarismo zero de cada valor, teremos uma sequência numérica formada apenas por unidades, que somadas formam uma dezena.

É possível que percebam a regularidade e terminem sem auxílio da calculadora, fazendo cálculo mental. Nesse caso, incentive-os!

Registre as operações em papel kraft e deixe exposto na sala para que os alunos consultem, para favorecer a formação de repertório de cálculo mental.

O registro das regularidades pode ser feito coletivamente, após a discussão das percepções dos alunos. Registre as ideias principais das falas das crianças, depois organize a resposta, perguntando “O que devemos escrever então? O que é mais importante deixar registrado?”

Propósito: Perceber a calculadora como ferramenta de aprendizagem e trabalhar com a relação entre as ordens na formação do números.

Materiais Complementares:

Atividade para impressão

Resolução da atividade

Guia de intervenção

Atividade principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 20 minutos (slides 5 - 7)

Orientações para o professor:

Alunos organizados em duplas, farão a atividade juntos, deverão definir quem fará a digitação de cada operação, é importante que as duas crianças possam fazê-lo, revezando.

Circule entre as mesas para perceber se estão com dificuldades. Explique que fazer estimativas ajuda muita nesta atividade, por exemplo, se tenho 45 e quero obter 100, posso pensar que se 50 + 50 =100, então o valor procurado é próximo de 50. Peça que experimentem digitar números para ajudar a encontrar o valor procurado. Se não conseguir estimar, as tentativas o conduzirão ao valor.

Caso sintam necessidade de fazer anotações no caderno, permita os registros auxiliares de memória, já que farão as operações na calculadora.

Propósito: Perceber a calculadora como ferramenta de aprendizagem e trabalhar com a relação entre as ordens na formação do números.

Atividade principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 20 minutos (slides 5 - 7)

Orientações para o professor:

Alunos organizados em duplas, farão a atividade juntos, deverão definir quem fará a digitação de cada operação, é importante que as duas crianças possam fazê-lo, revezando.

Circule entre as mesas para perceber se estão com dificuldades.

Explique que fazer estimativas pode auxiliar a encontrar o valor procurado. Se quer saber que operação deve fazer para que o algarismo 3 vire 4 no número 238, estimar ajuda muito! Por exemplo, se tenho 45 e quero obter 100, posso pensar que se 50 + 50 = 100, então o valor procurado é próximo de 50. Peça que experimentem digitar números para ajudar a encontrar o valor procurado. Se não conseguir estimar, as tentativas o conduzirão ao valor.

Caso sintam necessidade de fazer anotações no caderno, permita os registros auxiliares de memória, já que farão as operações na calculadora.

Propósito: Perceber a calculadora como ferramenta de aprendizagem.

Discuta com a turma:

  • O que foi mais trabalhoso na hora de fazer os cálculos utilizando a calculadora?
  • Você julga esse instrumento como útil em sua aprendizagem? Por quê?
  • Todos os alunos conseguiram realizar as atividades? Em caso negativo, qual foi a causa?

Painel de soluções select-down

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 10 minutos

Orientações para o professor:

Incentive os alunos a mostrar diferentes composições e valorizá-las.

Converse sobre as estratégias utilizadas, quais facilitam encontrar o valor.

Retome a importância de fazer estimativas, pois estamos utilizando a calculadora, mas ela não pensa, só calcula o que registramos. É preciso pensar para saber o que digitar, ou ficaremos tentando e errando até encontrar o valor. No caso de 69 para completar 99, estimar quanto é necessário aumentar no 60 para completar o 90.

Anote no quadro algumas soluções apresentadas pelas crianças e valide com a turma. Elenque algumas para registrar no papel kraft. Deixe exposto na sala, para consultas posteriores.

Peça para que os alunos anotem mais de uma forma, diferentes das suas, as que acharem mais interessantes e anotem o nome do autor.

Propósito: Socializar e discutir as soluções encontradas na resolução da atividade principal.

sistematização do conceito select-down

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 2 minutos

Orientações para o professor:

Peça às crianças que leiam, revezando e reflitam sobre o texto.

Indique que as crianças registrem o conceito matemático da aula.

Propósito: Sistematizar o conceito matemático de formação de dezenas e centenas para a composição numérica.

Encerramento select-down

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 2 minutos

Orientações para o professor:

Leia com a turma, revezando a leitura das crianças com reflexão sobre o conteúdo.

Pergunte se acham necessário acrescentar ou alterar alguma informação.

Propósito: Fazer o fechamento da aula, percebendo que a calculadora pode ser uma ferramenta importante no cotidiano.

Raio X select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 11 minutos.

Orientações:

  • Peça aos alunos que, individualmente, leiam a atividade e a realizem, enfatize que sozinhos vão experimentar estratégias ou criar novas, com base no que já vivenciaram. Retome o Texto coletivo produzido na atividade anterior e verifique se é necessário complementar com mais alguma informação.

Propósitos:

  • Fazer com que os alunos pensem na formação dos números (diferentes formas de compor um número), no valor de cada algarismo que compõe os números, utilizando as ordens do sistema de numeração decimal.
  • Propiciar oportunidade para que os alunos que apresentam dificuldade de aprendizagem participem mais ativamente da aula, uma vez que as regularidades nos valores obtidos na “máquina” podem ser percebidas por todos. Esses alunos conseguirão participar da elaboração das conclusões.

Materiais Complementares:

Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Raio X select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações:

  • Peça aos alunos que, individualmente, leiam a atividade e a realizem, enfatize que sozinhos vão experimentar estratégias ou criar novas, com base no que já vivenciaram. Retome o Texto coletivo produzido na atividade anterior e verifique se é necessário complementar com mais alguma informação.

Propósitos:

  • Fazer com que os alunos pensem na formação dos números (diferentes formas de compor um número), no valor de cada algarismo que compõe os números, utilizando as ordens do sistema de numeração decimal.
  • Propiciar oportunidade para que os alunos que apresentam dificuldade de aprendizagem participem mais ativamente da aula, uma vez que as regularidades nos valores obtidos na “máquina” podem ser percebidas por todos. Esses alunos conseguirão participar da elaboração das conclusões.

Materiais complementares para impressão:

Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo estimado: 2 minutos

Orientação:

Leia com a turma o objetivo da aula para refletir sobre o significado, perguntando “Quem entendeu o que o objetivo quer dizer?”. Peça que comentem o que sabem sobre o tema.

Propósito: Apresentar o objetivo da aula aos alunos.


Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Eliane Barreto Maia Santos

Mentor: Carina do Espírito Santo

Especialista de área: Luciana Maria Tenuta de Freitas

Habilidade da BNCC:

(EF02MA01) Comparar e ordenar números naturais (até a ordem das centenas) pela compreensão de características do sistema de numeração decimal (valor posicional e função do zero)

Objetivos específicos

Aplicar os princípios do sistema de numeração decimal: formação da centena (10 dezenas) e o valor posicional dos algarismos no número.

Conceito-chave

Sistema de numeração decimal, uso da calculadora.

Recursos necessários

  • Lápis, borracha;
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno;
  • Calculadoras, 1 para cada dupla.
Slide Plano Aula

Tempo estimado: 3 minutos (slides 3 e 4)

Orientações para o professor:

Alunos devem estar organizados em duplas de forma que um aluno possa ajudar o outro, devem estar em diferentes níveis de aprendizagem.

Pergunte quem já utilizou a calculadora e o que sabe fazer nela (esse momento é muito oportuno para saber de onde partir, o que já sabem fazer, que tipo de ajuda precisarão).

Estimule os alunos a responder às questões de formação de dezenas e centenas oralmente para que possam iniciar a atividade principal com essa ideia bem clara.

Propósito: Retomar a formação das dezenas e centenas.

Slide Plano Aula

Tempo estimado: 3 minutos (slides 3 e 4)

Orientações para o professor:

Distribuir uma calculadora para cada dupla. Devem usá-la apoiada sobre a mesa para evitar quedas e mal funcionamento e por permitir melhor visualização pela dupla.

Deixe que a explorem no primeiro minuto, favoreça a familiarização da ferramenta.

Pergunte qual tecla liga e qual desliga a máquina (explorar as funções, se existe pilha para que funcione, bateria…).

Peça que localizem os números na calculadora e digitem alguns deles.

Pergunte como se faz para apagar e escrever outros números, qual tecla deve ser utilizada.

Localize as teclas das quatro operações básicas e peça que façam operações aleatórias.

Propósito: Apresentar a calculadora como ferramenta de aprendizagem.

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 20 minutos (slides 5 - 7)

Orientações para o professor:

Alunos organizados em duplas, farão a atividade juntos, deverão definir quem fará a digitação de cada operação, é importante que as duas crianças possam fazê-lo, revezando.

  • Circule entre as mesas, verificando se os alunos conseguem perceber a regularidade nos resultados (todos eles são 100, a centena). Se perceberem verbalizarão.
  • Converse sobre o que perceberam, poderão dizer:

- Que todas as operações resultam em 100, que é uma centena;

- Que a primeira parcela de cada operação forma sequência de 10 em 10 (olhando de cima para baixo);

- Que a segunda parcela vai diminuindo 10 a cada linha (olhando de cima para baixo);

- Que se tirarmos o algarismo zero de cada valor, teremos uma sequência numérica formada apenas por unidades, que somadas formam uma dezena.

É possível que percebam a regularidade e terminem sem auxílio da calculadora, fazendo cálculo mental. Nesse caso, incentive-os!

Registre as operações em papel kraft e deixe exposto na sala para que os alunos consultem, para favorecer a formação de repertório de cálculo mental.

O registro das regularidades pode ser feito coletivamente, após a discussão das percepções dos alunos. Registre as ideias principais das falas das crianças, depois organize a resposta, perguntando “O que devemos escrever então? O que é mais importante deixar registrado?”

Propósito: Perceber a calculadora como ferramenta de aprendizagem e trabalhar com a relação entre as ordens na formação do números.

Materiais Complementares:

Atividade para impressão

Resolução da atividade

Guia de intervenção

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 20 minutos (slides 5 - 7)

Orientações para o professor:

Alunos organizados em duplas, farão a atividade juntos, deverão definir quem fará a digitação de cada operação, é importante que as duas crianças possam fazê-lo, revezando.

Circule entre as mesas para perceber se estão com dificuldades. Explique que fazer estimativas ajuda muita nesta atividade, por exemplo, se tenho 45 e quero obter 100, posso pensar que se 50 + 50 =100, então o valor procurado é próximo de 50. Peça que experimentem digitar números para ajudar a encontrar o valor procurado. Se não conseguir estimar, as tentativas o conduzirão ao valor.

Caso sintam necessidade de fazer anotações no caderno, permita os registros auxiliares de memória, já que farão as operações na calculadora.

Propósito: Perceber a calculadora como ferramenta de aprendizagem e trabalhar com a relação entre as ordens na formação do números.

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 20 minutos (slides 5 - 7)

Orientações para o professor:

Alunos organizados em duplas, farão a atividade juntos, deverão definir quem fará a digitação de cada operação, é importante que as duas crianças possam fazê-lo, revezando.

Circule entre as mesas para perceber se estão com dificuldades.

Explique que fazer estimativas pode auxiliar a encontrar o valor procurado. Se quer saber que operação deve fazer para que o algarismo 3 vire 4 no número 238, estimar ajuda muito! Por exemplo, se tenho 45 e quero obter 100, posso pensar que se 50 + 50 = 100, então o valor procurado é próximo de 50. Peça que experimentem digitar números para ajudar a encontrar o valor procurado. Se não conseguir estimar, as tentativas o conduzirão ao valor.

Caso sintam necessidade de fazer anotações no caderno, permita os registros auxiliares de memória, já que farão as operações na calculadora.

Propósito: Perceber a calculadora como ferramenta de aprendizagem.

Discuta com a turma:

  • O que foi mais trabalhoso na hora de fazer os cálculos utilizando a calculadora?
  • Você julga esse instrumento como útil em sua aprendizagem? Por quê?
  • Todos os alunos conseguiram realizar as atividades? Em caso negativo, qual foi a causa?

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 10 minutos

Orientações para o professor:

Incentive os alunos a mostrar diferentes composições e valorizá-las.

Converse sobre as estratégias utilizadas, quais facilitam encontrar o valor.

Retome a importância de fazer estimativas, pois estamos utilizando a calculadora, mas ela não pensa, só calcula o que registramos. É preciso pensar para saber o que digitar, ou ficaremos tentando e errando até encontrar o valor. No caso de 69 para completar 99, estimar quanto é necessário aumentar no 60 para completar o 90.

Anote no quadro algumas soluções apresentadas pelas crianças e valide com a turma. Elenque algumas para registrar no papel kraft. Deixe exposto na sala, para consultas posteriores.

Peça para que os alunos anotem mais de uma forma, diferentes das suas, as que acharem mais interessantes e anotem o nome do autor.

Propósito: Socializar e discutir as soluções encontradas na resolução da atividade principal.

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 2 minutos

Orientações para o professor:

Peça às crianças que leiam, revezando e reflitam sobre o texto.

Indique que as crianças registrem o conceito matemático da aula.

Propósito: Sistematizar o conceito matemático de formação de dezenas e centenas para a composição numérica.

Slide Plano Aula

Tempo da atividade: 2 minutos

Orientações para o professor:

Leia com a turma, revezando a leitura das crianças com reflexão sobre o conteúdo.

Pergunte se acham necessário acrescentar ou alterar alguma informação.

Propósito: Fazer o fechamento da aula, percebendo que a calculadora pode ser uma ferramenta importante no cotidiano.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 11 minutos.

Orientações:

  • Peça aos alunos que, individualmente, leiam a atividade e a realizem, enfatize que sozinhos vão experimentar estratégias ou criar novas, com base no que já vivenciaram. Retome o Texto coletivo produzido na atividade anterior e verifique se é necessário complementar com mais alguma informação.

Propósitos:

  • Fazer com que os alunos pensem na formação dos números (diferentes formas de compor um número), no valor de cada algarismo que compõe os números, utilizando as ordens do sistema de numeração decimal.
  • Propiciar oportunidade para que os alunos que apresentam dificuldade de aprendizagem participem mais ativamente da aula, uma vez que as regularidades nos valores obtidos na “máquina” podem ser percebidas por todos. Esses alunos conseguirão participar da elaboração das conclusões.

Materiais Complementares:

Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações:

  • Peça aos alunos que, individualmente, leiam a atividade e a realizem, enfatize que sozinhos vão experimentar estratégias ou criar novas, com base no que já vivenciaram. Retome o Texto coletivo produzido na atividade anterior e verifique se é necessário complementar com mais alguma informação.

Propósitos:

  • Fazer com que os alunos pensem na formação dos números (diferentes formas de compor um número), no valor de cada algarismo que compõe os números, utilizando as ordens do sistema de numeração decimal.
  • Propiciar oportunidade para que os alunos que apresentam dificuldade de aprendizagem participem mais ativamente da aula, uma vez que as regularidades nos valores obtidos na “máquina” podem ser percebidas por todos. Esses alunos conseguirão participar da elaboração das conclusões.

Materiais complementares para impressão:

Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Números do 2º ano :

Com o plano de aula sobre números, os alunos aprendem leitura, escrita e comparação de números de até três algarismos, utilização de contagens de 2 em 2, 5 em 5 e 10 em 10 no cálculo mental de adição e subtração, criação de estratégias pessoais e uso de algoritmos para cálculo e resolução de problemas envolvendo adição, subtração e multiplicação por 2 e 3, dobro e triplo, metade, terça parte e representação na reta numerada.

MAIS AULAS DE Matemática do 2º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF02MA03 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF02MA04 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF02MA01 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Curso relacionado ao Plano

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Matemática

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano