Devo solicitar traduções de textos aos alunos do Ensino Fundamental?

Língua escrita

POR:
Rita Trevisan, Bruna Nicolielo

Depende da maneira como a atividade será apresentada em classe. Propor uma tradução de texto isolada levará os alunos a traduzir palavra por palavra, considerando as estruturas e as formas de expressão da língua materna - que nem sempre fazem sentido em outro idioma. Os exercícios de tradução são bem aproveitados quando aproximados de uma situação real se houver a oportunidade de explorar os aspectos comuns entre as línguas (contexto de produção, organização textual e alguns aspectos linguísticos) e até mesmo o que há de diferente entre os idiomas (aspectos linguísticos, por exemplo). Isso porque a linguagem envolve muito mais do que palavras em um texto. Por isso, se houver a oportunidade de trabalhar o texto integralmente, por meio de uma abordagem que contemple o contexto de produção, a organização textual e os aspectos linguísticos, a tradução servirá como mais um recurso para facilitar a aprendizagem de uma segunda língua, ajudando a compreender os usos sociais da escrita naquele gênero e o sentido amplo do texto dado. Uma proposta interessante, indicada para turmas a partir do 5º ano, é desenvolver um trabalho com letras de música. O professor deve estudar com os estudantes alguns aspectos antes de pedir que iniciem a tradução: quem escreveu a letra, quando e onde ela foi criada e por quê. Essas informações permitirão a eles fazer inferências sobre o contexto de produção, fornecendo dados úteis para a elaboração de uma tradução mais fiel ao sentido original de cada termo. Assim, a garotada desenvolverá estratégias para ler e interpretar textos de forma crítica.


Consultoria Sarah Weiler, mestre pela Universidade de Chicago, Estados Unidos, e membro do Grupo de Estudos sobre Educação Bilíngue da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP).

Pergunta enviada por Ana Lucia da Silva dos Santos, São Paulo, SP

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias

Tags

Guias