Alfabetizar com textos informativos

POR:
novaescola

Objetivo(s) 

- Participar de situações de intercâmbio oral que requeiram: ouvir com atenção, intervir sem sair do assunto tratado, formular e responder perguntas, explicar e ouvir explicações;
- Manifestar experiências e opiniões de forma clara e ordenada;
- Utilizar indicadores para fazer antecipações e inferências em relação ao conteúdo de textos lidos de forma individual ou coletiva;
- Empregar dados obtidos por meio de leitura para confirmação das suposições feitas anteriormente;
- Socializar experiências de leitura;
- Ler e interpretar informações contidas em imagens;
- Coletar e organizar informações por meio de registros escritos;
- Interpretar e elaborar listas, tabelas simples e gráficos de barras para comunicar informações obtidas.
- Valorizar e disseminar informações socialmente relevantes aos membros da sua comunidade.

Conteúdo(s) 

Língua Portuguesa
- Leitura e produção de textos informativos
- Comunicação oral de informações e dúvidas
- Oralidade

Matemática
- Tratamento de informação: gráficos e tabelas

Ciências
- Vida e Ambiente: investigação da diversidade de seres vivos e sua relação com o ser humano 

Ano(s) 

Tempo estimado 

1 a 2 meses

Material necessário 

- Atividades preparadas com ajustes de acordo com as hipóteses de escrita (confira exemplos aqui)
- Textos variados sobre o tema de pesquisa

Desenvolvimento 

1ª etapa 

Juntamente com a classe, construa um quadro de curiosidades sobre o animal escolhido (no caso da professora nota 10 Débora Gomes Gonçalves foram as tartarugas marinhas). Exercendo a função de escriba, registre nesse quadro todas as experiências e saberes que os alunos já tinham sobre ele. Deixe um espaço para o registros das novas descobertas. 

2ª etapa 

Oriente a leitura de um texto informativo sobre o animal ou assunto escolhido. Primeiramente, os alunos alfabéticos e silábico-alfabéticos devem ler todo o texto e os silábicos fazem a leitura de palavras significativas (no projeto premiado, foi o nome das espécies de tartarugas). Após essa leitura, abra uma roda de leitura e convide os alunos a falar sobre as informações obtidas no texto, faça alguns questionamentos para incentivar a participação das crianças e realize registros coletivos que permitam organizar o estudo.

3ª etapa 

Proponha situações de registro de informações obtidas sobre o tema de pesquisa. Para que todos trabalhem de acordo com suas possibilidades, dividida a turma em dois grupos:
- Alfabéticos e silábico-alfabéticos: de forma individual, realizam uma atividade de preenchimento de ficha de características do animal, contendo nome, alimentação, habitat, nascimento e espécies.
- Silábicos e pré-silabicos: realizam a mesma atividade de registro com o apoio do professor para que leiam as palavras chaves (como peso, altura, comprimento, etc.).

4ª etapa 

Organize uma roda de leitura e apresente aos alunos um livro que tenha relação com a temática escolhida. (Nesse projeto, foi “Na Praia e No Luar, Tartaruga Quer o Mar”, da autora Ana Maria Machado). Ao final da leitura, peça aos alunos para expressarem oralmente o que mais lhes chamou atenção e faça um registro sobre possíveis novas informações obtidas a partir dessa proposta.

5ª etapa 

Oriente os alunos a realizar em casa uma pesquisa com suporte de jornais, revistas e até mesmo de informações orais com a comunidade. No dia seguinte, peça para que socializem as informações em sala de aula.  

6ª etapa 

Eleja um vídeo curto ou um trecho de filme sobre o animal escolhido (no projeto de Débora, foi o curta-metragem “30 anos de Tamar, uma história de amor”, em que aparece uma animação com o ciclo de vida das tartarugas marinhas).  Após o vídeo, discuta com a turma o ciclo de vida dos seres vivos associando às etapas da vida do animal estudado. Em seguida, questione os alunos sobre algum pedaço importante do vídeo. Proponha a leitura de um texto informativo. 

7ª etapa 

Divida a sala em grupos, mesclando alunos de todas as hipóteses de escrita, para a leitura-deleite de textos variados, como gibis, quadrinhos, poemas, etc. (no caso do trabalho de Débora, escolheu-se as tirinhas “Galera da Praia - Projeto Tamar”). Os grupos devem contar os assuntos dos textos para o restante da turma. Após esse momento, junte os alunos em agrupamentos produtivos e oriente a realização de uma atividade de leitura e interpretação do suporte textual.

8ª etapa 

Escolha uma imagem infográfica relacionada ao animal estudado. Coletivamente, peça que os alunos a explorem para retirar dela algumas informações. 

9ª etapa 

Elabore uma entrevista e distribua às crianças. Elas devem levá-la para casa para realizá-la com familiares e pessoas da comunidade (no projeto premiado, a motivação era saber o que mudou em seu pensamento sobre a natureza e sua preservação após o trabalho no Tamar).

10ª etapa 

Oriente com os alunos a realização de uma pesquisa de opinião dentro da escola. Por meio de votação, eles devem registrar uma opinião dos colegas a respeito do animal estudado (no caso das tartarugas, a pergunta foi: Qual a tartaruga mais bonita?). Com esses dados, organize coletivamente uma tabela, e em seguida um gráfico para visualizar as informações. Acompanhe as crianças em uma atividade de interpretação de gráfico, fazendo questões e intervenções pertinentes. 

11ª etapa 

Traga para a classe referências de folheto informativo e explique suas partes e as informações que deve conter. Peça que as crianças escrevam e ilustrem um folheto. Oriente a produção e atenda a cada hipótese de escrita de forma individual. 

12ª etapa 

Junto com os alunos, construa uma linha do tempo com alguns fatos importantes sobre a temática estudada (no caso da sequência premiada, o tema foi a criação e o desenvolvimento do projeto Tamar).  

13ª etapa 

Para finalizar o projeto, leve a turma a uma aula extraclasse em um local onde possam ver o animal estudado, de preferência um zoológico, parque ou museu onde haja material informativo (folhetos, cartazes e placas indicativas). 

Avaliação 

Realize avaliações processuais. À medida que as etapas forem sendo realizadas, organize rodas de conversa para questionar aos alunos sobre o que eles aprenderam e quais suas dúvidas sobre o tema. Dessa forma, será possível perceber que o envolvimento com o tema proposto leva os alunos a melhorarem suas compreensões acerca da temática, seus entendimentos frente aos textos informativos e inclusive a habilidade de escutar para aprender e falar para compartilhar aprendizagens. Observe a atuação de cada um durante as atividades de interpretação, de produção e as exposições orais. Observe se de fato os alunos compreenderam e aprenderam a diferenciar as espécies do animal estudado e as informações sobre seu ciclo de vida, reprodução, perigos naturais etc. É importante realizar um acompanhamento das hipóteses de escrita dos alunos antes e após o projeto para que sejam verificados avanços e novas necessidades para orientar os trabalhos seguintes.

Flexibilização 

Para alunos com baixa visão, oriente o uso da lupa, disponibilize material escrito com textos e letras em corpo maior e permita que eles utilizem letras móveis nas atividades de escrita. Realize intervenções individualizadas. Troque ideias com o profissional de Atendimento Educacional Especializado (AEE), para pensar estratégias para promover o avanço de aprendizagem dessas crianças.

Deficiências 

Visual

Créditos: Autor: Débora Gomes Gonçalves Créditos: Consultoria: Miruna Kayano Cargo: professora do curso de formação em Alfabetização e Produção de Texto da Escola da Vila e selecionadora do Prêmio Educador Nota 10

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias