Conversando sobre livros

POR:
professor

Objetivo(s) 

  • Ampliar o repertório literário;
  • Interagir com o livro de maneira prazerosa, reconhecendo-o como uma fonte de múltiplas informações e entretenimento;
  • Compartilhar experiências leitoras;
  • Estabelecer relações com outros livros, outras épocas/lugares e autores diferentes.
  • Confrontar interpretações e saber articular argumentos que sustentem seu ponto de vista;
  • Engajar-se em discussões sobre leituras realizadas, levando em conta o ponto de vista dos colegas e usando as questões trazidas por eles para rever suas próprias ideias e impressões.

Conteúdo(s) 

  • Valorizar a leitura como uma fonte de prazer e entretenimento.
  • Interesse por compartilhar opiniões, ideias e preferências acerca dos livros lidos.
  • Desenvolver estratégias de argumentação para defender ideias e pontos de vista sobre os livros lidos.
  • Desenvolver procedimentos do leitor, como estabelecer relações entre o livro que se está lendo e outros livros conhecidos ou acontecimentos vividos, selecionar passagens preferidas, pensar em outros desfechos possíveis, levantar hipóteses para explicar a motivação por traz de atos dos personagens etc.

Ano(s) 

Tempo estimado 

1 mês

Material necessário 

  • Diversos títulos de livros, cada um com vários exemplares
  • Cartolina

Desenvolvimento 

1ª etapa 

Introdução

A proposta dos círculos de leitura é criar momentos no cotidiano escolar em que todos param para ler e depois comentam a leitura com os colegas que leram o mesmo livro e posteriormente com toda a sala. Cada círculo de leitura leva em torno de um mês para ser realizado, o ideal é que o trabalho se repita algumas vezes para que cada criança tenha a oportunidade de explorar a leitura de alguns títulos no contexto privilegiado que o círculo de leitura proporciona. Com base nessas escolhas, forme grupos de quatro ou cinco crianças que queiram ler o mesmo título. Isso levará alguns minutos de negociação.

 

2ª etapa 

Quando todos terminarem a leitura e fizerem suas anotações, convide os grupos a conversar sobre o que leram, compartilhando suas anotações (por dez a 15 minutos).

 

3ª etapa 

Terminado esse momento de troca intergrupos, organize a sala num grupo só e fale sobre os livros. Peça que cada grupo dê um exemplo, conte algo interessante que foi compartilhado durante a conversa após a leitura. Depois reflita com as crianças sobre o processo de conversar a respeito da leitura, listando os procedimentos que ajudaram a discussão. Organize essas informações num cartaz.

Avaliação 

Para avaliar se o trabalho com o projeto está cumprindo seus objetivos de aprendizagem, observe se as crianças: Demonstram interesse em participar dos círculos de leitura. Compartilham suas anotações sobre o livro que estão lendo, sabendo que é possível falar dos sentimentos que a leitura despertou, das relações que estabeleceram com outros livros e outras situações, perguntar sobre palavras sobre as quais se tem dúvida, mostrar trechos preferidos, levantar questões sobre a história, fazer comentários sobre as ações dos personagens, contar como imaginam determinada cena etc. Acompanhe os grupos (círculos de leitura), anotando questões para discutir no coletivo a fim de ampliar o rol de procedimentos e relações que as crianças põem em ação durante a leitura.

Flexibilização 

Peça ao AEE que providencie títulos em braile e áudio. Marque sempre o início dessa atividade com um som (o toque de um sino, por exemplo) para ritualizar e facilitar a antecipação do aluno. O aluno, conforme seu domínio do braile, pode ler apenas o título dos livros em braile e escolher um para ouvir, utilizando fone de ouvido e fazendo parte de um grupo. Organize o espaço da atividade, peça que um colega o conduza até lá e explique, individualmente, o que será feito nessa atividade. Organize um grupo que favoreça sua participação oral. Para que ele perceba qual colega do grupo está falando e tenha sua vez de participar, dê-lhe um objeto que simbolize um microfone, aquele que estiver falando o utiliza e eles vão lhe avisando quem está com o microfone. Peça ao aluno que conte para a classe o enredo ou outras características da história em áudio. Isso pode provocar uma interessante comparação entre um mesmo livro em duas linguagens.

Deficiências 

Visual

Créditos: Projeto Entorno Formação: Fundação Victor Civita

Compartilhe este conteúdo: