10963
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Plano de aula - A MIDIA INFLUENTE! GRÁFICOS QUE PODEM TE LEVAR A ERROS DE LEITURA!

POR: Cicero Inacio dos Santos 17/07/2018
Código: MAT9_22PES05

9º ano / Matemática / Probabilidade e Estatística

Plano de aula alinhado à BNCC:

(EF09MA20) Analisar e identificar, em gráficos divulgados pela mídia, os elementos que podem induzir, às vezes propositadamente, erros de leitura, como escalas inapropriadas, legendas não explicitadas corretamente, omissão de informações importantes (fontes e datas), entre outros.

Plano de aula de Matemática com atividades para 9º ano do Fundamental sobre Erros em gráficos de mídias que podem influenciar o leitor

 

Objetivo select-down

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Cícero Inacio dos Santos

Mentor: Tatiane C Guadagnucci

Especialista de área: Rita Batista



Habilidade da BNCC

(EF09MA20)  Análise de gráficos de mídia (gráficos que podem induzir a conclusões erradas e interferir na tomada de decisões; análise da adequação do gráfico ao tipo de variável representada)



Objetivos específicos

Analisar erros em gráficos apresentados por mídias, em um caso específico.

Observar o que o gráfico de colunas pode influenciar de forma equivocada o leitor.

Ler gráficos oriundos de mídias de informação de forma crítica.

Observar os principais pontos que a mídia utiliza-se para manipular os leitores e telespectadores.

Conceito-chave

Erros em gráficos de mídias que podem influenciar o leitor.

Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca;
  • giz
  • lousa.






Tempo sugerido: 2 min

Orientação: Leia ou projete.

Propósito: Apresentar o objetivo da aula.

Retomada select-down

Tempo sugerido: 5 min

Orientação: Inicie a discussão questionando aos alunos quantas vezes por semana eles vêem televisão, ou lêem um jornal, ou até mesmo acessam sites de notícias, tais como jornais online, ou as redes sociais. Pergunte se eles vêem com frequência gráficos representando algum tipo de informação. Em seguida, pergunte se podemos confiar 100% no que nos é colocado como informação.

Propósito: levantar a discussão sobre os canais de comunicação que se utilizam de gráficos para representar dados.

Discuta com a turma:

  • Quais gráficos eles vêem em jornais, revistas, etc.
  • Eles são confiáveis?
  • Esses gráficos, geralmente, representam o que?
  • Os gráficos são importantes para visualização?

Atividade principal select-down

Tempo sugerido: 15 min (Slides 4 a 6)

Orientação: Projete ou distribua a atividade impressa para que os alunos possam verificar de perto os gráficos. O foco dessa atividade é apenas os gráficos de colunas. Se necessário, leia com os alunos o nome dos oito países, pois estão em inglês, na seguinte ordem: Turquia, Chile, Indonésia, Índia, África do Sul, Hungria, Brasil, Polônia. Caso surja dúvida, explique aos alunos que a barra azul escura representa o valor das reservas, em dólares, que cada país possui. Em contrapartida, a outra coluna, a mais clara, representa o valor que necessita de investimento externo.

Propósito: Iniciar a atividade principal, apresentando um gráfico de colunas.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Atividade principal select-down

Tempo sugerido: 15 min (Slides 4 a 6)

Orientação: Quando distribuir o material, peça para que os alunos se dividam em duplas e comecem a discutir as informações. Peça para que analisem os dados, e em seguida anotem em seu cadernos suas conclusões iniciais, solicite que apenas observem as “barras”, não considerando os valores. Realizada essa etapa, apresente o próximo passo da atividade.

Propósito: Discutir sobres os dados apresentados pelo Jornal Britânico.

Atividade principal select-down

Tempo sugerido: 15 min (Slides 4 a 6)

Orientação: A ideia é analisar à primeira vista as colunas, e não os valores, como realizado na atividade anterior. Peça aos alunos que comparem as respostas.

Propósito: Comparar o gráfico apresentado pelo jornal Britânico e o gráfico, com os mesmos dados, elaborado no excel.

Discuta com a turma:

  • Há diferença entre as colunas?
  • Qual país necessita de um financiamento externo maior?
  • Qual deles tem a maior reserva?

Discussão de soluções select-down

Tempo sugerido: 15 min (Slides 7 a 8)

Orientação: Após os alunos compararem as respostas dadas na atividade anterior, comece as indagações. Quanto à primeira pergunta, observa-se que no primeiro caso as colunas estão quase todas no mesmo tamanho, desse modo distribuídas em proporções erradas, se comparadas aos valores. No primeiro gráfico, tem-se que quase todos os países estão na mesma situação em relação aos valores das reservas, já no segundo gráfico o Brasil dispara na frente quando se trata de valores de reserva.

Propósito: Discutir sobre as proporções entre as colunas apresentadas no gráfico.

Discussão de soluções select-down

Tempo sugerido: 15 min (Slides 7 a 8)

Orientação: O gráfico utilizado é o de colunas, e é o gráfico adequado para esse intuito de comparação, mas deve ser usado com coerência. O gráfico apresentado pelo jornal é colorido e chama atenção do leitor, mas quando se trata dos dados proporcionais, não favoreceu as informações, podendo abrir muitas brechas quanto às interpretações. O que na verdade seria o intuito do jornal, uma vez que os dados estão posicionados de forma errônea, dando a entender que todos os países estão na mesma situação. No entanto, ao compararmos com o outro gráfico, vemos que não é bem assim, os países estão em situações diferentes. Um gráfico desse tipo pode trazer consequências graves para a economia do país, uma vez que um investidor pode olhar e não querer investir nos países. A mídia manipula tanto os leitores leigos como pessoas entendidas do assunto.

Propósito: Discutir quais são as consequências de um gráfico errôneo.

Discuta com a turma:

  • O gráfico está bem visível? Te chamaria atenção?
  • Os dados estão bem distribuídos?
  • Se o economista fosse escolher por meio do primeiro gráfico, ele teria uma decisão certa e rápida?
  • A midia manipulou os gráficos de forma correta?
  • Há brechas para leituras diferentes?

Encerramento select-down

Tempo sugerido: 3 min

Orientação: Questione aos alunos se há alguma dúvida ou se eles gostariam de fazer alguma colocação a mais.

Propósito: Sintetizar sobre sobre a manipulação da mídia em seus gráficos, levando a leituras equivocadas pelo leitor ou telespectador.

Raio X select-down

Tempo sugerido: 10 min

Orientação: Deixe que os alunos discutam entre si a resolução, para depois discutirem com a sala.

Propósito: Aplicar os conhecimentos sobre leitura e interpretação de dados equivocados apresentados pela mídia.

Discuta com a turma:

  • Os eixos estão coerentes?
  • As legendas estão bem apresentadas?
  • O gráfico é de fácil compreensão para o leitor?

Materiais complementares para impressão:
Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 min

Orientação: Leia ou projete.

Propósito: Apresentar o objetivo da aula.


Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Cícero Inacio dos Santos

Mentor: Tatiane C Guadagnucci

Especialista de área: Rita Batista



Habilidade da BNCC

(EF09MA20)  Análise de gráficos de mídia (gráficos que podem induzir a conclusões erradas e interferir na tomada de decisões; análise da adequação do gráfico ao tipo de variável representada)



Objetivos específicos

Analisar erros em gráficos apresentados por mídias, em um caso específico.

Observar o que o gráfico de colunas pode influenciar de forma equivocada o leitor.

Ler gráficos oriundos de mídias de informação de forma crítica.

Observar os principais pontos que a mídia utiliza-se para manipular os leitores e telespectadores.

Conceito-chave

Erros em gráficos de mídias que podem influenciar o leitor.

Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca;
  • giz
  • lousa.





Tempo sugerido: 5 min

Orientação: Inicie a discussão questionando aos alunos quantas vezes por semana eles vêem televisão, ou lêem um jornal, ou até mesmo acessam sites de notícias, tais como jornais online, ou as redes sociais. Pergunte se eles vêem com frequência gráficos representando algum tipo de informação. Em seguida, pergunte se podemos confiar 100% no que nos é colocado como informação.

Propósito: levantar a discussão sobre os canais de comunicação que se utilizam de gráficos para representar dados.

Discuta com a turma:

  • Quais gráficos eles vêem em jornais, revistas, etc.
  • Eles são confiáveis?
  • Esses gráficos, geralmente, representam o que?
  • Os gráficos são importantes para visualização?

Tempo sugerido: 15 min (Slides 4 a 6)

Orientação: Projete ou distribua a atividade impressa para que os alunos possam verificar de perto os gráficos. O foco dessa atividade é apenas os gráficos de colunas. Se necessário, leia com os alunos o nome dos oito países, pois estão em inglês, na seguinte ordem: Turquia, Chile, Indonésia, Índia, África do Sul, Hungria, Brasil, Polônia. Caso surja dúvida, explique aos alunos que a barra azul escura representa o valor das reservas, em dólares, que cada país possui. Em contrapartida, a outra coluna, a mais clara, representa o valor que necessita de investimento externo.

Propósito: Iniciar a atividade principal, apresentando um gráfico de colunas.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Tempo sugerido: 15 min (Slides 4 a 6)

Orientação: Quando distribuir o material, peça para que os alunos se dividam em duplas e comecem a discutir as informações. Peça para que analisem os dados, e em seguida anotem em seu cadernos suas conclusões iniciais, solicite que apenas observem as “barras”, não considerando os valores. Realizada essa etapa, apresente o próximo passo da atividade.

Propósito: Discutir sobres os dados apresentados pelo Jornal Britânico.

Tempo sugerido: 15 min (Slides 4 a 6)

Orientação: A ideia é analisar à primeira vista as colunas, e não os valores, como realizado na atividade anterior. Peça aos alunos que comparem as respostas.

Propósito: Comparar o gráfico apresentado pelo jornal Britânico e o gráfico, com os mesmos dados, elaborado no excel.

Discuta com a turma:

  • Há diferença entre as colunas?
  • Qual país necessita de um financiamento externo maior?
  • Qual deles tem a maior reserva?

Tempo sugerido: 15 min (Slides 7 a 8)

Orientação: Após os alunos compararem as respostas dadas na atividade anterior, comece as indagações. Quanto à primeira pergunta, observa-se que no primeiro caso as colunas estão quase todas no mesmo tamanho, desse modo distribuídas em proporções erradas, se comparadas aos valores. No primeiro gráfico, tem-se que quase todos os países estão na mesma situação em relação aos valores das reservas, já no segundo gráfico o Brasil dispara na frente quando se trata de valores de reserva.

Propósito: Discutir sobre as proporções entre as colunas apresentadas no gráfico.

Tempo sugerido: 15 min (Slides 7 a 8)

Orientação: O gráfico utilizado é o de colunas, e é o gráfico adequado para esse intuito de comparação, mas deve ser usado com coerência. O gráfico apresentado pelo jornal é colorido e chama atenção do leitor, mas quando se trata dos dados proporcionais, não favoreceu as informações, podendo abrir muitas brechas quanto às interpretações. O que na verdade seria o intuito do jornal, uma vez que os dados estão posicionados de forma errônea, dando a entender que todos os países estão na mesma situação. No entanto, ao compararmos com o outro gráfico, vemos que não é bem assim, os países estão em situações diferentes. Um gráfico desse tipo pode trazer consequências graves para a economia do país, uma vez que um investidor pode olhar e não querer investir nos países. A mídia manipula tanto os leitores leigos como pessoas entendidas do assunto.

Propósito: Discutir quais são as consequências de um gráfico errôneo.

Discuta com a turma:

  • O gráfico está bem visível? Te chamaria atenção?
  • Os dados estão bem distribuídos?
  • Se o economista fosse escolher por meio do primeiro gráfico, ele teria uma decisão certa e rápida?
  • A midia manipulou os gráficos de forma correta?
  • Há brechas para leituras diferentes?

Tempo sugerido: 3 min

Orientação: Questione aos alunos se há alguma dúvida ou se eles gostariam de fazer alguma colocação a mais.

Propósito: Sintetizar sobre sobre a manipulação da mídia em seus gráficos, levando a leituras equivocadas pelo leitor ou telespectador.

Tempo sugerido: 10 min

Orientação: Deixe que os alunos discutam entre si a resolução, para depois discutirem com a sala.

Propósito: Aplicar os conhecimentos sobre leitura e interpretação de dados equivocados apresentados pela mídia.

Discuta com a turma:

  • Os eixos estão coerentes?
  • As legendas estão bem apresentadas?
  • O gráfico é de fácil compreensão para o leitor?

Materiais complementares para impressão:
Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Cícero Inacio dos Santos

Mentor: Tatiane C Guadagnucci

Especialista de área: Rita Batista



Habilidade da BNCC

(EF09MA20)  Análise de gráficos de mídia (gráficos que podem induzir a conclusões erradas e interferir na tomada de decisões; análise da adequação do gráfico ao tipo de variável representada)



Objetivos específicos

Analisar erros em gráficos apresentados por mídias, em um caso específico.

Observar o que o gráfico de colunas pode influenciar de forma equivocada o leitor.

Ler gráficos oriundos de mídias de informação de forma crítica.

Observar os principais pontos que a mídia utiliza-se para manipular os leitores e telespectadores.

Conceito-chave

Erros em gráficos de mídias que podem influenciar o leitor.

Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca;
  • giz
  • lousa.






Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

OUTRAS AULAS DESSA UNIDADE:

AULAS DESSA DISCIPLINA:

AULAS RELACIONADAS:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes