Seções | Avaliação Externa | Maura Responde

O que fazer para melhorar o Ideb da minha escola?

A consultora de GESTÃO ESCOLAR esclarece dúvidas sobre o trabalho do diretor

POR:
NOVA ESCOLA
MAURA BARBOSA,

MAURA BARBOSA,
coordenadora pedagógica da Comunidade Educativa CEDAC e consultora de GESTÃO ESCOLAR

Pergunta enviada por Celia Maria Ramos da Silva, Glória, BA

Não devemos trabalhar com o foco na melhoria do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Isso acontecerá naturalmente se o planejamento pedagógico de todas as etapas for bem-feito. Muitas vezes, os alunos do 5º ano só  se deparam com o modelo de avaliação externa  no dia em que vão fazê-la. Então, se eles não estão acostumados a ler enunciados um pouco mais extensos e que demandam um trabalho maior  de interpretação, certamente terão o desempenho prejudicado. Isso não significa que a escola deve ter simulados para treinar aqueles que farão a prova. Pelo contrário, o desenvolvimento da proficiência leitora deve ser uma preocupação constante. O importante é utilizar o índice para repensar como se dá o ensino e a aprendizagem. 

A rede de Parauapebas, a 836 quilômetros de Belém, é um bom exemplo. Sempre que chegam os resultados, a equipe da secretaria faz uma reunião com todos os coordenadores pedagógicos das escolas para analisar os índices e avaliar os planos que têm sido postos em prática, tanto nas unidades que tiveram boas notas como nas que não tiveram. Você também pode conferir outros relatos de instituições nos vídeos da Websérie Mudança na Prática.


Foto: Rogério Assis

Compartilhe este conteúdo: