Reportagens | Língua Estrangeira | 9º ano | Reportagens

Criando roteiros

O Orfanato é ponto de partida para que os adolescentes pratiquem a escrita do espanhol

POR:
NOVA ESCOLA

O Orfanato, Juan Antonio Bayona, 105 min., Distribuidora California Filmes

O filme conta a história de uma mulher que cresceu em um orfanato e depois de muito tempo retorna ao local com o marido e o filho para reformá-lo e reabri-lo. Porém forças estranhas acabam afetando o comportamento da família e muitos fatos aterrorizam sua vida a partir de então. A professora Ianina Zubowicz, que leciona espanhol na Skill, em São Paulo, recomenda o filme porque prende a atenção dos alunos, que sempre têm uma opinião sobre ele. "Aproveitando o interesse que desperta nos jovens é ideal para trabalhar com um conteúdo importantíssimo: a produção escrita", diz.

Proposta de atividade

Objetivos
Estimular a produção escrita em espanhol por meio de uma atividade que incentive a criatividade.

Conteúdos
Compreensão oral e produção escrita. Conectores gramaticais temporais (después de, antes que etc.), opositores (igualmente, así como etc.) e, em níveis mais básicos, pronomes relativos (quien, como, cuando etc.).

Trechos selecionados
O início do filme, que conta a história da mulher em sua infância e depois de adulta (40s a 8m48s); cenas de flashback (35m50s a 37m34s) e o final (1h23m00s a 1h37m10s). Embora o filme seja de terror, a classificação indicativa dele no Brasil é 14 anos. Se possível, passe o fim na íntegra. Caso contrário, evite as cenas com mais suspense.

Atividade
Passe o filme na íntegra com áudio e legenda em espanhol e peça que os alunos anotem dúvidas quanto ao vocabulário. No final da exibição, esclareça-as e promova uma conversa, em espanhol, sobre as situações ali mostradas para que os alunos possam compartilhar suas impressões e o que compreenderam do enredo. Em seguida, passe novamente o último trecho e peça que reescrevam parte do diálogo entre os personagens, criando um novo roteiro para o filme, com um fim alternativo.

Avaliação
Analise a participação dos jovens nas atividades e a qualidade do texto produzido, corrigindo questões gramaticais e de estrutura de texto.

Divulgação. Arte Nova Escola

Compartilhe este conteúdo: