Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias
Planos de Aula
02 de Setembro de 2017 Imprimir
5 4 3 2 1

Ambiente virtual: criação de blogs

Por: novaescola

Objetivo(s) 

- Entrar em contato com ferramentas de ambientes virtuais, como blogs e fóruns de discussão.
- Conhecer novos meios de pesquisa e de desenvolvimento de atividades extraclasse.
- Produzir um blog e participar de um fórum virtual sobre recursos renováveis e não renováveis.

Conteúdo(s) 

- Pesquisa de ambientes virtuais na internet.
- Gênero blog.
- Recursos renováveis e não renováveis. 

Ano(s) 

7º, 8º, 9º

Tempo estimado 

Dez aulas.

Material necessário 

Computadores com acesso à internet. Textos Recursos NaturaisConservação dos Recursos NaturaisCombustíveis Não-RenováveisProjeto de Ensino de GeografiaPré-SalEntenda o Que É a Camada Pré-Sal e Lula Admite Vetar Dispositivo do Pré-Sal Que Afete União. Charges sobre a camada pré-sal 12 3.

Desenvolvimento 

1ª etapa 

Pergunte aos alunos o que eles sabem sobre a camada pré-sal e por que o petróleo é um recurso valioso. Se as reservas são tão grandes, ele não deveria custar menos? Acompanhe a argumentação dos jovens e exponha os conceitos de recursos renováveis e não renováveis, abordando questões que expliquem o que são, como se formam e qual a importância deles. Para referência bibliográfica, leia os quatro primeiros textos indicados no item material necessário.

2ª etapa 

Converse com os alunos a respeito de ferramentas virtuais de interação. Para que servem blogs e fóruns? Quais as características do texto de cada um deles? Convide a turma a criar um blog e um fórum para conhecer mais a respeito de recursos renováveis e não renováveis, realizando pesquisas e conversas a respeito. Explique que esses ambientes virtuais vão funcionar como uma atividade extraclasse e é importante que todos se cadastrem como usuários de ambas as ferramentas para participar.

3ª etapa 

Para inaugurar o blog, crie um post a respeito do que são recursos renováveis e não-renováveis, retomando o que foi exposto na primeira etapa e proponha que todos os estudantes pesquisem a respeito da bacia petrolífera do Tupi e registrem suas descobertas. Do que se trata? Onde está localizada? Que tipo de recurso pode ser extraído dela? É renovável ou não? Qual a importância dos estudos e da exploração dela para o nosso país? Antes da pesquisa propriamente dita, é importante abordar a validade das fontes consultadas. Questione a turma sobre o que fazer para verificar se o material acessado tem qualidade para servir de bibliografia. É importante que os estudantes concluam que sites de órgãos públicos, instituições de pesquisa e publicações (como da Petrobras, da revista Pesquisa Fapesp, da revista National Geographic, e da revista Scientific American Brasil) são fontes mais confiáveis. Defina um prazo para as postagens e enfatize a importância de os alunos lerem os posts dos colegas e de todas as descobertas bibliográficas serem socializadas.

4ª etapa 

Analise os registros dos alunos e comente cada um deles, questionando os autores, se necessário. Marque uma nova data para avaliar as respostas. Em sala, comente o desenvolvimento do blog para estimular mais participações.

5ª etapa 

Agora, o ambiente virtual explorado será o fórum e você será o mediador. Elabore um texto para fomentar a discussão que envolva a camada pré-sal. Como bibliografia, recorra às charges e aos três últimos textos indicados no item Material Necessário. Combine um período para todos publicarem seus pontos de vista a respeito do assunto.

Produto final 
Ambiente virtual da turma.

Avaliação 

Avalie as fontes de pesquisa dos alunos, a qualidade e a autenticidade dos textos, a assiduidade na participação e os argumentos de cada um. Proponha uma questão a ser respondida individualmente no blog. Como a exploração dos recursos renováveis e não renováveis interfere na questão da sustentabilidade ambiental? Os alunos devem elaborar um texto argumentativo.

Créditos: Karla Emanuella Veloso Pinto Formação: Docente do Centro Educacional NDE UFLA, em Lavras, MG Créditos: Levon Boligian Formação: Professor de Metodologia do Ensino de Geografia da Universidade Estadual do Norte do Paraná (Uenp).

Tenha acesso a conteúdos e serviços exclusivos
Cadastre-se agora gratuitamente
Cadastrar