Todos os bichos dormem?

Animais

POR:
Beatriz Santomauro, Rita Trevisan, Caroline Ferreira, NOVA ESCOLA
Os macacos dormem cerca de dez horas por dia e até sonham. O período de sono ocorre tanto durante o dia quanto à noite. Ben Cranke/Getty Images Os macacos dormem cerca de dez horas por dia e até sonham. O período de sono ocorre tanto durante Os macacos dormem cerca de dez horas por dia e até sonham. O período de sono ocorre tanto durante o dia quanto à noite O camaleão e outros répteis têm metabolismo muito baixo. Por isso passam grande parte do dia dormindo. Karl Lehmann O camaleão e outros répteis têm metabolismo muito baixo. Por isso passam grande parte do dia dormindo. As aves, como a coruja, repousam, mas o cérebro é mantido em um estado de consciência para que não sejam surpreendidas por um predador ou caiam do galho. Mark Hamblin/Getty Images As aves, como a coruja, repousam, mas o cérebro é mantido em um estado de consciência para que não sejam surpreendidas por um predador ou caiam do galho As formigas apenas descansam. Elas diminuem sua atividade em períodos frios porque não conseguem manter sua temperatura num nível adequado. Visuals Unlimited; Inc./Alex Wil/Getty Images As formigas apenas descansam. Elas diminuem sua atividade em períodos frios porque não conseguem manter sua temperatura num nível adequado

Muitos animais dormem como os humanos, mas a maioria apenas repousa, passando por períodos de menor atividade, em que ocorrem uma baixa do metabolismo e a entrada num estado de letargia (leia os exemplos de quatro espécies na galeria). Tanto o sono como o repouso são importantes para promover o descanso do corpo e da mente e para a produção e liberação de substâncias indispensáveis para a manutenção do metabolismo. No caso dos mamíferos, por exemplo, durante o sono profundo há a liberação de hormônios que ajudam a controlar a fome e a saciedade, além de evitar a perda de cálcio. O tempo de sono varia muito entre as espécies: girafas dormem por duas horas, ratos por 11 horas e o tatu- canastra chega a 18 horas seguidas.


Fonte Felipe Elias, biólogo do Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo (USP), e Carlos Alberts, professor de Zoologia da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (Unesp). 

Pergunta enviada por Vanderleia Maria da Silva Barbosa, Belo Horizonte, MG

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias