Apresentado por:
Dove Projeto pela autoestima

Que beleza de aula!

Autoconfiança corporal é coisa séria. Fale com a turma sobre isso

POR:

“Nunca tinha eu visto a verdadeira beleza antes dessa noite”, diz Romeu, perdidamente apaixonado por Julieta, na célebre obra do inglês William Shakespeare (1564-1616) que leva o nome dos dois amantes. 

Será que a verdadeira beleza de Julieta encantaria os garotos de hoje? As meninas teriam o desejo de se parecer com ela? Provavelmente, não. Os padrões de beleza do século 16 não valem mais. Apesar disso, a sociedade contemporânea continua perseguindo certos padrões convencionais. Atualmente, eles são ditados e seguidos por milhares de mulheres e jovens, numa busca incansável para atingir um ideal.

De acordo com o estudo de Dove “Há uma Beleza Nada Convencional”, 66% das mulheres brasileiras se sentem pressionadas a seguir um padrão de beleza (veja mais no infográfico).

“Mas a beleza real é a beleza de cada um”, diz Maria Helena Vilela, educadora sexual e diretora do Instituto Kaplan, em São Paulo. Segundo ela, nem sempre quem atende todos os padrões se acha bonito. “É preciso que a pessoa se ­sinta importante no mundo também”, afirma.

Quem não se enxerga na imagem preestabelecida sofre e investe tempo e dinheiro para tentar alcançá-la. Essa busca incansável por atender padrões faz com que as pessoas se sintam responsáveis por não ser o que idealizam e culpadas por não apreciarem sua aparência.

Assim, não há autoestima que resista. Já reparou quanto as meninas se preocupam em parecer o que não são e se encaixar em estereótipos para provocar admiração entre elas mesmas e por parte da sociedade? Maria Helena explica que a situação é preocupante porque indivíduos com baixa autoestima são vulneráveis e menos autônomos. “Autoconfiança é fator de proteção de si mesmo.”

É preciso abrir espaço para a questão da beleza e da autoconfiança na escola — ponto importante do trabalho — e fazer a turma pensar sobre padrões de imagem, principalmente no Brasil. Em um país como o nosso com mais 100 milhões de mulheres, é inaceitável que tenhamos apenas um tipo de beleza. Conheça o Programa Dove pela Autoestima e ajude a mudar essa realidade.­­

Tags

Guias