Atividade 1: Transformando máscaras contra o coronavírus em fantasias de super-herói

Estimule a criatividade das crianças misturando faz de conta e conscientização sobre cuidados com a saúde na pandemia

POR:
Nairim Bernardo
Assim como os super-heróis, quem usa máscara também protege os outros. Ilustração: Renata Miwa/NOVA ESCOLA 

As determinações sobre o uso de máscaras por crianças no retorno às escolas ainda estão sendo construídas e podem variar conforme a rede e a faixa etária. Mesmo que elas não utilizem a máscara no ambiente escolar, os adultos provavelmente estarão usando a proteção, além do fato de que o objeto já faz parte do modo como a população, incluindo pessoas com quem elas têm muito contato, se arrumam para sair de casa. 

Para abordar a questão em uma atividade, os super-heróis são um bom ponto de partida. “Os super-heróis utilizam suas máscaras quando vão proteger os outros e quando precisam proteger a própria identidade. Podemos conversar com as crianças sobre quais são os poderes de cada um e falar que agora também precisamos de um superpoder: a proteção contra o coronavírus”, comenta Lisa Lea Minkovicius, coordenadora pedagógica de Educação Infantil e autora do Time de Autores.

NOVA ESCOLA e Lisa adaptaram o plano Máscaras Geométricas para ser utilizado no contexto de volta às aulas e considerando a necessidade de explorar temas ligados à pandemia. Nesse momento, também é importante conscientizar as crianças sobre a importância do uso de máscaras de proteção.

ATIVIDADE: MÁSCARAS SUPERPODEROSAS CONTRA O CORONAVÍRUS

Uma sugestão para ensinar a importância individual e social da proteção na pandemia


Indicado para: Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Material: Fotos impressas ou projetadas de super-heróis, vídeos, folhas sulfite, lápis de cor, canetinha, giz de cera, máscara de proteção de tecido de algodão, canetas ou tintas para tecido, pincel 

Na BNCC: EI03TS02, EI03ET01 e (EI03CG05


PASSO A PASSO

1. Conhecendo os heróis preferidos da turma: Pergunte às crianças quais super-heróis elas conhecem e quais são seus favoritos. Peça que descrevam como é a roupa desse herói e quais são seus poderes. 

2. Observando máscaras de heróis: Apresente fotos selecionadas previamente (pode ser da Mulher Maravilha, do Homem-Aranha, do Pantera Negra, do Homem de Ferro etc.) e pergunte quais diferenças e semelhanças há entre os diferentes trajes. Se necessário, instigue-as a observarem o formato, o tamanho e as cores. Fique atento às expressões  e comentários feitos por elas.

3. Converse sobre o uso das máscaras: Pergunte o porquê de os personagens usarem máscaras e o que poderia acontecer se eles não usassem. Nesse momento, converse sobre o uso de máscaras de proteção que está acontecendo na atualidade e que assim como os heróis cobrem os olhos ou todo o rosto para não serem reconhecidos, as pessoas estão usando máscaras para cobrir o nariz e a boca e se protegerem contra um vírus. Fale também sobre o fato de que os super-heróis salvam a vida de muitas pessoas quando estão usando a máscara, assim como nós precisamos proteger a saúde uns dos outros. 

4. Crie novas máscaras com a turma: Proponha a seguinte brincadeira: “A partir de agora, todos vocês são super-heróis e super-heroínas. Como é a sua máscara, qual formato e cores ela tem?” Distribua folhas sulfite e peça que as crianças utilizem seus lápis de cor, canetinhas e gizes de cera para desenhar uma máscara. Peça que todos exibam seus desenhos. 

PONTO DE ATENÇÃO: Evite o compartilhamento de materiais. Explique para as crianças que cada uma deverá usar os seus e, caso precisem de outros recursos, podem pedir a você. Entregue materiais higienizados para as crianças.   

5. Envolva as famílias na atividade: Diga para as crianças que todos poderão transformar suas máscaras de super-heróis em máscaras de proteção contra o coronavírus. Envie uma mensagem para os pais e peça que, em casa, eles separem uma máscara de proteção de tecido de algodão para ser customizada de acordo com as cores e traços do desenho que a criança fez na escola. Para isso, serão necessárias canetas ou tintas para tecido. Sugira este vídeo tutorial abaixo.

6. Desfile de máscaras: Marque um dia para as crianças levarem sua máscara para a escola e apresentá-la para os colegas. Explique que mesmo que não seja necessário utilizá-la na escola, esta pode ser usada para ir ao mercado ou ao médico, por exemplo. Converse sobre os cuidados necessários: não tirar a máscara na rua, não colocar a mão na frente da máscara, segurá-la pelos elásticos, não emprestá-la para ninguém.