Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Como ajudar uma criança que não se enturma e rói as unhas de nervoso?

Socialização

POR:
NOVA ESCOLA
Telma Vinha. Foto: Marina Piedade E agora, Telma?

Telma Vinha é professora de Psicologia Educacional na Unicamp e tira dúvidas sobre comportamento.

Clique aqui para mandar a sua dúvida

Pergunta enviada por Maria Cristiane de Albuquerque, Maceió, AL

Esse comportamento, em geral, indica ansiedade e timidez. As características de personalidade da criança interferem, mas alguns fatores podem agravar o quadro: excesso de proteção, invasões de privacidade, cobranças ou críticas constantes. Um jeito de ajudá-la é observar em quais circunstâncias ela fica mais retraída ou ansiosa e em que momentos relaxa e tentar combiná-los. Por exemplo: se a criança sofre para se enturmar e adora brincar de cabaninha, monte uma e chame novos amigos para brincar também. Com isso, ela enfrentará a dificuldade num ambiente em que se sente segura, o que facilitará o processo. Se perceber que ela está desconfortável, não force. Procure apenas criar situações que a ajudem a superar seus problemas. Tente também não intervir muito, evitando resolver conflitos que poderiam ser solucionados por ela própria. Mesmo que no início demonstre certo nervosismo, aos poucos, ela se sentirá mais confiante. Se não houver progresso, sugira que a família procure uma avaliação profissional.

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias