Por que alguns países têm mais de uma capital?

TERRITÓRIO MUNDIAL

POR:
Beatriz Santomauro, Rita Trevisan, NOVA ESCOLA

 

Imagem: Google Maps
Imagem: Google Maps

O processo de formação dos mercados capitalistas exigiu a centralização do poder político, originando o conceito de capitais, que funcionam como um único centro político e sede dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário das nações. Porém há países em que isso não ocorre e mais de uma capital é adotada. Confira alguns exemplos: 

- Bolívia: tem duas capitais desde a Guerra Civil de 1825. Sucre é a oficial, onde está o Judiciário, e La Paz é sede do Executivo e Legislativo (veja a imagem ao lado).
- Botsuana: Gaborone sedia os poderes Executivo e Legislativo, e a cidade de Lobatse, o Judiciário. Gaborone foi escolhida por ser o antigo posto administrativo colonial.

- África do Sul: tem três capitais. A sede do Legislativo é a Cidade do Cabo, Bloemfontein, do Judiciário, e Pretória, do Executivo. A descentralização ocorreu para dificultar a tomada de poder pelos negros, que viviam segregados.
- Holanda: a capital oficial é Amsterdã, por ser lá a sede da família real. Já o parlamento fica em Haia.

 

 


Consultoria Edu Silvestre de Albuquerque, da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), e Pedro Brasil, da Fundação Armando Álvares Penteado (Faap).

Pergunta enviada por Evandro Carneiro, Maringá, PR

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias

Tags

Guias