9547
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Plano de aula - Explorando os múltiplos 2

Plano de aula de matemática com atividades para 4 do Fundamental sobre identificar padrões e regularidades em sequências numéricas e utilizar a ideia para resolver problemas.

Plano 03 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Márcia Regina Kaminski,

 

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autora: Márcia Regina Kaminski

Mentora: Carla Simone de Albuquerque

Revisora Pedagógica: Eliane Zanin

Especialista de área: Sandra Regina Correa Amorim



Habilidade da BNCC

(EF04MA11) Identificar regularidades em sequências numéricas compostas por múltiplos de um número natural.



Objetivos específicos

Identificar padrões e regularidades em sequências numéricas e utilizar a ideia para resolver problemas.

Conceito-chave

Sequência numérica recursiva formada por múltiplos de um número natural.

Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca;
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno ou não;
  • Datashow ( opcional ).

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete ou leia o objetivo para a turma.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.

Retomada select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos. (Slides 3 e 4)

Orientação: Recorde com os alunos o processo para obtenção dos números que compõem o conjunto dos múltiplos de um determinado número natural. Utilize os exemplos do slide para lembrar o processo e, saliente que a sequência dos múltiplos pode continuar infinitamente. Destaque que podemos obter desta forma os múltiplos de qualquer número, e não apenas de 1 a 10.

Propósito: Recordar o conceito de sequências e múltiplos.

Discuta com a turma:

  • Pense em um número maior que 10 e vamos encontrar o conjunto de múltiplos dele. (Use alguns exemplos dados pelos alunos e anote no quadro os primeiros elementos que compõem o conjunto de múltiplos do número escolhido).
  • Como podemos fazer para encontrar os múltiplos desse número? (Discuta as diferentes possibilidades: adição e multiplicação).

Retomada select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos. (Slides 3 e 4)

Orientação: Recorde com os alunos o processo para obtenção dos números que compõem o conjunto dos múltiplos de um determinado número natural. Utilize os exemplos do slide para lembrar o processo e, saliente que a sequência dos múltiplos pode continuar infinitamente. Destaque que podemos obter desta forma os múltiplos de qualquer número, e não apenas de 1 a 10.

Propósito: Recordar o conceito de sequências e múltiplos.

Discuta com a turma:

  • Pense em um número maior que 10 e vamos encontrar o conjunto de múltiplos dele. (Use alguns exemplos dados pelos alunos e anote no quadro os primeiros elementos que compõem o conjunto de múltiplos do número escolhido).
  • Como podemos fazer para encontrar os múltiplos desse número? (Discuta as diferentes possibilidades: adição e multiplicação).

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Materiais complementares:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Atividade Principal select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Discussão da solução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos. (Slides 17, 18 e 19)

Orientação: Pergunte aos alunos como eles pensaram para resolver o problema. Eles podem ter iniciado o raciocínio de diferentes formas. Pode ser que utilizem esquemas, cálculos de adição, cálculos de multiplicação etc. A forma de seguir o raciocínio pode variar bastante. Alguns podem colocar somente os números pares que são os que interessam inicialmente, outros podem colocar todos os números, etc. Apresente as principais resoluções no quadro e peça que as duplas expliquem a maneira como pensaram para resolver. Apresente a solução dos slides e discuta com eles caso seja diferente do que eles tenham feito. Comente que existem várias maneiras de pensar, mas chame a atenção para a solução que emprega a ideia de sequência de múltiplos de um número.

Propósito: Verificar as diferentes formas de raciocinar das duplas para resolver o problema.

Discuta com a turma:

  • Como vocês estão pensando?
  • Sem ter o conhecimento sobre como os números das casas são definidos seria possível identificar o número da casa do Renato?
  • Vocês utilizaram sequências para resolver o problema? De quais números?
  • Por que os números das residências de uma rua podem ser chamados de sequências? (Destaque que estão organizados de modo que seguem um padrão e regularidade predefinidos).

Discussão da solução. select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos. (Slides 17, 18, e 19)

Orientação: Pergunte aos alunos como eles pensaram para resolver o problema. Eles podem ter iniciado o raciocínio de diferentes formas. Pode ser que utilizem esquemas, cálculos de adição, cálculos de multiplicação etc. A forma de seguir o raciocínio pode variar bastante. Alguns podem colocar somente os números pares que são os que interessam inicialmente, outros podem colocar todos os números. Apresente as principais resoluções no quadro e peça que as duplas expliquem a maneira como pensaram para resolver. Apresente a solução dos slides e discuta com eles caso seja diferente do que eles tenham feito. Comente que existem várias maneiras de pensar.

Propósito: Verificar as diferentes formas de raciocinar das duplas para resolver o problema.

Discuta com a turma:

  • Como vocês estão pensando?
  • Sem ter o conhecimento sobre como os números das casas são definidos, seria possível identificar o número da casa do Renato?
  • Vocês utilizaram sequências para resolver o problema? De quais números? Como podemos ter certeza de que as sequências utilizadas para resolver este problema devem ser estas?
  • Por que os números das residências de uma rua podem ser chamados de sequências? (Destaque que estão organizados de modo que seguem um padrão e regularidade predefinidos).

Discussão da solução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos. (Slides 17, 18 e 19)

Orientação: Pergunte aos alunos como eles pensaram para resolver o problema. Eles podem ter iniciado o raciocínio de diferentes formas. Pode ser que utilizem esquemas, cálculos de adição, cálculos de multiplicação etc. A forma de seguir o raciocínio pode variar bastante. Apresente as principais resoluções no quadro e peça que as duplas expliquem a maneira como pensaram para resolver. Apresente a solução dos slides e discuta com eles caso seja diferente do que eles tenham feito. Comente que existem várias maneiras de pensar.

Propósito: Verificar as diferentes formas de raciocinar das duplas para resolver o problema.

Discuta com a turma:

  • Como vocês estão pensando?
  • Vocês utilizaram sequências para resolver o problema? De quais números?
  • Utilizaram cálculos? Quais? A multiplicação e a adição deram o mesmo resultado? Por quê? (Destaque a ideia de multiplicação como adição repetida).

Encerramento select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Leia o conteúdo do balão com os alunos e destaque a presença de sequências numéricas nas numerações das residências. Chame a atenção para a importância do padrão e regularidade presentes para a nossa localização.

Propósito: Finalizar a aula resumindo o que foi estudado sobre a presença de sequências numéricas em situações do cotidiano.

Discuta com a turma:

  • Vocês sabiam destas informações?
  • Será que nossa cidade segue exatamente esta maneira para numerar as casas? Ou será que existe alguma adaptação em relação a este modelo padrão de numeração? Incentive os alunos a pesquisarem a resposta e discutir na próxima aula.

Raio X select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Peça que, individualmente, os alunos leiam a atividade e tentam resolver os problemas com base no que foi estudado. Reserve 2 minutos para a correção coletiva e oral com a turma.

Propósito: Aplicar os conhecimentos aprendidos sobre padrões e regularidades em sequências de múltiplos de um número natural para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Todos encontraram as mesmas respostas? Anote no quadro todas ou algumas das respostas obtidas em cada questão, inclusive algumas que apresentem erros, para que possam ser discutidos.
  • Como vocês pensaram? Discuta com os alunos as diferentes formas utilizadas para identificar o número das casas. Fizeram desenhos? Cálculos?
  • Será que as sequências de múltiplos podem nos ajudar a resolver esses problemas? Como? Alguém resolveu usando esse método?

Materiais complementares:

Raio X

Resolução do Raio X

Atividade complementar

Resolução da Atividade Complementar

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete ou leia o objetivo para a turma.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.


Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autora: Márcia Regina Kaminski

Mentora: Carla Simone de Albuquerque

Revisora Pedagógica: Eliane Zanin

Especialista de área: Sandra Regina Correa Amorim



Habilidade da BNCC

(EF04MA11) Identificar regularidades em sequências numéricas compostas por múltiplos de um número natural.



Objetivos específicos

Identificar padrões e regularidades em sequências numéricas e utilizar a ideia para resolver problemas.

Conceito-chave

Sequência numérica recursiva formada por múltiplos de um número natural.

Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca;
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno ou não;
  • Datashow ( opcional ).
Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos. (Slides 3 e 4)

Orientação: Recorde com os alunos o processo para obtenção dos números que compõem o conjunto dos múltiplos de um determinado número natural. Utilize os exemplos do slide para lembrar o processo e, saliente que a sequência dos múltiplos pode continuar infinitamente. Destaque que podemos obter desta forma os múltiplos de qualquer número, e não apenas de 1 a 10.

Propósito: Recordar o conceito de sequências e múltiplos.

Discuta com a turma:

  • Pense em um número maior que 10 e vamos encontrar o conjunto de múltiplos dele. (Use alguns exemplos dados pelos alunos e anote no quadro os primeiros elementos que compõem o conjunto de múltiplos do número escolhido).
  • Como podemos fazer para encontrar os múltiplos desse número? (Discuta as diferentes possibilidades: adição e multiplicação).

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos. (Slides 3 e 4)

Orientação: Recorde com os alunos o processo para obtenção dos números que compõem o conjunto dos múltiplos de um determinado número natural. Utilize os exemplos do slide para lembrar o processo e, saliente que a sequência dos múltiplos pode continuar infinitamente. Destaque que podemos obter desta forma os múltiplos de qualquer número, e não apenas de 1 a 10.

Propósito: Recordar o conceito de sequências e múltiplos.

Discuta com a turma:

  • Pense em um número maior que 10 e vamos encontrar o conjunto de múltiplos dele. (Use alguns exemplos dados pelos alunos e anote no quadro os primeiros elementos que compõem o conjunto de múltiplos do número escolhido).
  • Como podemos fazer para encontrar os múltiplos desse número? (Discuta as diferentes possibilidades: adição e multiplicação).

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Materiais complementares:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos. (Slides 5 a 16)

Orientação: Questione os alunos a respeito das numerações das residências. Deixe que comentem seus conhecimentos sobre isso. Como acreditam que estes números são definidos? Explique aos alunos que o desenho representa uma situação em que as casas de uma rua nova na cidade precisam receber a numeração, e que a imagem do prédio representa o centro da cidade. A seta vermelha indica a direção na qual os números serão colocados em ordem crescente nas residências. Destaque que esquerda e direita são sempre definidos em relação à alguma coisa. Por isso a padronização é importante. Caso contrário haveria confusão nas numerações. Leia o conteúdo do balão do slide 10 com os alunos e explique que a medida do terreno é a base para a numeração, porém a forma como essa medida é usada varia de cidade para cidade. Leia as regras de numeração da cidade do Renato com os alunos conforme mostram os slides 11 e 12. Os retângulos menores são representações dos terrenos. Como são definidos os tamanhos dos terrenos? (Explique que variam de acordo com o loteamento. Normalmente são definidos quando a região é escolhida para ser loteada e os vendedores dividem os terrenos que serão vendidos aos moradores. Podem ter diferentes medidas, mas normalmente seguem um padrão.) (Explique que, como a medida é um valor par, começamos pelo lado par. O primeiro número será 10. Os números seguintes aumentarão sempre de 10 em 10. Ou seja, teremos uma sequência numérica dos múltiplos de 10.) Se os números aumentam de 10 em 10, e 10 é par, como faremos para numerar o lado ímpar? Qual será o critério? (Deixe que comentem as suas ideias e depois passe para o slide 14.) Explique que nestes casos, iniciamos pelo primeiro número ímpar maior que 10 (medida do terreno), no caso 11. Explique que isso também é uma regra. Se a medida fosse ímpar, a mesma regra valeria para o lado dos números pares que iniciariam pelo primeiro par maior que a medida do terreno. Nesta situação, os números seguintes serão sempre a soma do número anterior mais 11. Porém, quando o resultado dessa soma for par, teremos que acrescentar 1 ao resultado pois o lado esquerdo deve ser sempre ímpar. Leia o balão do slide 15 com os alunos e destaque que essas são as regras padrão para a numeração das residências. Mas dependendo das cidades, podem existir algumas adaptações e particularidades destas regras. Porém, saber a regra padrão, pode servir de base para nos localizarmos em qualquer lugar e isso é muito importante. Depois, leia o problema com os alunos e peça que se organizem em duplas para resolver. As duplas podem ser definidas por você ou pelos próprios estudantes. Oriente que pensem em formas de solução para as perguntas e que façam registros de como pensaram para depois discutir com a turma. Durante o trabalho acompanhe as turmas e faça questionamentos para auxiliar no raciocínio.

Propósito: Utilizar a ideia de sequências numéricas de múltiplos de um número para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Será que esses números seguem alguma regra ou lógica?
  • São escolhidos por quem? Será que indicam alguma informação importante?
  • Você sabe o número da sua casa? É par, ímpar? O que será que isso significa?
  • Conseguem imaginar por onde começar a escolher os números?
  • Se eles servem para ajudar na localização podem ser colocados aleatoriamente ou precisam seguir uma lógica que as pessoas saibam o significado?
  • Em nosso caso, em qual das extremidades da rua os números devem começar a ser colocados?
  • Qual será o motivo de começar pela ponta mais próxima do centro? Explique que isso acontece porque normalmente as ruas crescem do centro para os bairros. Então os números novos surgirão normalmente em direção aos bairros.
  • Você sabe o que é um terreno?
  • Será que eles sempre têm o mesmo tamanho?
  • Sabendo a medida do terreno, é possível saber os números das casas desta rua?
  • Qual seria o número da primeira casa? Por onde começamos: pares ou ímpares?
  • Como vocês estão pensando?
  • Qual a primeira coisa que precisamos saber?
  • Dá pra saber a medida do terreno?
  • E depois por onde começamos?
  • A casa de Renato tem um número par ou ímpar? E a de seu vizinho?
  • Como podemos ter certeza disso?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos. (Slides 17, 18 e 19)

Orientação: Pergunte aos alunos como eles pensaram para resolver o problema. Eles podem ter iniciado o raciocínio de diferentes formas. Pode ser que utilizem esquemas, cálculos de adição, cálculos de multiplicação etc. A forma de seguir o raciocínio pode variar bastante. Alguns podem colocar somente os números pares que são os que interessam inicialmente, outros podem colocar todos os números, etc. Apresente as principais resoluções no quadro e peça que as duplas expliquem a maneira como pensaram para resolver. Apresente a solução dos slides e discuta com eles caso seja diferente do que eles tenham feito. Comente que existem várias maneiras de pensar, mas chame a atenção para a solução que emprega a ideia de sequência de múltiplos de um número.

Propósito: Verificar as diferentes formas de raciocinar das duplas para resolver o problema.

Discuta com a turma:

  • Como vocês estão pensando?
  • Sem ter o conhecimento sobre como os números das casas são definidos seria possível identificar o número da casa do Renato?
  • Vocês utilizaram sequências para resolver o problema? De quais números?
  • Por que os números das residências de uma rua podem ser chamados de sequências? (Destaque que estão organizados de modo que seguem um padrão e regularidade predefinidos).

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos. (Slides 17, 18, e 19)

Orientação: Pergunte aos alunos como eles pensaram para resolver o problema. Eles podem ter iniciado o raciocínio de diferentes formas. Pode ser que utilizem esquemas, cálculos de adição, cálculos de multiplicação etc. A forma de seguir o raciocínio pode variar bastante. Alguns podem colocar somente os números pares que são os que interessam inicialmente, outros podem colocar todos os números. Apresente as principais resoluções no quadro e peça que as duplas expliquem a maneira como pensaram para resolver. Apresente a solução dos slides e discuta com eles caso seja diferente do que eles tenham feito. Comente que existem várias maneiras de pensar.

Propósito: Verificar as diferentes formas de raciocinar das duplas para resolver o problema.

Discuta com a turma:

  • Como vocês estão pensando?
  • Sem ter o conhecimento sobre como os números das casas são definidos, seria possível identificar o número da casa do Renato?
  • Vocês utilizaram sequências para resolver o problema? De quais números? Como podemos ter certeza de que as sequências utilizadas para resolver este problema devem ser estas?
  • Por que os números das residências de uma rua podem ser chamados de sequências? (Destaque que estão organizados de modo que seguem um padrão e regularidade predefinidos).

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos. (Slides 17, 18 e 19)

Orientação: Pergunte aos alunos como eles pensaram para resolver o problema. Eles podem ter iniciado o raciocínio de diferentes formas. Pode ser que utilizem esquemas, cálculos de adição, cálculos de multiplicação etc. A forma de seguir o raciocínio pode variar bastante. Apresente as principais resoluções no quadro e peça que as duplas expliquem a maneira como pensaram para resolver. Apresente a solução dos slides e discuta com eles caso seja diferente do que eles tenham feito. Comente que existem várias maneiras de pensar.

Propósito: Verificar as diferentes formas de raciocinar das duplas para resolver o problema.

Discuta com a turma:

  • Como vocês estão pensando?
  • Vocês utilizaram sequências para resolver o problema? De quais números?
  • Utilizaram cálculos? Quais? A multiplicação e a adição deram o mesmo resultado? Por quê? (Destaque a ideia de multiplicação como adição repetida).

Slide Plano Aula

Orientações: Leia o conteúdo do balão com os alunos e destaque a presença de sequências numéricas nas numerações das residências. Chame a atenção para a importância do padrão e regularidade presentes para a nossa localização.

Propósito: Finalizar a aula resumindo o que foi estudado sobre a presença de sequências numéricas em situações do cotidiano.

Discuta com a turma:

  • Vocês sabiam destas informações?
  • Será que nossa cidade segue exatamente esta maneira para numerar as casas? Ou será que existe alguma adaptação em relação a este modelo padrão de numeração? Incentive os alunos a pesquisarem a resposta e discutir na próxima aula.

Slide Plano Aula

Orientações: Peça que, individualmente, os alunos leiam a atividade e tentam resolver os problemas com base no que foi estudado. Reserve 2 minutos para a correção coletiva e oral com a turma.

Propósito: Aplicar os conhecimentos aprendidos sobre padrões e regularidades em sequências de múltiplos de um número natural para resolver problemas.

Discuta com a turma:

  • Todos encontraram as mesmas respostas? Anote no quadro todas ou algumas das respostas obtidas em cada questão, inclusive algumas que apresentem erros, para que possam ser discutidos.
  • Como vocês pensaram? Discuta com os alunos as diferentes formas utilizadas para identificar o número das casas. Fizeram desenhos? Cálculos?
  • Será que as sequências de múltiplos podem nos ajudar a resolver esses problemas? Como? Alguém resolveu usando esse método?

Materiais complementares:

Raio X

Resolução do Raio X

Atividade complementar

Resolução da Atividade Complementar

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Álgebra do 4º ano :

Com o plano de aula sobre álgebra, os alunos aprendem a conceituar o que é múltiplo e a identificar regularidades em sequências numéricas compostas por múltiplos de um número natural; reconhecer as relações inversas entre as operações fundamentais com números naturais e reconhecer que uma igualdade não se altera quando se adiciona, subtrai ou multiplica um mesmo número a seus dois termos.

MAIS AULAS DE Matemática do 4º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF04MA11 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Curso relacionado ao Plano

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Matemática

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano