construcao de cenarios

POR:
professor

Objetivo(s) 

  • Produzir texto oral e escrito;
  • Propiciar produção coletiva;
  • Aproximar as crianças do teatro por meio da criação de cenários;
  • Mostrar que no teatro os objetos podem ter diversas funções;
  • Possibilitar a improvisação de uma história com base num cenário;
  • Fazer o aluno compartilhar suas criações com os outros.

Conteúdo(s) 

Leitura;

Escrita;

Produção textual.

Ano(s) 

Tempo estimado 

8 aulas

Material necessário 

  • Jornais,
  • revistas,
  • muitos tipos de papel,
  • barbante,
  • pequenos móveis,
  • espelhos,
  • tecidos coloridos,
  • lençóis,
  • cobertores,
  • guarda-chuvas etc.

Desenvolvimento 

1ª etapa 

 Apresente à turma diferentes materiais para a construção de cenários. Explique que eles podem transformá-los livremente, inventando novas funções para cada um. Uma mesa com um pano por cima, por exemplo, pode virar uma caverna. A idéia é fazê-los visualizar as possibilidades que os objetos adquirem em cena.

2ª etapa 

O momento, agora, é de direcionar um pouco mais a criação. Divida a turma em grupos. Peça que cada um deles monte, com os materiais disponíveis, uma casa, um rio, um barco, uma floresta e um túnel. Ao final, proponha que os alunos registrem com desenhos os ambientes criados.

3ª etapa 

Peça que cada grupo escolha os objetos cênicos que gostaria de manter. Baseando-se neles, oriente a classe a criar personagens que possam surgir desse espaço: animais, humanos ou seres fantásticos. Debata as sugestões com o grupo com o objetivo de imaginar de que forma os personagens interagem com o cenário. Ao fim da atividade, proponha um registro por escrito das características dos personagens.

4ª etapa 

Use o registro dos personagens como ponto de partida para a turma construir um roteiro simples. Em cada grupo, conduza a criação de uma história com acontecimentos criados pelas crianças, solicitando que a anotem por escrito. Sempre que possível, chame a atenção para a possibilidade de inserir os elementos do espaço cênico.

Avaliação 

Apoiado nos registros dos alunos e na participação de cada um nas atividades, verifique como cada grupo resolveu os desafios propostos. Além de atentar para a compreensão dos elementos teatrais (cenário, personagens, roteiro etc.), avalie se durante todas as etapas do processo de criação houve respeito às sugestões e às críticas dos colegas.

Créditos: Maria Paula Zurawski Formação: Consultora pedagógica do Instituto Alfa de Cultura, de São Paulo.

Compartilhe este conteúdo: