Escrevendo com José Roberto Torero - Quando os Vilões se Encontram

POR:

Ilustração: Estúdio Mol
Ilustração: Estúdio Mol

Colaborar com o desenvolvimento de um conto em que o Lobo Mau lidera um levante de vilões para a disputa de uma eleição: essa foi a proposta da seção Escrevendo com..., na edição de junho/julho, apresentada por José Roberto Torero a alunos do Ensino Fundamental. A história, composta pelo trecho inicial, por três partes intermediárias e uma final, foi escrita com base nas centenas de sugestões enviadas por meio do blog homônimo, no site de NOVA ESCOLA, durante os meses de junho e julho. Confira aqui a versão completa.

Criação coletiva

O escritor José Roberto Torero costurou uma história engraçada com a ajuda de muitos alunos. Juntos, eles fizeram Lobo Mau e sua turma pegar firme no batente. Logo depois da estréia do blog Escrevendo com... no site de NOVA ESCOLA, no início de junho, uma sugestão foi enviada e a ela se seguiram mais de 800, divertidíssimas e recheadas de idéias mirabolantes, a fi m de ajudar Torero a escrever a história dos vilões da R.U.I.M. A participação dos leitores foi decisiva para determinar o rumo do conto, desenvolvido durante pouco mais de um mês, semanalmente, em três partes intermediárias mais uma final. "No começo, eu pensava que a disputa das eleições seria com políticos reais, mas alguns internautas sugeriram que os heróis entrassem na história. A invenção deles era tão divertida que aí apareceram Chapeuzinho Vermelho e os outros mocinhos", diz Torero, que viu a história caminhar livremente com o auxílio das crianças. Elas sugeriram o assalto ao Banco Central para angariar fundos eleitorais, mas o plano foi substituído por muitos outros, mais honestos e engraçados: os vilões foram trabalhar - e quase todas as ocupações foram pensadas pelos alunos. Juan Carrilho, da 5ª série da EE Ministro Alcindo Bueno de Assis, em Bragança Paulista, a 90 quilômetros de São Paulo, por exemplo, enviou várias idéias, prontamente incorporadas ao conto: Freddy Krueger venderia sonhos, a madrasta da Branca de Neve, maçãs, e o Coringa, dentaduras tamanho GGG. Já o papel de chofer de táxi para Dick Vigarista foi sugerido por Luiz Guilherme de Miranda Carneiro Neto e Nicollas de Almeida Araciro, alunos do 4º ano do Instituto de Aplicação Fernando Rodrigues da Silveira, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. A colaboração foi fruto de uma atividade desenvolvida pela professora Marliza Bodê de Moraes, que trabalhou leitura, produção textual coletiva e revisão com a turma. "Todos soltaram a imaginação e aprenderam a construir textos sem repetir palavras, por exemplo. Mesmo com o final da história publicado, vamos seguir desenvolvendo nosso texto", afirma Marliza.

José Roberto Torero, autor deste conto colaborativo, é formado em Letras e Jornalismo, escritor de livros e roteirista de cinema e televisão. Também escreve o Blog do Lelê, seu sobrinho na ficção.

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias

Tags

Guias

Tags

Guias