Blog de Leitura

Mergulhe no universo dos livros

Cinco livros informativos para crianças

POR:
Anna Rachel Ferreira

Todos concordamos que os pequenos devem ter contato com textos e com as práticas sociais leitoras. Então, porque acabamos preferindo títulos com narrativas que tratam de temas amenos e fantásticos? Talvez por uma ideia de que as crianças não conseguiriam compreender assuntos complexos ou por achar que é necessário manter o lúdico no cotidiano infantil. Mas, devemos lembrar que um dos usos mais comuns da leitura é a busca por informação, o que é essencial para a formação de uma cidadania crítica.

Dentro desse contexto, me parece de suma importância que desde os primeiros anos da escolarização sejam apresentados os livros informativos. E existem opções para as crianças? Sim! Há títulos cuidadosamente pensados para essas faixas etárias. Tanto que o Prêmio da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil tem uma modalidade somente para esse gênero literário. Conheça os premiados dos últimos cinco anos para apresentar a sua turma:

 

Malala, a Menina que Queria Ir para a Escola (Adriana Carranca, 96 págs., 29,90 reais)

A história da paquistanesa Malala Yousafzai que quase perdeu a vida por querer ir para a escola se espalhou pelo mundo com sua autobiografia. Então, a brasileira Adriana Carranca pensou o quão extraordinário seria se as crianças conhecessem essa história. A jornalista visitou o vale do Swat dias depois do atentado, hospedou-se com uma família local e conta neste livro tudo o que viu e aprendeu por lá.

 

Carmen: a Grande Pequena Notável (Heloisa Seixas e Julia Romeu, 40 págs., 20 reais)

Carmen Miranda está até hoje entre as maiores representantes da identidade brasileira no exterior. Quem nunca ouviu: “Taí, eu fiz tudo pra você gostar de mim / Ô, meu bem, não faz assim comigo não / Você tem, você tem que me dar seu coração”? Mas, ainda assim, muitos não conhecem bem a trajetória dessa grande artista. O título traz a biografia da cantora de uma maneira leve combinando-a com as músicas que a consagraram e lindas ilustrações.

 

Buriti (Rubens Matuck, 72 págs., 54 reais)

A publicação traz os fac-símiles de um dos cadernos de viagem do artista plástico paulistano Rubens Matuck. São apresentadas aquarelas que tem como tema central o buriti, a maior palmeira brasileira, e a vereda, seu ecossistema. A obra, dividida em três partes – “A fruta”, “A vereda” e “O homem”, numa referência a Os sertões, de Euclides da Cunha, busca o entendimento da relação que o homem desenvolveu com a planta ao longo do tempo.

 

Bibliotecas do Mundo (Daniela Chindler, 72 págs., 38 reais)

Da Biblioteca de Alexandria, a mais famosa da Antiguidade, até a Biblioteca-Parque da Rocinha, as histórias de bibliotecas ao redor do mundo são contadas por personagens de conto de fadas, animais falantes, filósofos da Antiguidade e bibliotecários, que viveram essas aventuras pessoalmente. Tudo regado a ilustrações de sete artistas diferentes. A ideia é que cada narrativa tivesse a cara do local e época em que está inserida.

 

Dinos do Brasil (Luiz E. Anelli, 84 págs., indisponível para venda)

Os dinossauros viveram há mais de 200 milhões de anos eles viviam espalhados por todos os cantos do planeta. “Todos” quer dizer que eles também estiveram aqui no Brasil. Ninguém pensa muito nisso, não é mesmo? Parece que eles são não só de outro tempo, mas também de outro espaço. Neste livro você vai saber como os paleontólogos descobriram as formas e os tamanhos dos 23 dinossauros brasileiros e conhecer as histórias que estão por trás dos seus nomes e fósseis.

Espero que tenham gostado das indicações!

Até o próximo post!

Anna Rachel

Tags

Guias