Lendas e heróis africanos

Palavras de origem africana, literatura e contação de histórias com familiares afro-descendentes

POR:
Paola Gentile
Alunos da escola Stella Moruzzi, em São Carlos (SP): gibi sobre Zumbi dos Palmares serve de base para atividades de leitura e escrita. Foto: Rogério Albuquerque.

Alunos da escola Stella Moruzzi,
em São Carlos (SP): gibi sobre Zumbi
dos Palmares serve de base para
atividades de leitura e escrita.
Foto: Rogério Albuquerque.
Clique para ampliar

Para mostrar a influência dos falares africanos no Brasil, você pode usar as palavras de origem banta destacadas nesta reportagem, apenas um tiquinho em centenas já incorporadas ao nosso vocabulário.

Yeda Pessoa de Castro, professora da Faculdade de Educação da Universidade Federal da Bahia, sugere ainda que você leve para sala de aula lendas africanas e histórias que tratem de diversidade.

A professora Zuleica Maria Bispo, da Escola Municipal de Educação Básica Antonio Stella Moruzzi, em São Carlos (SP), usa livros como Menina Bonita do Laço de Fita, de Ana Maria Machado, O Pássaro-da-Chuva, de Kersti Chaplet, e o gibi Zumbi dos Palmares (editado pela secretaria de Educação da cidade) para atividades de leitura e escrita.

Familiares dos alunos afro-descendentes podem ser convidados para contar histórias de sua vida, informações que serão transformadas em texto.

 

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias

Tags

Guias

Tags

Guias

Tags

Guias

Tags

Guias