Alunos de São Paulo constroem sua cidade

Adolescentes pesquisam a arquitetura e o modo de vida paulistanos e presenteiam a metrópole com uma imensa e bem-humorada maquete

POR:
Meire Cavalcante
Pesquisa de campo: alunos de 65 escolas conheceram diferentes bairros antes de construir morros e casas Foto: Masao Goto Filho
Pesquisa de campo: alunos de 65 escolas conheceram 
diferentes bairros antes de construir morros e 
casas Foto: Masao Goto Filho

Quem for ao Sesc Itaquera, em São Paulo, até dia 31 de maio, vai conhecer um dos mais belos presentes que a cidade recebeu nos seus 450 anos, comemorados no dia 25 de janeiro. Uma enorme maquete da capital paulista, medindo 96m2, foi construída por 720 estudantes de 65 escolas ? a maioria da rede pública. Os alunos de 12 a 18 anos reproduziram prédios, parques e modos de vida dos moradores de diversos bairros da cidade.

A idéia foi dos cartunistas Haroldo George Gepp e José Roberto Maia, famosos pelos retratos divertidos que fazem de cidades brasileiras. Uma parceria entre o Sesc (Serviço Social do Comércio) Itaquera e a Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente tornou viável o projeto, iniciado em setembro de 2003. A cidade foi dividida em 72 trechos, sorteados entre as escolas. Em cada uma, dois professores orientavam os estudantes, que foram visitar a região que iriam retratar.

A garotada saía para as aulas-passeio acompanhada de monitores e munida de máquina fotográfica para registrar tudo o que era visto. "Muitos alunos achavam que violência, desemprego e moradias precárias eram exclusividade de Itaquera, onde moram", relata o professor de Geografia Wanderley José da Silva, da Escola Estadual Professora Helena Lombardi Braga. "Ao visitar a favela de Brasilândia, distante de onde estudam, eles perceberam que esses problemas existem em outros lugares e decidiram cuidar do bairro."
Houve também quem conhecesse um lado da cidade bem diferente de onde vivia. "Visitamos uma área nobre. A garotada ficou deslumbrada com os carros importados e o jeito de vestir das pessoas", conta a professora de Artes Adriana de Sousa Quadrado, da Escola Estadual Reverendo Urbano de Oliveira Pinto. "Os alunos não imaginavam que havia gente de verdade ? e não só de novela ? que vivesse desse jeito."

De volta à escola, os estudantes revelaram as fotos e fizeram pesquisas sobre os locais visitados. Só então começaram a construção, com o auxílio de 16 técnicos. A maquete não foi feita em escala e tampouco as miniaturas reproduziram fielmente os pontos da cidade. Ela foi baseada na linguagem bem-humorada de Gepp e Maia. Em caricaturas, foram acentuados os traços e alteradas as proporções de figuras humanas, de objetos ou de construções. "Não havia necessariamente uma crítica ou uma opinião expressa", alerta Gepp. Em alguns pontos a garotada se expressou por meio de cartuns, mostrando uma opinião, positiva ou negativa, sobre determinado tema.

A dupla de cartunistas, apesar de tão experiente, se surpreendeu com as idéias dos estudantes. "Eles colocaram sobre o Teatro Municipal os músicos da orquestra. E representaram os animais do zoológico soltos, observando os seres humanos presos nas jaulas", destaca Maia.

Os professores também ficaram satisfeitos com os resultados. "Acabei descobrindo verdadeiros talentos em modelagem e pintura e todos demostraram responsabilidade em relação às metas e aos prazos determinados", afirma a professora Helena Maria D'Assumpção Mendez, da Escola Professora Helena Lombardi Braga. Já para a professora Adriana, o orgulho dos jovens em ver a maquete erguida é prova de que o projeto foi um sucesso. "Qualquer atividade desenvolvida na escola deve desafiar as crianças e os jovens."
A maquete fica exposta de quarta-feira a domingo, das 9 às 17 horas. O preço do ingresso varia de 3 a 6 reais.

Quer saber mais?

CONTATOS

Escola Estadual Professora Helena Lombardi Braga, R. Virgínia de Miranda, 138, 08240-010, São Paulo, SP, tel. (11) 6151-6695

Escola Estadual Reverendo Urbano de Oliveira Pinto, R. Tantas Palavras, 10, 08223-510, São Paulo, SP, tel. (11) 6280-5878

Sesc Itaquera, Av. Fernando do Espírito Santo Alves de Matos, 1000, 08265-045, São Paulo, SP, tel. (11) 6523-9267

INTERNET

Veja como foi desenvolvido o projeto da maquete no site dos cartunistas Gepp e Maia: www.geppemaia.com.br

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias

Tags

Guias