Como contextualizar os avanços da genética com o filme "Gattaca"

POR:
novaescola

Objetivo(s) 

Contextualizar assuntos relacionados à genética já trabalhados em sala e discutir e refletir sobre bioética.

Conteúdo(s) 

Genética, hereditariedade, engenharia genética, bioética e avanço das pesquisas científicas.

Ano(s) 

6º, 7º, 8º, 9º

Material necessário 

O início do filme, que conta como o filho não manipulado geneticamente é negligenciado pelo pai em detrimento do irmão biologicamente perfeito (12m35s a 18m49s); trecho que mostra como as pessoas são identificadas na sociedade (por meio do sangue, que denuncia todas as predisposições a doenças e a expectativa de vida de cada um) (18m50s a 24m02s); cenas que mostram a diferença de vida entre os "válidos" e os "inválidos" (55m35s a 1h02m30s).

Desenvolvimento 

1ª etapa 

Introdução
Eleito pela Agência Espacial Americana (Nasa) como um dos filmes de ficção científica mais plausíveis, Gattaca conta a história de um homem nascido sem nenhuma manipulação genética em uma sociedade em que a evolução da ciência permite que os pais escolham os melhores genes para seus bebês. Esse avanço cria um sistema de castas que limita os humanos considerados "inválidos" a um futuro de poucas perspectivas. O professor Henzo Gualberto, do Colégio Aliado, em São Paulo, destaca que o filme "é um bom material para introduzir a genética e incentivar o debate sobre as implicações sociais e éticas do tema".

Antes de exibir o filme, promova um debate sobre técnicas da genética já ensinadas em aulas anteriores, como o mapa do genoma humano e a identificação de genes ligados a condições físicas específicas. Passe os trechos selecionados e, em seguida, peça que os alunos indiquem de que forma podemos identificar o material genético por meio de um exame sanguíneo e que outras estruturas do corpo podem ser usadas para identificar o material genético, de acordo com o filme.

Avaliação 

Verifique se os alunos conseguem relacionar o tema trabalhado e as informações de Gattaca. Outra opção é pedir que escrevam uma resenha sobre o filme, relacionando-o ao conteúdo de genética.

Créditos: Henzo Gualberto Formação: Professor do Colégio Aliado, em São Paulo

Compartilhe este conteúdo: