Seções | Luto infantil | E agora, Telma?

Duas crianças viram o pai morrer. Como a escola deve agir?

Telma Vinha responde a dúvidas sobre comportamento

POR:
NOVA ESCOLA
Telma Vinha,

Telma Vinha,
professora de Psicologia Educacional da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)

Pergunta enviada por Marília dos Santos, Feira de Santana, BA

É preciso amparar as crianças no momento de dor. Observe o comportamento delas, pois, apesar da dificuldade em verbalizar a perda, a forma como agem dão pistas sobre o que fazer. Por exemplo, se não quiserem falar sobre o assunto, não insista. Caso tenham vontade de conversar, devem ser ouvidas com atenção. Incentive formas de expressão gráfica ou plástica e proponha situações em que possam reelaborar a realidade e lidar com as emoções, sem a intervenção docente, como os cantos de faz de conta e da caixa de areia com minibrinquedos. Caso o assunto Dia dos Pais surja, converse sobre como elas gostariam de demonstrar o afeto pelo pai. Elas podem fazer um quadro ou álbum de fotos, por exemplo.

Compartilhe este conteúdo: