Organizando 2021: 8 dicas para começar o ano bem

A professora Selene Coletti indica o que você pode fazer para ter um começo de ano planejado e com foco nas aprendizagens dos alunos

POR:
Selene Coletti
Caderno em branco sob uma mesa de escritório. Acima no letreiro escrito 2021
Foto: Getty Image

Sempre que um ano começa nos propomos a realizar novos objetivos, listamos expectativas, propomos mudar algo, buscamos por mudanças no caminhar, olhar, na nossa casa e até mesmo na escola e em nosso jeito de ensinar. Tudo isso com o objetivo de recomeçar essa nova caminhada, que certamente será diferente.

Parafraseando as mensagens de final e começo de ano: temos um ano novinho em folha, com 365 páginas para reescrever aquilo que não deu certo, reforçar nossas conquistas e acima de tudo: agradecer pelas oportunidades de aprendizagem e crescimento pessoal e profissional que estão por vir. Neste momento, estamos repondo nossas energias, dando a merecida “pausa” na correria para seguir daqui a pouquinho com os novos tempos que virão. Teremos as incertezas do recomeço, mas também as certezas de que encontraremos as melhores alternativas para promover uma Educação de qualidade.

Sabemos que ficar em casa de férias é a oportunidade para investir em nós. Dar tempo para fazer pequenas e prazerosas “coisinhas” que deixamos de lado como tomar um café da manhã apreciando o sabor dos alimentos e do café. É um período também para ficar até mais tarde na cama, ler os livros pelo prazer de ler, maratonar na TV, curtir os filhos (no meu caso, minha neta), deixar nossa criança interior ganhar asas, deliciar-se com uma taça de vinho assistindo ao pôr do sol, ouvir música, dançar... Enfim, a lista é longa!

Mas também é tempo de organizar nossas coisas (adoro arrumar gavetas, armários!). Li em algum lugar que ao organizar, iniciamos uma conversa com a gente mesmo. Ao resgatar as memórias das coisas guardadas, avaliamos momentos e ressignificamos valores, optamos por deixá-las ali ou não.

Então, vamos começar a conversar, quer dizer organizar o nosso ano de trabalho? Trouxe algumas dicas para isso:

1)  Organizando a “casa”
Organize todo o material de 2020, aqueles que estão em papel e também os digitais. Revisitá-los pode te ajudar a saber o que dá para ser utilizado, guardado e descartado. Organize esses itens em pastas por temas. Nesse movimento, você irá estabelecer um diálogo com suas práticas, avaliando-as a partir do seu olhar já distanciado delas.

2) Organize seus materiais digitais (notebook, tablets, celular)
Organize seus e-mails e seu computador. Depois de um ano com práticas produzidas virtualmente, revisitar pastas e espaços pode ser essencial! Veja o que é importante, crie novas pastas, se necessário.

Trabalho com jogos: como aproveitar o interesse dos alunos

Entenda sobre a utilização de jogos no processo de ensino e aprendizagem e conheça estratégias usadas para incluir esses recursos em seus planejamentos

3) Analise os materiais de estudo de 2020
Reveja seus materiais de estudos (livros, e-books, cursos online, anotações) e organize as informações com o objetivo de refletir  as aprendizagens. Pode ser interessante fazer os links com as novas necessidades e seus relatórios do fim de 2020. Alguns pontos precisam de um olhar especial: o ensino híbrido, as metodologias ativas em geral, o uso das redes sociais para se comunicar com seus alunos, por exemplo. Vá pensando em como usá-las neste novo ano. Agora você já tem uma ideia, não é mesmo?!

4) Planeje baseado na sua turma
Se você já sabe qual será a sua turma este ano, tenha um olhar focado para o que te espera, buscando materiais e jogos que desenvolvam a investigação, o protagonismo de seu aluno. Conversamos sobre jogos aqui neste espaço, se ainda não se apaixonou por eles, pesquise alguns e olhe quais você possui e jogue-os. É um momento para você descobrir quais aprendizagens estão envolvidas e quais poderão ser usados de forma presencial ou não. Tenho certeza de que você irá desenvolver um novo olhar para essa estratégia (se ainda não estiver apaixonada por ela!).

5) Observe como está seu planejamento semanal
Pense na sua forma de organizar o planejamento semanal. Aqui em meu município, chamamos de semanário. Ele precisa estar adequado à Base Nacional Comum Curricular (BNCC), se ainda não estiver é o momento de debruçar sobre ele e organizar de forma a atender as novas necessidades. Qual o espaço que cada componente curricular tem nele? E o registro? Ele está presente?  Este instrumento é virtual? Essas perguntas podem te ajudar na organização.

6) Pegue os registros para analisar
Faça uma análise dos seus registros, conversamos aqui sobre este tema, e pense como pode aprimorá-los. Ou ainda, ele faz parte da sua rotina? Você já se convenceu do quanto ele é importante? Repense sua forma de registrar: uso de fotos, gravação das aulas (falei bastante disso por aqui), registro escrito, organização de portfólios.

7) Tenha uma agenda
Tem também a agenda! Ela é fundamental para você organizar seu tempo e pode ter até aqueles espaços com as promessas do ano novo (relacionadas ao trabalho e para cuidar mais de você). Não perca isto de vista! A agenda pode ser no papel ou em algum aplicativo. Lembre-se de deixar espaços para o calendário, lembretes, planilhas para registrar atividades solicitadas, pautas de observações. Você também pode alinhar com o calendário escolar 2021 e, lógico, deixar os espaços para você anotar aquilo que gosta!

Baixe calendário 2021 com datas e temas que podem estar na sua aula

Confira assuntos que podem marcar o novo ano e baixe gratuitamente calendários temáticos (um é em homenagem ao Paulo Freire!).

8) Deixe sua sala como um ambiente de alfabetização
Evidentemente, olhe para a sua sala de aula  e se pergunte: ela é um espaço para a alfabetização e o letramento matemático? Uma de nossas primeiras conversas!  Você pode revisitar o texto e pensar no que será preciso ser readequado para as aulas não presenciais e o que é preciso adquirir para o ambiente físico. Lembre-se de pensar sobre a Matemática buscando enxergá-la nas ações que realiza diariamente.

Espero que você possa nesse movimento de organização e conversa com sua prática, encontrar novidades, estabelecer mudanças e acima de tudo recarregar-se de esperanças no novo que está por vir.

Desejo que em 2021 você aproveite todas as oportunidades para se renovar e transformar os desafios em aprendizagem e poesia, “desenhando no presente, um futuro mais bonito e todinho enfeitado de fé”.

Um forte abraço e até a próxima,

Selene

Selene Coletti é professora há 39 anos na rede pública. Atua na Educação Infantil e foi alfabetizadora por 10 anos tendo trabalhado do 1º ao 5º ano. Recebeu, em 2016, da Fundação Victor Civita, o Prêmio Educador Nota 10 com o projeto “Mapas do Tesouro que são um tesouro”, na área de Matemática. Foi diretora de escola e recebeu, em 2004, o Prêmio “Gestão para o Sucesso Escolar”, do Instituto Protagonistes/Fundação Lemann. Atuou como coordenadora do Núcleo de Formação Continuada do município. Atualmente é formadora da Educação Infantil, na Prefeitura de Itatiba.