Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias
Planos de Aula
02 de Setembro de 2017 Imprimir
5 4 3 2 1

Investigando o comportamento leitor

Por: novaescola

Objetivo(s) 

  • Possibilitar aos alunos a apropriação de comportamentos leitores, por meio da socialização de comportamentos desenvolvidos pelo professor e pelos demais alunos.
  • Acompanhar o aprendizado dos alunos em relação aos comportamentos leitores, por meio de pauta de observação.

Conteúdo(s) 

  • Comportamento Leitor

 

Ano(s) 

1º, 2º, 3º, 4º, 5º

Tempo estimado 

1 aula.

Material necessário 

  • Para o aluno: livros, a serem escolhidos de acordo com critérios pessoais de cada um.
  • Para o professor: livro selecionado para ser apresentado para a classe; pauta de observação, tal como apresentada a seguir, para analisar os comportamentos leitores apropriados por cada aluno na Roda de Leitores.

Desenvolvimento 

1ª etapa 
Introdução

Trabalhar com leitura requer abordagem de três tipos fundamentais de conteúdos: as capacidades de leitura, os procedimentos de leitura e o comportamento leitor.

Na prática de leitura, esses conteúdos são mobilizados pelo leitor de maneira articulada, concomitante, até. No entanto, nas atividades de ensino é preciso priorizar cada um deles em atividades especificamente destinadas à sua abordagem, de modo a otimizar seu aprendizado.

A atividade que será apresentada a seguir refere-se aos comportamentos leitores, a como ensiná-los e avaliá-los.

Os comportamentos leitores referem-se ao que Delia Lerner caracteriza como sendo a dimensão social do comportamento leitor; são atitudes mais relacionadas a valores construídos em relação à leitura e ao ato de ler. São atitudes como:

  • socializar critérios de escolha e de apreciação estética de leituras;
  • ler trechos de textos de que gostou para colegas;
  • procurar materiais de leitura regularmente;
  • zelar por diferentes materiais de leitura;
  • freqüentar bibliotecas (de classe ou não);
  • comentar com outros o que se está lendo;
  • compartilhar a leitura com outros;
  • recomendar livros ou outras leituras que considera valiosas;
  • comparar o que se leu com outras obras do mesmo ou de outros autores;
  • contrastar informações provenientes de diferentes fontes sobre um tema de interesse;
  • confrontar com outros leitores as interpretações geradas por uma leitura;
  • realizar a leitura de maneira a acompanhar um autor preferido;
  • atrever-se a ler textos difíceis, entre outros.


Estes comportamentos precisam ser tomados como objeto de ensino nas aulas de Língua Portuguesa.

Esta atividade tratará de observar, em uma Roda de Leitores, quais comportamentos leitores já foram aprendidos pelos alunos.

Os alunos precisarão ter escolhido, anteriormente, livros para ler, de acordo com seus critérios pessoais de apreciação. Uma vez tendo escolhido, eles poderão tê-los levado para casa, para leitura. A atividade a seguir deve ser realizada depois de a leitura feita, para que os alunos possam comentá-la para os demais colegas.

Solicite que os alunos se organizem em um círculo e que tenham os livros que escolheram à mão.

Apresente a consigna da atividade, que deve ter como finalidade: comentar com os demais alunos os livros lidos, pontuando critérios de escolha, aspectos interessantes da obra, de modo que a classe se informe a respeito das obras que estão disponíveis para leitura na biblioteca (ou sala de leitura).

Para poder observar os comportamentos leitores apropriados pelos alunos, você precisa oferecer referências aos alunos a respeito de quais comportamentos são esperados de um leitor em uma socialização de leituras realizadas, que é o que acontecerá na Roda de Leitores. Assim sendo, inicie a Roda apresentando você mesmo um livro lido e pontuando:

  • porque você escolheu aquele livro para apresentar à classe;
  • se tomou como referência o autor e por que (já havia lido obras do mesmo e as apreciou);
  • se tomou como referência o tema ou o gênero, sempre explicando suas razões e relacionando também com a possibilidade de os alunos virem a gostar também da obra em questão;
  • se tomou como referência a editora ou a ilustração, também explicando os motivos;
  • se gostou de algum trecho em particular, lendo-o para os alunos;
  • se apreciou o jeito como o autor escreve, apresentando alguns recursos que ele utiliza;
  • se o livro apresenta alguma maneira diferente de organização (como o livro "O mistério da Feiurinha", que tem um jeito todo especial de denominar os capítulos da obra, por exemplo); entre outros aspectos possíveis.

Solicite a alguns alunos que apresentem a obra que leram, procurando fazer comentários como os que você fez. Informe que nem todos os alunos comentarão a obra lida naquele dia, mas que nas próximas Rodas (que devem acontecer semanalmente, com periodicidade regular) os demais irão se manifestando, aos poucos. Planeje com eles a quantidade de manifestações por dia: por exemplo, 5 apresentações.

Enquanto os alunos forem apresentando, você vai, por um lado, observando quais comportamentos foram apropriados, assinalando-os na ficha individual apresentada abaixo; por outro lado, vai fazendo perguntas relativas a comentários que os alunos não realizaram, tanto para explicitar a necessidade deles à classe ao informar os demais alunos sobre a obra, quanto para que, ao responderem as questões, o professor possa analisar se são capazes de realizar aquele comentário - e, portanto, se já se trata de comportamento leitor possível de ser realizado com ajuda - ou não. É importante dizer que, nesse processo, os comentários realizados autonomamente, revelam procedimentos autônomos (conhecimento apropriado); os que necessitarem do apoio do professor para serem feitos, ainda estão em construção.

Observação
Os aspectos apontados na Pauta de Observação apresentada a seguir não retratam questões prontas para serem feitas aos alunos; trata-se de uma pauta orientadora da sua observação dos alunos. As perguntas que você fará aos alunos devem inspirar-se na pauta, apenas.

Pauta de observação de comportamento leitor 
Atividade: Roda de Leitura - Apresentação de material lido (escolha pessoal).

Aluno:_________________________________________________ data: _________

 

Comportamento leitor sim não só quando incentivado por parceiros
Apresentou a obra falando do título?      
Apresentou a obra falando do autor?      
Estabeleceu relação com outras obras já lidas, do mesmo autor?      
Referiu-se ao gênero (se escolheu fábulas, porque gosta de fábulas, por exemplo, ou crônica, ou conto de fadas...)?      
Referiu-se ao gênero (se escolheu fábulas, porque gosta de fábulas, por exemplo, ou crônica, ou conto de fadas...)?      
Relacionou essa ilustração com outros do mesmo autor ou de diferentes autores?      
Fez comentários sobre o tipo de ilustração e sua relação com o texto verbal (comentando, por exemplo, se a ilustração auxilia a compreensão apresentando informações complementares ao texto verbal, entre outros aspectos)?      
Apresentou motivações pessoais para a escolha, relacionando com sua vivência, por exemplo?      

Realizou apreciações sobre a obra relativas ao conteúdo?
     
Realizou apreciações afetivas sobre a obra?      
Realizou apreciações relativas aos recursos estilísticos e estéticos utilizados pelo autor?      
Leu um trecho de que tenha gostado muito?      
Apresentou comentários críticos sobre as posições do autor apresentadas no texto (se for o caso), inda que implicitamente?      
Recomendou a leitura aos colegas, explicando por que?      

 

Terminada a atividade, você terá um observação detalhada dos comportamentos leitores já aprendidos (e dos que estão em constituição) por, pelo menos, 5 alunos que se manifestaram. A própria reiteração da atividade possibilitará que os alunos conheçam pouco a pouco os comportamentos leitores e deles se apropriem. Dessa forma, haverá, a cada vez, novas apropriações a serem observadas, inclusive, por aqueles que já se manifestaram, o que pode ser observado pelas perguntas que fizerem ao colega expositor. Dessa forma, você também poderá reformular as observações feitas anteriormente.

Avaliação 

A atividade proposta tanto possibilita a realização de uma avaliação diagnóstica a respeito dos comportamentos já aprendidos pelos alunos quanto uma avaliação formativa ou somativa. Quer saber mais? BIBLIOGRAFIA Lerner, Delia. Ler e escrever na escola - o real, o possível e o necessário. Porto Alegre (RS): Editora Artmed; 2002. Rojo, Roxane H. R. Letramento e capacidades de leitura para a cidadania. SP: 2002. Brakling. Kátia L. Sobre leitura e formação de leitores: qual é a chave que se espera?. EDUCAREDE: São Paulo (SP); 2003. SOLÉ, Isabel. Estratégias de Leitura. Porto Alegre (RS): Artmed; 1998.

Créditos: Kátia Lomba Bräkling Formação: Especialista em ensino da Língua Portuguesa - da Alfabetização ao Ensino Médio - formadora de professores na área de ensino de língua e organização curricular, assessora e consultora na área de Ensino de Linguagem e de Reorganização Curricular.

Tenha acesso a conteúdos e serviços exclusivos
Cadastre-se agora gratuitamente
Cadastrar