Seções | Em Dia

Educação Infantil: Faltam creches e pré-escolas

É preciso construir 19.770 unidades em todo o país. Déficit é maior nas regiões mais populosas

POR:
Paula Peres, Elisa Meirelles e NOVA ESCOLA
É preciso construir 19.770 unidades em todo o país.

O número insuficiente de creches e pré-escolas é um problema crônico no país. A meta do governo federal é entregar 6.450 até o final deste ano, mas ainda vão faltar outras 13.320 para atender à demanda atual (veja o mapa acima). O principal entrave, na opinião dos especialistas, é financeiro. "A Educação Infantil é a modalidade em que são necessários mais recursos para a construção de cada instituição educacional. Sem a ampliação do investimento em Educação, não há como acelerar esse processo", alerta Cleuza Repulho, presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime).


Pisa

Como os alunos avaliam a Educação

Os estudantes de 15 anos do Brasil estão mais felizes na escola do que a média dos alunos de países da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE). Nossos jovens, no entanto, não estão tão satisfeitos com a Educação que recebem e são mais críticos que os demais com relação às condições das instituições. As informações fazem parte dos questionários do Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa).


96% 

dos estudantes brasileiros que recebem o benefício do Bolsa Família alcançaram a frequência escolar mínima exigida pelo Ministério da Educação (MEC).

Fonte Governo Federal

Volta às aulas

Está em vigor a Lei nº 12.886/13, aprovada no ano passado, que proíbe as escolas de pedir para as famílias dos alunos materiais de uso coletivo - papel higiênico, copos descartáveis, papel para impressora etc.


Efeito território

Aprendizado de leitura é mais baixo entre alunos de áreas com problemas

Ao analisar crianças de famílias com acesso a recursos culturais semelhantes, o Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec) comprovou que quem vive em lugares vulneráveis tem piores resultados de aprendizagem (veja acima). "Ali, a escola lida com problemas como a violência e as questões de saúde, que impactam seu trabalho", diz Antônio Batista, um dos coordenadores do estudo. 

Fonte Cenpec


Na internet 

uab.capes.gov.br

No site da Universidade Aberta do Brasil (UAB), você encontra a lista de cursos que serão ofertados em 2014 e informações sobre inscrições e processos seletivos.


Entrevista

Eliete Aparecida de Godoy, doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) 

Por que há tantos relatos de escolas que humilham estudantes por questões raciais? 

A sociedade é formada por visões hegemônicas e monoculturais. Quando a instituição não é proativa na prevenção dessas ideias, acaba por reproduzir preconceitos. 

Como tornar a escola menos discriminatória? 

Por meio de discussões sobre o tema, desconstrução de concepções equivocadas e enfrentamento de conflitos na sala de aula, valorizando os diferentes grupos sociais e culturais. 

Qual o papel do professor? 

Ele não pode se omitir em casos de preconceito e tratá-los como questões isoladas. É preciso se indignar e buscar mudanças.

Compartilhe este conteúdo: