Resenha do livro "Tantã", de Marie-Aude Murail

POR:
NOVA ESCOLA, Nina Pavan, Bruna Nicolielo
Foto: Marcelo Kura
Foto: Marcelo Kura

Depois da morte da mãe e do abandono psicológico do pai, Tantã viveria num hospital psiquiátrico não fosse a generosidade de Kleber, um estudante de 17 anos que assume a responsabilidade por ele. Além de ser cinco anos mais velho que seu insólito tutor, Tantã é deficiente mental, "um i-di-o-ta", como gosta de frisar. Os dois vão morar numa república, onde quatro estudantes enfrentam todos os anseios e preocupações típicos da juventude.

Destaque A agilidade do romance, que prende o leitor do começo ao fim.

Tantã, Marie-Aude Murail, 208 págs., Ed. SM, tel. (11) 2111-7400

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias