10814
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Matemática > 4º ano > Números

Plano de aula - Você sabe como estimar o valor de um quociente?

Plano de aula de Matemática com atividades para 4º ano do Fundamental sobre estimativa de um quociente.

Plano 01 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Isabel Cossalter

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
ESTE É UM CONTEÚDO PARA O SAEB Ver Mais >
 

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor:  Isabel Cossalter

Mentor: Elisa Greenhalgh Vilalta

Especialista de área: Luciana Tenuta



Habilidade da BNCC

EF04MA04 - Utilizar as relações entre adição e subtração, bem como entre multiplicação e divisão, para ampliar as estratégias de cálculo.



Objetivos específicos

Explorar o conceito de estimar e ampliar as estratégias de cálculo para realizar a  estimativa de um quociente.



Conceito-chave

Estimativa de um quociente.

Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca.
  • Tiras de papel para os cálculos a serem trabalhados no jogo.
  • Cartões com dicas de respostas dos cálculos.
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno ou não.
  • Lápis e borracha.


Tempo sugerido: 2 minutos

Propósito: Apresentar o objetivo da aula aos alunos.

Orientação: Leia o slide ou peça que um dos alunos faça a leitura em voz alta para a classe. Pergunte quem gostaria de explicar o que entendeu a respeito do objetivo da aula. Partindo da explicação dada, esclareça dúvidas.

Discuta com a turma:

  • Alguém tem alguma ideia do que significa a palavra estimar?
  • Os resultados das operações recebem nomes. Qual é o nome do resultado da adição? Da subtração? Da multiplicação?
  • O que é um quociente?

Aquecimento Slides 3 e 4 select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Propósito: Identificar os conhecimentos prévios dos alunos acerca do conceito de estimativa e/ou apresentá-lo ao grupo.

Orientação: Leia o slide ou sugira que um dos alunos faça a leitura em voz alta para a classe. Peça às crianças que procurem interpretar o que significa fazer uma estimativa tomando por base apenas a fala da garota. Se julgar conveniente, deixe que confirmem no dicionário a hipótese levantada.

Discuta com a turma:

  • Foi possível compreender o significado da palavra estimativa apenas considerando a fala da Roberta? Por quê?
  • Como podemos definir o que significa fazer uma estimativa?
  • Estimar é fazer um cálculo aproximado. A estimativa feita por Roberta está correta? Ela poderia ter usado alguma outra estratégia de cálculo para estimar o produto dessa multiplicação?
  • Em quais situações da nossa vida fazemos cálculos por estimativa?

Aquecimento Slides 3 e 4 select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Propósito: Identificar os conhecimentos prévios dos alunos acerca do conceito de estimativa e/ou apresentá-lo ao grupo.

Orientação: Uma vez explicado o conceito de estimativa, apresente o slide 4. Faça uma leitura dialogada da fala da garota e vá esclarecendo dúvidas. Peça aos alunos que se reúnam em duplas, identifiquem se o raciocínio da menina está correto e expliquem o porquê. Eles necessitam prestar atenção e comparar os números do problema apresentado no slide 3 com os do slide 4, bem como perceber que a multiplicação ajuda a estimar o quociente de uma divisão, pois são operações inversas.

Discuta com a turma:

  • Quem entendeu como Roberta estimou o resultado do quociente?
  • Roberta fez uma operação de divisão. Ela está correta? Por quê?
  • A multiplicação pode mesmo ajudar a calcular uma divisão? Por quê?
  • Como posso usar a multiplicação para estimar um quociente?
  • A adição e a subtração também podem ser úteis? Por exemplo, no slide 3, Roberta usou a multiplicação e a adição.
  • Posso usar mais de uma estratégia para estimar o resultado de um quociente?

Resolução:

Fazendo uma operação de divisão (700 :9) se encontra um quociente de aproximadamente 70, portanto a menina está certa.

Atividade principal - Slides 5 e 6 select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 14 minutos

Propósito: Compreender como estimar o resultado de um quociente fazendo uso de diferentes estratégias de cálculo.

Orientação: Leia o slide com os alunos e esclareça as regras do jogo.

Organize as duplas, considerando que precisarão se movimentar ao responder a estimativa do quociente. De preferência, procure colocar juntos alunos que possam trabalhar de modo cooperativo.

Enfatize que a cada cálculo sorteado, todas as duplas podem escolher um cartão e responder, desde que o pulo aconteça dentro do tempo estabelecido. Ou seja, todas as duplas jogam ao mesmo tempo.

Escreva na lousa a operação de divisão sorteada, marque o tempo e deixe que as crianças discutam formas de estimar o quociente.

Avise quando o tempo estiver esgotado. Esse é o momento de “ pular”, caso nenhum aluno ainda o tenha feito.

Antes de passar para outra operação, registre na lousa a pontuação de cada dupla.

Se considerar mais adequado, peça que os alunos façam como lição de casa uma operação de divisão para ser sorteada na hora do jogo. O importante é que seja possível o treino do cálculo por estimativa. Esse é um jogo simples que se apoia na ideia de trabalhar o raciocínio lógico juntamente com o exercício motor como maneira de estimular a interação entre as crianças e favorecer o desenvolvimento da atenção e memória.

Vale ainda explicar aos alunos que a contagem de pontos de cada dupla servirá apenas para permitir a todos uma reflexão em relação aos procedimentos de cálculo realizados ao estimar um quociente que foram mais ou menos fáceis e não para servir de competição. A proposta é que todos compartilhem um momento de estudo que pode ser também divertido.

Discuta com a turma:

  • Como foi treinar o cálculo de estimativa de um quociente?
  • O cartão de resposta favoreceu o trabalho de vocês? Como?
  • Ter que pular na hora de dar a resposta ajudou ou atrapalhou? Por quê?
  • Vocês tiveram dificuldades? Quais foram? O que fizeram para tentar superá-las?
  • Vocês perceberam alguma característica do cálculo por estimativa de um quociente que pode servir de dica na hora de realizar novos cálculos desse tipo?

Material complementar para o professor

Motricidade e aprendizagem: algumas implicações para a educação escolar

http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-69542010000200005

Atividade principal

Resolução da atividade

Guia de intervenção

Atividade principal - Slides 5 e 6 select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 14 minutos

Propósito: Compreender como estimar o resultado de um quociente fazendo uso de diferentes estratégias de cálculo.

Orientação: Leia o slide com os alunos e esclareça as regras do jogo.

Organize as duplas considerando que precisarão se movimentar ao responder a estimativa do quociente. De preferência, procure colocar juntos alunos que possam trabalhar de modo cooperativo.

Enfatize que a cada cálculo sorteado, todas as duplas podem escolher um cartão e responder, desde que o pulo aconteça dentro do tempo estabelecido. Ou seja, todas as duplas jogam ao mesmo tempo.

Escreva na lousa a operação de divisão sorteada, marque o tempo e deixe que as crianças discutam formas de estimar o quociente.

Avise quando o tempo estiver esgotado. Esse é o momento de “pular”, caso nenhum aluno ainda o tenha feito.

Antes de passar para outra operação, registre na lousa a pontuação de cada dupla.

Se considerar mais adequado, peça que os alunos façam como lição de casa uma operação de divisão para ser sorteada na hora do jogo. O importante é que seja possível o treino do cálculo por estimativa. Esse é um jogo simples que se apoia na ideia de trabalhar o raciocínio lógico juntamente com a exercício motor como maneira de estimular a interação entre as crianças e favorecer o desenvolvimento da atenção e memória.

Vale ainda explicar aos alunos que a contagem de pontos de cada dupla servirá apenas para permitir a todos uma reflexão em relação aos procedimentos de cálculo realizados ao estimar um quociente que foram mais ou menos fáceis e não para servir de competição. A proposta é que todos compartilhem um momento de estudo que pode ser também divertido.

Discuta com a turma:

  • Como foi treinar o cálculo de estimativa de um quociente?
  • O cartão de resposta favoreceu o trabalho de vocês? Como?
  • Ter que pular na hora de dar a resposta ajudou ou atrapalhou? Por quê?
  • Vocês tiveram dificuldades? Quais foram? O que fizeram para tentar superá-las?
  • Vocês perceberam alguma característica do cálculo por estimativa de um quociente que pode servir de dica na hora de realizar novos cálculos desse tipo?

Material complementar para o professor

Motricidade e aprendizagem: algumas implicações para a educação escolar

http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-69542010000200005

Discussão da solução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 14 minutos

Propósito: Analisar e comparar as estratégias de cálculo por estimativa de um quociente apresentadas pelos alunos.

Orientação: Peça a um aluno que leia a fala da garota. Em seguida, pergunte se alguém usou a estratégia apresentada por ela e amplie a discussão, acrescentando outras que tenham sido utilizadas pela turma. Vá registrando os procedimentos apresentados pelas duplas e peça que expliquem a maneira como pensaram para chegar ao cálculo por estimativa dos quocientes.

Socializar as soluções encontradas pelas crianças é uma etapa importante do trabalho, pois favorece a organização do pensamento e desperta a atenção para diferentes formas de raciocínio. Além disso, oferece aos alunos uma valiosa oportunidade de interação e de exercício de habilidades fundamentais na construção da boa convivência, como ser capaz de ouvir, considerar e relacionar pontos de vista.

Discuta com a turma:

  • Quais estratégias de cálculo foram usadas para estimar um quociente no jogo Calcule e Pule? Alguma delas foi mais usada do que as outras?
  • Das estratégias apresentadas, há alguma mais prática ou fácil?
  • É mais fácil estimar o valor de um quociente quando as tabuadas estão memorizadas? Por quê?
  • É importante aprender a calcular por estimativa? Por quê?
  • Em quais situações de nossa vida costumamos fazer estimativas de um quociente?
  • Por que o cálculo por estimativa precisa ser mais rápido do que o cálculo exato?

Sistematização do conceito select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Propósito: Apresentar o conceito principal aprendido na aula.

Orientação: Encerre a atividade retomando com os alunos as estratégias aprendidas na aula e em quais situações foram utilizadas. Ressalte a importância da prática para se desenvolver a agilidade de cálculo.

Discuta com a turma:

  • Quais dicas podemos dar aos colegas para facilitar o trabalho de calcular um quociente por estimativa ?

Encerramento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Propósito: Sistematizar a aprendizagem, revisando as ideias trabalhadas na aula.

Orientação: Faça uma leitura compartilhada do slide com os alunos.

Discuta com a turma:

  • Do que aprendemos hoje, o que acharam mais interessante?
  • Qual foi a maior dificuldade que tiveram?
  • Como tentaram solucionar essa dificuldade?

Raio X select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 14 minutos

Propósito: Fazer uso do cálculo por estimativa para resolver um problema.

Orientação: Leia com o grupo ou deixe que um aluno faça a leitura em voz alta para a classe. Aproveite para explorar a expressão oral e interação entre as crianças, propondo que expliquem umas às outras o que deve ser feito na atividade. Após certificar-se de que as orientações foram devidamente compreendidas, peça que resolvam individualmente o cálculo por estimativa do quociente proposto no problema. Por ser uma atividade que pretende avaliar o aprendizado da aula, evite fazer intervenções e deixe que trabalhem livremente. Circule pela sala e procure verificar os procedimentos que estão sendo usados pelas crianças. Sempre que possível, anote observações que possam auxiliá-la nos momentos de discussão ou em atuações pontuais no trabalho com as crianças.

Nos cinco minutos restantes, socialize as respostas, peça aos alunos que expliquem as estratégias utilizadas e a maneira como pensaram para chegar aos resultados.

Discuta com a turma:

  • Todos vocês chegaram aos mesmos resultados? Por que isso aconteceu?
  • Quais estratégias de cálculo por estimativa do quociente foram usadas aqui?
  • Das estratégias utilizadas, quais vocês consideram mais fáceis de aplicar?
  • Em casa ou na escola, costumamos usar procedimentos de cálculo como estes? Dê exemplos.

Raio X para impressão

Resolução do Raio X

Atividade complementar

Resolução da Atividade complementar

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 minutos

Propósito: Apresentar o objetivo da aula aos alunos.

Orientação: Leia o slide ou peça que um dos alunos faça a leitura em voz alta para a classe. Pergunte quem gostaria de explicar o que entendeu a respeito do objetivo da aula. Partindo da explicação dada, esclareça dúvidas.

Discuta com a turma:

  • Alguém tem alguma ideia do que significa a palavra estimar?
  • Os resultados das operações recebem nomes. Qual é o nome do resultado da adição? Da subtração? Da multiplicação?
  • O que é um quociente?


Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor:  Isabel Cossalter

Mentor: Elisa Greenhalgh Vilalta

Especialista de área: Luciana Tenuta



Habilidade da BNCC

EF04MA04 - Utilizar as relações entre adição e subtração, bem como entre multiplicação e divisão, para ampliar as estratégias de cálculo.



Objetivos específicos

Explorar o conceito de estimar e ampliar as estratégias de cálculo para realizar a  estimativa de um quociente.



Conceito-chave

Estimativa de um quociente.

Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca.
  • Tiras de papel para os cálculos a serem trabalhados no jogo.
  • Cartões com dicas de respostas dos cálculos.
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno ou não.
  • Lápis e borracha.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Propósito: Identificar os conhecimentos prévios dos alunos acerca do conceito de estimativa e/ou apresentá-lo ao grupo.

Orientação: Leia o slide ou sugira que um dos alunos faça a leitura em voz alta para a classe. Peça às crianças que procurem interpretar o que significa fazer uma estimativa tomando por base apenas a fala da garota. Se julgar conveniente, deixe que confirmem no dicionário a hipótese levantada.

Discuta com a turma:

  • Foi possível compreender o significado da palavra estimativa apenas considerando a fala da Roberta? Por quê?
  • Como podemos definir o que significa fazer uma estimativa?
  • Estimar é fazer um cálculo aproximado. A estimativa feita por Roberta está correta? Ela poderia ter usado alguma outra estratégia de cálculo para estimar o produto dessa multiplicação?
  • Em quais situações da nossa vida fazemos cálculos por estimativa?
Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Propósito: Identificar os conhecimentos prévios dos alunos acerca do conceito de estimativa e/ou apresentá-lo ao grupo.

Orientação: Uma vez explicado o conceito de estimativa, apresente o slide 4. Faça uma leitura dialogada da fala da garota e vá esclarecendo dúvidas. Peça aos alunos que se reúnam em duplas, identifiquem se o raciocínio da menina está correto e expliquem o porquê. Eles necessitam prestar atenção e comparar os números do problema apresentado no slide 3 com os do slide 4, bem como perceber que a multiplicação ajuda a estimar o quociente de uma divisão, pois são operações inversas.

Discuta com a turma:

  • Quem entendeu como Roberta estimou o resultado do quociente?
  • Roberta fez uma operação de divisão. Ela está correta? Por quê?
  • A multiplicação pode mesmo ajudar a calcular uma divisão? Por quê?
  • Como posso usar a multiplicação para estimar um quociente?
  • A adição e a subtração também podem ser úteis? Por exemplo, no slide 3, Roberta usou a multiplicação e a adição.
  • Posso usar mais de uma estratégia para estimar o resultado de um quociente?

Resolução:

Fazendo uma operação de divisão (700 :9) se encontra um quociente de aproximadamente 70, portanto a menina está certa.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 14 minutos

Propósito: Compreender como estimar o resultado de um quociente fazendo uso de diferentes estratégias de cálculo.

Orientação: Leia o slide com os alunos e esclareça as regras do jogo.

Organize as duplas, considerando que precisarão se movimentar ao responder a estimativa do quociente. De preferência, procure colocar juntos alunos que possam trabalhar de modo cooperativo.

Enfatize que a cada cálculo sorteado, todas as duplas podem escolher um cartão e responder, desde que o pulo aconteça dentro do tempo estabelecido. Ou seja, todas as duplas jogam ao mesmo tempo.

Escreva na lousa a operação de divisão sorteada, marque o tempo e deixe que as crianças discutam formas de estimar o quociente.

Avise quando o tempo estiver esgotado. Esse é o momento de “ pular”, caso nenhum aluno ainda o tenha feito.

Antes de passar para outra operação, registre na lousa a pontuação de cada dupla.

Se considerar mais adequado, peça que os alunos façam como lição de casa uma operação de divisão para ser sorteada na hora do jogo. O importante é que seja possível o treino do cálculo por estimativa. Esse é um jogo simples que se apoia na ideia de trabalhar o raciocínio lógico juntamente com o exercício motor como maneira de estimular a interação entre as crianças e favorecer o desenvolvimento da atenção e memória.

Vale ainda explicar aos alunos que a contagem de pontos de cada dupla servirá apenas para permitir a todos uma reflexão em relação aos procedimentos de cálculo realizados ao estimar um quociente que foram mais ou menos fáceis e não para servir de competição. A proposta é que todos compartilhem um momento de estudo que pode ser também divertido.

Discuta com a turma:

  • Como foi treinar o cálculo de estimativa de um quociente?
  • O cartão de resposta favoreceu o trabalho de vocês? Como?
  • Ter que pular na hora de dar a resposta ajudou ou atrapalhou? Por quê?
  • Vocês tiveram dificuldades? Quais foram? O que fizeram para tentar superá-las?
  • Vocês perceberam alguma característica do cálculo por estimativa de um quociente que pode servir de dica na hora de realizar novos cálculos desse tipo?

Material complementar para o professor

Motricidade e aprendizagem: algumas implicações para a educação escolar

http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-69542010000200005

Atividade principal

Resolução da atividade

Guia de intervenção

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 14 minutos

Propósito: Compreender como estimar o resultado de um quociente fazendo uso de diferentes estratégias de cálculo.

Orientação: Leia o slide com os alunos e esclareça as regras do jogo.

Organize as duplas considerando que precisarão se movimentar ao responder a estimativa do quociente. De preferência, procure colocar juntos alunos que possam trabalhar de modo cooperativo.

Enfatize que a cada cálculo sorteado, todas as duplas podem escolher um cartão e responder, desde que o pulo aconteça dentro do tempo estabelecido. Ou seja, todas as duplas jogam ao mesmo tempo.

Escreva na lousa a operação de divisão sorteada, marque o tempo e deixe que as crianças discutam formas de estimar o quociente.

Avise quando o tempo estiver esgotado. Esse é o momento de “pular”, caso nenhum aluno ainda o tenha feito.

Antes de passar para outra operação, registre na lousa a pontuação de cada dupla.

Se considerar mais adequado, peça que os alunos façam como lição de casa uma operação de divisão para ser sorteada na hora do jogo. O importante é que seja possível o treino do cálculo por estimativa. Esse é um jogo simples que se apoia na ideia de trabalhar o raciocínio lógico juntamente com a exercício motor como maneira de estimular a interação entre as crianças e favorecer o desenvolvimento da atenção e memória.

Vale ainda explicar aos alunos que a contagem de pontos de cada dupla servirá apenas para permitir a todos uma reflexão em relação aos procedimentos de cálculo realizados ao estimar um quociente que foram mais ou menos fáceis e não para servir de competição. A proposta é que todos compartilhem um momento de estudo que pode ser também divertido.

Discuta com a turma:

  • Como foi treinar o cálculo de estimativa de um quociente?
  • O cartão de resposta favoreceu o trabalho de vocês? Como?
  • Ter que pular na hora de dar a resposta ajudou ou atrapalhou? Por quê?
  • Vocês tiveram dificuldades? Quais foram? O que fizeram para tentar superá-las?
  • Vocês perceberam alguma característica do cálculo por estimativa de um quociente que pode servir de dica na hora de realizar novos cálculos desse tipo?

Material complementar para o professor

Motricidade e aprendizagem: algumas implicações para a educação escolar

http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-69542010000200005

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 14 minutos

Propósito: Analisar e comparar as estratégias de cálculo por estimativa de um quociente apresentadas pelos alunos.

Orientação: Peça a um aluno que leia a fala da garota. Em seguida, pergunte se alguém usou a estratégia apresentada por ela e amplie a discussão, acrescentando outras que tenham sido utilizadas pela turma. Vá registrando os procedimentos apresentados pelas duplas e peça que expliquem a maneira como pensaram para chegar ao cálculo por estimativa dos quocientes.

Socializar as soluções encontradas pelas crianças é uma etapa importante do trabalho, pois favorece a organização do pensamento e desperta a atenção para diferentes formas de raciocínio. Além disso, oferece aos alunos uma valiosa oportunidade de interação e de exercício de habilidades fundamentais na construção da boa convivência, como ser capaz de ouvir, considerar e relacionar pontos de vista.

Discuta com a turma:

  • Quais estratégias de cálculo foram usadas para estimar um quociente no jogo Calcule e Pule? Alguma delas foi mais usada do que as outras?
  • Das estratégias apresentadas, há alguma mais prática ou fácil?
  • É mais fácil estimar o valor de um quociente quando as tabuadas estão memorizadas? Por quê?
  • É importante aprender a calcular por estimativa? Por quê?
  • Em quais situações de nossa vida costumamos fazer estimativas de um quociente?
  • Por que o cálculo por estimativa precisa ser mais rápido do que o cálculo exato?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Propósito: Apresentar o conceito principal aprendido na aula.

Orientação: Encerre a atividade retomando com os alunos as estratégias aprendidas na aula e em quais situações foram utilizadas. Ressalte a importância da prática para se desenvolver a agilidade de cálculo.

Discuta com a turma:

  • Quais dicas podemos dar aos colegas para facilitar o trabalho de calcular um quociente por estimativa ?
Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Propósito: Sistematizar a aprendizagem, revisando as ideias trabalhadas na aula.

Orientação: Faça uma leitura compartilhada do slide com os alunos.

Discuta com a turma:

  • Do que aprendemos hoje, o que acharam mais interessante?
  • Qual foi a maior dificuldade que tiveram?
  • Como tentaram solucionar essa dificuldade?
Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 14 minutos

Propósito: Fazer uso do cálculo por estimativa para resolver um problema.

Orientação: Leia com o grupo ou deixe que um aluno faça a leitura em voz alta para a classe. Aproveite para explorar a expressão oral e interação entre as crianças, propondo que expliquem umas às outras o que deve ser feito na atividade. Após certificar-se de que as orientações foram devidamente compreendidas, peça que resolvam individualmente o cálculo por estimativa do quociente proposto no problema. Por ser uma atividade que pretende avaliar o aprendizado da aula, evite fazer intervenções e deixe que trabalhem livremente. Circule pela sala e procure verificar os procedimentos que estão sendo usados pelas crianças. Sempre que possível, anote observações que possam auxiliá-la nos momentos de discussão ou em atuações pontuais no trabalho com as crianças.

Nos cinco minutos restantes, socialize as respostas, peça aos alunos que expliquem as estratégias utilizadas e a maneira como pensaram para chegar aos resultados.

Discuta com a turma:

  • Todos vocês chegaram aos mesmos resultados? Por que isso aconteceu?
  • Quais estratégias de cálculo por estimativa do quociente foram usadas aqui?
  • Das estratégias utilizadas, quais vocês consideram mais fáceis de aplicar?
  • Em casa ou na escola, costumamos usar procedimentos de cálculo como estes? Dê exemplos.

Raio X para impressão

Resolução do Raio X

Atividade complementar

Resolução da Atividade complementar

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Números do 4º ano :

Com o plano de aula sobre números, os alunos aprendem representação e comparação de números naturais de até 5 ordens, decomposição com adições e multiplicações por potências de 10; operações de adição, subtração, multiplicação e divisão, incluindo cálculo mental e resolução de problemas envolvendo contagem; frações unitárias (1/2, 1/3, 1/4, 1/5, 1/0 e 1/100) e representação das frações 1/10 e 1/100 na forma decimal, na reta numerada e em valores monetários.

MAIS AULAS DE Matemática do 4º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF04MA04 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Curso relacionado ao Plano

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Matemática

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano