Uma gestão planejada

A intencionalidade é um dos fatores de peso na seleção de projetos na categoria Gestor Nota 10

POR:
Bianca Bibiano
Foto: Dorling Kindersley/Getty Images
AGENDA COMPLETA O trabalho do gestor precisa ser pensado com antecedência, e os registros, guardados. Foto: Dorling Kindersley/Getty Images

Desde 2007, o Prêmio Victor Civita - Educador Nota 10 passou a selecionar trabalhos não só de professores mas também de gestores escolares. Na estreia, a então chamada categoria Escola teve como vencedora a EMEIEF Cata Preta, em Santo André, na Grande São Paulo. No ano passado, entre 739 inscritos, a ganhadora foi a EMEF Serafina de Carvalho, em Itupiranga, a 572 quilômetros de Belém, com um projeto de formação continuada de professores em leitura e escrita liderado pela coordenadora pedagógica Adilma de Sousa.

Em comum, as duas experiências tiveram uma característica determinante: a atenção ao planejamento. Este ano, o processo de seleção passará por mudanças (leia o quadro abaixo), mas os princípios que orientam a escolha das melhores propostas continuam os mesmos. Segundo Ana Amélia Inoue, selecionadora da área, é muito importante mostrar que a aprendizagem veio como decorrência de uma ação pensada da escola. "É preciso ter uma intencionalidade definida. O eixo deve ser seguido, e o processo, registrado".

Coordenadores e diretores

As mudanças no regulamento:

- A categoria passa a se chamar Gestor Nota 10.

- Foi criada uma fase intermediária de seleção. Cinco projetos serão pré-selecionados e receberão menção honrosa e uma assinatura anual de NOVA ESCOLA, além de um retorno qualitativo sobre o trabalho realizado. Em seguida, será definido o vencedor, que virá a São Paulo para a festa de premiação e receberá 10 mil reais. A mesma quantia será depositada na conta da escola ou da Associação de Pais e Mestres.

- O regulamento já se encontra em www.fvc.org.br. De 10 de junho a 12 de julho, faça a sua inscrição (nessa edição, o processo será exclusivamente online). Procure a ficha de inscrição da categoria Gestor Nota 10. E boa sorte!

A clareza para preencher o formulário é fundamental para demonstrar que as atividades levaram em conta os cuidados necessários. Na justificativa, descrever as motivações que levaram à realização do projeto, um histórico da escola, seu contexto e o perfil da comunidade atendida por ela. Nos objetivos, indicar os avanços buscados pela equipe escolar e os objetivos para os envolvidos. Diretor, coordenador, professores, alunos e pais, assim como organizações não-governamentais, precisam ser especificados.

Na hora de falar sobre os conteúdos curriculares, é necessário escrever sobre os principais conteúdos trabalhados para atingir os objetivos, enfatizando o que foi aprendido e dando menos valor a outros benefícios, como a melhora na convivência. A metodologia deve ser apresentada, com o passo-a-passo das atividades, os recursos humanos e os materiais utilizados, sem esquecer a articulação entre as ações. A avaliação também é importante, com a descrição dos mecanismos usados para medir a aprendizagem dos alunos e o trabalho pedagógico da equipe. Vale detalhar inclusive o que poderia ser mudado ou aperfeiçoado na proposta.

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias

Tags

Guias